Templates by BIGtheme NET
Home » Serra (page 468)

Serra

Karate Shotokan assinou protocolo com “A nossa Casa” de Gouveia

As crianças da Fundação com idades compreendidas entre os 4 e os 6 anos vão beneficiar de uma aula de Karate por semana, gratuita.
A União de Karate Shotokan das Beiras através do Clube de Karate Shotokan de Gouveia e a Fundação “A nossa casa” sediada em Gouveia, assinaram um protocolo de cooperação, no passado dia 29. O objectivo «é unir esforços para oferecer o melhor às crianças que usufruem das actividades e das instalações da Fundação» refere a UKSB em comunicado. Através do protocolo as crianças da Fundação com idades compreendidas entre os 4 e os 6 anos de idade, beneficiarão de uma aula de Karate por semana a título gratuito, tendo assim a possibilidade de receber os ensinamentos desta Arte Marcial e adquirir o gosto pela mesma. «Com este protocolo, a UKSB e seus dojos vão de encontro a uma política de desenvolvimento e promoção do Karate lúdico e educativo junto das crianças no Distrito da Guarda, trabalhando sempre que possível em parceria com outras instituições públicas ou privadas» acrescenta.
in Guarda Digital

Divisao de pontos

Depois de uma semana de mau tempo, o municipal da serra da Esgalhada não foi excepção e sofreu alguns danos, mas ainda assim estava em condições muito aceitáveis para a pratica do futebol, defrontaram-se o Fornos de Algodres e um dos da frente da classificação, o Anadia. A divisão de pontos acabaria ser o resultado. Um inicio muito equilibrado entre estas duas formações que se conhecem muitíssimo bem nesta 3ªdivisao. A turma de Nando Pompeu neste jogo com algumas mudanças no onze a entrar de forma a tentar anular alguma supremacia que pudesse assim existir por banda do Anadia De dizer que perante o equilíbrio ser grande ambos os guardiões a não terem grandes defesas de vulto, só apartir do minuto 25, de bola parada surge Tiago Borges a criar perigo com a bola a passar perto da baliza da casa. A reacção do fornos de Algodres seria pouco depois e Titã ganhar abola no lado direito e remata para a baliza onde o guardião Miguel Gama estava atento e desviou para canto. O jogo ia assim avançando e a equipa da casa volta a pressionar cada vez mais e através da marcação de um canto do lado direito para a área onde aparece Afees a cabecear de forma brilhante , mas a embater na barra da baliza , ainda a sobrar para Simões que tenta o golo ,mas o guardião visitante a defender bem. Era o sinal mais do Fornos de Algodres que assim procurava o golo. Locais reclamam grande penalidade Na segunda parte, a equipa local atentar o ataque continuado e desta maneira Titá a ganhar a bola á entrada do meio campo adversário e progride e assim ao chegar á entrada da área tenta rematar e obriga o guardião Miguel gama a defesa complicada. O Anadia bem tentava equilibrar mas era a equipa local a pressionar e ao minuto 60, Johnny acabado de entrar entra pelo lado direito e chega á linha de fundo para que Zezito possa cruzar para área e assim a surgir por lá Titá a obrigar a mais uma intervenção do guardião do Anadia. Os visitantes a responder por intermédio de Tiago Borges que entra pelo lado esquerdo e cruza para a cabeça de Rui Almeida que coloca por cima da barra. Minutos depois Zé luís obrigado a negar o golo a Tiago Borges . O Fornos de Algodres volta a carregar até final e já na compensação, um lance complicado, polémico, com Johnny a entrar pelo lado direito a colocar em titá que remata ,mas abola a embater e a ser devolvida e assim Tibério a passar pelo guardião e desta forma acaba por ser derrubado pelo mesmo , mas o arbitro a não assinalar e a errar no nosso entender a manchar a sua boa exibição. Em resumo, uma divisão de pontos, num jogo onde a equipa da casa dominou, jogou bem mas a finalização voltou a não estar afinada e o erro do arbitro ao não assinalar a grande penalidade já na compensação. 01/02/09 Pedro Cardoso

resultados desportivos

Série C-3ª divisao
Avanca – Fiães, 2-3
União Lamas – †gueda, adiado
Cinfães – Tocha, 1-0
Fornos Algodres – Anadia, 0-0
Académico Viseu – Sátão, 4-0
Tondela – Milheiroense, 2-2
S. João Ver – Valecambrense, 1-1

Série C 2ª div
Operário – Eléctrico, 2-0
Oliveira do Bairro – Nelas, 2-1
Penalva Castelo – Tourizense, 1-1
União Serra – Monsanto, 2-0
Pampilhosa – Praiense, 1-0
Folga: Fátima

Taxas moderadoras já estao mais caras

As taxas moderadoras de consultas, urgências e actos médicos em hospitais e centros de saúde ficam mais caras a partir de domingo, mas os valores a pagar pelas cirurgias em ambulatório vão ficar cinco euros mais baratos, noticia a Lusa.
A actualização da tabela foi feita através de uma portaria publicada no passado dia 15 em Diário da República, por se considerar que as taxas moderadoras estavam «desactualizadas, quer quanto ao valor, quer quanto à tipologia dos actos».
Assim, as consultas nos hospitais centrais e distritais sobem 10 cêntimos. No primeiro caso, o valor passa de 4,40 para 4,50 euros e no segundo de 2,90 para três euros. Nos centros de saúde, os utentes passam a pagar 2,20 euros, mais cinco cêntimos que anteriormente.
Em relação às urgências, o pagamento deixa de ser feito conforme a tipologia do hospital e passa a ser efectuado consoante se trata de uma urgência polivalente (9,40 euros), urgência básica e urgência médico-cirúrgica (8,40 euros) ou em centros de saúde (3,70 euros).
Por cada um dos primeiros dez dias de internamento, a factura passa a ser de 5,20 euros e o serviço domiciliário sobe 10 cêntimos, fixando-se nos 4,70 euros.
A cirurgia de ambulatório é o único acto médico cuja taxa moderadora desce na nova tabela, num total de cinco euros: custava 10,20 euros e passa a custar 5,20.
O Governo pretende este ano que mais de metade das cirurgias programadas sejam feitas em ambulatório (sem internamento), uma meta que segundo o Ministério da Saúde permitirá «diminuir muito» as listas de espera.

Arbitros para o fim de semana


Canpeonato da 1ªDivisao distrital
Vilar Formoso X Aguiar Beira – Tiago Cadete
Celorico X Manteigas – Carlos Marques
N. D. S. X Trancoso – Marco Bernardo
Lageosa X Meda – Silvério Sousa
Vilanovenses X Vila Cortez – Sérgio Melo
Pinhel X Mileu – Gonçalo Martins
Gouveia X Sabugal – António Nevado
Figueira X Foz Côa – Sérgio Pires

Campeonato Distrital de 2ª Divisão
Época 2008/2009 – Dia 01/02/2009 – 15H00
Série “A”
Guarda Desportiva X Casal de Cinza – Paulo Marques – Estádio Municipal
Castanheira X Soito – André Rafael
V. F. Naves X Freixo Numão – Élio Nascimento
Pala X Guarda Unida – Sérgio Guelho

Série “B”
Paços da Serra X Penaverde – Hugo Geraldes
Figueiró X Açores – Jorge Costa
Nespereira X Abadense – João Abrantes
Teixeirense X Seia – A Nomear

Campeonato Distrital de Juniores – 31/01/2009 – 15H00
Meda X Trancoso – António Nevado – (Inversão) – Trancoso
G. C. Figueirense X Lageosa do Mondego – Élio Nascimento
Aguiar da Beira X Seia F. C. – Marco Vieira
Soito X Guarda Unida – Hugo Amaral

Susana Félix apresenta “Pulsação” no TMG

A cantora e compositora reúne neste disco os temas com mais destaque na sua carreira.
No Sábado, dia 31 de Janeiro, às 21h30, Susana Félix, a voz feminina da pop nacional apresenta-se no Grande Auditório com o espectáculo “Pulsação”. Susana Félix estreou-se no final da década de 90 com o álbum Um Pouco Mais. Oito anos depois, a cantora Pop resolveu passar em revista a sua carreira e acaba de editar uma colectânea intitulada “Pulsação”. Um disco que reúne os temas que mais destaque têm tido na carreira de Susana Félix. “Mais Olhos (que barriga)”, “Flutuo”, “Fintar a Pulsação”, “Amanhecer” e “(Bem) Na Minha Alma”, são alguns dos temas interpretados neste concerto. Em palco, acompanham Susana Félix, Alexandre Frazão, na bateria, Massimo Cavalli no baixo e contrabaixo, Nuno Rafael nas guitarras, Renato Jr. nas teclas e o Trio de Metais constituído por João Cabrita, Jorge Ribeiro e João Marques. A vida artística de Susana Félix começou bem cedo. Nasceu em Torres Vedras em 1975 e apaixonada música desde sempre, dedicou-se ao canto bem cedo, e em 1988 com apenas 12 anos vence a Grande Noite do Fado, no Coliseu dos Recreios de Lisboa. De 1989 a 1994 fez teatro amador na sua terra natal. Em 1998 é convidada pela editora Valentim de Carvalho para gravar o seu primeiro disco a solo, ainda neste ano começa a compor e inicia as gravações do referido disco. Em 1999 lança-se em nome próprio com o álbum “Um Pouco Mais”, um sucesso de vendas que levou aos tops nacionais temas como “Mais olhos que Barriga” e “Um Lugar Encantado”. Lança o seu segundo álbum de originais “Rosa e Vermelho” em 2002 e parte para uma nova digressão pelo país. O ano de 2005 foi dedicado á composição, pré-produção, e gravação do seu terceiro álbum de originais “Índigo”. O referido disco foi editado no inicio de 2006 com a produção e os arranjos a cargo da própria Susana Félix e de Renato Jr, para além da composição musical que a Susana assina desde o seu primeiro trabalho a solo, neste disco a cantora e compositora assina também a maioria das letras.
in Guarda.pt

Agenda do CISE-SEIA

O CISE tem agendadas as seguintes actividades: 7 e 14 de Fevereiro – Oficina: Máscaras de Carnaval
19 de Janeiro a 31 de Maio – Exposição de fotografia: Património Natural da Serra da Estrela
Até Setembro de 2009 – Exposição: Habitats Natura(is) da Estrela – conhecer e proteger

Sorte bastante madrasta

Uma deslocação difícil ao reduto do Tocha que tem estado a realizar uma excelente recuperação, e neste jogo faltou a sorte ao Fornos de Algodres para poder sair com outro resultado do litoral.
Os locais entraram melhor com um cruzamento de Curto para área e surge o dianteiro Zé Felipe a cabecear no poste da baliza de Zé Luís e depois bem Egipto a afastar.
Os pupilos de Nando Pompeu reagiram e Simões a dar inicio a uma jogada de alguma qualidade e assiste Bruno Costa que ao ver Titá em boa posição lhe coloca a bola e este a tentar o chapéu ao guarda-redes da casa e a sorte não estava do lado do dianteiro do Fornos de Algodres e a sair a rasar a baliza.
O Tocha tentava comandar e tenta uma situação de ataque e a sorte desta vez protegeu a equipa da casa e Estanqueiro a conseguir ganhar um ressalto de bola na entrada da área e tenta o remate e esta a tabelar em Zé Tavares e acaba por desviar a trajectória enganando o guarda-redes Zé Luís, havia decorrido o minuto 18.
Seguiu –se algum momento com ocasiões para ambos os lados e ao minuto 37, Roberto a ganhar a bola á entrada da área e tenta o remate e obriga o guarda-redes Vítor Nogueira a defesa apertada para canto.
Ate ao descanso, o equilíbrio era a nota que mais imperava.
Faltou só finalização acertada
Para o segundo período do encontro, a equipa de fornos de Algodres trouxe mais vontade de dar a volta ao resultado, e ao minuto 48, bruno costa a entrar bem pelo lado esquerdo e a entrar na área tenta a sua sorte e o remate saí a poucos centímetros da baliza do Tocha.
A reacção era grande e Titá procurava jogo mais atrás e coloca em bruno costa que acaba por se isolar perante o guarda-redes local e acaba por rematar novamente com a bola a passar a escassos centímetros da barra da baliza de Vítor Nogueira.
E como quem não marca sofre, o Tocha ao minuto 53´, acaba por sair em contra-ataque e Zé Felipe acaba por isolar Estanqueiro que tenta o chapéu ao guarda-redes Zé Luís e acaba por consegui-lo.
Era o balde de agua fria pois o golo era contra a corrente de jogo e tudo se complicava para o Fornos de Algodres, ainda assim não baixou os braços e tentaram remar contra a maré e construíram ainda diversas situações de golo, quer por Simões, Titá entre outros , mas a sorte não estava com eles e nada havia mais a fazer .
Perante esta boa exibição sobretudo na 2ªparte fica o alento de vitória nas próximas jornadas.
O trio de arbitragem oriundo de Leiria acabou por fazer um trabalho razoável.

Melhor do Fornos – Titá

25/01/09 Pedro cardoso

Banda Filarmónica – Escola de Música

Encontram-se abertas as inscrições para que desejar frequentar a Escola de Música de Fornos de Algodres. As informações e inscrições poderão ser solicitadas até ao dia 06 de Fevereiro de 2009, da seguinte forma:

  • Câmara Municipal de Fornos de Algodres, no período das 09h00 ás 12h00 e das 14h00 ás 17h00;
  • E-mail: geral@cm-fornosdealgodres.pt;
  • Fax: 271 700 068;

Instrumentos a leccionar: – Sopros: Flauta; Clarinete; Saxofone; Trompa; Trompete; Trombone; Eufónio; Tuba.

Festa do queijo em Fornos

O evento é organizado pela autarquia local e acontece no dia 8 de Fevereiro.
A Festa do Queijo Serra da Estrela regressa a Fornos de Algodres no dia 8 de Fevereiro, Domingo. O evento é organizado pela Câmara Municipal e pretende homenagear os pastores e queijeiras do concelho «que continuam na labuta da pastorícia e confecção do melhor queijo do mundo».
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar