Templates by BIGtheme NET
Home » Desporto (page 4)

Desporto

Promoção do xadrez em Mangualde

É reconhecido que as crianças que praticam xadrez melhoram notavelmente a sua capacidade de raciocínio, o que se reflete num melhor rendimento escolar. O xadrez é claramente uma ferramenta educativa. Qualquer projeto, programa ou plano de ensino-aprendizagem do xadrez deve ser encarado como um Projeto Educativo. Com esse foco e enquadramento, foi assinado (quinta-feira, 5 de abril) um Protocolo de colaboração entre o Município de Mangualde, o Agrupamento de Escolas de Mangualde e a Federação Portuguesa de Xadrez.

Para oficializar o referido Protocolo de Promoção do Sucesso Escolar estiveram presentes João Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, António Agnelo Figueiredo, Diretor do Agrupamento de Escolas de Mangualde e Dominic Robin Cross, Presidente Federação Portuguesa de Xadrez.

O protocolo tem como principal objetivo a promoção de ações conjuntas, junto dos agentes envolvidos no desenvolvimento do Xadrez no concelho de Mangualde. Este acordo visa ser uma ferramenta educativa de combate ao insucesso escolar, na área do concelho de Mangualde. As atividades propostas para o desenvolvimento da modalidade de Xadrez são: realização de ações de iniciação escolar (apoio nas animações de sensibilização, ensino regular em escolas do concelho e cursos de iniciação); realização de apoio nas arbitragens de torneios escolares e provas entre escolas e outras; realização de apoio aos centros de formação avançada de xadrez, pela disponibilização de treinadores de xadrez. O acordo prevê ainda com estas medidas o aumento de número de atletas praticantes nas associações concelhias.

 

XADREZ CONTRIBUI PARA O DESENVOLVIMENTO INTELECTUAL,

PARA A EDUCAÇÃO SOCIAL E DESPORTIVA

O xadrez contribui para o desenvolvimento intelectual, para a educação social e desportiva, para atingir objetivos culturais e ampliar conhecimentos, para o desenvolvimento pessoal e formação do carácter. Durante a partida de xadrez a cada jogada está associado um ato de uma reflexão, que precede a eleição do movimento. Este processo de reflexão requer atenção (aplicação voluntária do pensamento à atividade que se realiza) e concentração (capacidade de isolar-se voluntariamente do mundo exterior e centrar-se exclusivamente na ação que se realiza). A prática do xadrez potencia estas capacidades que favorecem um melhor rendimento escolar.

Por:MM

 

 

V Estágio Regional de Primavera do Clube de Escolas de Karaté Shukokai (CEKS) em Fornos de Algodres

No próximo domingo, dia 8 de abril, o pavilhão gimnodesportivo do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres, acolhe o V Estágio Regional de Primavera do Clube de Escolas de Karaté Shukokai (CEKS).

Pela segunda vez, o CEKS Fornos de Algodres ficou com a responsabilidade de organizar o estágio regional CEKS, a primeira vez, data o ano de 2016. Num evento que recebeu mais de uma centena de atletas, este ano a organização espera um número semelhante no pavilhão da escola.
O estágio regional CEKS tem como objetivo reunir os atletas das diferentes escolas CEKS espalhadas pela zona centro e fazer deste evento, não só, um momento de convivio, mas um evento de partilha de conhecimentos entre os vários atletas.
O treino será orientado pelo Sensei Luis Pereira, instrutor chefe do clube,  uma semana depois do seu regresso do Japão, onde participou no Seminário Internacional da Shitoryo Shukokai Union, em Osaka.
O estágio tem hora marcada para iniciar às 9.30h e terminar às 18.30h, pelo meio terá diferentes grupos a treinar, de acordo com a idade ou a graduação do atleta.

Olga Almeida nomeada para encontro da qualificação do Mundial Feminino

A arbitragem portuguesa continua em alta, assim foi nomeada para estar presente no jogo de qualificação para o Campeonato do Mundo de Futebol Feminino, a realizar em Enzersdorf, Áustria, Olga Almeida, da AF Viseu.

O encontro onde a mangualdense vai estar nesta quinta -feira , 5 de abril pelas 18 horas, opõe as seleções da Áustria e da Sérvia, a realizar no Estádio BSFZ-Arena.

Por:AP Foto:FPF

Certificação do SGQ EQUASS ASSURANCE renovada à APSCDFA

A APSCDFA recebeu a renovação da certificação do SGQ EQUASS ASSURANCE.

Desta forma a instituição agradece a todos quantos fazem parte do dia-a-dia desta grande família, (clientes, significativos, colaboradores, parceiros, órgãos sociais e comunidade em geral).

III Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela na estrada de 13 a 15 de abril

Cerca de duas dezenas de equipas de ciclismo da Europa, Ásia e América vão participar no III Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela, que se vai disputar de 13 a 15 de abril. A apresentação aconteceu nesta terça-feira, em Vilar Formoso, no CEDET – Centro de Desenvolvimento Transfronteiriço.

A prova, uma das poucas em Portugal a integrar o calendário internacional, vai percorrer durante três dias o Centro de Portugal, com o objetivo de acentuar cada vez mais o ciclismo como um importante veículo de promoção e divulgação da região das Beiras e Serra da Estrela.

A organização, a cargo da Associação de Municípios da Cova da Beira, em parceria com a Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela e o Turismo Centro de Portugal, informou hoje que vão participar nove equipas portuguesas, três espanholas, duas colombianas e uma de Kuwait, Rússia, Estados Unidos, Holanda, Japão e Sérvia.

A primeira etapa terá lugar entre Mêda e Figueira de Castelo Rodrigo, com um percurso de 177 quilómetros. No dia 14, os ciclistas partem do Sabugal e terminam em Seia, 194 quilómetros depois. Nesta etapa, o pelotão escalará o Alto da Torre, o sítio mais alto de Portugal Continental, no Parque Natural Serra de Estrela. Finalmente, no dia 15, os atletas irão pedalar 168 quilómetros, entre Gouveia e Guarda, em outra etapa também disputada em alta montanha.

Estiveram presentes na apresentação Pedro Machado, presidente do Turismo do Centro, José Manuel Biscaia, em representação da Associação de Municípios da Cova da Beira, António Ruas, em representação da Comunidade Intermunicipal Beiras e Serra da Estrela, António Machado, presidente da Câmara Municipal de Almeida, Carlos Pereira, em representação da FullSport, Sérgio Sousa, em representação da Federação Portuguesa de Ciclismo, e o coronel Luís Cunha Rasteiro, comandante do Comando Territorial da GNR da Guarda.

Por:TC

Escape livre volta a apadrinhar o Lobito

O Clube Escape Livre acaba de renovar o apoio ao Centro de Recuperação do Lobo Ibérico (CRLI), em Mafra, através da revalidação da adoção do Lobito pelo período de dois anos. O primeiro contacto com este Centro decorreu em Junho de 2016, no âmbito da Aventura Dacia, desenrolada pelo Oeste, e vai continuar, pelo menos até 2020.

O apoio a este centro tem a ver com a necessidade de apoiar um projecto que visa a conservação do lobo-ibérico, animal ameaçado em Portugal, já que se estima que existam cerca de 300 exemplares em liberdade, uma causa solidária para a qual o Escape Livre ficou sensibilizado há dois anos. O Centro acolhe os lobos que não podem continuar a viver na natureza, sendo atualmente responsável por 13 destes exemplares (sete machos e seis fêmeas), mas necessita de verbas para continuar a zelar pelo seu bem-estar.

Luis Celínio, presidente do Clube Escape Livre, realça que “Quando visitámos pela primeira vez o CRLI, em 2016, ficámos sensibilizados para a necessidade de preservar esta espécie ameaçada, e que a nós, residentes na serra da Estrela, tanto diz respeito. Por isso, desde então que continuamos a apoiar este Centro e desafiamos todos quantos gostem de natureza e desta espécie mítica, a contribuir, nem que seja com uma simples chamada de 0.72 cêntimos, uma visita ao Centro, ou mesmo com apadrinhamento de um lobo.”

O apoio ao Centro de Recuperação do Lobo Ibérico pode ser feito de várias formas, desde uma chamada de valor acrescentado, adoção, visitas, compra de material de merchandising na loja física ou online. Informação disponível em www.grupolobo.pt.

FPF -Campeonato de Portugal- Jornada 27

Jornada 27

AD Nogueirense- Sertanense 2-2

Águias do Moradal- Mortágua 2-2

Lusitano FCV- Gafanha 1-0

Ferreira de Aves- Águeda 3-1

ARC Oleiros- Anadia 3-0

U.Leiria- Benfica C.Branco 1-1

Fornos de Algodres- Sourense 1-1

Marítimo B- Marinhense 2-1

 

Por:Zerozero

Torneio de SKF Meet the World Portugal 2018 decorre a bom ritmo

O Estádio Municipal Carreira de Tiro, na cidade Falcão acolheu o Torneio de SKF Meet the World Portugal 2018  de Futebol Feminino, na idade jovem, com o Ouriense a ser a mais eficaz.

Um torneio que apesar da imensa chuva vai decorrendo de forma equilibrada com as equipas a lutar pelo triunfo

Muito público a assistir neste evento de futebol feminino, das diversas equipas que estiveram a disputar o Torneio.

agora a ambição pela conquista da prova é grande ,dado que  em Gotemburgo, na Suécia, no próximo mês de julho, o vencerdor vai estar lá.

Os resultados deste primeiro dia deste Torneio foram os seguintes:

Seia 1-0 Vila Nova Paiva
Viseu 2001 0-2 Cadima
Ouriense 1-1 Seia
Viseu 2001 2-0 Vila Nova Paiva
Cadima 0-1 Ouriense
Seia 0-0 Viseu 2001
Ouriense 3-0 Vila Nova Paiva

Com estes resultados a classificação ficou assim ordenada:

Posição Equipas Pontos GM-GS
Ouriense 7 5-1
Seia 5 2-1
Viseu 2001 4 2-2
Cadima 3 2-1
Vila Nova Paiva 0 0-6

A manhã deste sábado vai ser decisiva , pois apura-se o vencedor.

09:30 – Vila Nova Paiva x Cadima

10:30 – Viseu 2001 x Ouriense
11:30 – Cadima x Seia

Por:MM

Foto:MP

Pinhel acolhe Torneio de futebol Meet the World 2018

Vai decorrer o torneio de futebol feminino Sub 18 que integra o torneio de futebol Meet the World 2018, assim o calendário de jogos a realizar nos dias 30 e 31 de março, no Estádio Municipal Carreira do Tiro, em Pinhel.

Sexta-Feira, 30 de março
10:00 – Seia FC x CP Vila Nova de Paiva
11:00 – Viseu 2001 ADSC x UR Cadima
12:00 – CA Ouriense x Seia FC
15:00 – Viseu 2001 ADSC x CP Vila Nova de Paiva
16:00 – UR Cadima x CA Ouriense
17:00 – Seia FC x Viseu 2001 ADSC
18:00 – CA Ouriense x CP Vila Nova de Paiva

Sábado, 31 de março
9:30 – CP Vila Nova de Paiva x UR Cadima
10:30 – Viseu 2001 ADSC x CA Ouriense
11:30 – UR Cadima x Seia FC
Entrega de Prémios

A realização deste torneio, em Pinhel, resulta de uma parceria com o Grupo SKF e com o Embaixador do Gothia Cup em Portugal, Armando Lopes, cujas raízes familiares estão no concelho Pinhelense.

Em campo vão estar cinco equipas de futebol femininas juniores (Seia FC, CA Ouriense, UR Cadima, Viseu 2001 ADSC e CP Vila Nova de Paiva), na expetativa de poderem representar Portugal no Gothia Cup que vai decorrer em Gotemburgo / Suécia, de 15 a 21 de julho.

Por:MP

Tufão Team triunfa na prova inicial em Valongo, no CNTrial 4×4

No ano em que o trial português passa para a tutela da FPAK Valongo abriu caminho para uma excelente época desportiva. A estreia do Campeonato de Portugal de Trial 4×4 contou com  26 equipas em pista, divididas por 5 categorias.

Com uma pista renovada em relação ao ano anterior e a chuva que antecedeu o dia da prova, a pista revelou-se muito dura e os obstáculos difíceis de transpor. Rui Querido (Euro4x4parts/Veicomer), campeão em título, foi o grande vencedor desta etapa inaugural. Acompanhado por Ivo Mendes passou para a frente da corrida logo na primeira volta e assim se manteve até à bandeirada xadrez. Durante as três horas de resistência completou 12 voltas à pista, começando assim a nova época na liderança da Absoluto e da Classe Proto e aumentando ainda mais o favoritismo na corrida pelo título.

O campeão da Super Proto, Cláudio Ferreira (Auto Higino), também foi feliz em Valongo. Ficou em segundo da geral e venceu a luta com Pedro Costa (PBCabral seguros) na vitória pela Super Proto.

Na classe Extreme a luta foi muito renhida entre António Silva (Canelas Pneus) e António Calçada (Nordhigiene Team) que rodaram sempre perto um do outro. Levou a melhor António Silva ao dar mais uma volta ao circuito nortenho.

A grelha de partida da promoção estava recheada de novas equipas, que se aventuram em 2018 no  Campeonato de Portugal Promoção Trial 4×4. André Henriques (Tufão Team), um dos pilotos mais experientes da classe uniu-se ao navegador campeão de 2017, Rodrigo Sousa, e entrou com o pé direito na época 2018. Completou as mesmas 4 voltas de Carlos Teixeira (RC automoveis & tasco do stand) mas gastou menos 26 minutos e 16 segundos.

Na classe UTV/Buggy Marco Melo (M. Transportes) foi o grande vencedor. Foi a primeira vitória do piloto flaviense depois de um ano de 2017 recheado de vitórias nos prólogos, mas muito azar na prova de resistência. Em 2018 começa o CPT4x4 com uma vitória expressiva, com 4 voltas de vantagem.

A segunda prova é numa terra mítica do todo-o-terreno, mas que se estreia no trial 4×4. Reguengos de Monsaraz recebe o Campeonato de Portugal de Trial 4×4 2018.

Classe Absoluto

1.º Rui Querido – Toyota BJ 40 – 12 voltas

2.º Cláudio Ferreira – Crawler Mercedes – 11 voltas

3.º Pedro Costa – Crawler 15BFT – 10 voltas

Classe Extreme

1.º António Silva – Toyota Hilux – 9 voltas

2.º António Calçada – Suzuki Samurai R – 8 voltas

3.º Pedro Alves – Land Rover Defender – 6 voltas

Classe Proto

1.º Rui Querido – Toyota BJ 40 – 12 voltas

2.º Luís Bacelo – Nissan Patrol – 10 voltas

3.º Miguel Marques – Toyota IJ70 – 8 voltas

 

Classe Super Proto

1.º Cláudio Ferreira – Proto Mercedes – 11 voltas

2.º Pedro Costa – Crawler 15BFT – 10 voltas

3.º Adriano Santos – Crawler Bj40 – 6 voltas

 

Classe Promoção

1.º André Henriques – Land Rover Defender td5 – 4 voltas

2.º Carlos Teixeira – Suzuki Samurai – 4 voltas

3.º Bruno Bastos – Nissan Patrol GR Y60 – 3 voltas

 

Classe UTV/buggy

1.º Marco Melo – RZR Polaris xp – 6 voltas

2.º Paulo Mendes – Polaris RZR 1000 – 2 voltas

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar