Templates by BIGtheme NET
Home » Serra (page 2)

Serra

Construção de Centro Intermunicipal de Recolha Oficial de Animais vai ser uma realidade

Foi assinado assinado, nesta quinta-feira, dia 9 de julho, no Solar do Queijo Serra da Estrela, o protocolo para a construção do Centro Intermunicipal de Recolha Oficial de Animais, pelas Câmaras Municipais de Celorico da Beira e de Gouveia.

Marcaram presença, o presidente da Câmara Municipal de Celorico da Beira, Carlos Ascensão, o presidente da Câmara Municipal de Gouveia, Luís Tadeu e o Secretário de Estado da Descentralização e da Administração Local, Jorge Botelho, como também elementos do executivo municipal de ambas as autarquias.

Será um investimento de cerca de 200 mil euros na criação do Centro de Recolha Oficial e Parque de Bem-estar Animal São Francisco de Assis, pelas duas autarquias,  será comum aos dois concelhos e irá permitir colmatar a problemática dos animais abandonados, vadios e errantes da região. Para a execução desta obra, as duas autarquias apresentaram uma candidatura intermunicipal a um programa de financiamento.

O equipamento, que terá cerca de 2.000 metros quadrados de área de construção e uma capacidade de acolhimento para 100 cães, contempla a criação de 25 “boxes” de canil, gatil e uma “box” para animais de outras espécies, receção, sala de esterilização com recobro, consultório, sala de tosquia e banho, anfiteatro para ações de sensibilização de visitantes e hotel canino com recinto exterior vedado, entre outros espaços, destinados a arrumos, armazenamento e convívio.

Este equipamento vai ser construído num espaço desativado de uma antiga estação de tratamento de águas residuais de Celorico da Beira, assegurará a possibilidade de prestar um serviço público de qualidade nesta área da saúde pública e meio ambiente.

Para além da recolha e acolhimento dos animais, o Centro de Recolha a construir brevemente procurará, também, encontrar novos donos para os animais abandonados (vertente educacional) e, simultaneamente, garantir os cuidados necessários à manutenção da saúde e conforto animal.

De salientar que este protocolo constitui uma ambição antiga de ambas as autarquias, uma vez que, após a entrada em vigor da lei que proíbe o abate como forma de controlo da população de animais errantes, o número de animais tem vindo a crescer, tendo-se tornado imprescindível a criação de uma estrutura digna e com condições para o acolhimento dos mesmos.

Na impossibilidade de uma resposta municipal individual para esta necessidade, nomeadamente no que diz respeito às instalações físicas, o município de Gouveia e de Celorico da Beira entendem que a estruturação deste serviço num quadro intermunicipal, com a partilha de recursos físicos financeiros e humanos, é a melhor solução para servir o interesse público.

ESA BIC finalista dos Prémios RegioStars

Centro de Incubação de Negócios da Agência Espacial Europeia (ESA BIC) em Portugal, coordenado pelo Instituto Pedro Nunes (IPN), de Coimbra, é um dos finalistas dos Prémios RegioStars, promovidos pela Comissão Europeia com o objetivo de identificar boas práticas de desenvolvimento regional, destacando projetos inovadores apoiados por fundos europeus.

Este projeto, financiado pelo Programa Centro 2020, apoia empresas com projetos que incorporem tecnologia espacial em aplicações terrestres, em áreas como a saúde, energia, transportes, segurança e vida urbana, mas também empresas que pretendem entrar no mercado espacial comercial.

Este ano, o ESA BIC Portugal aumentou a sua rede de três para 15 incubadoras em todo o território nacional, incluindo os Açores e a Madeira. Nos últimos cinco anos, incubou 30 empresas, criou mais de 100 novos postos de trabalho e gerou um volume de negócios total de cerca de cinco milhões de euros. O impacto total, se juntarmos as outras actividades do espaço coordenadas pelo IPN, chega aos 11,5 milhões de euros.

Para Isabel Damasceno, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), “esta distinção é um grande orgulho para a região Centro, que pelo quinto ano consecutivo tem projetos finalistas nos Prémios Regiostars, demonstrando a qualidade e inovação dos projetos aprovados pelo Centro 2020, assim como a boa aplicação dos fundos europeus na Região Centro. Este projeto revela a importância de se apostar no empreendedorismo e na criação de postos de trabalho qualificados, enquanto estratégia de desenvolvimento regional que tem na inovação um dos seus pilares”.

Carlos Cerqueira, coordenador do ESA Space Solutions Portugal, afirma que “temos cada vez mais e melhores empresas que usam tecnologia do espaço para gerar negócio e novos produtos e serviços, tendo o ESA BIC Portugal sido o grande impulsionador desta nova economia do espaço que cria emprego e riqueza na região”.

O ESA BIC Portugal foi escolhido como um dos 25 finalistas entre as mais de 200 candidaturas europeias. Os finalistas foram selecionados por um júri independente e o público tem a possibilidade de escolher e votar no seu favorito até ao dia 15 de setembro de 2020.

A cerimónia de entrega dos prémios terá lugar em Bruxelas, no dia 14 de outubro de 2020 durante a Semana Europeia das Regiões e das Cidades.

Mais informação sobre os 25 finalistas dos Prémios RegioStars em: https://regiostarsawards.eu/

Vinho “Pinhel Cidade Falcão 1770 – 2020” (Beira Interior – DOC Tinto) apresentado dia 25 de julho

Como forma de assinalar os 250 anos da elevação a Cidade, Pinhel está em festa , uma vez que também ostenta o título de Cidade do Vinho, vai ser apresentado no próximo dia 25 de julho, às 21.30h, no Jardim 5 de Outubro,  vinho comemorativo para este evento.

Esta foi uma encomenda do Município de Pinhel à Adega Cooperativa de Pinhel, que todos terão o privilegio de assistir a essa apresentação saborear com o título “Pinhel Cidade Falcão 1770 – 2020” (Beira Interior – DOC
Tinto) , uma reserva de 2015, que começou a ser engarrafado em meados de fevereiro .
De referir que este lote de vinho contempla a produção de 13.000 garrafas de 0,75l, e 250 garrafas
de 1,5l, 3l e 5l (respetivamente).
Por sua vez, Rui Ventura, Presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, esta iniciativa visa não só assinalar uma data de relevo, como são os 250 anos da Cidade de Pinhel (a 25 de agosto de 2020), mas
também homenagear todos aqueles que trabalham a terra e contribuem para a excelência dos Vinhos
de Pinhel, sem dúvida um dos melhores embaixadores do concelho.
Vinho “Pinhel Cidade Falcão 1770 – 2020”
“Das vinhas com mais de 20 anos tratadas de modo tradicional, na região de Pinhel, e após apurada
seleção das mesmas, nasceu este néctar que se destina a homenagear a história da nossa cidade,
bem como os nossos viticultores.
Distingue-se este néctar, que pela sua qualidade intrínseca possui agradáveis notas de frutos
vermelhos e rebuçado, na boca a elegância e a harmonia é a nota dominante.
Vai ser o mesmo apresentado de forma a preservar e salientar aquilo que de melhor têm as uvas de
casta Touriga Nacional, Aragonês e Rufete.”

Município de Fornos de Algodres premiado com selo “Clean and Safe”

O Turismo de Portugal certificou alguns equipamentos municipais do Município de Fornos de Algodres com o selo “Clean and Safe”, pelo cumprimento das recomendações da Direção-Geral da Saúde relativamente à prevenção da Covid-19..

Assim a Câmara Municipal, CIHAFA, Biblioteca Municipal Maria Teresa Maia Gonzalez e Centro Cultural Dr.António Menano.

Turismo de Portugal pretende transmitir às empresas informação sobre as medidas necessárias de higiene e limpeza, de acordo com as recomendações da Direção-Geral da Saúde, assim como promover Portugal como destino seguro do ponto de vista de cuidados com a propagação do Vírus, reforçando a confiança a quem visita o país.

Este reconhecimento terá a validade de um ano e exigirá a implementação de um protocolo interno que irá assegurar a higienização necessária para evitar riscos de contágio e garantir os procedimentos seguros para o funcionamento das atividades turísticas.

CIM Viseu Dão Lafões revelou preocupação em diversas matérias

O Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, esteve reunido e veio em comunicado,  manifestar a sua profunda preocupação relativamente às seguintes matérias:

Até ao presente momento, e não obstante a publicação da Portaria 94 C/2020, de 17 de abril, não foram, ainda lançados, quaisquer avisos de abertura de concurso, no âmbito do PT 2020, para que as CIM’s e os municípios possam vir a ser ressarcidos de todo o investimento realizado no âmbito do combate ao surto pandémico COVID-19, nomeadamente a aquisição de EPI’s, bem como a comparticipação paga, pelos municípios, referente à realização de testes de despistagem COVID-19 às IPSS/Instituições da região Viseu Dão Lafões, no âmbito do Programa de Intervenção Preventiva, promovido pelo Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social;

Manifesta, também, a sua preocupação, tal como já transmitido nas reuniões realizadas com o ACeS Dão Lafões, com o facto de não existir qualquer tipo de perspetiva de serem retomados os horários normais de atendimento ao público dos Centros / Extensões de Saúde.

Teme, este Conselho Intermunicipal, que aquilo que se tratava de uma suspensão temporária se transforme numa suspensão definitiva, com graves prejuízos para as populações, tendo em conta o serviço de proximidade e de acesso à saúde que representam estas Unidades de Saúde.

As Associações Humanitárias de Bombeiros, garantem, desde sempre, e não foi exceção durante todo este surto pandémico, uma capacidade de resposta à urgência, à emergência e no apoio aos cidadãos que não pode deixar de ser relevada. Assim, deve, o Governo, não descurar a sustentabilidade económico-financeira destas entidades, já que, a suspensão de um conjunto significativo de serviços, associado aos custos da inatividade, vieram agravar, ainda mais, as dificuldades financeiras destas Instituições, razão pela qual o Conselho intermunicipal desta CIM apela ao Governo que crie uma linha de apoio extraordinária para estas Instituições.

AF Guarda- Novos órgãos sociais tomaram posse

Depois da vitória de Amadeu Poço, da lista A, no passado sábado nas eleições da AF Guarda, teve lugar no auditório do Paço da Cultura, a tomada de posse dos novos órgãos sociais para o quadriénio 2020/24.

Assim, Amadeu Poço segundo revelou no site da AFG, “tem vontade de continuar a contribuir para o desenvolvimento do futebol e do futsal na região, junto com os novos órgãos Sociais.”

Esta foi uma cerimónia presidida pelo Presidente da  Assembleia Geral, Luís Tadeu, que ao tomar posse para novo mandato, empossou todos os restantes órgãos que compõem este novo elenco diretivo.

Esteve presente por parte da FPF, Rui Manhoso que deixou palavras de alento a este novo elenco, assim neste novo elenco a grande novidade é mesmo o regresso à presidência do Conselho de Arbitragem , Daniel Soares.

Foto:AFG

Protocolo em Mangualde entre Município e Antram

Foi recentemente assinado um protocolo de cooperação entre o Município de Mangualde e a ANTRAM – Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias.

Deste modo, estiveram presentes o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Elísio Oliveira, o Presidente Nacional da ANTRAM, Pedro Polónio, e o Presidente da ANTRAM-Centro, Renato Neves.

No concelho de Mangualde localizam-se cerca de 50 empresas e empresários dedicados ao transporte de mercadorias, nacionais e internacionais, sendo o nosso maior empregador com mais de 1500 trabalhadores com a categoria de motorista de pesados de mercadorias”, destaca Elísio Oliveira, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde. Trata-se assim, de um protocolo de cooperação, no âmbito das suas atribuições, que “pretende apoiar empresas na sua atividade, desenvolvendo a oportunidade de criar valor nesta fileira de referência, podendo funcionar, assim, como uma centralidade num sector de grande dimensão, numa região muito alargada”, contextualiza ainda o Presidente.

O referido protocolo de cooperação confere a cedência de espaços municipais, nomeadamente no edifício do Ex-Colégio, para uso da ANTRAM, onde também já foi instalada a Associação Empresarial de Mangualde. Este espaço será utilizado para efeitos de formação do sector, reuniões de trabalho, workshops, etc.

A nível nacional, a ANTRAM tem cerca de 2.000 associados e representa um nível de emprego superior a 50.000 trabalhadores. De registar ainda que este sector é o segundo maior empregador na região Dão-Lafões, logo a seguir à Construção Civil.

“A importância da UNESCO para o desenvolvimento”numa iniciativa do Estrela Geopark

Vai ter lugar  a terceira Conferência da Estrela, com o tema “A importância da UNESCO para o desenvolvimento”, com o Professor Doutor António Sampaio da Nóvoa, Embaixador de Portugal na UNESCO, numa iniciativa do Estrela Geopark , acontece no próximo dia 13 de julho, pelas 17h30.

 Esta conferência será realizada online na Plataforma Zoom, através do seguinte link: https://bit.ly/317ViYe.

Escrivaninha de Fernando Pessoa no Museu do Pão

Filme promocional da região Centro de Portugal continua a conquistar troféus em festivais de cinema de turismo internacionais.

A escrivaninha de Fernando Pessoa faz agora parte do espólio do Museu do Pão, bem como uma rara primeira edição da sua obra, “Mensagem”, ambas acessíveis ao público através da sua integração no circuito expositivo permanente do Museu.

As duas peças, assim como um par de óculos que se encontram emprestados à Brasileira do Chiado, foram adquiridas pelo Museu num leilão de bens pertencentes à família do escritor. A apresentação das peças emblemáticas aconteceu hoje, no Museu do Pão, em Seia.

O mais recente projeto de incorporação no espólio do Museu do Pão de uma peça que até aqui pertencia à coleção privada da família de Fernando Pessoa, a escrivaninha onde o poeta se inspirava para escrever as suas obras, contribui para levar a arte a todos, numa iniciativa que não apenas promove a descentralização, levando a cultura ao interior de Portugal, mas também pela relação das obras com os projetos e a narrativa do Museu do Pão, para que cada incorporação seja uma mais-valia e um contributo útil aos visitantes.

No âmbito de uma iniciativa de partilha com a sociedade do seu património artístico e cultural, acreditando que a arte é de todos e tem que chegar a todos, o Museu do Pão apresenta a escrivaninha pessoal de Fernando Pessoa, na qual viveu outras vidas através dos seus heterónimos, e um exemplar da primeira edição da “Mensagem”, num espaço onde estão também expostos objetos artísticos com inspiração no pão, nas suas alfaias, tradições e labores, e que destacam a arte do pão em todo o seu esplendor, numa tradição multissecular.

Através dos seus heterónimos, Fernando Pessoa conduziu uma profunda reflexão sobre a relação entre verdade, existência e identidade, valores igualmente partilhados pelo Museu do Pão na sua relação com a comunidade. Em muitos dos seus poemas, Fernando Pessoa faz referências ao Pão, e esses poemas são justamente destacados na exposição temporária dedicada à poesia.

Para Graça Reis, Diretora do Museu, a escrivaninha de Fernando Pessoa e a primeira edição da “Mensagem” são “peças raríssimas de valor cultural incalculável que valorizam a oferta do Museu do Pão, num compromisso assumido com as pessoas que nos visitam, a quem oferecemos o acesso à arte, divulgando e partilhando parte relevante do património cultural e artístico do mais universal dos poetas portugueses, até aqui perpetuado na estátua da autoria do mestre Lagoa Henriques no café A Brasileira do Chiado, em Lisboa, e agora também no Museu do Pão, em Seia”.

António Quaresma, presidente do grupo O Valor do Tempo, considerou, na apresentação das peças, que “é um grande orgulho para o Museu do Pão termos, a partir de agora, objetos pessoais de um dos maiores poetas portugueses na Serra da Estrela”. “Fernando Pessoa chega agora a todos os portugueses a partir do ponto mais alto de Portugal Continental”, acrescentou.

Presente na apresentação, Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal, destacou que esta aquisição do Museu do Pão “é uma homenagem a Portugal”. “É com enorme gratidão que faço o reconhecimento público do muito que este grupo está a fazer pela região. Expor os objetos pessoais de Fernando Pessoa é dizer ao mundo que o Centro de Portugal é um território seguro e acolhedor para quem nos queira visitar e que há vida no Centro para além da pandemia”, sublinhou.

Inicialmente enquadradas na exposição temporária do Museu dedicada à poesia em torno do Pão – Poemas para saborear com prazer, que reúne poemas dedicados ou com referências ao pão de autores nacionais e internacionais – visitável até final de 2020, a escrivaninha de Fernando Pessoa e uma rara primeira edição da obra literária “Mensagem” fazem parte do espólio de exibição permanente do Museu, oferecendo aos portugueses a história da sua poesia e enaltecendo a sua origem e relevância culturais.

Fotos: TCP

Operação “MOTO” 2020- GNR

 A Guarda Nacional Republicana, até 13 de julho, está a realizar ações de sensibilização e de fiscalização rodoviária na sua área de responsabilidade, no sentido de prevenir comportamentos de risco durante a condução de motociclos e ciclomotores nas vias com maior intensidade de tráfego.

O objetivo da operação é inverter a tendência de aumento da sinistralidade e de contribuir para um ambiente rodoviário mais seguro. Da análise da sinistralidade envolvendo veículos de duas rodas a motor, nos anos 2018 e 2019, resulta que 1123 pessoas ficaram gravemente afetadas ou perderam a vida.

Considerando que os condutores de veículos de duas rodas a motor constituem um grupo de risco pelo facto das consequências dos acidentes serem normalmente graves, tendo em conta a menor capacidade de proteção em caso de colisão ou despiste, a GNR tem desenvolvido um conjunto de atividades proactivas e dissuasoras da sinistralidade rodoviária, complementadas com ações de fiscalização, já que, em 2020, do total de vítimas mortais em acidentes de viação após o término do Estado de Emergência, cerca de 30% são de acidentes envolvendo este tipo de veículos.

Durante a operação serão empenhados militares dos Comandos Territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito (UNT), que estarão especialmente atentos aos seguintes aspetos:

ü  Uso do capacete;

ü  Manobras perigosas;

ü  Excesso de velocidade;

ü  Não utilização de equipamentos de proteção;

ü  Estado dos pneus, sistemas de iluminação e matrícula;

ü  Condução sem habilitação legal;

ü  Condução sob o efeito do álcool e de substâncias psicotrópicas.

Os militares da Guarda irão ainda efetuar ações de sensibilização dirigidos aos condutores de motociclos e ciclomotores, aconselhando o seguinte:

ü  Uso do capacete, vestuário de proteção resistente e material retrorrefletor;

ü  A obrigação de circular sempre com os médios acesos, para ser visto;

ü  Não circular entre filas de veículos;

ü  Adequar a velocidade ao estado do piso e garantir as distâncias de segurança.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar