Templates by BIGtheme NET
Home » Guarda

Guarda

Programa de Educação Ambiental em Fornos de Algodres

Está a ser implementado em Fornos de Algodres, um Programa de Educação Ambiental coordenado pelo Biólogo Hugo Sousa, dirigido às crianças do 1° Ciclo do Agrupamento de Escolas Fornos de Algodres, a acompanhar os trabalhos esteve o vereador do Executivo Municipal Bruno Costa, que deixou uma palavra de agradecimento a todos os professores e auxiliares pelo apoio para o sucesso do Programa de Educação Ambiental Municipal.

Já foram realizadas várias sessões ao longo do ano, tendo as nossas crianças na sexta-feira passada trabalhado a temática da importância da poupança da água.

Escola Básica do Bairro da Luz, na Guarda, grande vencedora da 1ªedição

Alunos da Beira Interior recolhem mais de 3 mil litros

de Óleo Alimentar Usado

Chegou ao fim a 1º edição da Escola PRIO TOP LEVEL , iniciativa ambiental que em 4 meses conseguiu mobilizar 23 escolas e perto de 6000 alunos da Beira Interior para a recolha de Óleos Alimentares Usados na região.

Concurso contou com a participação de 23 escolas e perto de 6000 alunos da Beira Interior.

Escola Básica do Bairro da Luz, na Guarda, foi a vencedora da 1ª edição. Cada aluno desta escola recolheu em média mais de 6 litros de Óleo Alimentar Usado.

No final da iniciativa foram recolhidos 3.273 litros de óleo alimentar usado, representando uma média de 0,64 litros recolhidos por aluno.

Chegou ao fim a 1º edição da Escola PRIO TOP LEVEL , iniciativa ambiental que em 4 meses conseguiu mobilizar 23 escolas e perto de 6000 alunos da Beira Interior para a recolha de Óleos Alimentares Usados na região.

No final da iniciativa foram recolhidos em 10 municípios da região da Cova da Beira (Figueira Castelo Rodrigo, Pinhel, Almeida, Guarda, Manteigas, Belmonte, Fundão, Seia, Gouveia e Covilhã) 3.273 litros de óleo alimentar usado, representando uma média de 0,64 litros recolhidos por aluno.

Esta iniciativa coorganizada pela PRIO BIO e Hardlevel, em parceria com as agências de energia e ambiente – RNAE e ENERAREA, teve como objetivo sensibilizar a comunidade escolar da Beira Interior para a importância da recolha de OAU’s e como estes podem ser transformados em biodiesel, um biocombustível amigo do ambiente.

Durante 4 meses o desafio foi lançado junto da comunidade escolar – cada escola recebeu um oleão simples PRIO TOP LEVEL para a recolha de OAU, cada aluno recebeu um kit didático composto por: jogo de cartas didáticas, para que possam jogar em família e ao mesmo tempo aprender qual a importância de reciclar o OAU, e um funil que tornou mais fácil o ato de reciclar.

A Escola Básica do Bairro da Luz, na Guarda, foi a grande vencedora da 1ª edição da Escola PRIO Top Level. Em média cada aluno daquela escola recolheu 6,25 lt de OAU’s.  Muito perto ficaram os alunos da EB1 das Atalaias, no Fundão, que conseguiram recolher em média 5,49 lt de OAU.  A completar o pódio ficou a Escola Evaristo, em Seia, tendo cada aluno juntado 2,44 lt.

Os prémios foram entregues esta semana, na Guarda, na escola vencedora que recebeu um sortido de materiais lúdicos e educativos para a sua nova biblioteca no valor de 750€ . As primeiras 10 escolas a recolher mais OAU receberam um total de 2500€ em equipamentos como livros, mesas de ping-pong, microscópios, planetários, material para ginástica e jogos de tabuleiro, bens e/ou serviços educativos, lúdicos e de lazer previamente identificados pelos professores responsáveis pela iniciativa na escola quando preencheram o formulário de inscrição para participação no Concurso.

“Ultrapassar a barreira dos 3 mil litros de OAU na região da Beira Interior demonstra o sucesso deste projeto piloto – da 1º edição da Escola PRIO TOP LEVEL. Acreditamos que esta iniciativa serviu para sensibilizar a população para a importância de recolher e reciclar este resíduo. Conseguimos chegar à casa da grande maioria das famílias que residem nos 10 Municípios e por isso não poderíamos estar mais satisfeitos com este projeto-piloto”, referiu Ricardo Coimbra, administrador da PRIO.

Operação “Verão Seguro 2018” da GNR

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana (GNR) reforça, durante o verão, em todo o território nacional, as ações de patrulhamento e apoio na sua área de responsabilidade, com particular ênfase para os locais de veraneio mais frequentados da orla marítima, festas, romarias e eventos de grande dimensão, bem como nos principais eixos rodoviários.

No âmbito desta operação está ativo o Programa Chave Direta, com o objetivo de garantir a segurança das residências habituais dos cidadãos que se encontram de férias, através da realização de ações de patrulhamento junto das mesmas durante a ausência dos seus proprietários. A adesão ao programa deve ser solicitada pelo menos 48 horas antes da ausência dos proprietários da residência, através do registo disponível online em Verão Seguro ou no posto da GNR da sua área de residência. De realçar que nos últimos dois verões, foram registadas 3 278 residências sem nenhuma ocorrência.

Também no âmbito da operação Verão Seguro, a GNR realiza o Programa Turismo Seguro, com o objetivo de promover o apoio, a segurança e o combate ao crime contra o turista, nacional ou estrangeiro, contribuindo assim para uma estadia pacífica para quem visita Portugal, para além do reforço de patrulhamento especializado com vista ao atendimento, acolhimento e encaminhamento destes cidadãos em específico. Os militares desenvolvem ainda ações de informação e sensibilização a este público em específico, com a intenção de prevenir os potenciais riscos e perigos durante a sua estadia.

Para promover e facilitar o policiamento de proximidade com os turistas e numa conjuntura de cooperação internacional, iremos contar também com a presença permanente de três militares da Guardia Civil espanhola e três militares da Gendamarie Nationale francesa, para a realização de patrulhamento misto, nas zonas balneares mais turísticas do Algarve, Lisboa e Setúbal, durante os meses de julho e agosto. A GNR irá também reforçar o patrulhamento nas zonas turísticas espanholas e francesas mais frequentadas pelos portugueses, como Pontevedra (Espanha) e Landes e Estancarbon (França), com sete militares. Haverá ainda um reforço do patrulhamento misto com a Guardia Civil, em território português e espanhol, junto às zonas fronteiriças, em eventos de maior dimensão.

 

GNR- Atividade operacional de 15 a 21 de junho

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, na última semana, de 15 a 21 de junho, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 390 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 179 por condução sob o efeito do álcool;
  • 58 por condução sem habilitação legal;
  • 38 por tráfico de estupefacientes;
  • 13 por posse ilegal de arma;
  • 12 por roubo;
  • Oito por furto;
  • Quatro por invasão em recinto privado;
  • Um por incêndio florestal.

 

  1. Apreensões:
  • 10 209 doses de haxixe;
  • 467 doses de heroína;
  • 83 doses de cocaína;
  • 64 doses de liamba;
  • 26 doses de anfetaminas;
  • 1,1 quilos de pólen de haxixe;
  • 21 armas de fogo;
  • 26 armas brancas;
  • 245 munições de diversos calibres;
  • 19 veículos;
  • 2443 artigos contrafeitos;
  • 30 maços de cigarros;
  • 30 quilos de tabaco manufaturado;
  • Sete quilos de folhas de tabaco;
  • Três máquinas de jogo de fortuna ou azar;
  • 5 555 euros em numerário.

 

  1. Trânsito: 9 139 infrações detetadas, destacando-se:
  • 3 167 excessos de velocidade;
  • 528 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 478 relacionadas com tacógrafos;
  • 394 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;
  • 345 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 312 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 302 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • 159 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

25º Ori-Jovem em Aguiar da Beira

Aguiar da Beira vai acolher nos dias 3, 4, 5 e 6 de Julho ,  o 25º Ori-Jovem.
O Ori-Jovem é um estágio dedicado a ensinar a modalidade de Orientação a jovens entre os 10 e os 15 anos.

Condições especiais para residentes no concelho de Aguiar da Beira.

Para mais informações: orijovem@gmail.com

Turismo Centro de Portugal está a participar no “Wine Summit” Must – Fermenting Ideas

O Turismo Centro de Portugal está a participar na segunda edição da Must – Fermenting Ideas, um dos mais importantes congressos mundiais de vinhos, que atrairá a Portugal cerca de 450 especialistas. O “Wine Summit” decorre  até dia 22 ​de junho, no Centro de Congresso do Estoril, reunindo um impressionante leque de oradores nacionais e internacionais.

O Turismo Centro de Portugal está a promover os vinhos da região durante os três dias, com um “wine bar” situado no salão principal do Centro de Congressos. Neste espaço, haverá seis momentos de promoção e provas, um por cada região de vinhos do Centro de Portugal e outro dedicado à Cidade Europeia do Vinho, que este ano distinguiu a candidatura Alenquer/Torres Vedras. Para estes momentos, o Turismo Centro de Portugal conta com a participação de parceiros – as Comissões Vitivinícolas do Centro de Portugal e a Cidade Europeia do Vinho 2018 – que promoverão os vinhos dos produtores de cada região.

A Must – Fermenting Ideas, que se realizou pela primeira vez em 2017, junta oradores, especialistas, jornalistas e participantes vindos de todo o mundo para refletir sobre aquilo que os une: o vinho. Durante três dias, proporciona um placo mundial privilegiado para todos os produtores, países e regiões que queiram dar a conhecer os seus produtos.

Por:TCP

Liturgia do 11ºdomingo do Tempo Comum

17-06-2018
Ano B - Tempo Comum - 11º Domingo - Boletim Dominical 2
Neste domingo a liturgia fala-nos,  Deus, fiel ao seu plano de salvação, continua, hoje como sempre, a conduzir a
história humana para uma meta de vida plena e de felicidade sem fim.
Na primeira leitura, o profeta Ezequiel assegura ao Povo de Deus, exilado na Babilónia, que Deus não esqueceu a Aliança, nem as promessas que fez no passado.
Apesar das vicissitudes, dos desastres e das crises que as voltas da história comportam, Israel deve continuar a confiar nesse Deus que é fiel e que não desistirá nunca de oferecer ao seu Povo um futuro de tranquilidade, de justiça e de paz sem fim. A segunda leitura recorda-nos que a vida nesta terra, marcada pela finitude e pela transitoriedade, deve ser vivida como uma peregrinação ao encontro de Deus, da vida definitiva. O cristão deve estar consciente de que o Reino de Deus (de que fala o Evangelho de hoje), embora já presente na nossa actual caminhada pela história, só atingirá a sua plena maturação no final dos tempos, quando todos os homens e mulheres se sentarem à mesa de Deus e receberem de Deus a vida que não acaba. É para aí que devemos tender, é essa a visão que deve animar a nossa caminhada.
Antes de mais, o Evangelho garante-nos que Deus tem em marcha um projecto destinado a oferecer aos homens a vida e a salvação. Pode parecer que a nossa história caminha entregue ao acaso ou aos caprichos dos líderes; pode parecer que a história humana entrou em derrapagem e que, no final do caminho, nos espera o abismo; mas é Deus que conduz a história, que lhe imprime o seu dinamismo, que está presente em todos os passos do nosso caminho. Deus caminha connosco e, garantidamente, leva-nos
pela mão ao encontro de um final feliz. Num tempo histórico como o nosso, marcado por “sombras”, por crises e por graves inquietações, este é um dos testemunhos mais importantes que podemos, como crentes, oferecer aos nossos irmãos escravizados pelo desespero e pelo medo. Os que, continuando a missão de Jesus, anunciam a Palavra (que lançam a semente) não devem preocupar-se com a forma como ela cresce e se desenvolve. Devem, apenas, confiar na eficácia da Palavra anunciada, conformar-se com o tempo e o ritmo de Deus, confiar na ação de Deus e no dinamismo intrínseco da
Palavra semeada. Isso equivale a respeitar o crescimento de cada pessoa, o seu processo de maturação, a sua busca de caminhos de vida e de plenitude. Não nos compete exigir que os outros caminhem ao nosso ritmo, que pensem como nós, que passem pelas
mesmas experiências e exigências que para nós são válidas. Há que respeitar a consciência e o ritmo de caminhada de cada homem ou mulher – como Deus sempre faz. A referência à pequenez da semente convida-nos a rever os nossos critérios de
atuação e a nossa forma de olhar o mundo e os nossos irmãos. Por vezes, é naquilo que é pequeno, débil e aparentemente insignificante que Deus Se revela. Deus está nos pequenos, nos humildes, nos pobres, nos que renunciaram a esquemas de triunfalismo e
de ostentação; e é deles que Deus Se serve para transformar o mundo. Atitudes de arrogância, de ambição desmedida, de poder a qualquer custo, não são sinais do Reino.
Sempre que nos deixamos levar por tentações de grandeza, de orgulho, de prepotência, de vaidade, estamos a frustrar o projecto de Deus, a impedir que o Reino de Deus se torne realidade no mundo e nas nossas vidas.

Pinhel acolhe 9ª edição do Torneio de Andebol em memória de Linda Saraiva

A 9ª edição do Torneio de Andebol em memória de Linda Saraiva, competição organizada pelo Município de Pinhel, em parceria com a Associação de Andebol da Guarda, realiza-se de 29 de junho a 1 de julho, na cidade Pinhel.
Instituído em memória de uma jovem atleta da Escola de Andebol Falcão – Pinhel, o Torneio de Andebol Linda Saraiva realiza-se pelo nono ano consecutivo e traz à cidade de Pinhel as equipas de Iniciados Masculinos do Sport Lisboa e Benfica, do Centro Desportivo de São Bernardo (Aveiro), do Almada Atlético Clube, do Andebol Club de Lamego e do B.E.C.A. – Bastinhos Escola Clube de Andebol (Celorico de Bastos).
A par da vertente competitiva, este troféu representa a oportunidade dos jogadores da Escola de Andebol Falcão – Pinhel receberem em sua casa equipas de renome nacional.

Assim, mais do que os resultados, importa o ambiente de companheirismo e convívio vivido ao longo destes três dias, que culminarão com uma sentida homenagem à amiga e companheira de equipa, Linda Saraiva (1996 – 2008).
Assim o quadro de jogos:
Sexta-feira | dia 29 de junho
20.30h: E.A. Falcão – Pinhel vs S.L. Benfica
22.00h: B.E.C.A. vs A.C. Lamego
Sábado | dia 30 de junho
10.00h: E.A. Falcão – Pinhel vs – C.D. São Bernardo
14.00h: A.C. Lamego vs Almada A.C.
16.00h: C.D. São Bernardo vs S.L. Benfica
18.00h: Almada A.C. vs B.E.C.A.
Domingo | dia 1 de julho
10.00h: 3º classificado do grupo 1 e do grupo 2 – apuramento dos 5º e 6º classificados
12.00h: 2º classificado do grupo 1 e do grupo 2 – apuramento dos 3º e 4º classificados
15.00h: 1º classificado do grupo 1 e do grupo 2 – apuramento dos 1º e 2º classificados
16.30h: Entrega de Prémios e Encerramento

“Fornos Mexe Fornos Vive” para manter a forma

Neste verão, toda a gente pode fazer exercício de forma fácil, desta forma , a Junta de Freguesia de Fornos de Algodres, com o apoio da Associação Desportiva de Fornos de Algodres e da Câmara Municipal de Fornos de Algodres, vão desenvolver um projeto “Fornos Mexe Fornos Vive”.

Assim em todos os dias existem atividades diferentes, para todos se manterem em forma, dado que, a atividade física é muito importante.

Deste modo, zumba, corrida, caminhada, hidroginástica e aeróbica e ciclo-turismo.

Arranca dia 2 de julho, a concentração é no jardim 28 de maio, ao lado da Câmara Municipal.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar