Templates by BIGtheme NET
Home » Imagens

Imagens

Licença Digital da Plataforma Escola Virtual da Porto Editora para todos os alunos do 4º e 9º ano de escolaridade oferecida pelo Município de Fornos de Algodres

Os alunos do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres , do 4º e 9º ano de escolaridade, foram premiados com as licenças digitais da Plataforma Escola Virtual da Porto Editora .

Nesta iniciativa do Município, esteve presente Manuel Fonseca, Presidente da Câmara e o seu executivo, assim como Artur Oliveira,

Segundo o executivo referiu no site do Município, que a educação é uma das prioridades deste executivo , com o objetivo de desenvolvimento estratégico do do concelho.

Citaram ainda que, longo dos últimos anos têm procurado, em conjunto com a comunidade educativa, desenvolver e apoiar projetos e atividades que proporcionem a todas as crianças condições de excelência ao nível da aquisição de conhecimentos, mas também e sobretudo, condições de excelência para o seu desenvolvimento social.

Assim no seguimento desse trabalho que decidiram lançar um projeto piloto no concelho, o projeto Escola Virtual da Porto Editora.

A aposta neste projeto tem como objetivo dotar alunos, pais e professores de novas ferramentas (+ recursos educativos, + ferramentas para criação de aulas interativas) que estamos em crer contribuirão, não só para a melhoria da qualidade da aprendizagem, mas também para a adaptação das  crianças a um novo mundo, claramente marcado pela revolução tecnológica em curso.

 

Decidiram deste modo, implementar gratuitamente este projeto no ano letivo 2018/2019 para todos os alunos do 4º e 9º ano de escolaridade, na expetativa que os bons resultados gerados pela implementação do mesmo, conduzam o Município à sua gradual generalização aos outros níveis de ensino.

Desta forma, o Município, solicita a todas, as crianças, pais/encarregados de educação e professores, que utilizem e avaliem esta nova ferramenta que permite enriquecer o processo de aprendizagem.

Mobilidade urbana dos idosos da Guarda objeto de estudo

 

Recentemente nos dias 14 e 15 de novembro, teve lugar em Pamplona (Espanha) a primeira reunião de trabalhos do referido projeto que é liderado pela Universidade de Navarra (Espanha), ao qual se associou uma equipa de investigadores Portugueses liderada pela professora Maria João Guardado Moreira da Unidade de Investigação Age.Comm do Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB); deste grupo de investigadores fazem também parte dois docentes do Instituto Politécnico da Guarda (IPG), Carolina Vila Chã e Nuno Serra.

A equipa de investigação é constituída por investigadores da área da geografia, arquitetura, gerontologia, saúde e atividade física e tem como missão estudar espaços urbanos, cujos desníveis topográficos podem dificultar a mobilidade das pessoas idosas, limitando-as na utilização dos espaços e dos serviços e, consequentemente, condicionando-as no envolvimento de ações promotoras de um envelhecimento ativo.

Em Portugal, será efetuado um levantamento dos meios urbanos portugueses com maiores desníveis topográficos e serão identificados os bairros com população mais envelhecida. Também será realizado um levantamento dos tipos estruturas de mobilidade verticais (elevadores, escadas, passadeira rolantes de utilização pública) e estudado o impacto que estas têm a mobilidade e participação social das populações mais envelhecidas que os utilizam.

Pelas suas características topográficas, a Guarda e Covilhã serão as cidades estudadas em maior detalhe; pretende-se compreender e estudar o impacto destas barreiras na mobilidade e qualidade de vida dos idosos, apresentando-se posteriormente soluções adequadas aos bairros estudados.

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) é uma das instituições que integra o projeto transfronteiriço MOVE-AGED, aprovado pelo Centro Internacional sobre o Envelhecimento (CENIE), no âmbito do programa INTERREG Espanha-Portugal.

A participação do IPG visa primordialmente contribuir para a compreensão do impacto fisiológico e biomecânico dos desníveis topográficos na mobilidade e perceção de esforço dos idosos, tendo por base os seus níveis de funcionalidade.

Atividade operacional diária da GNR

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de hoje, domingo, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções:  36 detidos em flagrante delito, destacando-se:
        • 19 por condução sob o efeito do álcool;
        • Oito por condução sem habilitação legal;
        • Dois por tráfico de estupefacientes;
        • Um por violência doméstica;
        • Um por posse de arma proibida.

 

  1. Apreensões:
        • 22 doses de haxixe;
        • Um arma branca.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 662 infrações detetadas, destacando-se:

        • 88 por condução com Taxa de Álcool no Sangue superior ao permitido por lei;
        • 85 por excesso de velocidade;
        • 33 por falta de inspeção periódica obrigatória;
        • 17 por infrações relacionadas com tacógrafos;
        • 17 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
        • 12 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
        • 12 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.

 

Sinistralidade: 79 acidentes registados, destacando-se:

      • Dois feridos graves;
      • 22 feridos leves.

Distrital de Futsal Feminino- Resultados

Teve lugar mais uma jornada do Distrital de Futsal Feminino, com o jogo grande na Guarda , a turma local a vencer as celoricenses, por 4-1, depois a surpresa do Vila Cortes ao vencer o Penaverdense por duas bolas a uma.

Resultados:

Guarda 2000 – Celoricense-4-1
Penaverdense – Vila Cortes-1-2
Trancoso -Pinhelenses-5-4
CF Sabugal – Vila F. Naves-6-3

Classificação ao fim desta jornada
1º Guarda 2000 -15
2º Celoricenses -15
3º Trancoso -12
4º GD Meda- 9
5º Pinhelenses -9
6º Penaverdense -7
7º CF Sabugal -4
8º Vila Cortes -4
9º Vila Franca- 1

“Monólogos de uma Vida” no 21º Aniversário da Biblioteca Municipal em Mangualde

Mangualde acolhe, no próximo dia 23 de novembro, pelas 21h30, a peça de teatro “Monólogos de uma Vida”, no âmbito do 21º aniversário da Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves. O espetáculo encontra-se inserido no projeto CIM Dão Lafões.

Peça da autoria de Peter Cann, encenação de Eduardo Correia e interpretada pelo grupo “Teatro de Montemuro”, retrata a história de um homem que precisa de tomar uma decisão. É a terceira oportunidade que tem de mudar a sua vida, encontrar o amor e realizar-se. Um triângulo amoroso entre um homem, o amor da sua vida e a sua terra natal, contado por três performers: um ator, um bailarino e um músico.

A PEÇA ENCONTRA-SE DIVIDIDA EM TRÊS PARTES:

Sísifo

Um rapaz de cabeça quente, vinte anos de idade, sente-se frustrado com as limitações da sua vida numa pequena aldeia. Um acontecimento numa feira faz ferver as suas frustrações que viram violência e o ressentimento congela-se no seu estômago como neve.

Ícaro

O rapaz conhece uma jovem de Lisboa e apaixona-se por ela. É uma oportunidade para sair da aldeia, viver em Lisboa e criar uma nova vida. Graças a uma combinação de infelizes coincidências e o seu feitio precipitado, acaba por deixar Lisboa e o amor da sua vida e regressa à aldeia.

Perséfone

De volta para a vida na aldeia, torna-se um agricultor de sucesso, vê a mudança chegar à sua região e através das novas tecnologias ganha acesso a um mundo maior.

A sua antiga amada contacta-o através do Facebook. Encontram-se e o amor reacende, mas quando visita Lisboa apercebe-se de quanto gosta da sua vida na aldeia e da ligação que sente à comunidade.

Volta para a aldeia e confronta-se com a decisão que precisa de tomar.

Texto – Peter Cann

Encenação – Eduardo Correia

Movimento – Julieta Rodrigues (Radar 360º)

Cenografia e Figurinos – Maria João Castelo

Direção Musical – Carlos Adolfo

Interpretação – Abel Duarte, Carlos Adolfo e Filipe Moreira

Desenho de Luz – Paulo Duarte

Construção de Cenários – Carlos Cal e Maria da Conceição Almeida

Costureiras – Capuchinhas crl e Maria do Carmo Félix

Operação técnica – Paulo Duarte

Direção de Produção e Comunicação – Paula Teixeira

Direção de Cena – Abel Duarte

Cartaz – Maria João Castelo

Fotografia e Vídeo – Lionel Balteiro

Mais informações sobre a peça em: http://redecultural.cimvdl.pt

Beira Interior – Vinhos & Sabores inicia hoje em Pinhel

Pinhel volta acolher mais uma edição do Beira Interior – Vinhos & Sabores, um certame que pretende dar a conhecer o melhor que por cá se faz, mas também ser um espaço de debate e de reflexão, um lugar de experiências e de descobertas, uma oportunidade de negócio, em suma, um evento que vale a pena visitar e, sobretudo, sentir e saborear.

Esta é uma iniciativa do Município de Pinhel e da Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior acontece assim nos dias 16, 17 e 18 de novembro no Centro Logístico de Pinhel.

Destaca-se nessa edição a realização de mais uma Gala Vinduero, onde são distinguidos os vinhos de Portugal e Espanha, mas também vai haver workshops, seminário, degustações e provas de vinhos comentadas, show cooking, animação musical entre outras novidades.

A Beira Interior é hoje uma região de excelência e qualidade, tendo os seus Vinhos cada vez maior notoriedade.

GNR- Militares do GIPS intercetam suspeitos de furtos de combustível

A Unidade de Intervenção, através do Subagrupamento de Montanha do Grupo de Intervenção Proteção e Socorro (GIPS), que presta serviço na Serra da Estrela, no dia 13 de novembro, identificou um homem e uma mulher, de 41 e 33 anos, respetivamente, suspeitos de vários furtos de combustível.

No seguimento de ocorrências de furtos em interior de veículo e de combustível, em diversas localidades dos distritos de Castelo Branco e Guarda, os militares do GIPS, para além de garantirem a segurança dos condutores e dos visitantes da Serra da Estrela, efetuaram o seguimento, vigilância e interceção de uma viatura, que transportava os indivíduos suspeitos de terem acabado de realizar um furto de combustível, do depósito de um carro estacionado no Sabugueiro. O modus operandi utilizado era através de um furo efetuado no depósito dos carros das vítimas, deixar escorrer o combustível para os garrafões.

Efetuadas algumas diligências verificou-se que os suspeitos tinham na sua posse garrafões de cinco litros, com combustível, e respetivas ferramentas utilizadas nos furtos.

Tufão Team vai estar na Festa dos Campeões Trial 4×4 2018

Campeonato de Portugal de Trial 4×4 2018
Festa dos Campeões no Parque Biológico de Gaia
A tradicional Gala de Entrega de Prémios vai ter lugar no próximo dia 9 dezembro (domingo) a partir das 16h00, no Auditório do Parque Biológico da cidade de Vila Nova de Gaia, numa organização da Comissão organizadora/promotora do CPTrial4x4.
Uma cerimónia conjunta do clube Trilhos do Norte e a Federação Portuguesa Automobilismo e Karting (FPAK), que contará com a presenta do Presidente da FPAK – NiAmorim – para consagrar os Campeões Nacionais da modalidade de Trial4x4 em todas as suas Classes.
A Gala do Campeonato Portugal de Trial 4×4 vai reconhecer e homenagear pilotos,navegadores, equipas e personalidades que contribuíram de forma significativa para o engrandecimento da competição.
Na gala serão atribuídos os prémios às melhores equipas das classes Absoluto,Extreme, Proto, Super Proto, Promoção e UTV/Buggy. Serão também distinguidos os três melhores navegadores e os três melhores pilotos das referidas classes. Para além destas distinções, acrescem os já habituais Prémios Especiais.

fotos:DR

Livro “Forais Manuelinos de Senhorim, Canas de Senhorim e Aguieira”vai ser apresentado em Nelas

APRESENTAÇÃO DO LIVRO “FORAIS MANUELINOS DE SENHORIM, CANAS DE SENHORIM E AGUIEIRA”

A Biblioteca Municipal de Nelas António Lobo Antunes recebe, no próximo dia 17 de novembro, pelas 16 horas, a apresentação do livro “Forais Manuelinos de Senhorim, Canas de Senhorim e Aguieira”, de Jorge Adolfo Marques.

Esta apresentação, surge na sequência da conferência proferida a convite do Município de Nelas, no Auditório do Edifício Multiusos, a 16 de maio de 2014, intitulada “500 anos dos forais manuelinos de Aguieira, Canas de Senhorim e Senhorim”. Publica-se agora, sob chancela da editora Trapézio de Ideias, a obra Forais manuelinos de Senhorim, Canas de Senhorim e Aguieira.

Dia Internacional para a Eliminação de Todas as Formas de Violência contra as Mulheres

De 19 a 30 de novembro, Mangualde alerta a sociedade para os vários casos de violência contra as mulheres. Para tal, irá promover um conjunto de atividades dirigidas a diferentes públicos, assinalando assim o Dia Internacional para a Eliminação de Todas as Formas de Violência contra as Mulheres. Uma exposição e uma sessão de sensibilização, são as ações promovidas em prol da causa.

A sessão de sensibilização acontece no dia 23 de novembro, pelas 14h30, nas instalações do CIDEM, e é aberta a toda a comunidade. Intitulada “Eliminação da Violência contra as Mulheres”, e proferida por Carla Santos, coordenadora do NAVVD, Diretora técnica do Centro de Acolhimento de Emergência de Viseu e Técnica de Apoio à Vítima, pretende chamar a atenção para a urgência da eliminação da violência de gênero, educar os jovens para a promoção de relações de intimidade saudáveis e mobilizar a sociedade, reunindo várias perspetivas e olhares sobre a violência doméstica dos profissionais que apoiam diretamente estas vítimas.

A exposição estará patente de 19 a 30 de novembro, no átrio da Câmara Municipal.

 Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres

Celebra-se todos os anos a 25 de novembro e visa alertar a sociedade para os vários casos de violência contra as mulheres, nomeadamente casos de abuso ou assédio sexual, maus tratos físicos e psicológicos.

Em 1999, as Nações Unidas (ONU) designaram oficialmente o dia 25 de novembro como Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres. Desde então, a data tem sido celebrada mundialmente, uma homenagem a Tereza, Mirabal-Patrícia e Minerva, presas, torturadas e assassinadas em 1960, sob a chefia do ditador da República Dominicana Rafael Trujillo.

 O Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência Doméstica (NAVVD) do Distrito de Viseu foi criado em outubro de 2006. No âmbito da política de prevenção e combate à violência doméstica do XVII Governo Constitucional, foi constituída prioridade a criação de uma Rede Nacional de Núcleos de Atendimento a mulheres e menores que vivem em situação de violência, uma política à qual se juntou a vontade da Casa do Povo de Abraveses, em outubro de 2009, em Cooperação com a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG), Governo Civil e Centro Distrital de Segurança Social de Viseu.

No dia 06 de janeiro de 2011, o protocolo inicial que deu origem ao Núcleo de Atendimento de Vítimas de Violência Doméstica do Distrito de Viseu, foi alargado a mais 8 instituições públicas e privadas, no sentido de conjugar esforços e recursos para responder de uma forma célere e eficaz às necessidades psicossociais das vítimas de violência doméstica, criando uma rede social de apoio integrado.

O Município de Mangualde não quis deixar passar este dia sem chamar a atenção da população para um flagelo que todos devemos combater, convidando toda a população a integrar as atividades.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar