Templates by BIGtheme NET
Home » Serra (page 10)

Serra

Alexandre Lote vence mas vai haver 2ªvolta com Pedro Fonseca

Na noite desta sexta-feira, decorreram por todas as concelhias do PS do distrito da Guarda, as votações para a eleição do novo Presidente da Federação Distrital da Guarda do PS.

Assim tudo ficou adiado, dado que, Alexandre Lote venceu com 499 votos, já Pedro Fonseca ficou pelos 448 e José Luis Cabral pelos 368.

Face a isso, vamos ter uma segunda volta com A.Lote e P.Fonseca, a ter lugar a 22 de março.

Misericórdia de Mangualde celebrou Dia da Mulher

O Dia da Mulher  foi comemorado na Misericórdia da Mangualde. “Fizemo-lo num contexto de consciencialização do seu significado e do longo caminho que ainda é necessário percorrer a nível mundial para acabar com o desequilíbrio de direitos entre as diferenças de género”, salientou o Provedor José Tomás.
A celebração foi assinalada com um gesto simples mas repleto de significado, consubstanciado na oferta de uma flor a todas as utentes e colaboradoras da Instituição.
Ao assinalar este dia, a instituição procurou distinguir e engrandecer a luz que toda mulher representa, com os afetos necessários para dar e receber toda a energia que elas carregam.

Por:Misericórdia Mangualde

FIT Guarda celebra 5 anos celebrando Portugal

A Feira Ibérica de Turismo decorrerá entre 28 de abril e 1 de maio na Guarda. O Município assinala os cinco anos da FIT celebrando Portugal que será o país convidado. Recorde-se que o nosso país foi eleito o “Melhor Destino Turístico do Mundo” em 2017. Realce também para Salamanca, Cidade Património Mundial pela UNESCO, e destino Turístico de Espanha em destaque na FIT. Nesta edição, de realçar também a aposta na área de negócio e dos contactos entre agências do setor e buyers interessados nos destinos turísticos da Península Ibérica, numa colaboração estreia com o Turismo de Portugal.

Por:MG

Enkrott doou sistema de tratamento de água ao Município de Trancoso

Desde 2013 até ao corrente ano, o Município de Trancoso teve o privilégio de ser parte integrante do projeto Europeu AQUAVALENS.

O objetivo do referido Projeto, visava a proteção da saúde dos cidadãos Europeus no que concerne à segurança microbiológica da água potável, contando para tal com o conhecimento e experiência de 39 parceiros (Universidades, Institutos de Investigação, Indústria e Pequenas e Médias Empresas) de diferentes nacionalidades, na busca e desenvolvimento de tecnologias sustentáveis baseada em novas técnicas moleculares para a deteção sistemática de agentes patogénicos, tornando assim mais eficaz o controlo dos sistemas de água no que diz respeito à segurança microbiológica dos mesmos.

Em Portugal, e no caso específico do sistema instalado em Torres, no Concelho de Trancoso, as entidades envolvidas na melhoria da qualidade da água foram: o Instituto Superior Técnico, a Entidade Reguladora dos Serviços de Água e Resíduos (ERSAR) e a Enkrott – Gestão e Tratamento de Água, SA..

A implementação do sistema decorreu em Torres em 2017, numa zona de abastecimento até então sem qualquer tipo de tratamento ou sistema de desinfeção. Com a instalação do sistema e no decorrer do tempo de amostragem e estudo, foram alcançados resultados de evidente melhoria da qualidade microbiológica da água que serve a população deste aglomerado.

Conscientes do impacto futuro desta medida na saúde das pessoas consumidoras desta água, e com o terminus do projeto AQUAVALENS, a Enkrott, entidade que desenvolveu e concebeu a Estação Customizada de Desinfeção e Tratamento de Água, teve a amabilidade de doar ao Município de Trancoso, o sistema de tratamento instalado na localidade de Torres.

A cerimónia de entrega do equipamento, com a presença dos responsáveis das entidades envolvidas no projeto, teve lugar em Trancoso, no salão nobre da Câmara Municipal, no passado dia 2 de março de 2018.

Por:MT

GNR Guarda- Ocorrência em Trancoso

Idoso detido por posse de armas

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Pinhel, nesta terça-feira, dia 6 de março, em Trancoso, deteve um idoso de 81 anos, por posse proibida de armas.

A GNR ao obter a informação de que o suspeito era detentor de diversas armas e que o mesmo não era possuidor de qualquer licença para o efeito, efetuou diligências de investigação que culminaram numa busca domiciliária, tendo levado à apreensão:

·         Duas caçadeiras calibre 12;

·         Uma pistola construída artesanalmente;

·         Uma pistola de alarme;

·         Munições diversos calibres;

·         Uma faca de abertura automática.

O suspeito foi constituído arguido e sujeito à medida de coação de termo de identidade e residência.

Fornotelheiro acolhe 4º Festival do Requeijão

Como anualmente acontece, a localidade do Fornotelheiro, vai acolher a quarta edição do Festival do Requeijão .

Transformou-se na  Capital do Requeijão e e todos os visitantes vão poder saborear a qualidade do bom requeijão, produto rei da freguesia de Fornotelheiro.
Desta forma, o dia 25 de Março, vai ser um  dia cheio de atividades, com caminhada, workshop, degustações, almoço convivio.

A tarde muito preenchida com a música , a presença das crianças do jardim de infância, Rancho Folclórico de Figueiró da Granja, Concertinas Forno Musical, Luisinho e a magnifica atuação do João Claro que promete animar todos.

Uma boa forma de transformar o Fornotelheiro num local onde merece uma visita nesse domingo de Ramos.

Boa adesão na ação de sensibilização das limpezas das florestas em Infias

Diariamente acontecem ações de sensibilização sobre a as limpezas dos terrenos e os deveres e regras que as comunidades devem seguir, assim acompanhamos a ação em Infias, concelho de Fornos de Algodres onde a comunidade compareceu em massa no sentido de esclarecer dúvidas sobre o tema.

No concelho de Fornos de Algodres todos as freguesias tem a oportunidade de esclarecer com a preleção do Técnico do Gabinete Florestal , Eng. Lopes e agentes da GNR.

Face a isso, deixamos algumas regras e conselhos a ter em conta:

•  Limpar o mato e cortar árvores numa faixa mínima de 50 metros à volta das edificações ou instalações (habitações, estaleiros, armazéns, oficinas, fábricas ou outros equipamentos) inseridas nos espaços rurais ou florestais.

•  Limpar o mato e cortar árvores 100 metros nos terrenos à volta das aldeias, parques de campismo, parques industriais, plataformas de logística e aterros sanitários;

• Limpar as copas das árvores 4 metros acima do solo e mantê-las afastadas pelo menos 4 metros umas das outras;

•  Cortar todas as árvores e arbustos a menos de 5 metros das casas e impedir que os ramos cresçam sobre o telhado.

A que zonas se aplica?

A zonas rurais e florestais, incluindo as confinantes com áreas urbanas. O objetivo é garantir sempre a existência de uma faixa de proteção de 100 metros em torno dos aglomerados populacionais. A gestão de combustível deve ser feita inclusivamente nas áreas de interface entre a floresta e as áreas urbanas, consideradas de elevado risco.

Devo cortar todas as árvores junto à casa?

Não precisa de cortar árvores que estejam podadas e localizadas a mais de cinco metros da casa.

E as árvores de fruto?

Este é um dos pontos que mais dúvidas suscita. O Governo esclarece a questão da seguinte forma: “As árvores de fruto não têm de ser cortadas, se estiverem inseridas numa área agrícola ou num jardim”.

O que está estipulado em relação aos pinheiro e eucaliptos?

Se estiverem a menos de cinco metros das casas têm de ser cortados. Se estiverem situados a pelo menos 50 metros das casas, as copas dos pinheiros ou dos eucaliptos devem estar afastadas 10 metros umas das outras. Caso contrário precisam de ser cortados.

E as árvores de espécies diferentes de pinheiros e eucaliptos?

Devem ser cortadas as árvores que estejam a menos de 5 metros das casas. Numa distância de 50 metros, a contar das casas, as copas das árvores devem estar afastadas 4 metros umas das outras. Se não cumprirem esta distância, têm de ser cortadas.

Como devo fazer a limpeza das copas?

Deve limpar as copas 4m acima do solo, independentemente da espécie. Se a árvore tiver menos de oito metros, basta limpar metade.

Pode-se cortar qualquer tipo de árvore?

Não. Além das árvores de interesse público, que têm de ser protegidas, outras espécies, entre as quais o sobreiro e a azinheira, são legalmente protegidas e só podem ser cortadas com autorização do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

Quem tem de limpar os terrenos?

Os titulares das explorações, ou seja, proprietários ou arrendatários; o Estado, na qualidade de proprietário; e empresas responsáveis pelas redes rodoviária, ferroviária, elétrica, entre outras, como as gestoras de áreas industriais, parques de campismo, centros logísticos e outras infraestruturas. O proprietário pode optar por contratar uma empresa que o faça. Apesar de não ser necessária certificação específica para a realização de limpezas aos terrenos, é aconselhável optar por empresas que tenham técnicos habilitados e equipamento adequado.

E se os terrenos não estiverem limpos até ao fim do prazo?

Entre 15 e 31 de março, a GNR fará  um levantamento dos terrenos por limpar. Os responsáveis pelos terrenos que não tenham cumprido as regras vão ser identificados e multados. A partir de abril, a responsabilidade pela limpeza dos terrenos passa a ser das Câmaras Municipais. Até 31 de maio as autarquias farão a limpeza dos terrenos, mas os proprietários serão obrigados a permitir o acesso aos seus terrenos e a pagar à Câmara o valor gasto na operação.

De que forma estas medidas protegem os cidadãos?

A propagação de incêndios é mais difícil em terrenos que foram limpos. Isto significa que as habitações e toda a envolvente ficam mais seguras e protegidas. Simultaneamente, há uma melhoria dos acessos, para que os bombeiros cheguem mais depressa e em segurança ao local.

Mais alguns conselhos

Mantenha-se informado em relação ao risco de incêndio na sua área de residência, garanta que as mangueiras e o sistema de rega estão a funcionar, limpe os telhados e coloque rede de retenção de fagulhas na chaminé. Deve ainda manter afastados da casa pilhas de lenha, botijas de gás ou outras substâncias explosivas e sobrantes da exploração agrícola ou florestal.

A medida pretende prevenir os incêndios e preservar as florestas, mas também sensibilizar os cidadãos para o facto da vida das suas famílias e a segurança dos seus bens dependerem dos seus gestos. O que importa é contribuir ativamente para que Portugal não volte a viver o ‘inferno’ que viveu em junho e outubro de 2017. De resto, aconselhamos a que esclareça as suas dúvidas e obtenha mais informações ligando o 808 200 520 e através da consulta do DL n.º 124/2006.

Por:AP/CC

 

Atenção com aparelhos de calor no inverno

Para sua segurança siga estes conselhos e transmita-os aos seus pais e avós:

– Evite dormir próximo dos equipamentos de aquecimento;
– Proteja devidamente a lareira para que não se torne um foco de incêndio;
– Se utilizar lareiras, braseiras, salamandras ou equipamentos a gás mantenha a correta ventilação das divisões de forma a evitar a acumulação de gases prejudiciais à saúde;
– Afaste os aquecedores de móveis;
– Não seque a roupa nos aquecedores;
– Não abandone velas acesas ou mal apagadas;
– Evite sobrecargas – não ligue demasiados aparelhos na mesma tomada, principalmente os de elevado consumo.

Ação de limpeza da Barragem de Bouça Cova teve sucesso

No passado domingo, dia 4 de março, a Junta de Freguesia de Alverca da Beira / Bouça Cova levou a efeito uma ação de limpeza da Barragem de Bouça Cova para a qual contou com o envolvimento de voluntários e com o apoio do Município de Pinhel.

No final de uma manhã em que a chuva ameaçava cair, foram recolhidos bastante resíduos, nomeadamente garrafas e outras embalagens de plástico, assim como garrafas de vidro e embalagens de metal.
As embalagens passíveis de reciclagem foram devidamente separadas e colocadas no ecoponto de Alverca da Beira.

Cumprido o objetivo de limpar as margens da barragem, fica o apelo ao civismo e às boas práticas ambientais, no sentido de não deitar lixo para o chão, nomeadamente em espaços como este cuja água serve para abastecimento público e para fins agrícolas.

Por:MP

Pedreles Beira Dão Clube sagra-se Campeão Distrital de FUTSAL em Juniores B.

O Pedreles Beira Dão Clube sagrou-se Campeão Distrital de FUTSAL em Juniores B, da AF Viseu.

Findo este campeonato, a turma do concelho de Mangualde, orientada pelo Prof. Horácio, que rubricou um trabalho de qualidade juntamente com o restante staff.

Esta conquista também é do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres, parceiro neste projeto, onde alguns alunos deste Agrupamento jogam no clube, face ao projeto em curso.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar