Templates by BIGtheme NET
Home » Mangualde (page 5)

Mangualde

Claudio André Pinto (Porto) vencedor 1ª Prova do Circuito Hotel Sra. do Castelo em Squash

Teve lugar, no passado sábado, dia 6 de Outubro nos courts do Complexo de Piscinas Municipais de Mangualde a 1ª Prova do Circuito Hotel Sra. do Castelo 2018/2019, o Torneio de Outubro 2018, prova nível 2 da Federação Nacional de Squash, que contou com a participação de 29 atletas de todos país entre os quais alguns dos melhores praticantes nacionais da modalidade.

Claudio André Pinto (Porto) venceu na final Jorge Monteiro (Aveiro) num jogo muito bem disputado mas onde o atual nº 1 nacional venceu o nº 6 por 3-1 (10-12, 11-6, 11-9, 11-2)

A final da placa A foi disputada entre o jovem portuense João Romano e Ireneu Fernandes (Viseu). Romano foi o vencedor vencendo por 2-0 (11-8, 11-7)

A final da placa B foi disputada entre André Espinha (Mangualde) e Simão Costa (Santa Comba Dão). Espinha levou a melhor vencendo por 2-0 (11-4, 11-5)

Por fim na final da Placa C, disputada entre Pedro Pereira (Lisboa) e João Paulo Paiva (Covilhã), Pereira levou a melhor e venceu por 2-0 (11-7, 11-7).

Cláudio Pinto – 1º Classificado Quadro Principal
Jorge Monteiro – 2º Classificado Quadro Principal
João Romano – Vencedor da Placa A
André Espinha – Vencedor da Placa B
Pedro Pereira – Vencedor da Placa C

Próxima prova: Torneio Gabinete de Projetos – Natal 2018 – 15 e 16 Dezembro 2018

Tufão Team Campeão Nacional de Promoção CP Trial 4×4

Vandoma, no concelho de Paredes, foi o palco da consagração dos campeões nacionais, deste modo, a equipa Tufão Team de André Henriques e Rodrigo Sousa subiram ao pódio no final deste campeonato para a consagração.

Ainda que nesta prova, apenas precisavam de alinhar para serem consagrados, mas queriam terminar com um triunfo, mas o Land Rover não permitiu e apenas completaram 8 voltas do percurso.

Em suma, esta dupla que este ano se estreou, dado que , é uma equipa nova nestas andanças, mas detém no navegador Rodrigo Sousa , um homem com um currículo muito forte nestas andanças do trial. Por sua vez, muito mérito para o piloto André Henriques que ao ser estreante se portou à altura deste desafio e o trabalho deste coletivo, apoiados por uma vasta equipa de logística que todas as provas se mostraram muito importantes.

Nas restantes classes foram igualmente campeões Cláudio Ferreira que é o campeão nacional de trial 4×4, na Extreme, venceu António Calçada, já Luis Bacelo na Proto e Carlos Martins na Classe UTV/Buggy.

Por:AP  Foto:RL

 

Tempestade “Leslie” – Atividade operacional da GNR

Considerando as condições meteorológicas adversas causadas pela passagem da tempestade “Leslie”, a Guarda Nacional Republicana, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de hoje, domingo, em todo o território nacional, levou a efeito um conjunto de medidas preventivas e de intervenção operacional, através da intensificação do patrulhamento rodoviário, vigilância da orla costeira e de infraestruturas críticas, que visaram garantir a tranquilidade pública e a segurança e proteção das pessoas e dos seus bens.

Nestas ações de prevenção e de intervenção de primeira linha, a GNR registou dezenas de ocorrências, das quais se destacam:

  • 11 cortes e/ou condicionamentos de trânsito de vido à queda de árvores, cabos elétricos, placas de sinalização, entre outros, em autoestradas, itinerários principais e estradas nacionais;
  • A queda da torre de observação do Sistema Integrado de Vigilância, Comando e Controlo (SIVICC), na praia da Leirosa – Figueira da Foz, da qual resultaram danos em habitações circundantes e a evacuação de quatro moradores (sem quaisquer ferimentos), estando o seu realojamento a ser processado junto da Cruz Vermelha Portuguesa;
  • Segurança ao perímetro da Base Aérea de Monte Real, devido à queda da vedação de proteção.

No âmbito das atividades relacionadas com a passagem da tempestade “Leslie”, e no período referido, a GNR empenhou um total de 442 viaturas e 962 militares, dois dos quais sofrerem ferimentos ligeiros, tendo recebido tratamento hospitalar.

Condições Meteorológicas Adversas !Alerta!!

O mau tempo vai chegar a Portugal Continental
A situação meteorológica que irá condicionar o território continental português é ainda muito incerta, nomeadamente quanto à trajetória da depressão Leslie e aos efeitos que a mesma produzirá em relação a vento, precipitação e agitação marítima. Espera-se que as condições dos estados do tempo e do mar se agravem a partir das 19:00 horas de sábado, 13-10-2018, atingindo-se o pico mais crítico entre as 00:00 horas e as 06:00 horas de domingo, para o vento, as 01:00 horas e as 16:00 horas de domingo para a precipitação, as 03:00 horas e as 12:00 horas de domingo, para a agitação marítima.
O território continental português será afetado muito provavelmente em toda a sua extensão geográfica, não sendo possível ainda indicar com precisão as áreas de maior impacto dos fenómenos meteorológicos.

É essencial recomendar ESPECIAL CUIDADO com o vento, por precaução, na medida em que, podendo soprar forte nalgumas regiões, pode contribuir sobremaneira para a evolução rápida dos incêndios rurais que venham a verificar-se.

🚨2. EFEITOS EXPECTÁVEIS

Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:

➡️· Danos em estruturas montadas ou suspensas;
➡️· Possibilidade de queda de ramos ou árvores em virtude de vento mais forte;
➡️· Possíveis acidentes na orla costeira;
➡️· Dificuldades de drenagem em sistemas urbanos, nomeadamente as verificadas em períodos de preia-mar, podendo causar inundações nos locais historicamente mais vulneráveis;
➡️· Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água e gelo;
➡️· Possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem;
➡️· Possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis;
➡️· Inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem;
➡️· Fenómenos geomorfológicos causados por instabilização de vertentes associados à saturação dos solos, pela perda da sua consistência.

🚨3. MEDIDAS PREVENTIVAS

A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, e em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:

➡️· Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas;
➡️· Ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos e árvores, em virtude de vento mais forte;
➡️· Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a galgamentos costeiros, evitando a circulação e permanência nestes locais;
➡️· Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos muito próximos da orla marítima;
➡️· Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;
➡️· Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível acumulação de neve e formação de lençóis de água nas vias;
➡️· Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;

➡️· Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Para mais informações consulte:

www.prociv.pt ou
http://www.prociv.pt/…/AP_44_DCS_2018_10_12_Condi%C3%A7%C3%…
Para acompanhamento da situação consulte:
www.ipma.pt ou
https://www.ipma.pt/pt/otempo/prev-sam/timeline.jsp?reg=VIS

Informação : AUTORIDADE NACIONAL DE PROTEÇÃO CIVIL

Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais reforçado até 31 de outubro

Face às previsões meteorológicas para a segunda quinzena de outubro disponibilizadas pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) à Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), o Ministério da Administração Interna decidiu reforçar, até ao final do mês de outubro, o .
Assim, até 31 de outubro, o dispositivo terrestre será reforçado com mais 624 bombeiros. Cerca de 500 militares do GIPS da GNR serão empenhados em ações de vigilância e fiscalização.
Relativamente aos meios aéreos, vão manter-se disponíveis 10 helicópteros ligeiros em regime de locação, 3 helicópteros ligeiros propriedade do Estado, 6 aviões anfíbios médios e 3 helicópteros pesados.
Foi ainda decidido o incremento das ações de vigilância e fiscalização por parte da GNR e da PSP nas suas áreas de competência e o reforço da vigilância móvel terrestre, com base no empenhamento de patrulhas das Forças Armadas, sobretudo nas áreas mais sensíveis e vulneráveis.
No âmbito da Rede Nacional de Postos de Vigia, mantêm-se em funcionamento até ao dia 6 de novembro os postos da rede primária.
Este reforço do dispositivo é concretizado de acordo com a flexibilidade operacional prevista na Diretiva Operacional n.º 2 – DECIR.

“Leituras Enfeitiçadas” no Halloween em Mangualde

O Halloween voltará a ser assustadoramente celebrado em Mangualde! No dia 31 de outubro, quarta-feira, mais uma edição de “Leituras Enfeitiçadas” trará leituras, performances, exposições e concursos alusivas ao tema do Halloween ao centro da cidade. A iniciativa é organizada pelo Município de Mangualde através da Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves.

O ponto de encontro será no Largo Dr. Couto, pelas 20h30. A caminhada pela cidade de Mangualde terminará na Biblioteca Municipal de Mangualde. Junto à Biblioteca realizar-se-ão leituras enfeitiçadas, com muitas bruxas, abóboras e magia!

O “Leituras Enfeitiçadas” contará com a participação do “Teatro Hábitos” e das Bibliotecas Escolares do concelho.

O Grupo de Teatro Hábitos iniciou a sua atividade em 2013 com o espetáculo “Uma viagem pelo tempo”, que promoveu em Carvalhal Redondo. Em fevereiro de 2013, foi criada a Associação Cultural Juvenil Teatro Hábitos e desde então apresentou cerca de meia centena de espetáculos por várias zonas do país. Neste momento, o HÁBITOS conta com pessoas dos 4 aos 80 anos, desde atores amadores, músicos, equipa técnica, a serralheiros, eletricistas, carpinteiros, soldadores e costureiras.

É um projeto com objetivo de promover o teatro e toda a vertente cultural, com forte envolvência da comunidade. Valoriza as pessoas, o povo e as suas histórias.

Noite cultural e passeio de motos movimentam Quintela

A localidade de Quintela de Azurara é uma freguesia do Concelho de Mangualde com muita vida, gente jovem e sénior, mas todos juntos são muito dinâmicos e dão vida a este lugar.

Deste modo, neste sábado, 13 de outubro se celebra o Outono de Amizade, onde será celebrada uma Eucaristia, seguida de um lanche.

Depois pela noite dentro segue a música, com os grupos de Cantares de Pena Alba e Tuna Realense.

Depois o domingo, mais ter mais adrenalina com o Passeio de Motorizadas Clássicas de Quintela de Azurara.
Os Misturas, amantes das velhinhas 50cc, são uma secção do Rancho Folclórico “Os Azuraras” de Quintela e irão organizar pela primeira vez e na íntegra, todo o evento.

Mangualde acolheu formação de motoristas de pesados de mercadorias

Decorreu no passado sábado, no Quartel dos Bombeiros Voluntários de Mangualde, uma formação prática profissional para condutores de veículos pesados de mercadorias. Estiveram presentes mais de 70  profissionais na formação, oriundos de várias empresas do setor.

Marcou presença João Azevedo, Presidente do Município de Mangualde, que salientou a importância da formação contínua e constantemente atualizada, nomeadamente agora que a nova regulamentação social sobre tempos de condução e repouso entrou em vigor.

Esta formação prática de demonstração contínua foi organizada pela APV – Associação de Profissionais ao Volante e pelo grupo Motoristas Lusitanos. A sessão foi composta por três módulos: “Socorros e manuseamento de sistemas de proteção de incêndio”, “Amarração e acondicionamento de carga” e “Gestão de stress em situações de risco”. Por fim, esclareceu-se a “Regulamentação Social e Tacógrafos”.

Vandoma recebe final do Campeonato de Portugal de Trial 4×4

A final do Campeonato de Portugal de Trial 4×4 será, à semelhança de anos anteriores, no concelho de Paredes mas em 2018 será a localidade de Vandoma a acolher o espetáculo.

O Clube TT Paredes Rota dos Móveis já habituou a pistas duras e muito técnicas e esta sexta e derradeira jornada não será certamente diferente. Os pneus e os troncos são os únicos obstáculos naturais, sendo que 80% da pista será mantida o mais natural possível. As equipas podem contar ainda com a dificuldade acrescida de um terreno com muita pedra o que será, certamente, um obstáculo acrescido. A organização optou também por construir uma pista longa, para que as equipas tenham tempo de recuperar o fôlego entre cada obstáculo e para que o público possa circular pela pista e ver o espetáculo em diferentes pontos. O público é, aliás, uma preocupação constante das organizações. O clube está a trabalhar para que os milhares de espectadores esperados no dia 14 de outubro em Paredes tenham todas as condições de ver a prova. Boas condições de visibilidade não faltam e parques de estacionamento também não. Junto à EN15, perto da farmácia de Vandoma, haverá muitos lugares para os veículos do público.

Para aqueles que quiserem aproveitar do espetáculo com ainda mais comodidade, a organização disponibiliza um kit VIP Kit Vip que incluiu autocolante Parque, Credencial Pessoal VIP e ainda 1 Gin Oferta. Esta credencial dá acesso à área VIP, uma zona mais reservada aos convidados, com uma tenda com 150 m/2, zona de estar com cadeiras e sofás, som ambiente com DJ, televisão com vários canais, Bar com GIN oferta e vendas e ainda uma vista privilegiada para a prova.

Relembramos que à chegada à última prova do ano algumas equipas já garantiram matematicamente o título de campeões nacionais. Na Promoção, por exemplo, André Henriques e Rodrigo Sousa (Tufão Team) estão apenas obrigados a alinharem na grelha de partida de Paredes para poderem levantar a taça e fazer a festa. A mesma situação para Cláudio Ferreira (Auto Higino) que só precisa de alinhar na grelha de partida da última prova, em Paredes, para ser bicampeão da classe Super Proto.

Já a Luís Bacelo (Oficina Bacelo) não chega apenas alinhar na grelha de partida, mas também não precisa de uma vitória na classe Proto para se sagrar campeão. Luís Bacelo e Cláudio Ferreira são também os grandes candidatos à vitória em termos absolutos. Quem fizer o melhor resultado em Paredes sucede a Rui Querido e Ivo Mendes como os novos campeões nacionais de trial 4×4.

Programa Oficial

Sábado, 13 outubro 2018

15h00 – Prova SPARTANS & MACHINES SERIES

14h30 / 18h30 – Secretariado, verificações técnicas e administrativas

14h30 / 18h30 – Parque fechado (Parque José Guilherme – Paredes)

19h00 – 1ª Reunião Colégio Comissários Desportivos – Salão Nobre do Município

19h20 – Publicação Lista dos Concorrentes Admitidos à Partida

19h30 – Briefing c/pilotos/navegadores/chefes equipa no Salão Nobre do Município

 

Domingo, 14 outubro 2018

08h30 – Abertura Parque Fechado

09h00 – Encerramento Parque Fechado

09h00 – Deslocação até local da prova

10h00 /12h00 – Prologo para qualificações pré-grelha

12h15 – Publicação de tempos

13h00 /14h00 – Pausa para almoço

13h30 /13h50 – Entrada em Parque Fechado / Grelha de Partida

14h00 – Neutralização/Briefing

14h30 – Inicio Prova Resistência – Campeonato Portugal Trial 4×4 (3 horas)

15h30 – Inicio Prova Resistência – Campeonato Portugal Promoção Trial 4×4 (2 h)

17h30 – Final Prova Resistência CPT4x4 e CPPT4x4

17h30 – Viaturas em Parque Fechado – junto à reta da meta

Controlo Anti Doping Anti Alcoolémia realiza-se no final da prova, de acordo com os Art. 18 e 19 das PGAK nas instalações do pavilhão Vandoma

17h45 – 2ª Reunião do Colégio de Comissários Desportivos

18h00 – Afixação das Classificações Oficiosas

18h30 – Afixação das Classificações Oficiais

18h30 – Cerimónia da entrega de prémios

(programa poderá sofrer alteração)

CIM´S nacionais debatem processo de descentralização

Decorreu na Mealhada, um encontro das Comunidades Intermunicipais de todo País, onde também esteve presente a direção da Associação Nacional de Municípios Portugueses.

O tema principal em debate foi o processo de descentralização à escala intermunicipal.

Assim desta região estiveram representadas as CIM Dão e Lafões e CIM Beiras e Serra da Estrela, representada pelo Vice – Presidente Manuel Fonseca e o Eng. Ruas.

fotos:CIM RC

 

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar