Templates by BIGtheme NET
Home » Imagens (page 4)

Imagens

Plataforma do Emigrante em Mangualde

Através do seu Gabinete de Apoio ao Emigrante, o Município de Mangualde encontra-se a desenvolver um projeto de investigação que consiste em recolher, harmonizar e analisar informação sobre a evolução e as características da emigração mangualdense de forma a compreender a dimensão da mesma, tendo em conta as relações existentes com a localidade de origem. Paralelamente, está a ser efetuado o recenseamento de todos os emigrantes mangualdenses que vivam atualmente no estrangeiro, para que este contribua para a definição e avaliação de políticas municipais de emigração.

Assim, e para que este objetivo seja atingido com a maior celeridade, o Município apela a que todos os emigrantes mangualdenses se registem na Plataforma do Emigrante, existente no Site do Município (http://mangualdensespelomundo.cmmangualde.pt/registo/), ou presencialmente no Gabinete de Apoio ao Emigrante.

É responsabilidade dos Municípios prestar atenção ao crescimento da população emigrante e habilitar/preparar a estrutura municipal para novos serviços de apoio aos emigrantes. Assim, consciente da importância da comunidade mangualdense dispersa pelo mundo e sentindo a necessidade de resposta, de forma eficiente, às solicitações e dificuldades com que os nossos emigrantes se deparam, o Município de Mangualde encara este desafio como uma responsabilidade, uma oportunidade e um investimento.

Uma responsabilidade, no sentido em que não pode haver distinção entre mangualdenses, quer residam ou não no concelho; uma oportunidade, pois através desta ferramenta pretende-se conhecer melhor a realidade da diáspora mangualdense e um investimento, uma vez que muitos destes mangualdenses, quando regressarem definitivamente a Mangualde, podem investir e ajudar a criar riqueza e valor acrescentado no concelho.

Por:Mun.Mangualde

V Estágio Regional de Primavera do Clube de Escolas de Karaté Shukokai (CEKS) em Fornos de Algodres

No próximo domingo, dia 8 de abril, o pavilhão gimnodesportivo do Agrupamento de Escolas de Fornos de Algodres, acolhe o V Estágio Regional de Primavera do Clube de Escolas de Karaté Shukokai (CEKS).

Pela segunda vez, o CEKS Fornos de Algodres ficou com a responsabilidade de organizar o estágio regional CEKS, a primeira vez, data o ano de 2016. Num evento que recebeu mais de uma centena de atletas, este ano a organização espera um número semelhante no pavilhão da escola.
O estágio regional CEKS tem como objetivo reunir os atletas das diferentes escolas CEKS espalhadas pela zona centro e fazer deste evento, não só, um momento de convivio, mas um evento de partilha de conhecimentos entre os vários atletas.
O treino será orientado pelo Sensei Luis Pereira, instrutor chefe do clube,  uma semana depois do seu regresso do Japão, onde participou no Seminário Internacional da Shitoryo Shukokai Union, em Osaka.
O estágio tem hora marcada para iniciar às 9.30h e terminar às 18.30h, pelo meio terá diferentes grupos a treinar, de acordo com a idade ou a graduação do atleta.

Olga Almeida nomeada para encontro da qualificação do Mundial Feminino

A arbitragem portuguesa continua em alta, assim foi nomeada para estar presente no jogo de qualificação para o Campeonato do Mundo de Futebol Feminino, a realizar em Enzersdorf, Áustria, Olga Almeida, da AF Viseu.

O encontro onde a mangualdense vai estar nesta quinta -feira , 5 de abril pelas 18 horas, opõe as seleções da Áustria e da Sérvia, a realizar no Estádio BSFZ-Arena.

Por:AP Foto:FPF

Bombeiros de Fornos de Algodres vão ter em breve uma EIP

Aprovada em Reunião do Executivo Municipal

Em reunião ordinária da Câmara Municipal de Fornos de Algodres realizada, ontem, 2 de abril de 2018, a Câmara Municipal deliberou aprovar por unanimidade a constituição de uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP).

Esta decisão vem no seguimento da decisão do Governo em atribuir uma EIP a todos os concelhos que não dispõem das mesmas e que detêm freguesias consideradas prioritárias no âmbito da defesa da floresta contra incêndios.

A constituição desta Equipa, resulta de um protocolo entre a Câmara Municipal, a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) e a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres e prevê a constituição de um grupo de cinco elementos em regime de permanência.

Este é mais um exemplo da missão, responsabilidade e contribuição que a Câmara Municipal, enquanto agente de Proteção Civil, tem vindo a desenvolver com vista a melhorar a qualidade da prevenção e do socorro prestados à população do Município de Fornos de Algodres.

Por:Mun.FA

Escape livre volta a apadrinhar o Lobito

O Clube Escape Livre acaba de renovar o apoio ao Centro de Recuperação do Lobo Ibérico (CRLI), em Mafra, através da revalidação da adoção do Lobito pelo período de dois anos. O primeiro contacto com este Centro decorreu em Junho de 2016, no âmbito da Aventura Dacia, desenrolada pelo Oeste, e vai continuar, pelo menos até 2020.

O apoio a este centro tem a ver com a necessidade de apoiar um projecto que visa a conservação do lobo-ibérico, animal ameaçado em Portugal, já que se estima que existam cerca de 300 exemplares em liberdade, uma causa solidária para a qual o Escape Livre ficou sensibilizado há dois anos. O Centro acolhe os lobos que não podem continuar a viver na natureza, sendo atualmente responsável por 13 destes exemplares (sete machos e seis fêmeas), mas necessita de verbas para continuar a zelar pelo seu bem-estar.

Luis Celínio, presidente do Clube Escape Livre, realça que “Quando visitámos pela primeira vez o CRLI, em 2016, ficámos sensibilizados para a necessidade de preservar esta espécie ameaçada, e que a nós, residentes na serra da Estrela, tanto diz respeito. Por isso, desde então que continuamos a apoiar este Centro e desafiamos todos quantos gostem de natureza e desta espécie mítica, a contribuir, nem que seja com uma simples chamada de 0.72 cêntimos, uma visita ao Centro, ou mesmo com apadrinhamento de um lobo.”

O apoio ao Centro de Recuperação do Lobo Ibérico pode ser feito de várias formas, desde uma chamada de valor acrescentado, adoção, visitas, compra de material de merchandising na loja física ou online. Informação disponível em www.grupolobo.pt.

João Paulo Clemente apresentou o seu livro “O Menino Jesus Roubado” em Figueiró da Granja

Teve lugar, na tarde deste sábado, no Museu de Arte Sacra/Casa Paroquial de Figueiró da Granja, a apresentação do livro ” O Menino Jesus Roubado”, de João Paulo Clemente.

Este é o primeiro livro, que veio até à sua terra natal mostrar este livro que foi apresentado pelo Bruno Costa, vereador do Município de Fornos de Algodres, com presença de Alexandre Lote, vice-presidente do Município de Fornos de Algodres, Álvaro Santos, Presidente da Freguesia de Figueiró da Granja entre outros amigos.

O escritor estava muito satisfeito por esta concretização, entre amigos e família mostrou os seus escritos, que muito falam destas localidades da serra.

Animaram a tarde  grupos amigos.

Mangualde assinala Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância

Em abril, o Município de Mangualde e a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens em Risco de Mangualde assinalam, à semelhança de anos anteriores, o Mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância. Nesta campanha, colaboram ainda o Agrupamento de Escolas de Mangualde, a AMARTE – Associação pelo Movimento, Arte e Terapia, bem como empresas e IPSS’s do concelho. “Cuidar e proteger ajuda-nos a crescer” é o lema desta campanha.

No dia 13 de abril, sexta-feira, realizar-se-á uma caminhada solidária, estando a concentração marcada para as 10h30, no arruamento do Estádio Municipal. Segue-se, ao meio dia, a construção de um Laço Azul Humano, no Largo Dr. Couto e Escolas do 1.º ciclo das aldeias. No dia 27 de abril, será a vez das crianças do Ensino Pré-Escolar construírem o seu Laço Azul Humano.

Já nos dias 20 e 27, pelas 14h30, a peça de teatro “E se fosse consigo?”, destinada a alunos do 1.º ciclo, será apresentada na Sala Multiusos da Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves. Esta peça versa sobre o bullying e outras formas de violência.

Durante o mês de abril, as empresas aderentes são convidadas a exporem laços azuis. Esta campanha do Laço Azul começou precisamente como uma homenagem de uma avó ao seu neto vítima de maus-tratos e expandiu-se a muitos países, que usam as fitas azuis em memória daqueles que morreram como resultado de abuso infantil e como forma de apoiar as famílias e de fortalecer as comunidades nos esforços necessários para prevenir o abuso infantil e a negligência.

 

13 de abril

10h30 | Caminhada (concentração Arruamento Estádio Municipal)

12h00 | Construção Laço Azul Humano (Largo Dr. Couto e Escolas do 1º Ciclo nas aldeias)

27 de abril

12h00 | Construção do Laço Azul Humano com as crianças do Pré-Escolar

20 e 27 de abril

14h30 | Peça de Teatro “E se fosse contigo?” destinada a alunos do 1º ciclo

Sala Multiusos da Biblioteca Municipal

Por:Mun:Mangualde

 

Dia Mundial do Teatro celebrado em Mangualde

Na terça-feira, Dia Mundial do Teatro, a Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, em Mangualde, recebeu a visita de cerca de 30 crianças da sala dos 5 anos do Complexo Paroquial de Mangualde. A este grupo juntaram-se ainda alguns leitores da Sala de Leitura Infantojuvenil da Biblioteca Municipal e, juntos, assistiram à dramatização preparada no âmbito desta quadra festiva. Estes jovens alunos foram alertados para a importância das artes e a sua relação com a literatura, a escrita e a leitura.

A visita deste grupo de crianças tem vindo a realizar-se todos os meses com o objetivo de criar hábitos de leitura, incentivando ao uso da Biblioteca como espaço não só de lazer, mas também de aprendizagem e de convívio. Nesse sentido, todas as crianças desta turma já têm “Cartão de Leitor” e podem assim usufruir do empréstimo domiciliário de livros.

 

Liturgia do domingo de Páscoa e Avisos da Semana

A liturgia deste domingo celebra a RESSURREIÇÃO e garante-nos que a vida em
plenitude resulta de uma existência feita dom e serviço em favor dos irmãos. A
ressurreição de Cristo é o exemplo concreto que confirma tudo isto.
A primeira leitura apresenta o exemplo de Cristo que “passou pelo mundo fazendo
o bem” e que, por amor, se deu até à morte; por isso, Deus ressuscitou-O. Os
discípulos, testemunhas desta dinâmica, devem anunciar este “caminho” a todos os
homens. A ressurreição de Jesus não é apresentada como um facto isolado, mas
como o culminar de uma vida vivida na obediência ao Pai e na doação aos homens. A
vida nova e plena que a ressurreição significa parece ser o ponto de chegada de uma
existência posta ao serviço do projecto salvador e libertador de Deus. Por outro lado,
esta vida vivida na entrega e no dom é uma proposta transformadora que, uma vez
acolhida, liberta da escravidão do egoísmo e do pecado.

01-04-2018
Ano B - Tempo Pascal - Domingo de Páscoa - Boletim Dominical

A segunda leitura convida os cristãos, revestidos de Cristo pelo baptismo, a
continuarem a sua caminhada de vida nova, até à transformação plena, que
acontecerá quando, pela morte, tivermos ultrapassado a última barreira da nossa
finitude. Neste texto, Paulo apresenta, como ponto de partida e base da vida cristã, a
união com Cristo ressuscitado, na qual o cristão é introduzido pelo baptismo. Em
concreto, isso significa despojarmo-nos do “homem velho” por um processo de
conversão que nunca está acabado e o revestirmo-nos – cada dia mais
profundamente – da imagem de Cristo, de forma a que nos identifiquemos com Ele
pelo amor e pela entrega da vida.
O Evangelho coloca-nos diante de duas atitudes face à ressurreição: a do discípulo
obstinado, que se recusa a aceitá-la porque, na sua lógica, o amor total e a doação da
vida não podem, nunca, ser geradores de vida nova; e a do discípulo ideal, que ama
Jesus e que, por isso, entende o seu caminho e a sua proposta, a esse não o
escandaliza nem o espanta que da cruz tenha nascido a vida plena, a vida verdadeira.
O texto começa com uma indicação aparentemente cronológica, mas que deve ser
entendida, sobretudo, em chave teológica: “no primeiro dia da semana”. Significa que
aqui começou um novo ciclo – o da nova criação, o da libertação definitiva. Este é o
“primeiro dia” de um novo tempo e de uma nova realidade – o tempo do Homem
Novo, que nasceu a partir da acção criadora e vivificadora de Jesus.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar