Templates by BIGtheme NET
Home » Serra (page 5)

Serra

Concerto de Ano Novo em Mangualde

Vai ter lugar no dia 5 de janeiro, em Mangualde  o Concerto de Ano Novo,pelas 21h30, no Auditório do Complexo Paroquial de Mangualde.

Abrem-se as portas para um momento protagonizado pela Orquestra Poema. A noite será um tributo aos Queen, um dos maiores grupos de rock de todos os tempos. A iniciativa é de entrada livre.

A Orquestra POEMa, uma iniciativa da Câmara Municipal de Mangualde em parceria com o Conservatório Regional de Música de Viseu – Dr. José de Azeredo Perdigão, nasceu em 2013 e tem como intervenientes elementos das Bandas Filarmónicas do concelho de Mangualde, alunos e ex-alunos do Conservatório Regional de Viseu. Dirigida pelo Maestro Tiago Correia e com idades compreendidas entre os 12 e os 30 anos de idade, é composta por duas formações: Orquestra de Sopros e Orquestra de Câmara.

Neste Natal torne o ambiente melhor

Nesta época natalícia, caracterizada pelo aumento do consumo, o Gabinete de Ambiente do Município de Pinhel alerta para a importância de separar os diferentes tipos de resíduos de modo a poderem ser reciclados.

Na noite de Consoada, na Passagem de Ano ou nas trocas de prendas, não se esqueça de colocar os diferentes tipos de resíduos nos Ecopontos destinados à recolha de Vidro (ecoponto verde), Papel e Cartão (ecoponto azul), Plástico e Metal (ecoponto amarelo).

No que diz respeito ao lixo indiferenciado, deve ser devidamente acondicionado em sacos de plástico fechados a colocar nos contentores.

Porque o Natal também pode ser amigo do Ambiente!

Quercus contesta abate de árvores junto de estrada nacional em Trancoso

O Núcleo Regional da Guarda da Quercus – A.N.C.N. e a Associação de Proteção da Natureza do Concelho de Trancoso tiveram conhecimento do abate de árvores centenárias autóctones que rodeiam a Estrada Nacional EN 226 entre Trancoso e Ponte do Abade, o qual está a gerar críticas devido à destruição do importante património natural.

Na última semana uma empresa contratada pelas Infraestruturas de Portugal, tem estado a cortar árvores junto da EN 226 entre Rio de Mel e Trancoso, nomeadamente freixos e pinheiros-bravos em bom estado sanitário, sem que se vislumbre o motivo.

A Quercus questionou de imediato a Infraestruturas de Portugal tendo sido informada que a intervenção em curso decorre no âmbito das limpezas das faixas de gestão de combustível e em conformidade com a legislação em vigor, estando, contudo, a aguardar mais esclarecimentos.

Na base está uma legislação desajustada da realidade, o Sistema Nacional de Defesa da Floresta Contra Incêndios, estabelecido pelo DL n.º 124/2006, entretanto alterado mais recentemente pela Lei n.º 76/2017, de 17 de agosto, a qual prevê que nas faixas de gestão de combustível exista uma distância de copas de 4 metros entre as árvores. Entretanto, foi aprovado o DL n.º 10/2018, de 14 de fevereiro, que alegadamente clarifica os critérios para as faixas de gestão de combustível, onde acresce que os eucaliptos e pinheiros-bravos tem que ter as copas afastadas 10 metros, o que é uma incoerência em termos técnicos, segundo diversos especialistas.

No caso das faixas de gestão de combustível junto das estradas, a largura são 10 metros, pelo que para cumprir esta legislação teria que ser feita uma razia que aumentava a desflorestação do País, apesar da contestação social.

No caso da EN226, a maioria dos terrenos que confrontam com a estrada são agrícolas, com pastagens, pelo que nem existe a continuidade com povoamentos florestais que aumentasse o perigo de incêndio.

A Quercus já alertou o Governo para a necessidade de alterar a legislação referida e espera que as Infraestruturas de Portugal terminem esta ação bárbara para que no futuro possam promover a gestão do arvoredo de forma sustentável e coerente.

Fornos de Algodres embelezado com a arte de Sérgio “Odeith”

Uma nova imagem a vila de Fornos de Algodres possui na artéria principal, com um quadro de arte urbana que foi elaborado pelo excelente artista Sérgio “Odeith”.

Utilizando uma parede de cerca de 25 metros, desenhou e pintou um bonito mural, que todos os que o visitarem vão perceber que neste quadro existe arte, mas também o que pode visitar nesta localidade.

Senão observando o mural, visualizamos a Anta da Matança, a beleza paisagística da Praia fluvial do Rio Mondego e uma criança a brincar tranquilamente com o seu automóvel.

A arte urbana é cada vez mais usada na decoração e ornamentação de paredes, fachadas , onde a qualidade dos artistas surge.

Património em Mangualde- Igreja de São Pedro de Cunha Alta

A campanha «Mangualde, o nosso património!» destaca, no mês de dezembro, a Igreja de São Pedro de Cunha Alta. Promovida pela autarquia, esta campanha tem como objetivo aproximar a população do património mangualdense do mais belo que existe no concelho.

 Igreja de São Pedro de Cunha Alta

É junto ao casario da pequena aldeia de Cunha Alta que encontramos a sua igreja matriz, dedicada ao apóstolo Pedro. O antigo lugar de edificação da igreja foi no sítio onde, a partir de 1670, se ergueu o Santuário de Nossa Senhora da Saúde, lá no alto, fora da localidade.

A igreja de São Pedro, de uma só nave, dedica o seu altar-mor ao príncipe dos apóstolos e, pelo menos, já no século XVIII consagrava um altar a Nossa Senhora do Rosário e outro a Santo António.

A entrada da igreja faz-se por um portal em arco de volta perfeita, encimado por óculo circular com vitral, recente, representando São Pedro. O sino encontra-se em ventana lateral que, integrando o frontão de feição triangular da fachada, lhe quebra um dos seus vértices, não ultrapassando em altura a cruz que remata o topo do referido frontão. Cunha Alta era freguesia de apresentação pelo abade da igreja de Santiago de Cassurrães.

Coordenadas geográficas: 40° 36.057’N | 7° 41.602’W

António Tavares, Gabinete de Gestão e Programação do Património Cultural da Câmara Municipal de Mangualde

Com esta campanha todos ficam mais próximos do vasto esplendor patrimonial do nosso concelho. Nesse sentido, continua a ser colocada, em vários pontos de encontro do concelho, informação sobre o monumento/património apresentado.

Foram já vários os bens patrimoniais destacados por esta campanha nos últimos anos. A título de exemplo, em 2017, destacamos os Refrigerantes Condestável de Abrunhosa do Mato, os Bordados de Tibaldinho, a Casa dos Condes de Mangualde, a Fonte de Ricardina, vestígios arqueológicos ao tempo do Império Romano em Pinheiro de Tavares, a Capela de São Domingos de Ançada, a Carvalha, a Capela de Santo António em Mesquitela, a Fundação de Nossa Senhora da Saúde de Cunha Alta, os símbolos maçónicos e o Solar de Santa Eufémia. Em 2018, esteve já em destaque o Santuário de Santa Luzia, em Freixiosa; a Casa de Darei, na aldeia de Darei, freguesia de Mangualde, a Igreja Matriz de Várzea de Tavares e a Calçada Romana de Mourilhe.

 

Por:Mun.Mangualde

 

 

Festa de Natal das crianças em Mangualde

Cerca de mil crianças do concelho de Mangualde, do pré-escolar (rede pública e IPSS’s) e do 1.º Ciclo do Ensino Básico, assistiram , à tradicional Festa de Natal, no Pavilhão da Escola Ana de Castro Osório. O momento contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo.

O espetáculo este ano, intitulado Circo de Natal “O sonho de um palhaço”, garantiu muita animação e sorrisos, tão característicos desta altura do ano. Realizaram-se duas sessões, uma de manhã outra de tarde. Não faltaram balões, magia, palhaços, malabaristas, equilibristas, e claro, o querido Pai Natal.

Trancoso, Nelas incluídos nas entidades apoiadas

Construção ou modernização de Centros de Recolha Oficial de animais de companhia

Dezassete entidades vão ser apoiadas com um montante total de perto de 1 milhão de euros para a construção ou modernização de Centros de Recolha Oficial de animais de companhia.

São 14 municípios, 2 Comunidades Intermunicipais e 1 Associação de Municípios que concorreram ao programa de concessão de incentivos financeiros previsto no Orçamento do Estado para 2018: Fronteira, Vouzela, Nelas, Alandroal, Sousel, Oliveira de Frades, Castro Daire, Alijó, Terras de Bouro, Carregal do Sal, Trancoso, Valpaços, Pedrogão Grande, Tondela, Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral e Agrupamento de Municípios de Castelo de Paiva e Cinfães.

As cinco Comissões de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR), após emissão de parecer da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), analisaram as candidaturas apresentadas e a Direção-Geral das Autarquias Locais (DGAL) hierarquizou os projetos, de acordo com o procedimento previsto no Despacho n.º 3321/2018.

O total do investimento elegível ascende a 3 962 537,79 euros, sendo a comparticipação de 975 318,91 euros para estes 17 projetos, atendendo aos valores máximos de apoio financeiro previstos.

Os projetos selecionados vão agora celebrar contratos-programa no âmbito da Cooperação Técnica e Financeira entre a administração central e o setor local.

Recorde-se que o Orçamento do Estado para 2019 também prevê a transferência para a administração local de 1 500 000 euros para a criação de uma rede efetiva de centros de recolha oficial de animais de companhia.

 

US Nelas com Grupo de Cavaquinhos

A Universidade Sénior de Nelas marcou presença na festa de Natal dos utentes da Santa Casa da Misericórdia de Santar, onde se estreou o Grupo de Cavaquinhos, projeto recente da Universidade que complementa a disciplina de Cavaquinho. Neste pequeno concerto os instrumentos de cordas foram os protagonistas, com reportório de músicas tradicionais e de Natal, que proporcionaram um ambiente animado, dando “mais vida” à festa de Natal desta instituição.

Por:MN

GNR da Guarda presenteia cinco Instituições de Solidariedade Social

  1. O Comando Territorial da Guarda, irá proceder à entrega de 1100 peças de vestuário, a cinco Instituições de Solidariedade Social do distrito da Guarda, na tarde desta quarta-feira.

No decorrer da atividade operacional desenvolvida pelo Comando Territorial da Guarda, durante este ano, foi apreendido diverso material contrafeito que, por decisão Judicial, foi declarado perdido a favor do Estado.

Na sequência desta decisão, a GNR desenvolveu uma iniciativa solidária para distribuir o vestuário por diversas instituições de solidariedade social, de forma a auxiliar famílias carenciadas, bem como providenciar um meio de agasalho contra a exposição a temperaturas baixas.

Vão participar no evento a instituição Solar do Mimo, a Associação Terapêutica de Almeida (ASTA), a Aldeia S.O.S da Guarda, a ADM Estrela e a Loja Social da Guarda.

Ceia de Natal dos Jornalistas do Distrito da Guarda

Anualmente os jornalistas do Distrito da Guarda, sentam-se à mesa e convivem um pouco , onde é sempre uma noite divertida, dado que, os blocos, gravadores, computadores, máquinas e câmaras, ficam a descansar .

O local escolhido pela “mordomia” foi o Restaurante “O Moinho”, em Santana da Azinha, com um belo jantar, todos foram presenteados, deixando os parabéns aos proprietários pela qualidade, assim o bacalhau esteve também presente nessa noite.

No final, a tradicional troca de prendas, com algumas surpresas sempre pelo meio.

Um bom momento de convívio, entre estes homens e mulheres que diariamente vão levando a informação a todos.

Por:AP Foto:LM

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar