Templates by BIGtheme NET
Home » Saúde

Saúde

Campanhas ambientais sensibilizaram a comunidade de Fornos de Algodres

O Município de Fornos de Algodres faz um balanço das Campanhas que tem colocado em prática desde agosto de 2018 até ao corrente ano, onde referem que as Famílias, comércio/indústria e IPSS do Concelho de Fornos de Algodres pagaram menos água em 2019.

Face a isso, apresenta o balanço excelente das campanhas levadas a cabo desde agosto de 2018 a dezembro de 2020.

No dia 15 de agosto de 2018, a Câmara Municipal de Fornos de Algodres iniciou uma campanha de

sensibilização para um uso eficiente de água, denominada “A Água Não Dura Sempre. POUPE-A.” com o objetivo de sensibilizar a população para mudanças de comportamentos e de hábitos, na boa gestão da água.

Com o apoio do Fundo Ambiental e inserido na Estratégia Nacional de Educação Ambiental 2020, a Câmara Municipal de Fornos de Algodres levou a cabo diversas atividades, entre as quais campanhas de sensibilização nos meios de comunicação (televisão, rádio, jornais), em outdoors, em “flyers”, em mensagens exclusivas na rede multibanco e por SMS. Mas também em ações porta-a-porta, pelos estabelecimentos do concelho, ou direcionadas ao Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres.

Recolhidos os dados e devidamente trabalhados, julgamos ser hora, agora, de fazer um balanço aos

principais indicadores da poupança de água.

Considerando a água comprada à entidade gestora em Alta – Águas do Vale Tejo, SA – constatou-se uma redução de 22%, face ao ano de 2017 (ano de referência), o que equivale a uma redução de 86.582 m3 (86.582.000 litros) de água. Este volume de água economizado, constitui a quantidade de litros que dariam para abastecer o Concelho de Fornos de Algodres nos meses de maior consumo – julho a setembro.

A sensibilização e as boas práticas que os munícipes de Fornos de Algodres praticaram nos últimos meses (agosto de 2018 a 31 de dezembro de 2019), tiveram irrefutavelmente repercussões diretas na economia doméstica, uma vez que se refletiram nos montantes pagos nas faturas da água. De facto, em 2019, face ,a 2017, as famílias, o comércio/industria e as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) viram a fatura da água reduzir-se, em média, 17,47 €/ano, 69,06 €/ano e 245,41 €/ano, respetivamente.

Apesar dos excelentes resultados alcançados, é intenção do Executivo Municipal continuar na vanguarda, no que a políticas ambientais diz respeito, pois temos plena consciência de que ainda temos muito a fazer, nesta luta – que nos diz respeito a todas e todos, independentemente de onde vivamos – pelas alterações climáticas e por um mundo melhor para os nossos filhos.

Celorico da Beira acolhe a X Edição da Gala do Bombeiro do Distrito da Guarda

O ano de 2019 foi trabalhoso e doloroso para os Bombeiros, e os soldados da paz do distrito da Guarda passaram por situações muito complicadas, mas conseguiram resolver as situações.

Assim na noite de sábado, 1 de fevereiro, a Federação Distrital dos Bombeiros da Guarda vai levar a efeito, a décima edição da Gala do Bombeiro, no Restaurante do Hotel Quinta dos Cedros em Celorico da Beira.

Esta é uma forma de homenagear os soldados da paz , numa noite importante na vida dos Bombeiros .

Fornos de Algodres recebe XV ACAREG da Região de Viseu

Vai decorrer na localidade de Fornos de Algodres , mais concretamente no Seminário de S.José, a décima quinta edição do ACAREG da Região de Viseu, de 27 de julho a 1 de agosto.

Vão ser várias centenas de jovens escuteiros de toda região de Viseu que vão participar neste evento que vai ter como tema de fundo “Escuta o Apelo da Selva”.

Brevemente daremos mais informações sobre este encontro.

 

José Rodrigues reeleito presidente do Conselho Sub-Regional da Guarda da Ordem dos Médicos

O médico cirurgião José Manuel dos Santos Carvalho Rodrigues foi reeleito, esta quinta-feira, presidente do Conselho Sub-Regional da Guarda da Ordem dos Médicos.

A única lista única a sufrágio nesta região que se candidatou sob o lema “Médicos pela Guarda” obteve, no total, 106 votos.

Esta equipa indica como prioridades, entre outras, a realização de reuniões científicas, palestras, tertúlias e outros eventos e uma maior interligação entre os órgãos regionais e centrais para resolver as questões colocadas pelos colegas do distrito. Esta nova direção visa aglutinar a classe médica e pretende manter e desenvolver as habituais sessões de receção aos novos médicos especialistas e médicos internos no distrito, bem como as cerimónias de atribuição de medalhas dos 25 e 50 anos de inscrição na Ordem dos Médicos. Do programa de ação fazem ainda parte a promoção e realização de ações de sensibilização para a Saúde junto da população.

Carlos Cortes releito presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos

Na Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, a lista liderada por Carlos Cortes aumentou a maior votação de sempre. A lista única a sufrágio na região Centro obteve, no total, 2515 votos, enquanto que em 2017, também a liderar lista única, obteve 1883 votos.

O atual presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes, assinala o “redobrado empenho em desenvolver e incrementar mais projetos, com exigência e rigor, no sentido de tornar a Ordem dos Médicos ainda mais interventiva e próxima dos médicos e dos doentes. Esta equipa pugnará por uma Ordem dos Médicos inclusiva, interventiva e solidária”, assume.

Nestas eleições foram sufragados os órgãos sociais da Ordem dos Médicos para o triénio 2020-2022 (Assembleia de Representantes, os conselhos regionais do Norte, Centro e Sul e respetivos conselhos disciplinares e fiscais), exceptuando Castelo Branco e Açores onde não foram apresentadas candidaturas. António Araújo foi reeleito para o Conselho Regional do Norte e no Sul, com duas listas, foi reconduzido Alexandre Valentim Lourenço, o atual presidente.

A nível nacional, Miguel Guimarães foi reeleito como Bastonário da Ordem dos Médicos, num sufrágio em que se apresentou como candidato único para liderar esta instituição até 2022.

Campanha “Dê Troco a Quem Precisa”angariou cerca de 36 mil euros

 

Na quadra natalícia, teve lugar a Campanha “Dê Troco a Quem Precisa”, promovida pela Associação Dignitude no período de 16 a 25 de dezembro, que angariou 35.750,07€, valor que será integrado no Fundo Solidário abem:, utilizado exclusivamente para co-comparticipar medicamentos a quem mais precisa.

Face a isso, a Associação Dignitude considera que a iniciativa foi um sucesso, onde o Município de Pinhel contribuiu para a divulgação da campanha,assim como outras entidades.

 A autarquia pinhelense liderada por Rui Ventura aderiu ao programa “abem: Rede Solidária do Medicamento”, da Associação Dignitude, em janeiro de 2018, no intuito de contribuir para a melhoria das condições de vida e de saúde da população do concelho.

Bombeiros Pinhelenses receberam 5 novos EPI por parte do Intermarché local

Os Bombeiros Pinhelenses receberam do Grupo Mosqueteiros, Intermarché de Pinhel  5 equipamentos proteção individual de combate a incêndios florestais , face  à campanha de apoio aos Bombeiros realizada neste espaço comercial.

Nesta campanha houve a venda dos livros com o Título “Quando Crescer Quero ser um Herói” que assim deram aos Bombeiros mais material para poder fazer o seu trabalho com mais qualidade.

Fénix de Honra atribuída a Bombeiros de Nelas

Depois de o Conselho Nacional da Liga dos Bombeiros Portugueses, ter reunido em Lisboa, decidiu por Unanimidade e Aclamação a atribuição da Fénix de Honra à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Nelas.
A Fénix de Honra tem por finalidade galardoar a prática de actos e/ou serviços altamente relevantes, de carácter amplamente abrangente e de inquestionável apreço com vista à dignificação e promoção de Causa de Bombeiros e de Protecção e Socorro.
A condecoração será entregue pela Liga dos Bombeiros Portugueses durante o ano de 2020 e no enquadramento das Comemorações do Centenário desta Associação.

Por:BVN

Comboio Intercidades descarrilou entre Fornos e Gouveia

Acidente na Linha da Beira Alta

Incidente terá acontecido entre Fornos de Algodres e Gouveia, e obrigou à retirada dos passageiros do interior das carruagens.O alerta para a situação foi dado pelas 19h47.

Segundo informações adiantadas pelos Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Braga, o comboio intercidades fazia o transporte de passageiros e descarrilou entre Fornos de Algodres e Gouveia, na Linha da Beira Alta.

Apurou-se que  o incidente não terá provocado feridos.

Para o local deslocaram-se vários meios de apoio juntamente com as autoridades. Houve 28 operacionais e 11 viaturas envolvidas nas operações de socorro.

Por:JC

Artigo de Opinião- Hipnose Clínica no controlo da dor

A subjugação da Hipnose Clínica às várias áreas da psique humana é notória, esta não só engloba as questões referentes à depressão, perdas emocionais, ansiedade, baixa autoestima e fobias, mas também tem um papel muito importante no controlo da dor. Quando falamos de dor, falamos de uma experiência muito própria, que compreende tanto a realidade física como emocional. Já se questionou como é gerado este conceito?! Ao contrário, do que possa pensar, a dor é produzida pelo nosso cérebro. Quando nos magoamos, pequenos receptores nervosos vão transportar-se pela medula espinhal enviado informações ao cérebro para que este consiga processar a localização e a intensidade da dor. Este sistema de receção e processamento é real tanto para a dor física como para a dor emocional.

Na verdade, este circuito funciona como um painel de sistema de alarme, tornando a dor numa luz amarela que nos avisa que algo não está bem com o nosso organismo. Mas se a experiência da dor é algo que é essencial ao ser humano enquanto indicativo do estado de saúde, quando é que devemos pedir ajuda?

O consulente deve procurar intervenção profissional para o controle da dor quando esta se torna persistente e incapacitante, condicionando as tarefas rotineiras e o seu dia a dia.

Como a Hipnose Clínica pode ajudar no controlo da dor?

A Hipnose estimula o relaxamento da mente e do corpo, e por sua vez vai produzir a serotonina e as beta-endorfinas, o que vai neutralizar a percepção da dor reduzindo os níveis de cortisol. A técnica aplicar para o controle é variável consoante o background e as queixas do consulente. No entanto, através das várias técnicas disponíveis é possível, mudar a localização da dor para um local que não condicione a vida do utente, e sobretudo modificar a intensidade da dor, reorganizando a transmissão inicial para uma transmissão que reporte o alívio parcial ou total da dor.

Alerto, no entanto, que a Hipnose Clínica é eficaz no controlo da dor mas não na cura total da causa da mesma, pelo que é importante identificar a causa da dor e procurar o tratamento mais adequado para a mesma.

Dra. Sara Morais Hipnoterapeuta

Mais informações: Consultas Fornos de Algodres Espaço São Ferreira Estética 919539401 / smoraishipnose@gmail.com

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar