Templates by BIGtheme NET
Home » Desporto (page 149)

Desporto

Férias Desportivas destinam-se a crianças e jovens entre os 8 e os 14 anos em Mangualde

Como forma de manter os mais novos
ocupados durante as férias de verão e ao mesmo tempo promover a prática
desportiva, a Câmara Municipal de Mangualde promove mais uma edição das Férias
Desportivas de Verão. A iniciativa decorre de 13 a 31 de julho, das 9h00 às
17h30, e destina-se a crianças e jovens entre os 8 e os 14 anos de idade.

 Durante estas três semanas, vai
ser possível participar em jogos, atividades aquáticas, praia, piscinas, praias
fluviais, Live Beach e muito mais. É de salientar que o programa repete-se
semanalmente.
 Todos os interessados podem-se
inscrever-se nas Piscinas Municipais de Mangualde ou através do email desporto@cmmangualde.pt
ou do telefone 232 619 820. As inscrições decorrem até 3 de julho, para a
semana de 13 a 17 de julho, até 10 de julho, para a semana de 20 a 24 de julho,
e até 17 de julho, para a semana de 27 a 31 de julho e podem participar no
número de semanas desejadas. Para a realização das atividades o limite mínimo
de inscrições é de 15 e o máximo de 35. O preço por semana é de 40,50€ e inclui
duas refeições (almoço e lanche). 
 Regulamento disponível em www.cmmangualde.pt
Por:Mun.Mangualde

CD Ourentã vence 2ºTorneio futsal Feminino em Celorico

 Futsal feminino em ascensão
CD Ourentã

   Um dia recheado de grandes emoções aconteceu no Pavilhão Gimnodesportivo de Celorico da Beira, com nove equipas, onde bons jogos se assistiram e todas as equipas mobilizadas em praticar bom futsal.
  Assim desde cedo, se iniciaram os jogos onde a fase de grupos  foi jogada a bom ritmo.
Desde cedo também se foram destacando as equipas que possuíam mais jogadoras com qualidade e o CD Ourentã vinha dos nacionais, mas também o Chafariz Bar detinha algumas internacionais AA de futebol de 11, assim como a turma “As Mai Lindas” com larga qualidade.

  Depois da fase inicial terminada, a AD Fornos terminava na nona posição.
Na discussão dos 7º/8º lugares o SC Celoricense era derrotado pelo Oliveira de Frades por nove bolas a zero.

chafariz bar

  Mais disputado o 5º/6º lugares, com As Mai Lindas a derrotar a turma da Casa do Benfica de Aveiro, mas mais quente, foi o jogo do terceiro lugar do pódio, com Santo Cristo e CB Castelo Branco a levarem a situação até às grandes penalidades, após a igualdade no tempo regulamentar.
  Já a grande final, foi entre as equipas mais experientes, o Chafariz Bar e CD Ourentã, com esta a vencer por três bolas a zero num jogo recheado de emoções.
  Em suma, a grande vencedora foi a turma  CD Ourentã seguido do Chafariz bar e CB Castelo Branco a ficar-se pelo terceiro posto, a AD Fornos arrecadou o Premio Fair Play, a melhor marcadora foi Daniela Alves  e melhor jogadora Inês Silva ambas do Chafariz Bar, a melhor keeper foi Carina do CD Ourentã.
  Mais uma prova interessante no entender da organização do SC Celoricense, que tudo fez para a prova ter sucesso.

Fornos de Algodres Youth Cup 2015 – Daral Soc. Med. Seg. Lda apresentado

DANIEL CANDEIAS E
LUÍSINHO PRESENTES NA APRESENTAÇÃO PÚBLICA, À COMUNIDADE ESCOLAR, DO FORNOS DE
ALGODRES YOUTH CUP 2015 – DARAL SOC. MED. SEG.

 O Município de Fornos de Algodres
realizou esta sexta-feira, 5 de junho, a apresentação pública do torneio de
futebol infantil, Fornos de Algodres Youth Cup 2015 – Daral Soc.
Med. Seg. Lda. à comunidade escolar do concelho.
  O local escolhido
foi a Escola EB 2,3 de Fornos de Algodres.

  As várias dezenas de
jovens presentes puderam conviver de perto com dois dos padrinhos do torneio,
nomeadamente Daniel Candeias e Luisinho, ambos filhos da terra e
ex-atletas da Associação Desportiva de Fornos de Algodres.
  Nesta confraternização, os jovens
tiveram a oportunidade de recolher autógrafos, tirar fotos com os craques e fazer
várias perguntas aos atletas, esclarecendo, assim, algumas das curiosidades que
os preenchiam.
  Para o Município foi também uma
oportunidade de dar a conhecer um projeto abrangente e inovador que engloba no
seu âmbito o desenvolvimento de uma cultura desportiva, competitiva e de fair
play, para jovens dos 6 aos 12 anos.
   A 4ª Edição do Fornos de Algodres Youth Cup, que se realizará nos dias 20 e 21 de Junho, irá
juntar mais de 800 crianças, de 40 equipas oriundas de vários distritos do País
e terá mais de 70 jogos.
  A competição terá como padrinhos
os atletas, Luís Andrade (Académico de Viseu), Daniel Candeias (SL Benfica),
Rui M. Rodrigues (Rapid Bucarest), José Bosingwa (Trabzonspor) e Philip Chidi
(FC Famalicão).
  De salientar que todos estes
futebolistas, fizeram grande parte da sua formação desportiva na Associação
Desportiva de Fornos de Algodres.
  A nível nacional, destaca-se a
participação dos clubes “grandes”, bem como as melhores escolas de
futebol da região de Viseu, Guarda, Porto, Castelo Branco e Aveiro.
Fonte:Mun.FA

AD Fornos de Algodres recebe faixas de campeões

  Vai acontecer já este sábado a consagração da Associação Desportiva de Fornos de Algodres, face a isso, será a entrega das faixas ao clube orientado por Nando Pompeu e presidido pelo também jogador, Bruno Costa.

Assim é esperada uma casa bem composta, no Municipal da Serra da Esgalhada , onde a apadrinhar esta festa vai estar o Campeão da 1ªdistrital da AF Guarda, o Sp.Sabugal, cenário que já se tinha repetido na anterior semana, quando os fornenses apadrinharam a festa dos raianos.
  De certo, que a direção fornense a partir daqui vai já  preparar a próxima temporada , o regresso ao escalão maior da AF Guarda.

Reportagem de António Pacheco/Sofia Pacheco

O fornense Carlos Alberto homenageado em S.João da Madeira pelos 50 anos de rádio

  Carlos Alberto, está de parabéns, pois 50 anos de rádio, não é para todos, assim , o fornense que alguns anos saiu em busca de um futuro melhor, esteve alguns anos em Moçambique .

 No regresso  foi acolhido na região de S.João da Madeira e face a isso, sempre o bichinho rádio esteve presente e esteve a colaborar com algumas referências radiofónicas da região litoral e em alguns jornais também.Outra faceta foi a de integrar as direções de clubes, num certo período.
 Mas foi na rádio que se destacou imenso e agora com 74 anos decidiu colocar um ponto final na carreira com meio século dedicado ao jornalismo desportivo.
 Assim um referência do jornalismo que tens raízes em Fornos de Algodres, vai agora ser alvo de uma homenagem justa por parte dos colegas de profissão, na zona de S.João da Madeira.

Reportagem de António Pacheco

Términus da 2ªfase do Programa de Empreendedorismo em Fornos de Algodres

Entrepreneurial
Tool II foi um êxito

    No
passado 22 de maio, realizou-se no auditório Piso 0 do Instituto Superior de
Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa, a Entrepreneurial Tool
II, no âmbito do Programa Empreendedorismo Estratégico e Desenvolvimento Regional
de Fornos de Algodres onde cada empreendedor ou grupo de empreendedores fizeram
a apresentação do seu projeto, já acompanhada do seu Plano de negócio.

  Face
a isso, para apreciar e avaliar os diversos projetos apresentados, estava um
leque de pessoas da Comunidade da Guarda e de Fornos de Algodres, como por
exemplo: Dr. Manuel Fonseca (Presidente do Município de Fornos de Algodres),
Dra. Rita Silva (Vice- presidente do Município), Professora Doutora Patrícia
Jardim da Palma (Coordenadora da Escola de Liderança e Inovação do ISCSP-ULisboa),
Dr. Manuel Morais (IAPMEI), o Eng. António Ruas (CIMBSE) e o Prof. Dr. Albino
Lopes (Professor Catedrático do ISCSP /ULisboa).
    Assim
todos os empreendedores apresentaram os seus projetos de forma clara, onde o
respetivo painel foi fazendo uma apreciação individual dos vários projetos.
Depois
das apresentações e apreciações, na sessão de encerramento do dia, esteve presente
a Vice-Presidente do ISCSP, Professora
Doutora Alice Trindade que se mostrou satisfeita com este dia tão proveitoso.
Posto isto, todos nós fomos contemplados com uma
visita ao ISCSP, e todos ficaram com a ideia base como funciona esta
universidade.
     Para
fazer um balanço desta segunda fase, conversámos com alguns dos elementos que
constituíam o painel, assim como com o Presidente do ISCSP-ULisboa, Professor Catedrático Doutor Manuel Meirinho que nos deixou
as seguintes palavras.

 Que
balanço faz no geral deste Projeto: Programa de Empreendedorismo Estratégico e
Desenvolvimento Regional de Fornos de Algodres que teve o encerramento no dia
22 de maio?

      O balanço é muito positivo, ainda mais
porque se trata do primeiro programa a ser desenvolvido pelo ISCSP. Estamos a
apostar muito neste projeto e acreditamos que, no quadro no novo paradigma de
desenvolvimento e revitalização dos territórios, em particular os de zonas do
interior, é absolutamente fundamental.
A
parceria do Instituto com o Município de Fornos de Algodres, pelo que temos
analisado, está a ser um sucesso. Qual a sua opinião?
   Da nossa parte consideramos que os objetivos foram alcançados. Também
aprendemos muito com esta parceria e estamos a melhorar o programa em face desta
experiência. Mas a avaliação do sucesso cabe ao Município de Fornos de Algodres
e, em especial, ao grupo que participou no programa.
Depois
desta parceria do Instituto com o Município, no futuro surgirão novas
parcerias?
   Da nossa parte estamos abertos a novas parcerias, caso o Município de
Fornos de Algodres entenda que podemos ser úteis. Creio que o projeto deixou em
aberto a necessidade de consolidar algumas áreas do próprio programa que
precisam de continuidade e de acompanhamento.
No
distrito da Guarda, o Projeto desenvolvido no Sabugal também está a decorrer de
forma satisfatória?
   Cada programa
tem a sua especificidade. No caso do Sabugal o programa é um pouco diferente
mas está a correr bem. Também neste caso, a experiência tem ajudado a melhorar
a nossa intervenção. 
De seguida,
falou a

Professora Doutora Patrícia Jardim da
Palma
– Coordenadora da Escola de
Liderança e Inovação do ISCSP-ULisboa e Coordenadora do Programa
“Empreendedorismo Estratégico
e Desenvolvimento Regional”

 Que balanço faz
sobre o dia 22 de maio, e no geral deste projeto: Programa de Empreendedorismo
Estratégico e Desenvolvimento Regional de Fornos de Algodres?

   No
dia 22 de Maio decorreu a Entrepreneurial Tool II, em que cada empreendedor ou
grupo de empreendedores apresentou o Plano do Negócio que pretende vir a
desenvolver em Fornos de Algodres. Este momento atesta, não apenas o términus
do Curso Avançado em Empreendedorismo, mas principalmente a eficácia do mesmo.
E, como é do vosso conhecimento, foi em Fornos de Algodres que teve lugar a
primeira aplicação deste programa, pelo que, naturalmente, toda a equipa
responsável pela coordenação e organização deste programa estava com alguma
ansiedade e muitas expetativas relativamente às apresentações.
     E
foi com grande, grande entusiasmo que assisti a todas as apresentações! Perante
um Júri constituído por figuras de relevo da comunidade da Guarda e de Fornos
de Algodres, os empreendedores destacaram-se, não apenas pela qualidade e rigor
do Plano de Negócio que apresentaram, mas também pela motivação e vontade que
demonstraram para arrancar com o negócio em breve! E foram muitas as emoções
que povoaram esta Entrepreneurial Tool II, quer entre os empreendedores, quer
entre o próprio Júri, que se revelou muito interessado, satisfeito e
construtivo em todas as apresentações efetuadas! E no final foi notória a
satisfação do Sr. Presidente da Câmara de Fornos de Algodres e da Srª
Vice-Presidente! E essa satisfação foi muito gratificante para nós,
naturalmente, dado que constituiu uma forma de reconhecimento e de confiança em
todo o trabalho efetuado!
    Dados
estes resultados, podemos afirmar que o Curso Avançado em Empreendedorismo
superou as expectativas em Fornos de Algodres! Em primeiro lugar, pelos
conhecimentos e ferramentas que proporcionou, que permitiu aos formandos a
elaboração de planos de negócio viáveis. Em segundo lugar, pela motivação que
despertou entre os formandos, que os leva a acreditar ser possível permanecerem
no seu concelho e montarem a sua vida em Fornos de Algodres!
    Para
finalizar, podemos concluir que o “Empreendedorismo Estratégico e
Desenvolvimento Regional de Fornos de Algodres” está a ser um êxito, na medida
em que a criação de negócios próprios representa uma mais-valia tanto para os
formandos – que desenvolvem o seu projeto de vida no seu concelho, no concelho
que escolheram para viver – como para o próprio Município, uma vez que os novos
negócios vão gerar riqueza, e consequentemente desenvolvimento económico e
social, contribuindo para a retenção de pessoas jovens e altamente habilitadas
no concelho.
Sente que estes
projetos poderão ser exequíveis, num futuro próximo?
  Claro
que sim! É essa a nossa missão! O nosso programa visa desenvolver projetos que
vão ao encontro das reais necessidades dos munícipes, aproveitando os recursos
endógenos da região! Daí o nosso esforço de envolvimento de toda a comunidade
no Programa, através das conferências e sessões solenes de apresentação dos
resultados.
  Como
pudemos constatar na Entrepreneurial Tool II, que se realizou no ISCSP, foi
notório o envolvimento quer da Câmara Municipal, quer da própria CIMBSE. E é
esse o princípio basilar que norteia o nosso Programa! O “Empreendedorismo
Estratégico e Desenvolvimento Regional” é um programa de empreendedorismo de Base
Local, que procura ir ao encontro das reais necessidades da comunidade,
envolvendo para isso toda a comunidade! Por isso, os nossos empreendedores
estão a ser apoiados por toda a Comunidade!
   Para
finalizar, gostaria de acrescentar que o Programa de Empreendedorismo
Estratégico e Desenvolvimento Regional ainda não terminou! Agora, segue-se, em
Fornos de Algodres, a abertura formal da Incubadora e do Clube de
Empreendedores de Fornos de Algodres. Este Clube visa constituir a “rampa de
lançamento” e apoio aos novos negócios! A ELINOV – ISCSP vai desenvolver o
primeiro workshop que vai marcar a abertura oficial deste Clube. A organização
deste workshop será feita em conjunto com os nossos empreendedores de Fornos!
Portanto, para já, não vamos “retirar o véu”. O workshop está a ser preparado e
esperamos que seja mais um marco para toda a equipa e para toda a comunidade!
Também chegámos
à fala com Dr. Manuel Fonseca,
o Presidente do Município de Fornos de
Algodres
Que balanço faz
sobre o dia 22 de maio e no geral deste Projeto: Programa de Empreendedorismo
Estratégico e Desenvolvimento Regional de Fornos de Algodres?
    O dia 22 de maio foi, não há dúvida, um
epílogo de um projeto que durante meses se desenvolveu em Fornos de Algodres na
tal parceria que se fez entre a Câmara Municipal e o Instituto Superior de
Ciências Sociais e Políticas em que conseguimos com um grupo de jovens
licenciados pudessem adquirir competências na área do Empreendedorismo. E o dia
22 de maio não há dúvida que foi o epílogo desse mesmo trabalho que foi
realizado ao longo dos meses, e foi muito importante porque para aqueles que
eram céticos relativamente a esta situação, verificou-se que efetivamente é
possível fazer alguma coisa com os jovens de Fornos, não serem subsídio-dependentes
mas sim pessoas que querem construir o seu projeto, pessoas que querem fazer,
criar emprego, criar riqueza e pra mim o mais importante é que têm um projeto
de vida para Fornos de Algodres que isso pra mim é o mais importante, o que nós
temos visto é que os nossos jovens acabam a sua licenciatura, acabam por sair e
não têm nenhum projeto para Fornos. 

    O que acontece é que esse grupo de jovens
conseguiu no final desta etapa chegar ao fim e neste momento apresentam o seu
projeto, projeto esse que todos eles por si, são importantes e que naturalmente
como disse em intervenções que fiz ou durante a apresentação dos projetos a
Câmara estará cá no sentido de abrir portas para que esses projetos possam ser
concretizados em Fornos de Algodres.
Depois do que
viu na sexta-feira é notório que os jovens empreendedores que apresentaram os
seus negócios saiam mais enriquecidos a nível dos conhecimentos adquiridos, é
natural que alguns destes negócios possam vir a ser exequíveis a curto médio
prazo?
    Eu
acho que sim. Todos eles têm as suas capacidades, uns estão numa primeira fase
ainda, ainda não atingiram a sua notoriedade, mas outros já estão na fase como vi,
e vi já com planos financeiros que foram apresentados portanto é possível que
muito curto ou médio prazo muitos desses projetos que foram apresentados no dia
22 possam ser exequíveis.

   Estamos
numa altura em que também é possível com o novo quadro 2020, é possível que
muitas das ideias que na altura foram ali defendidas tenham enquadramento no
quadro comunitário que aí vem, portanto para nós é muito importante que depois
desta etapa consigamos que estes projetos que têm a sua sustentabilidade porque
quando foram feitos naturalmente os jovens tiveram a ideia mas ao longo dos
tempos foram ganhando competências para que essa ideia se pudesse tornar
realidade e fosse um projeto exequível e pelo que me foi apresentado mais uns
do que outros, uma vez que uns como eu disse numa fase mais embrionária mas é
possível que a médio prazo muitos desses projetos já possam ser implementados
em Fornos de Algodres.
Esta parceria do
Município com o Instituto neste Programa foi satisfatória? Que novos projetos
poderão surgir nesta parceria ainda?
   Sim,
foi muito satisfatório, penso que poderá ser aqui uma porta aberta no sentido
de a universidade começar a trabalhar mais com o Interior do País, com as
Câmaras do interior do País, acho que as universidades fixaram-se no Litoral
mais ou menos em Lisboa, Porto e Coimbra e que deixaram, viraram costas um
bocado ao Interior do País. É importante que a universidade e também há aqui
uma razão de sobrevivência das próprias universidades uma vez que há menos
jovens a entrar nas universidades, era importante que essas universidades já
que elas foram instaladas no litoral possam trabalhar com as Câmaras, possam
trabalhar com outras entidades no interior do país.

   Portanto,
da minha parte acho que foi uma parceria muito proveitosa para a Câmara penso pelo
que reações que tive do próprio Instituto também eles ficaram muito satisfeitos
relativamente a esta parceria que foi estabelecida entre nós e o Instituto
Superior Ciências Sociais e Políticas.
  Naturalmente
novos projetos irão surgir, estamos a ver o novo quadro comunitário no sentido
de poder agarrar novos projetos não só com este Instituto mas com outras
entidades universitárias que queiram entrar num processo destes.
E por fim
falámos com a Dra. Rita Silva –
Vice- presidente do Município de Fornos de Algodres

Que balanço faz
sobre o dia 22 de maio e no geral deste Projeto: Programa de Empreendedorismo
Estratégico e Desenvolvimento Regional de Fornos de Algodres?
   Faço
um balanço extremamente positivo do Entrepreneurial Tool II que decorreu no
ISCSP em Lisboa. Os negócios apresentados foram construídos, no decorrer do
programa de empreendedorismo estratégico e desenvolvimento regional refletem,
um excelente trabalho e empenho por parte dos jovens que se encontram a criar o
seu negócio. O executivo municipal encontra-se muito envolvido nestes projetos
quer pela qualidade demonstrada, quer pela dinâmica que poderão conferir ao
concelho de Fornos de Algodres. Estaremos sempre que a conjuntura económica nos
permita, empenhados para continuar com projetos desta natureza.

   Apesar
dos estrangulamentos financeiros do município arrancamos com um projeto com
esta natureza inovadora com objetivo de potenciar e criar condições solidamente
estruturais, através da criação de mais emprego, assegurando melhores condições
de vida. Saliento o papel das pessoas enquanto participantes ativos no
desenvolvimento e na implementação de projetos em prol deste mesmo
desenvolvimento, ao invés de beneficiários passivos. Acreditamos que estes
projetos apresentados possam promover o tecido empresarial e o emprego e o
desenvolvimento regional.
  Aposta
nos jovens que residem e resistem ao interior e sobretudo têm vontade de
construir a sua vida em Fornos de Algodres, parece-me a aposta no futuro do
concelho.
Depois deste
Projeto que vantagens poderão advir entre o Município e o Instituto?

Este
projeto é a primeira etapa de um projeto que culminará na criação duma
incubadora.
  Esta
parceria que estabelecemos com o Instituto Superior de Ciências Sociais e
Políticas de que resultou programas de treino empreendedor oferecido a
residentes locais com formação superior, são um elevado investimento em capital
humano, associados ao sucesso empreendedor, à criação de empresas que se fixem
no território e que potenciam o desenvolvimento das regiões. Não
é necessariamente claro que o
sucesso de uma localidade ou região deva ser inteiramente baseada em medidas económicas de sucesso, mas as
empresas devem ser consideradas como parte de um sistema maior que consiste em
outras empresas, na sociedade em geral, em que a comunidade local pode ser
reconhecida como um alicerce importante para a atividade empreendedora.
  Na
minha opinião este projeto irá potenciar o desenvolvimento do concelho de
Fornos de Algodres, que é o nosso principal objetivo enquanto executivo municipal.
Os empreendedores com certeza vão criar empresas que vão ajudar o
desenvolvimento de toda a economia local. Isto é, aquilo que nós enquanto Câmara
pretendemos para o concelho.
Reportagem de
Sofia Pacheco

Rota de Stº António dos Cabaços foi uma das belezas Mangualdenses percorrida

A edição 2015 termina no dia 14 de junho, com
os ‘Caminhos do Bom Sucesso’

A Rota de Stº António dos Cabaços decorreu este
domingo trilhada por cerca de meia centena de pessoas. A iniciativa realizou-se
no âmbito do projeto ‘Mangualde em Movimento’ e tem como objetivo incentivar o
desporto ao mesmo tempo que se dá a conhecer as belezas mangualdenses.
Promovida pela Câmara Municipal de Mangualde, a organização deste trilho contou
com a parceria da Associação Cultural e Desportiva de São Cosmado “Os
Ciências”.

 PRÓXIMO PERCURSO: ‘CAMINHOS DO BOM SUCESSO’, EM SÃO
JOÃO DA FRESTA

A iniciativa ‘Mangualde em Movimento’ 2015 termina no
próximo dia 14 de junho, com os ‘Caminhos do Bom Sucesso’, em São João da
Fresta. O ponto de encontro é às 9h00, em frente ao Tribunal, para saída dos
autocarros e a participação é gratuita.
Todos os Percursos Pedestres realizam-se ao domingo
entre as 9h30 e as 12h00 e as inscrições devem ser efetuadas nas Piscinas
Municipais de Mangualde, através dos contactos: 232 619 820 ou desporto@cmmangualde.pt.
PERCURSOS PEDESTRES
«MANGUALDE EM MOVIMENTO»
Programa 2015
08 de março | Trilho de Ricardina
                          
22 de março | Trilho de Ludares – 1ª
parte
                       
12 de abril | Trilho de Ludares – 2ª
parte
                           
26 de abril | Rota das Águas
Milenares
                               
10 de maio |Trilhos de Gil Vicente
                        
17 de maio |Rota Srª dos Verdes
                          
31 de maio |Rota de Stº António dos
Cabaços                 
14 de junho |Caminhos do Bom Sucesso
Por:Mun.Mangualde

Pinhel acolhe extensão do Centro de Formação Profissional Modatex

 Acordo visa aumentar o grau de empregabilidade 
 O Município
de Pinhel e o Modatex – Centro de Formação Profissional da Indústria Têxtil,
Vestuário, Confeção e Lanifícios assinaram recentemente um contrato de comodato
para a instalação, em Pinhel, de uma extensão deste Centro de Formação
Profissional.

  Com sede no
Porto, delegações em Lisboa e Covilhã e polos em Barcelos, Vila das Aves e
Lousada, o Centro de Formação Profissional Modatex conta, agora, com uma
extensão em Pinhel.
  O acordo
celebrado tem a validade de cinco anos, podendo ser renovado por períodos
sucessivos de dois anos, e prevê que o Modatex se instale em Pinhel e aqui
desenvolva ações de formação em áreas como o têxtil, o vestuário e o
artesanato.
  A
oficialização da parceria teve lugar no Salão Nobre da Câmara Municipal de
Pinhel, com a presença do Presidente do Conselho de Administração do Modatex,
Dr. José Manuel de Castro, e também de um dos vogais, Dr. João Oliveira da
Costa.
  Ambos
falaram na importância desta nova extensão, destacando a importância da
formação e da valorização das competências.
  Embora
especificamente vocacionado para a Indústria Têxtil, Vestuário, Confeção e
Lanifícios, o Modatex poderá levar a efeito outro tipo de formações, de acordo
com as necessidades locais. Por outro lado, a aposta na formação no setor
têxtil poderá contribuir para a atração de empresas desta área, como já
aconteceu noutros concelhos onde o Centro desenvolve a sua atividade.
  Por tudo
isto, e porque as pessoas são de facto o mais importante, o Presidente da
Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, congratulou-se pela instalação, em
Pinhel, deste novo polo do Modatex, ao qual desejou os melhores êxitos. “Se o
Modatex for bem sucedido em Pinhel, será benéfico para o Modatex, logo, será
benéfico para o Município, mas também para as instituições e empresas e, mais
ainda, para as pessoas do concelho de Pinhel”, concluiu o autarca.
  Assinado o
acordo, seguiu-se uma visita às instalações onde irá funcionar a atividade do
Modatex, a saber, um edifício que em tempos foi um pavilhão gimnodesportivo mas
que, entretanto, foi adaptado a instalações provisórias da Câmara Municipal e
onde permanecem, atualmente, serviços municipais e sedes de várias associações
concelhias, assim como a Universidade Sénior de Pinhel (entrada pela Travessa
Portão Norte, junto ao Parque Municipal da Trincheira).
Por: Mun.Pinhel

Dia Mundial da Criança em Fornos de Algodres

  Dia festivo dos mais novos

 O dia 1 de junho como anualmente acontece , é o dia mais feliz para todas as crianças de toda a parte , Fornos de Algodres não foi exceção , um leque vasto de entidades promoveu esta festa das crianças com pompa e circunstância, no Seminário  São José em Fornos de Algodres, este ano o tema foi a Alegria como slogan:”Crescer em Fornos de Algodres é Fixe! Estás a ver!?”

  No decorrer do dia todas as crianças foram percorrendo os diversos espaços  , onde para além de visualizar também participaram ativamente nos trabalhos desenvolvidos pelas várias entidades promotoras , assim os diversos espaços foram: Ambiente, Teatro de Operações, Pedal Kart’s, Profissões, Espaço Fantasia e Espaço Movimento.
  Cada participante tinha um passaporte um estavam escritos os direitos da criança e nele colocavam autocolantes das profissões à medida que passavam nos diversos espaços.
Participaram crianças  do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres, os Clientes do CAO e crianças da Creche.
  Esta iniciativa foi levada a cabo por um conjunto de entidades tais como: Município de Fornos de Algodres, Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres, CPCJ de Fornos de Algodres, Associação Desportiva de Fornos de Algodres, APSCDFornos de Algodres, Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres, IEFP,  Programa CLDS+, Rede Social, Eco – Escolas, Proteção Civil, Centro de Saúde e Segurança Social.
  No final, houve bolo para todas as crianças e todos os colaboradores.

 Reportagem:Sofia Pacheco

Marchas Populares encerram ano letivo em Pinhel

  Serão cerca de trezentas crianças a cantar e a dançar a tradição dos Santos Populares , não esquecendo o excelente acompanhamento e participação dos Professores, Auxiliares de Ação Educativa , Pais e Encarregados de Educação.

  Esta é uma atividade que há uns anos a  esta parte , encerra o ano letivo dos mais novos, isto é, alunos do Pré-Escolar e 1ºCiclo do concelho de Pinhel.
Assim sendo este ano a festa volta a acontecer no próximo dia onze de junho a partir das 21.00 horas com o cortejo a sair da EB1 de Pinhel em direção ao Polidesportivo descoberto da EB2 , onde se vai realizar o espetáculo das marchas populares , este ano com música ao vivo da Banda Filarmónica e Academia de Música de Pinhel.
  Participam os Jardins de Infância de: Alverca da Beira, Pala, Pinhel, Souropires, Valbom, Santa Casa da Misericórdia de Pinhel e Fundação Dona Teodora (Freixedas), as Escolas EB1 de: Alverca da Beira, Freixedas, Pala, Pinhel,Souropires  e  Pínzio.
  Para o Presidente do Município Rui Ventura e o Diretor  do Agrupamento de Escolas José Vaz , este evento é como “a cereja no topo do bolo”, do trabalho desenvolvido por toda a comunidade educativa ao longo do ano letivo.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar