Templates by BIGtheme NET
Home » Trancoso (page 3)

Trancoso

Sub-15 Feminino-AF Guarda e AF Viseu derrotadas no penúltimo dia

Assim no penúltimo dia , a AF Guarda na liga de Prata saiu derrotada perante a AF Coimbra por cinco bolas a zero.

A AF Viseu também saiu derrotada na penúltima ronda, na Liga de Bronze, perante AF Évora, por três bolas a uma.

Para o derradeiro dia, a AF Guarda, joga na Liga de Prata, para o 3ºe 4º lugares, frente à AF Horta e AF Viseu joga na Liga de Bronze a disputa com AF Castelo Branco.

4.º dia de competição | 11 de abril | quinta-feira
Liga Ouro (Apuramento do 1.º ao 8.º)
AF Viana do Castelo 0-1 AF Braga (Jogo 5)
AF Setúbal 1-4 AF Lisboa (Jogo 6)
AF Portalegre 2-3 AF Leiria (Jogo 7)
AF Algarve 1-2 AF Ponta Delgada (Jogo 8)

Liga Prata (Apuramento do 9.º ao 16.º)
AF Beja 4-2 AF Horta (Jogo 5)
AF Coimbra 5-0 AF Guarda(Jogo 6)
AF Aveiro 1-1 (2-0 gp) AF Madeira (Jogo 7)
AF Porto 2-1 AF Vila Real (Jogo 8)

Liga Bronze (Apuramento do 17.º ao 21.º)
AF Bragança 3-1 AF Santarém (Jogo 5)
AF Évora 3-1 AF Viseu (Jogo 6)
AF Viseu 3-0 AF Bragança  (Jogo 7)
AF Santarém 2-1 AF Castelo Branco (Jogo 8)

5.º dia de competição (jogos de classificação) | 12 de abril | sexta-feira
Liga Ouro
 (Apuramento do 1.º ao 8.º)
10h30: AF Portalegre – AF Algarve (7.º e 8.º lugares)
10h30: AF Leiria – AF Ponta Delgada (5.º e 6.º lugares)
12h00: AF Viana do Castelo – AF Setúbal (3.º e 4.º lugares)
12h30:  AF Braga – AF Lisboa FINAL

Liga Prata (Apuramento do 9.º ao 16.º)
9h00: AF Madeira – AF Vila Real (7.º e 8.º lugares) (Jogo 9)
9h00:AF Aveiro – AF Porto (5.º e 6.º lugares) (Jogo 10)
10h30: AF Horta – AF Guarda (3.º e 4.º lugares) (Jogo 11)
10h30: AF Beja – AF Coimbra(Final) (Jogo 12)

Liga Bronze (Apuramento do 17.º ao 21.º)
9h00 – AF Castelo Branco x AF Viseu (Jogo 9)
9h00 – AF Bragança x AF Évora (Jogo 10)

Queima do Judas em Trancoso

No Município de Trancoso realiza- se no próximo dia 21 de abril, pelas 15h30, “A Queima do Judas” no Campo da Feira em Trancoso.

No final deste momento emblemático da quadra pascal, terá lugar no Largo do Mercado Municipal, um concerto com a banda Batuta D’ Alegria de Fornos de Algodres.

(Em caso de condições climatéricas adversas, o concerto realizar-se-á no Convento de São Francisco – Teatro Municipal de Trancoso).

AFGuarda- Foz Côa e Vila Franca das Naves regressam à 1ªdistrital

Resultados da 2ªdivisão- ronda 16

Teve lugar mais uma ronda da 2ªdivisão da AF Guarda, com o Foz Côa a querer regressar ao escalão maior, goleou o Casal de Cinza por oito bolas a uma, por sua vez o Vila Franca das Naves que também vai regressar ao escalão principal, venceu em casa, o Freixo Numão por quatro bolas a duas.

No dérbi do concelho de Gouveia, o Paços da Serra foi derrotado, em casa pelo Nespereira por tres bolas a uma.

Por fim a Guarda Desp. recebeu e saiu derrotado pelo Pala por quatro bolas a uma.

AF Guarda- Resultados da jornada 23 – 1ªdivisão

Figueirense goleou e Manteigas regressa a segundo

Debaixo de chuva intensa, um pouco por todo distrito jogou-se a ronda 23, com o líder G.Figueirense a abrir a jornada na noite de sábado, onde celebrou a festa de campeão, perante o Fornos de Algodres e venceu por cinco bolas a zero.

O Manteigas visitou Aguiar da Beira e venceu por uma bola a zero e recuperou a segunda posição.

Resultados:

G.Figueirense- AD Fornos- 5-0

Aguiar Beira- Manteigas- 0-1

Celoricense- Vilanovenses- 1-3

S.Romão- V.Formoso- 1-0

Soito – Vila Cortez- 1-3

Gouveia- Sabugal- 4-0

E.Almeida-Trancoso- 4-5

 

GNR Guarda-Operação “Spring Break”

A Guarda Nacional Republicana, está a levar a efeito até ao dia 21 de abril,  uma operação policial, em todo o território nacional,  envolvendo ações de sensibilização junto da comunidade escolar e de fiscalização nas fronteiras terrestres de Vilar Formoso (Guarda), Caia (Portalegre) e Vila Real de Santo António (Faro), com o objetivo de prevenir a adoção de comportamentos de risco inerentes ao consumo de drogas e álcool, por parte da população jovem, que se desloca nesta altura do ano para o sul de Espanha e Catalunha em férias escolares.

A operação será realizada em três fases:

1ª fase: 1 a 5 de abril, militares das Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário realizam ações de sensibilização junto dos jovens, alertando-os para os comportamentos de risco associados a estas viagens, direcionadas para o grupo-alvo de alunos do 9.º ao 12.º ano de escolaridade;

2ª fase: 5 a 8 de abril, militares dos Comandos Territoriais, com o apoio da valência de investigação criminal e de binómios cinotécnicos de deteção de droga, em coordenação com a Guardia Civil do Reino de Espanha, realizam ações de fiscalização junto às fronteiras terrestres, no sentido de detetar a prática de ilícitos associados ao consumo de substâncias estupefacientes, bem como garantir as condições de segurança dos veículos que irão transportar os jovens;

3ª fase: 6 a 21 de abril, militares dos Comandos Territoriais realizam ações de fiscalização em estabelecimentos comerciais, no âmbito da venda de bebidas alcoólicas a menores e consumo de produtos estupefacientes.

Nesta quarta-feira, dia 3 de abril, o Comando Territorial da Guarda vai efetuar duas ações de sensibilização, uma pelas 09H00, no agrupamento de Escolas do Sabugal, sita na Rua Joaquim Manuel Correia n.º 5 ,6320-320 – Sabugal, e outra pelas 14H00,  na Escola Secundária Gonçalo Anes Bandarra, sita em Rua Professor Doutor Mota Pinto, 6420-229 – Trancoso,

4.º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela apresentado

O Belmonte Sinai Hotel recebeu hoje a apresentação do 4.º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela. A prova, organizada pela Fullsport e promovida pela Associação de Municípios da Cova da Beira, irá decorrer entre os dias 12 e 14 de abril, em três etapas que levarão os ciclistas a percorrer os fantásticos cenários da Serra da Estrela.

A primeira etapa, no dia 12, tem início em Vilar Formoso e termina em Pinhel, com passagem por Almeida, Castelo Rodrigo, Figueira de Castelo Rodrigo, Marialva, Mêda, Trancoso e Vila Franca das Naves. No dia seguinte, o pelotão parte de Manteigas, seguindo por Belmonte, Guarda, Sabugal, Penamacor, Orca, Alcaide e Fundão, onde termina a etapa. Finalmente, a terceira etapa será entre Celorico da Beira e Covilhã, atravessando Fornos de Algodres, Gouveia, Seia, Manteigas e Belmonte.

Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal, foi um dos participantes na conferência de imprensa de apresentação. Na ocasião, realçou o facto de esta prova ser mais um sinal da “consolidação da marca Serra da Estrela no conjunto da oferta do Centro de Portugal”. A sub-região “Beiras e Serra da Estrela tem a grande capacidade de gerar eventos atrativos durante todo o ano, os quais permitem juntar vários produtos turísticos, neste caso o cycling, além da natureza”, sublinhou.

Este Grande Prémio constitui igualmente um “reforço da estruturação do produto walking e cycling na região Centro de Portugal. Uma aposta bem presente em produtos turísticos como a Estrada Nacional 2, o Skyroad Serra da Estrela ou o Skyroad Aldeias do Xisto, por exemplo, que potenciam a região como destino de excelência no turismo ativo e de bem-estar”, disse Pedro Machado, que destacou ainda a importância da prova para a internacionalização da região: “Vão estar presentes ciclistas de 17 países, nomeadamente de países importantes na estratégia de internacionalização da marca Centro de Portugal para 2019, 2020 e 2021”.

Na sessão estiveram também presentes o Secretário Geral da Associação de Municípios da Cova da Beira, José M. Biscaia, o Presidente da Associação de Municípios da Cova da Beira, António Dias Rocha, o diretor da Federação Portuguesa de Ciclismo, Sérgio Sousa, e ainda o diretor da prova, Carlos Pereira.

Por:TPC

Feira Ibérica de Turismo (FIT) de 2 a 5 de maio

Turismo de Interior em destaque na FIT 2019

  Na tarde desta segunda feira, na Câmara Municipal da Guarda, teve lugar a apresentação da Feira Ibérica de Turismo (FIT) que é o maior certame de Turismo no Interior do país e nesta edição.

Nesta sexta edição,  o enfoque é justamente o Turismo de Interior, tema de destaque na FIT 2019 que quer realçar os territórios de baixa densidade como destino turístico de excelência pela sua singularidade e autenticidade. A Guarda, a meio caminho entre Lisboa e Madrid, volta a ser a capital do Turismo Ibérico, entre 2 e 5 de maio, tendo como destino convidado, nesta edição, a Província de A Coruña (Galiza, Espanha). A Província irá participar desenvolvendo a sua mais recente campanha de promoção territorial sob o slogan “Coruña Like”. Ferrolterra, A Coruña e as Mariñas, as Terras de Santiago, a Costa da Morte, a Ría de Muros e Noia e a Ría de Arousa Norte são alguns dos destinos propostos por esta bela região galega. Nesta edição há expositores e entidades de todos os quadrantes da Península Ibérica: de norte a sul e de este a oeste. A FIT conta com participações desde Silves no Algarve à Corunha na Galiza, ou desde o Pico nos Açores a Ávila no extremo da região de Castilla y León. Vão estar representadas mais de 500 entidades, entre: Regiões de Turismo, Hotéis, Agências de Viagem, Termas, Municípios, Associações de Municípios, Comunidades Intermunicipais, Empresas ligadas ao Desporto de Aventura e da área da Tecnologia, Gastronomia, Organismos Oficiais, Turismo de Natureza e Enoturismo.

A feira realiza-se desde 2014 e continua em pleno crescimento, recordamos que a 1ª edição contou com 4 000 m2 de área coberta e em 2019 estão previstos perto de 11 000 m2. De referir também o crescimento no número de visitantes. Se em 2014 a FIT recebeu cerca de 20 000 visitas, na sua última edição, em 2018 perto de 35 000 visitaram o certame ibérico. Tal como nas edições anteriores, a Feira conta com uma área de restauração diversificada onde se encontra também o Palco FIT; uma área destinada a apresentações, uma zona Lounge e uma outra destinada à imprensa.

Os principais objetivos da FIT são promover o setor do turismo ibérico, fomentar o intercâmbio transfronteiriço, estimular o relacionamento comercial e o progresso dos vários setores e segmentos da economia e, consequentemente, o desenvolvimento dos territórios. A Guarda tem uma localização privilegiada na península ibérica, sendo por isso uma plataforma estratégica para a realização de um certame desta natureza. A feira tem vindo a afirmar-se como uma plataforma transfronteiriça no panorama ibérico dos eventos ligados ao Turismo, uma oportunidade singular de divulgação, promoção, captação e desenvolvimento de fluxos turísticos e de valorização dos recursos.

Pedro Siza Vieira na inauguração

A FIT é inaugurada oficialmente no dia 2 de maio, às 17h00, pelo ministro-adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, no Parque Urbano do Rio Diz, recinto habitual do certame, mas a abertura ao público será um pouco antes, ao início da tarde, pelas 15h00. Os bilhetes para a feira estarão à venda no local. Nesta edição, o ingresso diário custa 2 euros e o geral – para os quatro dias – custa 5 euros. As crianças até aos 12 anos têm entrada gratuita.

Para além da oferta turística variada, o público que visita a feira poderá ainda usufruir de um programa diversificado que contempla concertos, showcooking, provas gastronómicas, demonstrações, entre muitas outras propostas. Paralelamente ao programa da feira decorrerão também atividades complementares organizadas pelos expositores. A Feira Ibérica de Turismo é uma organização da Câmara Municipal da Guarda.

Fotos:MG

“Violência no Namoro” pela CPCJ de Trancoso

Desta forma a CPCJ de Trancoso, vai levar a efeito a realização de uma atividade intitulada “Violência no Namoro”.

A ter lugar, próximo dia 5 de abril pelas 9:30 (junto às escadas de acesso à Feira Semanal) e pelas 10:30 (junto das Portas D´El Rei). O principal objetivo vai de encontro à Campanha do Mês de Abril – Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância 2019.

AF Guarda- Resultados da Ronda 22 -1ªdivisão

Ginásio Figueirense novo Campeão

Uma tarde de festa para o Ginásio Figueirense, que se sagrou o novo campeão distrital da AF Guarda, 2018/19, após ter sido derrotado pela margem mínima em Trancoso, beneficiou da igualdade a zero entre Manteigas e S.Romão.

Ronda 22

Vila Cortez- Gouveia- 2-1

Fornos- Aguiar da Beira- 0-3

Trancoso- G.Figueirense- 1-0

Vilanovenses- Soito- 0-0

Sabugal- E.Almeida- 3-1

Manteigas – S.Romão- 0-0

V.Formoso- Celoricense -0-2

 

Classificação:

1-Gin. Figueirense-58

2-Aguiar Beira—-45

3 -Ass. D. Manteigas-44

4-S.C.Celoricense—37

5-V.Cortez Mondego–35

6-D. Trancoso—35

7-Gouveia—33

8–Fornos Algodres–27

9-Vilanovenses—24

10-São Romão–20

11–Vilar Formoso–19

12–Desp.Soito—19

13 -Sc Sabugal –18

14–Estrela Almeida–14

 

Eco-cimento produzido com desperdícios de celuloses

Investigação da Universidade de Aveiro

Chegou o cimento mais ecológico do mundo. Na receita, para além de utilizar maioritariamente desperdícios das indústrias de celulose que de outra forma iriam para aterros, a produção do cimento ‘verde’ desenvolvido na Universidade de Aveiro (UA) reduz drasticamente o uso de recursos naturais virgens e pode ser produzido à temperatura ambiente, diminuindo consideravelmente o consumo de energia. O resultado é um eco-cimento para construir um mundo mais sustentável.

Desenvolvido para ter as mesmas caraterísticas do cimento comum, mais conhecido como cimento Portland e cuja produção é altamente poluente, o eco-cimento desenvolvido no Departamento de Engenharia de Materiais e Cerâmica (DEMaC) da UA assume-se como uma alternativa aos ligantes tradicionais.

“As nossas argamassas geopoliméricas são uma alternativa válida às produzidas com cimento Portland pois têm propriedades que as tornam adequadas para diversas aplicações na construção”, explica Manfredi Saeli, o investigador que a par de Rui Novais, Paula Seabra e João Labrincha desenvolveu o novo material.

De facto, acrescenta o investigador, “os materiais produzidos são altamente sustentáveis, menos poluentes e a sua produção é rentável”. Além disso, “os geopolímeros endurecem rapidamente, exibem uma matriz estável e uniforme, um desempenho mecânico adequado e uma excelente resistência a produtos químicos e ao envelhecimento. Tudo isso torna essa nova classe de cimentos uma alternativa ao cimento Portland válida e sustentável”.

Desenvolvido com recurso a desperdícios da indústria de celulose, nomeadamente cinzas e grãos de cal que de outra forma iriam parar a aterros e que constituem 70 por cento dos ingredientes do eco-cimento da UA (os outros 30 por cento são metacaulino), este material inovador pode ser usado no lugar dos cimentos tradicionais e com níveis de desempenho idênticos.

 

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar