Templates by BIGtheme NET
Início » Author Archives: Antonio Pacheco

Author Archives: Antonio Pacheco

Infelicidade na reta final por parte do Vila Cortez

CP-Rec. Águeda-Vila Cortez-1-0

Partida equilibrada com duas equipas a lutar pela posse de bola, com o Vila Cortez a agigantar-se e a mostrar bastante atrevimento ofensivo.Muitas jogadas de ataque interessantes para ambas as partes, com as defesas a conseguir resolver as situações apertadas.

Aos 30´, um ataque organizado e surge um grande remate do dianteiro do Águeda, com excelente intervenção do Keeper Nuno Morais.Os aguedenses surgiram com mais posse de bola na reta final da 1ªparte, mas a igualdade a zero manteve-se.Após o reatamento, os locais mexeram no xadrez colocando mais pressão, para os visitantes. Mais caudal ofensivo para os locais, com mais jogadas de ataque e de bola parada, com Nuno Morais a resolver.Foram muitos os lances de canto que obrigaram, Rui Nascimento a adotar uma postura mais forte no eixo defensivo. Muitas alterações o Rec.Águeda efetuou para chegar ao golo, mas a boa postura dos homens de Vila Cortez foram adiando.A reta final da partida foi infeliz para os visitantes e eis que surge um lance de ataque que originou o golo do Rec.Águeda que acabou por dar o triunfo.

                                                    Morrer na praia

Deste modo, por tudo que a turma de Rui Nascimento fez, mostrou muita qualidade, ao contrário dos muitos comentadores que nas transmissões referem que esta equipa tem falta de técnica. Uma coisa é certa, o Vila Cortez tem dado o máximo, agora por vezes a sorte não os acompanha e também de salientar que existem algumas equipas neste campeonato com orçamentos elevados em relação aos egitanienses.

Mas o mesmo aconteceu no passado, com a Mêda, Fornos, Sabugal, Figueirense, existe qualidade no distrito da Guarda, mas com campeonatos de Portugal deste desnível, equipas profissionais contra amadora é difícil fazer melhor.Mas vamos aguardar pela nova temporada com a 3ªliga, o Campeonato de Portugal possa ficar mais competitivo.

 

Covid-19-PSD Fornos de Algodres lança comunicado com Medidas Extraordinárias de Apoio

Em comunicado, o PSD de Fornos de Algodres  refere que através da sua Vereadora Maria Joaquina Domingues, apresentou algumas medidas que são benéficas para a comunidade.

  • Auscultar Comerciantes e empresários sobre as suas preocupações, estabelecendo medidas de compensação de prejuízos.
  • Isenção a 100% das tarifas de agua (famílias e empresas)
  • Compensação aos fornecedores de gás para diminuir o valor por familia
  • Lista rotativa de fornecimento de refeições e dos produtos para a cantina escolar
  • Enfatizar as regras sociais e familiares através da rádio local
  • Divulgação de bolsas de Voluntários e respetivos serviços
  • Assegurar através de um vigilante o cumprimento das regras sociais nos transportes escolares
  • Reforço da linha nº verde , articulando com as juntas de freguesia
  • Criação de um gabinete de emergência em articulação com a Proteção Civil para aplicação de testes, atestados ou esclarecimento de dúvidas
  • Articular com a GNR e responsáveis de saúde, o controlo do dever de confinamento
  • Reforçar o serviço de voz amiga
  • Isenção de pagamento de estacionamento
  • anticipar o pagamento a fornecedores
  • Reforçar o apoio monetário às juntas de freguesia, criando locais de acolhimento para pessoas infetadas

Bombeiros Portugueses vão ser vacinados após os Lares

Neste domingo, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa referiu nos Bombeiros do Dafundo, que a vacinação contra  Covid-19, vai chegar aos Bombeiros Portugueses já a seguir aos Lares.

Será feita a respetiva vacinação na mesma altura das Forças de Segurança e parte das Forças Armadas, dado que os Bombeiros têm sido muito importantes no transporte de doente com Covid-19.

COVID-19 –Gouveia encerrou os Equipamentos Municipais

Face à situação epidemiológica do País e da região, o Município de Gouveia decidiu encerrar ao público os seguintes equipamentos municipais:

-Museu Miniatura Automóvel

-Museu Abel Manta

-Espaço Arte e Memória

-Biblioteca Vergílio Ferreira

-Parque Ecológico

-Teatro Cine

-Posto de Turismo

Covid-19- Aumento galopante de casos na região é preocupante

Qual a explicação para o grande aumento de casos?

Neste mês de janeiro temos assistido a um grande aumento galopante de casos quer no distrito da Guarda ou Distrito de Viseu, as entidades competentes de saúde acham que foi o Natal, Passagem de Ano , será que foi?

Uma coisa é certa, na área de abrangência da ULS Guarda nestes  dias aumentaram mais de seiscentos novos casos, aliás, claro a desculpa é dos Lares.

Decerto uma quota parte tem a ver com os Lares, mas ficam as questões como lá entrou?

Mas como todos sabemos isto é , um círculo, os lares de facto têm um grande número de casos ativos e oxalá a vacina que já está a ser distribuída na região possa rapidamente chegar a todos, mas uma coisa é certa, temos localidades de pequena densidade populacional que temos famílias inteiras isoladas, isto significa que , a economia vai sofrer muito.

Agora pelo que vimos, as escolas vão laborar a todo gás a partir de segunda -feira em toda a parte, será que não vai ser um passo atrás, uma vez que existem muitos alunos e algum pessoal docente e não docente em isolamento.

De facto à de saudar, a medida de alguns Municípios em parceria com os Agrupamentos, que antes de arrancarem novamente as aulas testaram todo o pessoal.

Depois estamos em confinamento e as comunidades continuam a circular como nada se tratasse.

Agora fica a dúvida no ar? Qual a explicação para o grande aumento de casos?

Proteja-se a si e aos outros…...

Celebrações Comunitárias nas Comunidades da UP Aguiar da Beira suspensas

Em comunicado a Unidade Paroquial de Aguiar da Beira suspendeu as Celebrações Comunitárias até dia 31 de janeiro, assim refere:”Dando cumprimento às orientações da Direcção Geral da Saúde e da Diocese de
Viseu acerca da Pandemia Covid 19 e depois de uma reflexão atenta sobre a situação
actual de aumento substancial de casos, informa-se que, de 17 a 31 de Janeiro de 2021,
NÃO HAVERÁ CELEBRAÇÕES COMUNITÁRIAS NAS PARÓQUIAS DE Aguiar da Beira, Carapito, Cortiçada, Coruche, Dornelas, Eirado, Forninhos, Gradiz, Pena Verde, Pinheiro de Aguiar, Sequeiros, Souto de Aguiar, Valverde, Matança e Queiriz, concelhos de Aguiar da Beira e Fornos de Algodres. Trata-se de uma medida preventiva. Sugere-se a participação pelos órgãos de Comunicação Social (nomeadamente
da Televisão) ou uma Celebração familiar.
A quem tenha tido contacto com alguém infectado, pede-se que siga os
procedimentos normais, contactando a Saúde 24, respeitando o confinamento e estando
atento aos sintomas.
Como diz o Papa Francisco, só com o esforço de todos, poderemos vencer esta
crise sanitária!
Informa-se ainda que esta situação se verifica também em outras paróquias da
Diocese de Viseu”.

Escolas têm de ter um sério reforço da segurança sanitária refere o Sindicato de Professores da Z.Centro

Em comunicado, o Sindicato dos Professores da Zona Centro, referem:” Os efeitos da pandemia exigem dos responsáveis do Ministério da Educação ação e não apenas palavras. Nestes tempos difíceis, professores e educadores continuam sobrecarregados nas suas funções e sem as necessárias condições. E não entendem o porquê de, estando na linha da frente, não fazerem parte do grupo prioritário de vacinação.
O SPZC considera que se vive um momento particularmente sensível e de preocupação a nível da saúde pública, agravado neste mês de janeiro, que exigirá um esforço acrescido de todos neste contexto de novo confinamento.
Os educadores e professores estão claramente na primeira linha de resposta a dar às solicitações de alunos e comunidade neste tempo de pandemia.
Mas uma coisa é certa, o Ministério da Educação não fez o trabalho de casa no que diz respeito à criação de condições para o bom funcionamento das escolas. Faltam recursos que permitam aos docentes fazer face à sobrecarga de trabalho com que desde o início deste ano escolar estão confrontados. Falta a inclusão dos docentes nos grupos prioritários na vacinação. Falta uma resposta eficaz para os professores e educadores de grupos de risco. Falta a necessária redução do número de alunos por turma, de forma a ser respeitado o distanciamento físico de segurança.
Este confinamento, no que diz respeito às medidas anunciadas e agora em vigor, tem pouco de confinamento. São inúmeras as exceções ao mesmo.
O SPZC está preocupado com os cerca de três milhões de alunos, pais e encarregados de educação em circulação diária. A mobilidade deste elevado número de pessoas, muitas delas utilizando o transporte público, são um enorme risco a nível de cadeias de transmissão da covid-19. Perante as inúmeras interrogações que se levantam, e não pondo de parte a importância inigualável do ensino presencial, o eventual recurso ao ensino misto não deverá ser descartado. De forma particular os alunos pertencentes aos sectores de ensino mais avançados.
Apesar desta situação difícil e complexa, o SPZC continua inteiramente ao serviço dos docentes. O apoio sindical, a formação e as áreas social e cultural serão as pedras de toque da atuação, com uma proximidade permanente e constante e estamos disponíveis para o ajudar.
Porque se está no início de mais um ano civil, o SPZC não poderá deixar de transmitir uma nota de descontentamento pelos resultados havidos nas negociações no âmbito da Administração Pública. Lamentavelmente, os aumentos para este ano, uma vez mais, não incluirão os docentes. Já lá vai mais de uma década com desvalorização salarial e perda do poder de compra. Não é desta forma que se atraem os desejáveis e necessários novos professores para o sistema educativo.

AF Guarda- Competições distritais até ao próximo dia 30 de janeiro.

Em comunicado, a Direção da Associação de Futebol da Guarda informa que decidiu suspender todas as competições distritais até ao próximo dia 30 de janeiro.

Esta decisão vem no seguimento da reunião  entre a AFG e a FPF. “Uma vez que apenas foi obtida autorização para a realização de algumas provas organizadas pela FPF”, a direção da AFG  informa que também “Não foi concedida a autorização para a realização das provas distritais até ao fim deste período de confinamento (30 de janeiro)”.

Assim esta associação ainda refere no comunicado que: Quando vier a autorização para a disputa das provas distritais, seja já possível ter informações sobre a retoma da formação e o acesso do público aos estádios, e as autoridades de saúde o permitam marcarão uma reunião presencial com todos os clubes que estão a disputar as provas da AFG.

Pinhel testa pessoal do Agrupamento de Escolas e lança diretrizes no confinamento

Com o País em confinamento, o Município de Pinhel informa que vai manter os serviços municipais gerais em funcionamento, mas reduzindo ao estritamente necessário os atendimentos presenciais. Sendo assim, estamos a sensibilizar os Munícipes no sentido de darem preferência aos contactos por telefone ou por e-mail, usando o número de telefone geral (271 000 000) ou os e-mails mais diretos dos diferentes serviços.

Por outro lado, e em cumprimento das normas em vigor, informa-se que encerram ao público os seguintes serviços:
– Academia de Música de Pinhel;
– Biblioteca Municipal;
– Ginásio do Health Club Falcão (Pavilhão Multiusos);
– Piscina Municipal;
– Serviços de Cultura e Turismo (Posto de Turismo, Casa da Cultura, Torres do Castelo e espaço VisitPinhel).
Também as atividades culturais estão suspensas por tempo indeterminado.

Regresso às aulas em segurança

De modo a garantir o regresso em segurança às aulas presenciais a partir da próxima segunda-feira, dia 18 de janeiro, o Município de Pinhel realizou esta sexta-feira testes rápidos ao pessoal docente e não docente do Agrupamento de Escolas de Pinhel.
Sendo responsabilidade do Município o despiste dos colaboradores afetos ao seu quadro de pessoal, a autarquia entendeu por bem estender essa ação a todos os funcionários, incluindo docentes, que quisessem realizar o teste.

Município de Pinhel surge em 6ºlugar dos Município com maior peso relativo à despesa Covid-19

Após a divulgação por parte do Tribunal de Contas do Relatório “Impacto das medidas adotadas no âmbito da COVID-19 nas entidades da Administração Local do Continente”, uma análise que mostra que as autarquias adotaram uma multiplicidade de ações de que foram beneficiárias as famílias, as empresas e as instituições, face aos efeitos económicos, sociais e financeiros da COVID-19.
Da leitura do relatório, que alerta contudo para o facto de nem todas as autarquias terem reportado os seus dados, destacamos a informação referente ao peso relativo de despesa COVID até setembro de 2020 (face à despesa total em 2019), onde Pinhel aparece em 6º lugar com um indicador de 4,5%.
Diz o relatório que existem “municípios que, tendo menor dimensão financeira, apresentam um esforço proporcionalmente maior”, entre os quais se encontra o de Pinhel.
Considerando a despesa por residente, o relatório refere ainda que se destaca “um conjunto de municípios do Interior (entre os quais o de Pinhel) e também alguns de maior dimensão.
Apesar de não serem novidade para o Município de Pinhel, estes dados vêm tornar público o esforço que a autarquia tem feito no combate à pandemia.