Templates by BIGtheme NET
Home » Author Archives: Sofia Pacheco

Author Archives: Sofia Pacheco

Campanha “Dê Troco a Quem Precisa”angariou cerca de 36 mil euros

 

Na quadra natalícia, teve lugar a Campanha “Dê Troco a Quem Precisa”, promovida pela Associação Dignitude no período de 16 a 25 de dezembro, que angariou 35.750,07€, valor que será integrado no Fundo Solidário abem:, utilizado exclusivamente para co-comparticipar medicamentos a quem mais precisa.

Face a isso, a Associação Dignitude considera que a iniciativa foi um sucesso, onde o Município de Pinhel contribuiu para a divulgação da campanha,assim como outras entidades.

 A autarquia pinhelense liderada por Rui Ventura aderiu ao programa “abem: Rede Solidária do Medicamento”, da Associação Dignitude, em janeiro de 2018, no intuito de contribuir para a melhoria das condições de vida e de saúde da população do concelho.

Reboleiro recebe Concerto de Ano Novo

O Centro Cultural do Reboleiro vai acolher o Concerto de Ano Novo, com a participação dos grupos: Pedrinhas da Calçada, Canto D´alma e Concertinas do Reboleiro, com entrada livre.

Vai acontecer este sábado, dia 18 de janeiro de 2020, pelas 21h00

 

Luís Tadeu é o novo Presidente da CIM Beiras Serra da Estrela

Depois de um período de 2 anos de mandato liderado pelo presidente Luís Filipe Camelo, Presidente da Câmara de Seia, a CIM BEIRAS SERRA DA ESTRELA vai agora ser liderada pelo novo presidente Luís Tadeu, atual presidente da Câmara de Gouveia.

Equipa do Projeto da Guarda CEC apresentada dia 16 no TMG

O Pequeno Auditório do Teatro Municipal da Guarda vai ser o local onde o Município da Guarda  apresentará a sua Equipa do projeto da Candidatura da Guarda a Capital Europeia da Cultura em 2027 nesta quinta-feira, dia 16 de janeiro, pelas 18h00.

Uma sessão inclui a Conversa pública de apresentação do Diretor Executivo, Pedro Gadanho e ainda a intervenção de Teresa Patrício Gouveia, presidente da Comissão de Honra da Guarda 2027.

De referir que Pedro Gadanho está na Guarda esta semana, entre 13 e 16 de janeiro, para a apresentação da Equipa de Projeto, mas também para estabelecer contactos com os Stakeholders da região. Na agenda das reuniões estão encontros com intuições de ensino, associações de desenvolvimento local, associações culturais, mas também com os programadores afetos à candidatura e com o presidente do Conselho Estratégico.

Pedro Gadanho encabeça a equipa executiva da candidatura. Tendo aceite o desafio em novembro último para integrar este projeto territorial que engloba 17 municípios do interior do país, sob a liderança da Câmara Municipal da Guarda. «Foi com enorme satisfação, mas também com um agudo sentido de responsabilidade, que aceitei o desafio da município da Guarda para liderar a candidatura de uma rede de cidades do interior português a Capital da Europeia da Cultura de 2027. Face aos desafios que as cidades do interior enfrentam nas próximas décadas — entre fenómenos de desertificação, sustentabilidade territorial e crise ecológica— a cultura não pode ser aí encarada senão como um instrumento estratégico transversal, uma ferramenta dinâmica situada entre política e economia, entre inovação tecnológica e bem-estar social, entre cidade e natureza. Sinto-me muito honrado por poder contribuir com a minha experiência e conhecimento para trazer tal ambição para uma candidatura que, acima de tudo, é uma oportunidade para repensar uma identidade regional», referiu à data o diretor executivo da Guarda CEC 2027.

Recorde-se que Pedro Gadanho é arquiteto e designer. Foi diretor do Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT), em Lisboa, e curador do departamento de arquitetura e design do Museum of Modern Art (MOMA), em Nova Iorque.

ABC de Nelas- Resultados do fim de semana 11 e 12 de janeiro

sábado, 11 de janeiro

FUTSAL PETIZES E TRAQUINAS

Encontros AFV

ABC de Nelas – Várias equipas

 

ANDEBOL INFANTIS FEMININOS

Campeonato Nacional (3ª jornada)

CDRJ Anreade 05 – 11 ABC de Nelas

 

FUTSAL JUVENIS

Campeonato Distrital (5ª jornada)

Unidos da estação – ABC de Nelas

 

FUTSAL SENIORES

Campeonato Nacional 2ª Div. (12ª jornada)

ABC de Nelas 07 – 04 CCDR Covão Lobo

 

ANDEBOL SENIORES

Campeonato Nacional 3ª Div. (8ª jornada)

AC Lamego 27 – 17 ABC de Nelas

 

domingo, 12 de janeiro

 

FUTSAL BENJAMINS

Campeonato Distrital (9ª jornada)

FCLMG-FC Lamego 02 – 08 ABC de Nelas

 

ANDEBOL INICIADOS FEMININOS

Campeonato Nacional (4ª jornada)

ABC de Nelas 07 – 50 AD Academia SPS

 

FUTSAL JUNIORES

Campeonato Distrital (12ª jornada)

ABC de Nelas 12 – 04 AJAB Tabuaço

 

 FUTSAL INICIADOS

Campeonato Nacional (14ª jornada)

ABC de Nelas 00 – 08 Caxinas Poça Barca

 

 

AF Guarda- Campeonato Distrital 1ª Divisão 12ª jornada

12ªjornada

Os Vilanovenses – Trancoso- 2-1

Foz Côa- SC Mêda- 0-3

Manteigas – AD Fornos de Algodres-5-2

SC Celoricense – Estrela Almeida- 3-0

VF Naves- CD Gouveia-1-5

Aguiar da Beira -Soito-2-0

Vilar Formoso- Vila Cortez -0-1

Classificação:

1º-SC Mêda- 28

2º-Manteigas-27

3ºCD Gouveia-27

4º-Trancoso-26

5º-Vila Cortez-25

6º-Soito- 18

7º- VF Naves-18

8º-AD Fornos de Algodres- 13

9º-Aguiar da Beira-12

10º-Os Vilanovenses-12

11º-SC Celoricense-11

12º-Vilar Formoso-9

13º-Foz Côa-4

14º-Estrela Almeida-3

AF Guarda- Resultados do Campeonato Distrital 2ª Divisão

6ªjornada

Guarda FC- Freixo de Numão-2-1

Os Pinhelenses- Nespereira-0-0

SC Sabugal- Casal Cinza- 0-2

Classificação

1- Freixo de Numão-12

2-Os Pinhelenses-10

3-Guarda FC-10

4- Nespereira-10

5-Paços da Serra-6

6-Casal Cinza-3

7-SC Sabugal-1

 

Avisos e Liturgia do Baptismo do Senhor (Ano A)

a)      Com a Festa do Baptismo do Senhor termina o ciclo do Natal e começa o Tempo Comum, onde meditaremos sobre o que Jesus faz, o que ensina, quem acolhe e a quem se dirige. No domingo passado, na Solenidade da Epifania do Senhor, meditávamos que Jesus era a salvação para todos os povos. Hoje, o evangelho de S. Mateus diz-nos quem é Jesus e qual é a sua missão. Como em todo o tempo do Natal, o centro continua a ser Jesus. Diante de nós, temos muitos aspectos a salientar, mas na homilia, se quisermos dizer tudo, pode tornar-se uma dispersão de ideias, gerando confusão na mente dos fiéis.

 

b)      A linguagem utilizada no texto evangélico não é uma reconstrução histórica do acontecimento; o que se quer narrar e explicar tem muitas referências à linguagem e às imagens da literatura do Antigo Testamento, usadas para explicar as teofanias ou manifestações de Deus, como podemos constatar na sarça ardente com Moisés, na mensagem dada no Monte Sinai, na vocação de muitos profetas. Há aqui elementos comuns: o céu abre-se, uma voz fala do céu, o Espírito de Deus desce. Porém, o que tem que ficar claro é que o Baptismo foi um momento muito importante para Jesus para a compreensão da sua identidade e da sua missão que assumiu até às últimas consequências.

12-01-2020

c)       Imediatamente depois de receber o baptismo de João, que tinha um sentido penitencial e de conversão (por isso, provocou embaraço ao próprio João), S. Mateus escreve que “se abriram os céus” e que se ouviu uma voz. O Baptismo de Jesus permite ver que Deus comunica com os homens: a partir daquele momento, Jesus mostra a vontade do Pai. A mensagem vinda do céu, através da voz, é um eco daquilo que escutámos na primeira leitura: “Eis o meu servo, a quem Eu protejo, o meu eleito, enlevo da minha alma”. Nesta manifestação (teofania), aparece a voz do Pai que apresenta Jesus como Filho, tendo como “selo” de garantia o Espírito de Deus que descia “como uma pomba e pousou sobre Ele”. Manifesta-se, neste momento, a Santíssima Trindade e também Jesus que dela faz parte. Assim, Jesus é investido como o Messias, o Enviado de Deus.

 

d)      No seu discurso para convencer Cornélio de Cesareia e a sua família a receberem o baptismo, S. Pedro afirma que a missão de Jesus começou, depois de ter sido “ungido com a força do Espírito Santo”, pela Galileia, região fronteiriça com os gentios; por isso, não era terra preferida dos fariseus. A missão de Jesus é para todos os povos; Ele “passou fazendo o bem e curando todos os que eram oprimidos pelo demónio.

 

e)       A leitura de Isaías apresenta-nos o servo que foi escolhido com a missão de “levar a justiça às nações”. A sua missão é a de revelar a vontade de Deus que é levar a justiça e o direito às nações. Esta missão tem um carácter universal, mas tem de ter uma forma nova de actuar: sem violência, feita discretamente (“não se fará ouvir nas praças”), com especial atenção aos mais necessitados, mas firme (“não desfalecerá nem desistirá, enquanto não estabelecer a justiça na terra”). A luta pela justiça e contra o mal concretiza-se em dar vista aos cegos, libertar os prisioneiros e dar esperança aos que “habitam nas trevas”. Esta é a missão de Jesus, como meditaremos no próximo domingo.

 

f)       S. Mateus diz-nos que “Jesus chegou da Galileia e veio ter com João Baptista ao Jordão”. Para as primeiras comunidades cristãs, o rio Jordão lembrava-lhes todos os momentos de libertação que deram sempre origem a uma nova maneira de viver e de entender a vida. No rio Jordão, Naamã tinha sido curado da lepra. Elias, ao passar o rio Jordão, com Eliseu, é levado para o céu. O rio Jordão era a fronteira da Terra Prometida, a terra de Deus. O banho no rio Jordão significava o desejo de passar do mundo do pecado para o mundo de Deus.

 

g)      Hoje, o Baptismo é também uma passagem para uma vida nova. Como Jesus, cada baptizado é amado pelo Pai, cada baptizado é ungido para que dê testemunho da libertação que alcançou pela graça de Deus. Como Jesus, cada baptizado é convidado a viver uma vida nova, ou seja, passando por este mundo fazendo o bem. Ser baptizado: 1) é introduzir-nos no mistério de Cristo, para que cada cristão possa dar testemunho deste mistério na sua vida; 2) é deixarmos que a força de Deus desça sobre nós para que sejamos neste mundo como Cristo. A missão para a qual cada baptizado é enviado é a mesma de Cristo: ser sinal de luz, de doação, de liberdade, da revelação do amor de Deus.

http://www.liturgia.diocesedeviseu.pt/

Ano A - Tempo do Natal - Baptismo do Senhor - Boletim Dominical II

GNR- Atividade Operacional das últimas 12 horas

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de hoje, sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções: 30 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 14 por condução sob o efeito do álcool;
  • Nove por condução sem habilitação legal;
  • Cinco por tráfico de estupefacientes.

 

  1. Apreensões:
  • 24 doses de haxixe;
  • 495 euros em numerário.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 532 infrações detetadas, destacando-se:

  • 151 por excesso de velocidade;
  • 37 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 33 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 21 relacionadas com iluminação e sinalização;
  • 20 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • 15 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 14 relacionadas com tacógrafos.

 

Sinistralidade: 42 acidentes registados, destacando-se:

  • 01 ferido grave;
  • 09 feridos leves.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar