Templates by BIGtheme NET
Home » Saúde (page 30)

Saúde

APSCDFA participou 3ª edição do Encontro de Atletismo Adaptado “Lea Nobre

21j aps

Segundo e terceiro lugar no Dardo

Decorreu na passada quinta -feira, dia 16 de junho, a 3ª edição do Encontro de Atletismo Adaptado “Lea Nobre” na cidade de Pinhel. Tal como aconteceu em anos anteriores, a APSCDFA esteve representada assim como outras instituições distritais.

Deste modo os Fornenses conseguiram conquistar, um segundo e terceiro lugar no lançamento do dardo.

Foram diversas as modalidades de Velocidade, Lançamento do Dardo, Lançamento do Peso, Salto em Altura e 21junaps1Estafeta.

Um dia diferente para estes jovens que assim poderam partilhar, conviver e competir , nesta iniciativa promovida pela ADM Estrela.

Fotos:APSCDFA

Por:António Pacheco

Caminhar por terras gouveenses

caminhar gouv A Secção de  desporto do Município de Gouveia organiza mais uma caminhada, que irá decorrer no dia 26 de junho, com início às 9h00 na Igreja Matriz das Aldeias.
Uma vez mais o objetivo é sensibilizar a população para uma vida menos sedentária e mais saudável.
O percurso tem uma distância de 10km e é de dificuldade Média/Alta e passa por vários locais de interesse patrimonial: Castro Verde (Aldeia Medieval abandonada); Capela de S. Bento; Capela da Sra. do Monte; Capela de S. Sebastião; Igreja Matriz das Aldeias.
A inscrição é gratuita e deverá ser efetuada até ao dia 24 de junho, no Turismo de Gouveia (238 083 930 | 961 585 103 | turismo@cm-gouveia.pt) e nas Piscinas Municipais Cobertas (238 492 626 | 961 584 974 | piscinas@cm-gouveia.pt).
Aos participantes recomenda-se que vistam roupa confortável, calçado apropriado e levem consigo água e reforço alimentar.
Caminhar é uma atividade física que faz bem ao corpo e à mente, contribuindo assim para melhorar a saúde e qualidade de vida.
Caminhar é fácil, faz bem e é barato.

Por:Mun.Gouveia

Trilho do Ryal vai ter lugar em Real – Penalva

Mais uma vez em pPP_cartazarceria com a Câmara Municipal vai realizar-se a caminhada anual do Trilho do Ryal no dom dia 7 de Agosto, Domingo.

A concentração será a partir das 8h15m no Sobreiro, podendo quem quiser medir a tensão arterial (apoio da Unidade de Cuidados na Comunidade Pena d’Alva) e recolher águas e maçãs para o caminho.

Depois das indicações e informações sobre o percurso dar-se-á a partida. Cada um caminhará ao seu ritmo desfrutando da beleza natural do Trilho do Ryal, seguindo as marcas indicativas do percurso.

Pelas 13h será o almoço convívio para os participantes na antiga escola. O porco no espeto e o arroz de feijão ficarão a cargo de uma entidade contratada para o efeito. O pão será feito no nosso forno comunitário de Real pela Ermelinda Abreu, e as alfaces para a salada oferecidas pelas Estufas Rodrigues, da Quinta dos Passos.

A seguir ao almoço, pelas 14h30m, haverá animação musical com o grupo os Malamados, malha, sueca e outros jogos tradicionais. Haverá serviço de bar assegurado pela secção de desporto da ACRS de Real.

As inscrições estão abertas.

Por:Freg.Real

Associação de Maceira festejou Santos Populares

IMG_6660Teve lugar neste domingo, a noite de Santo António, com os festejos dos santos populares, na localidade de Maceira, concelho de Fornos de Algodres.

Esta é uma iniciativa da APSRDH de Maceira, que ano após ano vai realizando, junto à Casa dos Avós, permitindo que os utentes desta instituição e visitantes tivessem momentos agradáveis.

Desta forma, tudo se iniciou ao final da tarde, com a bela sardinha assada a ter destaque, o caldo verde e o arroz doce a completar a ementa desta noite festiva.

Para animar todos os presentes, esteve o Grupo de Cantares de Fornos de Algodres, entoando as suas melodias alusivas ao concelho fornense e algumas canções populares.

Para finalizar, fomos conversar com o Presidente da Associação, Prof.José Fernando e com a Diretora Técnica, Dra Susana que estavam satisfeitos pelo sucesso desta atividade e falaram de  algumas atividades futuras desta instituição.

 

 

Loja Social de Penalva do Castelo com novas instalações

Foram inauguradas, no passado dia 07 de junho, as novas instalações da Loja So0loja socialcial de Penalva do Castelo.

Com o objetivo de oferecer instalações adequadas aos beneficiários e ampliar a oferta de bens disponíveis.

Na cerimónia esteve presente o  Presidente da Câmara, Francisco Carvalho e a  Vereadora  da Ação Social, Lucília Santos, bem como um conjunto de parceiros de diversas entidades concelhias, tendo a mesma sido iniciada com a bênção do Padre José António Almeida.

Esta resposta social é uma estratégia para o desenvolvimento social local, impulsionada pela Rede Social concelhia enquanto complemento à intervenção social do Município e tem por objetivo combater a pobreza através da disponibilização de apoios que assegurem a satisfação das necessidades das famílias, estimulando a sua participação e privilegiando o trabalho em rede com os parceiros locais. Podem beneficiar desta resposta pessoas em situação de vulnerabilidade económica e social após o devido encaminhamento pelas diversas instituições/agentes locais do concelho.

A Loja Social funciona na Rua D. Manuel I, no edifício no ciclo antigo e o atendimento ao público é efetuado às 3ªs e 6ªs feiras, entre as 10:30h e as 11:30h, sendo o mesmo assegurado por duas voluntárias do Banco Local de Penalva do Castelo que, desde 2010, abraçaram com empenho e dedicação esta causa de solidariedade do concelho.

A doação de bens (têxteis, vestuário, calçado, brinquedos, mobiliário, entre outros) poderá ser feita por qualquer pessoa diretamente na Loja Social, dentro do seu horário de funcionamento ou, em alternativa, na Câmara Municipal de Penalva do Castelo.

 Por:Mun.PC

Teatro na Santa Casa da Misericórdia de Mangualde

1 junhNo passado dia 7 de junho, a Young volunteem equipa YVT Movimenta te+ apresentou a peça “Os quatro amigos cantores” nos Lares da Santa Casa da Misericórdia de Mangualde.

Uma adaptação e encenação da Professora Maria Adelina Figueira da História ” Os Músicos de Bremen”, em que os alunos do 10 K e da Educação Especial da Professora Catarina Campos, do Agrupamento de escolas de Mangualde, foram os atores.
Esta peça retrata o tema do abandono dos animais envelhecidos que não podem cumprir as suas tarefas… Ao mesmo tempo destaca o papel da amizade e da entreajuda como forma de superação da tristeza, da solidão, do abandono e da exclusão. Tema muito pertinente nos nossos dias. Esta atividade permitiu a promoção do encontro entre gerações, as crianças da Creche Mariazinha Lemos assistiram em conjunto com os utentes dos lares ao desenrolar da peça de teatro e todos se divertiram. Parabéns aos atores que estiveram fantásticos e muito profissionais.

Grande adesão na gala da ADFA

Na passada sexta-feira à IMG_1204noite, o antigo salão dos Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres, engalanou-se para receber a primeira Gala da ADFA, com a participação de mais de três centenas de amigos da Desportiva de Fornos de Algodres.

Deste modo, foram homenageadas todas as formações deste clube fornense, com incidência para algumas homenagens a título póstumo, de algumas figuras que contribuíram para a evolução deste clube.

Assim como os mais jovens, também foram passando pelo palco para receber uma lembrança, que veio coroar  o trabalho executado durante a temporada, as recém modalidades Zumba  e o Ciclismo foram relembrados, com todo grupo de dança a subir ao palco, juntamente com a professora que também receberam uma  lembrança, assim como a equipa de ciclismo, que contou com a presença da Presidente da ARCViseu.IMG_6336

Pelo meio existiram sempre bons momentos musicais, como por exemplo, o Rancho Folclórico da Univ.Sénior, e a dupla musical com António Matos a proporcionar minutos de Fado, de grande qualidade.

Os jogadores e staff sénior, as senhoras do Futsal,  também foram homenageados de forma simbólica.

Esta gala contou com a presença do Presidente do Município, Dr Manuel Fonseca, também o Presidente da AFGuarda, Amadeu Poço,

Luis Ginja, provedor da ISCMFA, Paulo Menano, membro da AFGuarda, António Gomes, Presidente da Freguesia, Dr. Alexandre Lote, vereador do Desporto e da Cultura da CMFA.

Para a reta final, foi a vez de cantar os Parabéns, ao clube e para finalizar partir o bolo, acompanhada da música de Simão Paraíso. Bruno Costa, presidente do clube,  estava imenIMG_6364samente satisfeito com a larga adesão e vontade de todos quantos colaboraram.

Por:António Pacheco/Sofia Pacheco

V.Setubal faz estágio em Fornos e Celorico acolhe o Paços de Ferreira

índice Depois de na temporada passada , Fornos de Algodres ter sido a capital dos estágios de equipas da Liga principal, este ano volta a receber para já o Vitória de Setúbal, agora orientado por José Couceiro.

Por seu turno, Paços de Ferreira vai regressar ao estágio em Celorico da Beira, de onde há uns anos atrás, está preparando a nova temporada, com Carlos Pinto que tem a força e o saber para colocar o plantel para triunfar.

Decerto outras equipas poderam rumar para estágio, na região da serra, para afinar baterias com os ares da Serpfra.

Por:António Pacheco

Artigo de opinião–O Médico de Família

13413866_1332992466717250_1914577152_n Os Médicos de Família são médicos especialistas treinados nos princípios da sua especialidade, a Medicina Geral e Familiar:

  • Cuidam da pessoa como um todo e não só da doença isoladamente, tendo em conta o seu contexto biológico, psicológico, social e cultural; respeitando sempre a sua autonomia.
  • São responsáveis pela prestação de cuidados continuados e abrangentes a todos os indivíduos, independentemente da sua idade, sexo ou afeção.
  • São responsáveis pela saúde da comunidade.
  • São capazes de gerir simultaneamente múltiplas queixas e patologias, assim como os problemas de saúde crónicos e agudos de cada pessoa.
  • Diagnosticam doenças em estádios precoces e indiferenciados e têm por vezes que tomar decisões baseadas na incidência e prevalência das diversas doenças na comunidade.
  • Atuam ao nível da promoção da saúde e do bem-estar, da prevenção da doença, para além da prestação de cuidados, cura, reabilitação e paliação.
  • Constituem o primeiro contacto, de acesso fácil e aberto ao sistema nacional de saúde, independentemente do problema de saúde.
  • Tem funções de coordenação de cuidados com os outros profissionais de saúde, sendo o “gestor” da saúde dos seus utentes.

Por: Luciana Paulo

 

Tem picos de tensão e quantas mais vezes a mede maior está o valor?

Pois é, quantos dHTAe nós quando nos sentimos tontos ou com uma sensação esquisita que não conseguimos explicar, medimos a tensão arterial para ver se não será “tensão alta”? É verdade, muitos. É também verdade que na grande maioria das vezes, ela está mesmo mais elevada que o normal. Ficamos preocupados e voltamos a medi-la passado uns momentos e … a tensão aumentou ainda mais!

Esse fenómeno tem uma explicação relativamente simples e, para tal, devemos remontar a tempos bem longínquos, quando os nossos antepassados viviam na numa selva um pouco diferente da nossa. Quando estes eram confrontados com uma ameaça (um leão, por exemplo), o corpo reagia de maneira a fugir, ou seja, os músculos contraíam-se, o coração começava a bater mais depressa e a pressão arterial disparava. Tudo devido à ativação de uma parte do nosso sistema nervoso apelidado de Simpático. Acontece que, a nossa realidade é bem diferente, quando nos assustamos, não fugimos. Por outras palavras, quando estamos mais ansiosos, o nosso sistema nervoso simpático prepara-nos para fugir mas nós não lhe obedecemos. Ficam-nos as suas consequências, nomeadamente, o nosso coração fica a bater mais depressa e a nossa tensão aumenta. Ao verificarmos que a tensão está alta, ficamos naturalmente mais preocupados, levando a uma maior ativação do tal simpático e a um novo aumento da tensão.

PS: Os aumentos de tensão arterial provocados pela ansiedade são facilmente controláveis e na sua grande maioria inofensivos mas por vezes podem levar a problemas sérios, por isso não facilite e fale disso ao seu médico.

Imagem: www.theguardian.com

Por:Pedro Oliveira–afetivamente.blogspot.pt

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar