Templates by BIGtheme NET
Home » Author Archives: Antonio Pacheco

Author Archives: Antonio Pacheco

Resultados do IV Concurso de Quadras de S. Martinho

O IV Concurso das Quadras de S. Martinho organizado pela Biblioteca Municipal Maria Teresa Maia Gonzalez participaram alunos do 3º ao 6º ano do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres.
Foi atribuído um primeiro lugar ao melhor trabalho dos alunos do 3º e 4º ano e um primeiro lugar ao melhor trabalho do 5º e 6º ano.
1º lugar do grupo “1º ciclo” – Tomás Penedo do 4º ano
1º lugar do grupo “2º ciclo” – Afonso Dias do 5ºB

Trancoso acolheu sessão de esclarecimento com os agricultores

A CONFAGRI realizou nesta sexta-feira, dia 24 de novembro, uma sessão de esclarecimento com os agricultores do concelho de Trancoso. Profissionais e técnicos do setor agrícola alertaram para os riscos inerentes à condução de tratores e máquinas agrícolas e aconselharam quanto à forma de prevenir os acidentes de trabalho que resultam dessa atividade, a principal causa de morte no setor.

Por:MT

Trancoso acolhe sessão de esclarecimento

A CONFAGRI realiza no próximo dia 24 de novembro uma sessão de esclarecimento com agricultores  em Trancoso, onde profissionais e técnicos do setor agrícola irão alertar para os riscos inerentes à condução de tratores e máquinas agrícolas e aconselhar quanto à forma de prevenir os acidentes de trabalho que resultam dessa atividade, a principal causa de morte no setor.

Em 2016, de acordo com dados da Guarda Nacional Republicana, faleceram 68 pessoas vítimas de acidentes envolvendo tratores agrícolas. Considerando estes valores de sinistralidade associados à utilização de máquinas e equipamentos de trabalho agrícola, a CONFAGRI, enquanto entidade defensora de uma agricultura moderna, sustentável e em que as condições de trabalho devem estar associadas a boas práticas de segurança, decidiu realizar um conjunto de sessões de esclarecimento, próximas dos agricultores, tendo em vista alertar para os perigos inerentes ao manuseio e condução destes veículos e, deste modo, conduzir a que esta taxa de sinistralidade com tratores que, pelas vidas que se perdem, é absolutamente inaceitável.

Segundo Francisco Silva, secretário-geral da CONFAGRI, “é urgente sensibilizar e contribuir para a formação dos agricultores, promovendo as boas práticas no exercício da profissão, para melhorar a segurança na utilização das máquinas e veículos, especialmente nas regiões onde as condições do terreno tornam maior a exposição ao risco e, por via disso, a incidência da sinistralidade é mais elevada”.

O encontro terá lugar no Auditório do Pavilhão Multiusos de Trancoso (na Avenida 1º de Dezembro), com entrada livre, e tem início às 10h15 com a intervenção de Pedro Julião da ACT- Autoridade para as Condições do Trabalho, que irá falar sobre a prevenção de acidentes na operação com tratores e máquinas agrícolas, bem como sobre as obrigações legais em matéria de segurança e saúde no trabalho.

Às 11h30, intervirá Augusto Ferreira, da CONFAGRI, que vai alertar para a importância e para a obrigatoriedade da formação para a condução de tratores.

Às 11h50 haverá, ainda, lugar para a discussão do tema da Bolsa Nacional de Terras como impulsionador da redução do abandono das terras, por Norberto Correia, da DGADR-Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural.

A CONFAGRI tem como finalidade essencial contribuir para o crescimento e desenvolvimento equilibrado e eficaz do Setor Cooperativo e, em especial, da Agricultura e da Floresta portuguesas, com ampla representatividade a nível nacional e em permanente cooperação com as organizações agrícolas agrupadas.

Trail do Míscaro Aguiar da Beira é já este domingo

Mais de 200 pessoas vão correr e caminhar pelo “míscaro” em Aguiar da Beira.
Este evento vai contribuir ainda para a plantação de 250 árvores autóctones.
Está esgotada a 4ª edição do Trail do Míscaro, que se realiza, no próximo dia 26 de novembro, pelas 10 horas, em Aguiar da Beira. Mais de duas centenas de atletas, de norte a sul do país e até do estrangeiro, vão correr e caminhar por trilhos onde se destacam as condições naturais micológicas, a natureza, o património e as tradições rurais. Realce ainda para a vertente solidária do evento que contribuirá para a florestação de um terreno baldio desertificado com 250 carvalhos americanos.
As modalidades de Trail Longo (30 km) e Trail Curto (15 km) vão reunir cerca de 100 atletas, enquanto que a Caminhada Florestar Aguiar – A Jornada dos Heróis (8 km) irá juntar 150 pessoas, com o objetivo de cada uma plantar a sua árvore.
“Será uma experiência fantástica, solidária, desportiva e recreativa, inserida numa iniciativa que gira à volta de um produto natural com elevado valor gastronómico – o “míscaro amarelo”, habitualmente abundante no concelho, mas que este ano está difícil ver-lhe a cor, devido às condições climáticas impróprias à sua germinação”, refere a organização.
Contudo, “os participantes irão ter oportunidade de passar por terrenos onde rebenta este e outros cogumelos selvagens e degustar diversas iguarias da época durante o percurso, para além de poderem desfrutar de belas paisagens, tradições rurais e ainda das diversas atividades a acontecer no Certame Gastronómico do Míscaro”.
O Trail do Míscaro tem como principais objetivos promover o trail running nos trilhos do Município de Aguiar da Beira, assim como a divulgação das condições favoráveis do concelho para a micologia, para a prática de desporto e turismo na natureza e para estilos de vida rurais, saudáveis e de bem-estar.
O evento desportivo é uma organização do jornal +Aguiar da Beira, em parceria com a Câmara Municipal e a associação juvenil A Jornada dos Heróis, com o apoio de agentes económicos locais e nacionais. Integra-se no V Certame Gastronómico do Míscaro, que se realiza a 25 a 26 de novembro, com mercadinho local, tasquinhas gastronómicas, workshops e passeios micológicos, sessões de live cooking e muita animação com grupos locais e o artista Quim Barreiros.

Agricultores podem concorrer ao programa de apoio

Na sequência dos incêndios florestais, que assolaram o norte e centro do país nos dias 15 e 16 de outubro, o governo criou “medidas de urgência” para apoio aos agricultores afetados.
O concelho de Trancoso também foi considerado “área atingida por catástrofe natural”, devido ao incêndio que, a 16 de outubro, afetou as freguesias de Aldeia Nova, Castanheira, Reboleiro, Rio de Mel, União de Freguesias de Trancoso e Souto Maior e União de Freguesias de Torre do Terrenho, Sebadelhe da Serra e Terrenho.
Realizou-se a 16 do presente mês, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, uma sessão de esclarecimento sobre as medidas de apoio disponíveis, na presença de representantes do Município de Trancoso, DRAPC, ADIVAT Trancoso, Bandarra Cooperativa Agrícola de Trancoso CRL e respetivos presidentes de junta das freguesias afetadas.
Encontram-se disponíveis no site da Direção Regional da Agricultura e Pescas do Centro, duas medidas de apoio aos lesados:
http://www.drapc.min-agricultura.pt/…/declaracoes_incendios…
• Compensação de prejuízos aos pequenos agricultores e às explorações agrícolas
– Destina-se a compensar prejuízos elegíveis até 5000€
– Prazo de candidatura: até 30 de novembro.
– Candidatura simplificada no formulário existente no portal.

• Compensação de prejuízos às explorações agrícolas
– Destina-se a compensar prejuízos elegíveis de 5001 euros a 400.000.00 euros.
– Prazo de candidatura: até 15 de dezembro.
– Candidatura via PDR 2020.

Para esclarecimentos adicionais contactar respetiva junta de freguesia e/ou Município de Trancoso.
CM-Trancoso (Contacto Geral) – 271 829 120.

Gouveia assinala Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres

O Município de Gouveia associa-se ao Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência Doméstica da Guarda na campanha que assinala o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres, no dia 25 de novembro.

O Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência Doméstica, inserido no Centro de Formação Assistência e Desenvolvimento, Instituição Particular de Solidariedade da Guarda, presta apoio social, psicológico e jurídico totalmente confidencial e gratuito a todas as Vítimas de Violência Doméstica do Distrito da Guarda, contando com uma equipa multidisciplinar.

Pretende-se, com esta data alertar, a sociedade para os vários casos de violência contra as mulheres, promovendo uma reflexão para o problema e, assim, tentar preveni-lo. Não esquecendo, claro, a importância da denuncia e que este é um crime público.

Combater a violência contra as mulheres é um dever de todos. É um dever de qualquer cidadão participar!

Magusto na Casa do Concelho de Gouveia

A sala foi pequena para receber tamanha multidão na tarde do passado dia 11. Vindas de Gouveia, as “modelos” que trouxeram à capital os mais tradicionais vestidos de chita, permitiram “pintar” a tarde na Casa do Concelho, com cores vivas e alegres. Ao som do Grupo de Concertinas de Gouveia, as castanhas saltaram ao sabor das brasas, que tornaram um S.Martinho mais dinâmico e vivo.
Uma das tardes mais belas tardes, da Casa do Concelho, dos últimos anos, graças ao envolvimento de todos, desde logo a comitiva vinda de Gouveia, liderada pelo Museu Casa da Avó, mas também à presença de sócios e amigos desta associação regionalista.
Por:CCGL

Formação”Gestão de Conflitos” em Fornos de Algodres

Vai realizar-se no próximo dia 30 de novembro, a Formação de 3H sobre “Gestão de Conflitos” no Centro Cultural Dr. António Menano, com duas opções de horário – laboral, das 10H às 13H, e pós laboral, das 16H às 19H.

Esta é uma iniciativa do CLDS 3G Servir Fornos.

As inscrições ainda podem ser feitas para os demais interessados:https://docs.google.com/forms/d/13yEzdE-2n6rPPJGB5kjuk-etZvejKCwWIsqqB9afvNw/edit

Dia do Pijama na Biblioteca em Fornos de Algodres

No dia 20 de novembro comemorou-se o Dia Nacional do Pijama.
Este é um dia pedagógico e solidário, as crianças são convidadas a ajudar outras crianças sem família, porque todas as crianças têm o direito a viver numa família.
Para assinalar esta data, a Biblioteca Municipal Maria Teresa Maia Gonzalez em colaboração com a CPCJ, CLDS 3G e a Associação de Pais, realizou a hora do conto com a história ” O botão invisível”.
Esta atividade contou com a presença dos clientes do CAO, Creche, os alunos dos Jardins de Infância e do 1ºCiclo do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres.

Por:MFA

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar