Templates by BIGtheme NET
Home » Saúde (page 20)

Saúde

1º Concurso Gastronómico do Míscaro em Aguiar da Beira

Concurso-Miscaro-2016_imagem-726x1024O 1º Concurso Gastronómico do Míscaro é organizado pelo CLDS 3G Aguiar no Coração, em parceria com a Câmara Municipal de Aguiar da Beira.

Desperte o chefe que há em si e mostre as iguarias que sabe fazer com “míscaros”. Inscreva-se até 23 de outubro nas categorias “Menu” e/ou “Pastelaria / Sobremesa”. O 1º Concurso Gastronómico do Míscaro será apresentado no dia 29 de outubro no Certame Gastronómico do Míscaro em Aguiar da Beira. Podem participar, a título individual ou em grupo, todos os residentes no concelho de Aguiar da Beira, devendo ter em atenção os seguintes aspetos:

1. Entende-se por Míscaro – cogumelos silvestres comestíveis de Aguiar da Beira – as seguintes espécies mais representativas identificadas no território:

a) Tricholoma equestre (Míscaro amarelo);

b) Boletus edulis e Boletus pinophilus (Boleto / Cepa / Míscaro de esponja);

c) Lactarius delicious (Sanchas);

d) Macrolepiota procera (Tortulho);

e) Hydnum repandum (Pé de carneiro);

f) Craterellus cornucopioides (Trompete dos mortos);

g) Cantharellus cibaruis (Cantarelos);

h) Craterellus tubaeformis.

2. O concurso possui duas categorias:

a) Categoria Menu;

b) Categoria Pastelaria / Sobremesa.

3. Na categoria “Menu” os participantes terão de apresentar uma entrada, uma sopa e um prato principal, em que se destaque o produto principal do concurso, o míscaro.

4. Na categoria Pastelaria / Sobremesa os participantes terão de apresentar um doce ou uma sobremesa, em que se destaque o produto principal do concurso, o míscaro.

5. Só são admitidos a concurso trabalhos que integrem na sua confeção o produto endógeno: o míscaro. Serão valorizadas as confeções que apresentem também outros produtos de base local, como por exemplo: castanha, mel, maçã, queijo, entre outros.

6. O trabalho apresentado deve ser devidamente identificado com a sua denominação e com o nome do(s) participante(s) e acompanhado da receita.

7. Devem ser entregues dois exemplares, um destinado à apreciação do júri e o outro para exposição no certame.

8. Os dois exemplares terão de ser entregues até às 18 horas, do dia 29 de outubro, no local onde se realiza o Certame – Pavilhão Gimnodesportivo de Aguiar da Beira.

9. A não entrega no prazo previsto, ou a não entrega de dois exemplares, constituem motivo de exclusão do participante.

10. É condição prévia de admissibilidade ao concurso a permissão de utilização das receitas por parte do CLDS 3G Aguiar no Coração e do Município de Aguiar da Beira para ações de promoção e divulgação.

Estas e outras regras do concurso poderão ser consultadas no REGULAMENTO. Haverá prémios e distinções para os participantes.

 

REGULAMENTO | FICHA DE INSCRIÇÃO

Universidade Sénior de Celorico da Beira iniciou nova época

14523271_1158915294176671_105785924797284377_nA Universidade Sénior de Celorico da Beira, a funcionar desde o ano letivo de 2009/10, iniciou um novo ano letivo que todos esperam que seja de muitas  atividades.

A oferta formativa é composta por um vasto leque de disciplinas dirigidas aos seus alunos e que permitem uma ocupação de tempos livres de uma forma salutar.

A Associação Celoricense Sénior Cultural e Artística, no presente é a entidade que gere os destinos da Universidade Sénior de Celorico da Beira, cuja sua sede social funciona numa sala do Centro Cultural de Celorico da Beira, cedida pela Câmara Municipal de Celorico da Beira.

Apesar de ainda estarem abertas as inscrições, no presente ano, a Universidade conta com 62 alunos e 11 formandos que colaboram de forma gratuita com toda a componente letiva.

Para a responsável da Universidade, Drª Ivone Viçoso, esta Universidade tende a ser um polo dinamizador da Cultura no Concelho de Celorico da Beira, oferecendo um vasto leque de disciplinas que vão ao encontro dos desejos e anseios dos alunos, lecionando as seguintes disciplinas: Lendas e tradições; Ciências exatas e da Natureza Humana; Ginástica (4 turmas); Informática (2 turmas); Teatro; Grupo de danças e cantares; Património; Mundo Rural; Costura; Malhas e Lavoures; Música.

Paralelamente às aulas diárias, a Universidade Sénior de Celorico da Beira, organiza 3 visitas de estudo anuais, relacionadas com o conhecimento do Património e do Mundo Rural, organiza uma Festa de Natal aberto à comunidade, atuam sempre que solicitados em festas, participaram no encontro regional de Academias/Universidades seniores da zona centro na Covilhã, organizam um sarau anual aberto a toda a comunidade, organizam ainda diversos convívios ao longo do ano, assim como percorrem todo o Concelho com a finalidade de in loco conhecerem o vastíssimo e rico património cultural do Concelho de Celorico da Beira.

Por:MCB

AFGuarda- V.Formoso-Trancoso- 0-3

IMG_0823Decorreu junto á fronteira com Espanha, mais uma partida relativa à terceira ronda do distrital da 1ªdivisão da AF Guarda, com o Trancoso a vencer por três bolas a zero.

Cedo os homens de bandarra se adiantaram no placar com Dany a conseguir receber o passe longo do seu keeper e em velocidade abriu o ativo.

Pouco depois, Rubem aponta um canto para a área e vai daí, Nuno Oliveira num aglomerado de jogadores aumenta.

Para desespero dos locais o terceiro golo aparece com Rúben volta a colocar para a área, e desta vez Hélder procura desviar e acaba por introduzi-la na baliza de Rebelo.

apartir daqui o Vilar Formoso reagiu, acabando por equilibrar de certo modo, a finalização era  de pouca eficácia.

O Vilar Formoso com uma equipa muito jovem , mas com imensas dinâmicas para tentar dar a volta.

Para a segunda parte, o Trancoso a entrar mais cedo, com  vontade de lutar imenso, dado que foi Dany que abriu o ativo na 1ªparte e deste modo , quase voltava a marcar.

Depois foi o Vilar Formoso que carregou em cima, mas a defensiva do Trancoso reagia bem.

Em suma, um Vilar Formoso que apenas acordou após estar a perder, tendo criado imensas oportunidade, não podemos deixar de referir que a turma do Trancoso é um adversário muito bem organizados.

Arbitragem com tarde positiva.

Por:AP

Artigo de opinião—-A Gaguez e a Terapia da Fala!

tfA Gaguez e a Terapia da Fala!

– Sucintamente, qual a relação entre dois conceitos?

– Quais os mitos associados à gaguez?

Quando se suspeita que uma determinada criança apresenta uma gaguez, é essencial determinar se se trata de um período de disfluências ou se já apresenta sinais característicos de uma gaguez.

A maioria das crianças lida bem com a gaguez mas existem situações específicas, no seu futuro académico ou mesmo a nível social, em que tal não irá suceder, como por exemplo a leitura em voz alta, a apresentação oral de trabalhos ou até mesmo falar ao telemóvel.

A Terapia da Fala foca-se na identificação dos comportamentos associados à gaguez, na aprendizagem de estratégias de relaxamento, no controlo respiratório e na alteração do padrão de fala. Todos estes passos vão permitir a modificação voluntária da gaguez e tornar mais fáceis todos as situações referidas anteriormente.

É crucial que a criança com gaguez se sinta confortável e confiante quando fala, pelo que o interlocutor deverá ser um bom ouvinte. Como é importante que se potencie um ambiente construtivo que promova a fluência, de seguida apresentam-se algumas estratégias que pode adotar:

  • Aceita as disfluências no decorrer do discurso;
  • Mostrar interesse na conversação;
  • Não interrompa nem complete as palavras/frases da criança;
  • Não transpareça que a fala da criança o preocupa;
  • Sirva de modelo e para isso fale pausadamente e de forma descontraída.

Quando os pais e familiares sentem que algo não está dentro do esperado, ficam naturalmente preocupados e assustados. Antes de tentar ajudar é muito importante que deixe de lado as ideias falsas sobre a gaguez. Os mitos em torno desta patologia são muitos e também são muitas as pessoas que os tomam como adquiridos! Este tipo de crenças para além de não corresponderem à verdade, podem ter um impacto negativo na evolução da gaguez.

Saiba aqui quais os mitos mais comuns na nossa população. Ficar informado não custa! J

  • A pessoa gagueja porque apanhou um susto!
  • A gaguez começou devido à rigidez/exigência em casa! ­
  • A gaguez desaparece com o tempo!
  • O stress, a ansiedade e a baixa autoestima causam gaguez!
  • Dar indicações à pessoa com gaguez como “calma”, “falar devagar” ajudam a aumentar a fluência!
  • Quem gagueja é menos inteligente!

Lembre-se que existem técnicos qualificados para intervir e ajudar a criança a falar de uma forma mais fluente e a sentir-se mais confiante nas suas competências comunicativas. Por isso, em caso de dúvidas consulte um Terapeuta da Fala.

Por:Ana Carolina Marques -Terapeuta da Fala –APSCDFA

 

 

 

Câmara Municipal de Fornos de Algodres e “Eurosistra Portugal, Lda” assinam protocolo de parceria

PA100274-1030x773 O Município de Fornos de Algodres, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres e a empresa Eurosistra Portugal estabeleceram um protocolo para criação de um serviço de restabelecimento das condições de segurança rodoviária em situações pós acidente na rede viária municipal, designadamente na limpeza e recolha de resíduos sólidos ou líquidos, respeitando as disposições legislativas em matéria ambiental.

Estima-se que 5% dos acidentes rodoviários são causados por resíduos sólidos ou líquidos deixados na via. Óleo, combustível, peças de vidro, de plástico, entre outros, permanecem nas estradas após os sinistros, constituindo perigo para a segurança das vias, podendo causar novos acidentes, feridoPA100291-1030x773s, mortos, bem como graves danos ao meio ambiente. Anualmente, são deixadas toneladas de resíduos líquidos e sólidos nas estradas portuguesas ou, em certos casos, são removidos de forma indevida e/ou deficiente.

A empresa Eurosistra opera em Portugal com o nome “Segurança e Ambiente” e está habilitada para prestar os serviços agora protocolados, passando sempre que se justificar a intervir com os Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres, nomeadamente em caso de acidente rodoviário com derramamento de óleos e vidros PA100299-1030x773partidos, destruição de mobiliário e equipamento público.

No que toca à política ambiental, constituem princípios fundamentais garantir a identificação, gestão e controlo de aspetos e riscos ambientais, além de promover a qualidade do ambiente e o desenvolvimento sustentável no território.

Por:MFA

Universidade Sénior de Pinhel iniciou novo ano letivo

1 pinhelA Universidade Sénior de Pinhel iniciou esta segunda -feira, a abertura oficial do Ano Letivo 2016/2017, lembrando que este já é o quinto ano de funcionamento do projeto que visa contribuir para o envelhecimento ativo dos seniores do concelho.

A receção a alunos e professores teve lugar no Auditório da Casa da Cultura, e contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, “padrinho” da Universidade, como lembrou a responsável e diretora técnica do Centro Social de Apoio à Terceira Idade e Jovens da Freguesia de Ervedosa (entidade que tutela a USP), Maria José Branquinho.
Das palavras ditas fica a certeza de que a Universidade Sénior de Pinhel veio para ficar, aumentando, a cada ano, a oferta formativa e também o número de alunos.
Por parte do Município, os apoios continuarão a ser assegurados, dada a convicção de que o projeto tem sido bem gerido e orientado, apostando na inovação e na melhoria da qualidade de vida daqueles que o frequentam.

Por:MP

Festa do Ramo da Vindima em Santar

2visitaCentenas de pessoas participaram ontem, dia 9 de outubro, na Festa do Ramo da Vindima, uma das mais antigas tradições que assinala o fim da época das vindimas na Vila de Santar promovida pela ACI- Associação Cultural e Informativa “Os Amigos de Santar”, em co-organização com a Câmara Municipal de Nelas e com a União de Juntas de Freguesia de Santar-Moreira.
A tarde teve início o habitual cortejo, devidamente acompanhado pela Sociedade Musical 2 de Fevereiro – Banda de Santar e pelo GDCR “Os Santarenses”, com passagem na Casa de Santar, Quinta do Sobral e Paço dos Cunhas, local que acolheu o Concerto Musical com o artista João Gentil e Convidados, num espectacular concerto que juntou acordeão, bateria e voz de Joana Leal.

Após a entrega dos Troféus “Ramo da Vindima 2016”, José Borges da Silva, Presidente da Câmara Municipal de Nelas, felicitou os envolvidos na realização deste evento, nomeadamente a ACI “Os Amigos de Santar” por toda a dinâmica e esforço demonstrado ao longo destes anos em reativar uma das mais marcantes tradições locais e organizar anualmente este evento, que homenageia os antepassados, a Vila Vinhateira de Santar, o Concelho e, claro, o nosso Vinho do Dão e toda a Região.

Nelas celebrou durante a semana o Dia Internacional do Idoso

idosoO Dia Internacional do Idoso  foi celebrado esta semana em Nelas, na Biblioteca Municipal de Nelas, numa iniciativa da Câmara Municipal.

Com objetivo de promover uma velhice ativa e participativa, de modo a evitar a solidão e o isolamento, foi um momento de animação e de encontro entre toda a população sénior proveniente das oito Instituições Particulares de Solidariedade Social do Concelho (IPSS’S), com o tema “O Fio da Vida”, dinamizado pelos animadores sócio – culturais da Autarquia.

A atividade, que começou nesta segunda-feira, finalizando esta sexta feira,7 de outubro,  contou com a participação do Centro de Dia do Folhadal, Fundação Lopes da Fonseca, Lar de Idosos Padre Domingos, Lar de Idosos S. Miguel, Santa Casa da Misericórdia de Santar, Centro Paroquial de Vilar Seco – Centro de Dia, Residencial S. Domingos de Algerás e Casa de Repouso “A Família”.

O Presidente da Câmara, José Borges da Silva marcou  presença nesta nobre iniciativa, tendo deixado algumas palavras de apoio e incentivo a todos os envolvidos no sentido de se dar continuidade sempre com a mesma alegria a estas práticas efetivas de solidariedade e respeito Social, agradecendo igualmente a todos os profissionais dedicam a sua vida aos cuidados dos nossos idosos, reforçando a forte rede social existente no nosso concelho.

O Dia Internacional do Idoso, que tem como objetivo sensibilizar a sociedade para as questões do envelhecimento e da necessidade de proteger e cuidar a população mais idosa, foi instituído em 1991 pela ONU (Organização das Nações Unidas) e é comemorado anualmente no dia 1 de outubro. Neste dia, é particularmente importante relembrar que a responsabilidade social vai além do trabalho desenvolvido pelas instituições no terreno, e que deveria ser um desígnio de todos desencadear novas ações, sistemáticas e diversificadas, ao encontro das necessidades e expetativas da comunidade (sénior).

Por:MN

Saída de campo para recolha de urtigas

14595836_1062094577240834_7935940505167685143_nVai ter lugar , já neste sábado, 8 de outubro, mais uma saída de campo, para a recolha e preparação de urtiga para o uso culinário.

Esta é mais uma iniciativa da Confraria da Urtiga, que tem início marcado para as 9h30, junto ao Restaurante Flor do Rio, na Ponte de Juncais.

Por:António Pacheco

Oeiras acolhe as férias dos clientes do CAO da APSCDFA

1 caoOeiras é a cidade que a Associação de Promoção Social e Cultural e Desportiva de Fornos de Algodres, escolheu para proporcionar digamos que uma semana de férias aos seus clientes do Centro de Atividades Ocupacionais (CAO).

A semana ainda não acabou, mas para já dá para ver a alegria e os sorrisos magníficos dos clientes, que esta iniciativa está a trazer, dado que, estão a desenvolver atividades que para alguns nunca foi possível, é o concretizar de um sonhos para estes jovens que para além de desfrutar o sol e a praia, também visitam o que esta região de Oeiras e da Baixa de Lisboa tem de encantador, e acima de tudo também se divertem mais à noite.

Até ao final destas férias, ainda muitas outras maravilhas vão visitar e claro e no final o balanço desta experiência vai ser positivo, onde decerto , estes jovens terão a vontade de voltar a realizar nova jornada para o ano.

Por:António Pacheco  Fotos:APSCDFA

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar