Templates by BIGtheme NET
Home » Religião (page 20)

Religião

O Dia de Todos os Santos é comemorado por toda a parte

Este domingo comemora-se o Dia de Todos os Santos como todos anos acontece, no dia 1 de novembro, apesar de agora não ser considerado feriado, mas as pessoas acabam por arranjar um tempinho extra sempre para poder prestaram uma digna  homenagem a todos os seus entes queridos que já partiram.

foto:CB

foto:CB

Por tradição , as famílias portuguesas enfeitam as campas dos seus familiares nos cemitérios e ao longo deste dia 1 e também em algumas localidades no dia 2, visitam os cemitérios para deixar ramos e velas . As Eucaristias neste dia um pouco por toda a parte, tem como base a homenagem a todos os que partiram e após a mesma , decorre a romagem aos cemitérios um pouco por toda a parte.

Agora de fato este ano é num domingo, mas por norma e porque este dia 1 deixou de ser feriado, é notória a dificuldade que as pessoas tem de se deslocar nesses dias assinalados para homenagear os seus entes queridos dado que , é um dia de trabalho normal, já ao domingo  só volta a ser em 2020.

 

Escuteiros de Fornos de Algodres já estão em andamento

Desta forma, os recém criados, escuteiros na vila de Fornos de Algodres, iniciaram já osescuteiros trabalhos no passado dia 18.

Agora uma igrejacoisa é certa, grande adesão que aconteceu em Fornos de Algodres, com os responsáveis a coordenar os muitos jovens de diversas idades que se inscreveram nesta atividade, que semanalmente vão reunindo para realizar diversos momentos.

Deste modo , estes dois domingos foram participando já nas Eucaristias dominicais.

É um novo projeto, mas resta saber se os jovens estão preparados para enfrentar o futuro.

Por:António Pacheco

 

Passeio dos funcionários do Município de Fornos a Fátima

Aproveitandopasseio o domingo, mesmo que estivesse cinzento, os funcionários do Município de Fornos de Algodres, e alguns familiares, organizaram-se e rumaram ao Santuário de Fátima no intuito de agradecer a Nossa Senhora.
Deste modo, foi um verdadeiro dia de muito convívio entre todos, pois acabou por ser um passeio deveras interessante, com passagem também pelo Luso, no regresso.
passeio1
 

fotos de José Rebelo
Texto de António Pacheco

Gentes de Infias(Fornos de Algodres) visitaram o Santuário de Fátima

Este domingo, as gentes dinfiasa Freguesia de Infias, concelho de Fornos de Algodres, rumaram à Cova da Iria, onde visitaram o Santuário de Fátima.

Deste modo, apesar da chuva e do frio que se fez sentir no litoral, foi um dia animado e diferente para todas estas pessoas, que participaram as diversas faixas etárias.
Esta viagem resultou de uma iniciativa da Comissão Fabriqueira da Paróquia de Infias.

Por:António Pacheco
Foto:Fernando Jerónimo

Sepulturas medievais de Moimenta de Maceira Dão em destaque

MANGUALDENSES FICAM MAIS PRÓXIMOS DO PATRIMÓNIO DO CONCELHO
A campanha da autarquia mangualdense, «Mangualde, o
nosso património!», continua a dar a conhecer o vasto património do concelho.
Para aproximar a população do património mangualdense, em outubro, o destaque
vai para as Sepulturas medievais de Moimenta de Maceira Dão.
Sepulturas medievais de Moimenta de
Maceira Dão
Dispersas pelo território de Mangualde,
as sepulturas escavadas na rocha são o vestígio mais presente de uma época da
qual poucas marcas arqueológicas persistem ou se conhecem: a Idade Média Alta
(séculos V a XI).

Período conturbado por toda a
Europa, devido às grandes hordas de migrantes que, instalando-se e
misturando-se com as populações indígenas, promoveram uma profunda alteração
nos valores civilizacionais vigentes. A vinda para a Hispânia romana de Alanos,
Vândalos, Suevos e Visigodos decretava e impunha – em definitivo – o fim do Império
Romano por todo o Ocidente! Os Visigodos criaram estabilidade e só a Invasão
muçulmana os confinou às Astúrias, donde iniciaram a Reconquista Cristã.
Mais abundantes no século IX e X, é
cerca de uma centena o número de sepulturas que hoje se conhecem (já não
existem todas!) pelo território de Mangualde. Cristãs, testemunham o povoamento
deste território e perpetuam a vontade de alguém se manter na memória dos que
ficavam e dos que viriam. Não revelando quem as ocupou, dão-nos conta de um
ritual funerário anónimo.
Em Moimenta de Maceira Dão,
provavelmente coevas à instalação do Mosteiro, persistem dois exemplares, hoje
valorizados por iniciativa da Junta de Freguesia local.
Coordenadas geográficas: 40º 34.836
| 7º 48.925
António Tavares
Gabinete de Gestão e Programação do
Património Cultural
Com esta campanha todos ficam mais próximos de todo o esplendor patrimonial
do nosso concelho. Nesse sentido, continua a ser colocada, em vários pontos de
encontro do concelho, informação sobre o monumento/património apresentado. O
património material e imaterial vai sendo apresentado consoante a categoria com
a qual foi classificado: arqueologia, pelourinhos, fontes, palacetes e
religiosos, bem como outros bens patrimoniais. Cada categoria será representada
por uma cor que a distingue das restantes.
Foram já vários os bens patrimoniais destacados por esta campanha nos
últimos dois anos. Em 2015, continuamos a aproximar a comunidade de todo o
nosso património, tendo sido apresentada nos primeiros meses do ano, a Igreja
de São Tomé de Cunha Baixa, o Fontenário dos Seabra Beltrões, em Cassurrães, o
Penedo da Cruz, em Póvoa de Cervães, Vila Cova de Tavares…1663, a Capela dos
Cabral Pinto – Cassurrães, a Ponta da Barca e a Igreja de Santiago de
Cassurrães.
Por: Municipio de Mangualde

Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima atraiu multidão de fiéis em Celorico

A
Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima chegou a Celorico da Beira,
nesta quarta-feira, dia 30 de setembro, pelas 16 horas ao recinto do
Boa Hora, onde foi acolhida por uma multidão de fiéis, fazendo o 
cortejo até à Igreja de Santa Maria onde vai permancer até às 14h30 do
dia 1 de outubro, altura em que será feito o terço e a despedida da
imagem peregrina, seguindo para Trancoso.

 De
maio de 2015 a maio de 2016, a Imagem Peregrina de Nossa Senhora
passará por todas as dioceses de Portugal, numa grande peregrinação
festiva, que pretende assinalar o Centenário das Aparições – 1917-2017. A
imagem peregrina é a que foi entronizada na Basílica de Fátima, em
2003, e que percorreu o mundo na década de 50 do século XX.
 Com
esta iniciativa pretende-se envolver todas as dioceses portuguesas na
celebração do Centenário das Aparições e também ajudar as comunidades
eclesiais a viver a mensagem e a espiritualidade de Fátima.
Por:Celorico TV

Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima passou em Gouveia

Foto:BVG
Por:BVG

A cidade de Gouveia recebeu já a Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima, com os fiéis a reuniram -se à volta de Nossa Senhora pelas ruas, por onde passa.

De rua em rua , lá foi caminhando o carro, a percorrer as artérias mais importantes da cidade.
Digamos que a Igreja de S.Pedro foi pequena para acolher tantos fiéis.
Segue esta quarta- feira para Celorico da Beira, onde já está toda a gente ansiosa por puder ficar bem perto , ou mesmo tocar-lhe.
Assim a Imagem vai aos poucos e pouco percorrer as muitas localidades da vila.

Por: António Pacheco

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar