Templates by BIGtheme NET
Home » Região (page 309)

Região

Operação “Crescer em Segurança”

gnrA Guarda Nacional Republicana (GNR) promove entre os dias 18 e 20 de novembro, ações de sensibilização, no âmbito da operação “Crescer em Segurança”, com o objetivo de alertar a comunidade escolar para os direitos das crianças, e para as questões relativas à exploração e abuso sexual das mesmas.

Aceda a http://goo.gl/RReUHF e saiba mais pormenores.

Por:GNR Guarda

Classificação do III Concurso de Montras de Outono 2015.

trancosoDurante a III edição da “Feira da Castanha e Paladares de Outono 2015”, realizou-se o III concurso de “Montras de Outono”, que se destinou a todo o comércio local da cidade de Trancoso.

A classificação deste concurso foi a seguinte:

1.º Lugar – Ângelo Ramos LDA

2.º Lugar – Farmácia da Misericórdia

3.º Lugar – Ópticas Lince

Fonte:Mun.Trancoso

Clube UMM de Portugal celebrou 10ºaniversário em Mangualde

EDIL MANGUALDENSE RECEBEU PARTICIPANTES NA AUTARQUIA

UMM 10º aniv (1)  No passado sábado, 14 de novembro, o Clube UMM Portugal assinalou o seu 10º aniversário com um passeio todo-o-terreno em Mangualde. O Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, fez questão de receber os cerca de 193 participantes na autarquia. Na cerimónia, que decorreu no salão nobre, marcou ainda presença Rui Ardérius, Vereador da autarquia mangualdense, Norberto Liberato, Presidente do Clube UMM e Sérgio Serra, organizador local do encontro.
O dia começou bem cedo com a concentração dos UMM 10º aniv (2)participantes no Largo das Festas de Fagilde. Seguiu-se um passeio pelos trilhos mangualdense com passagem na Barragem de Fagilde, em Canedo do Mato e na Ermida da Sra. do Castelo, onde se fez uma visita à Igreja situada no ponto mais alto de Mangualde. Seguiram rumo ao centro da cidade mangualdense, onde foram recebidos na autarquia, pelo edil mangualdense, João Azevedo. No fim, estes amantes do todo-o-terreno, continuaram a sua jornada visitando a Roda, o Monte de Santo António dos Cabaços, Fornos de Maceira do Dão e o Convento de Maceira do Dão, em Vila Garcia, terminado o percurso no ponto de partida, Fagilde. No final do passeio realizou-se um animado almoço convívio no Restaurante “Cascata da Pedra”, em Mangualde, onde foram entregues lembranças a todos os participantes.
O Clube UMM tem coUMM 10º aniv (3)mo principais atividades a realização de passeios e organização de eventos que promovam a divulgação do Todo-o-Terreno.
Fonte:Mun.Mangualde

Rota 20 anos Eco Escolas pelo concelho de Gouveia

EcoRotas_web2A “Rota dos 20 anos Eco Escolas” está a percorrer os estabelecimentos de ensino parceiros no concelho de Gouveia até 04 de dezembro de 2015. A ação está integrada no Programa Eco Escolas e entrou  no concelho de Gouveia no dia 09 de novembro vinda do concelho de Manteigas.

A iniciativa “Rota dos 20 anos Eco Escolas”, coordenada pela ABAE – Programa Eco-Escolas, integra-se no tema mobilidade sustentável  e visa alertar a comunidade escolar para a importância de uma mobilidade mais segura, eficiente e inclusiva,  através do envolvimento das crianças e jovens, professores, assistentes e auxiliares, encarregados de educação e municípios.

Esta ação decorre simultaneamente 20 regiões (distritos  do continente e as duas regiões autónomas) e iniciou-se a  22 de abril de 2015 – Earth Day | World Day of Action Eco-Schools. Terá a duração necessária para que os testemunhos passem em todas as eco escolas, prevendo-se que esteja concluída no final de 2016.

O Município de Gouveia está a promover a “Rota dos 20 anos Eco Escolas” fazendo-a passar por todas as suas Eco-Escolas , desta forma já  esteve no Jardim de Infância – Casa do Povo de Vila Nova de Tazem (10-11-2015 a 12-11-2015);EB de Vila Nova de Tazem (12-11-2015 a 17-11-2015).

Esta terça feira foi hasteada a Bandeira na EB de Gouveia onde vai estar até ao dia 20, seguindo depois para as seguintes escolas:

  • Escola Secundária de Gouveia (20-11-2015 a 24-11-2015)
  • Jardim de Infância – ABPG (24-11-2015 a 27-11-2015)
  • Jardim de Infância – Patronato (27-11-2015 a 01-12-2015)
  • Jardim de Infância de Gouveia (01-12-2015 a 04-12-2015)

A ação “Rota dos 20 anos Eco Escolas” é fisicamente assinalada por quatro elementos relacionados com a ação e que são a “Bandeira da rota”, o “Pergaminho”, o “Livro dos Municípios” e o “Livro das escolas” que estão presentes na passagem do testemunho. A “bandeira da rota” deverá ser hasteada pelas escolas que a recebem, durante o tempo que lhe estiver destinado.  As escolas devem assinar a “Bandeira da rota”, preencher o “Livro da Rota” e o “Pergaminho”, fazendo-os circular, entre si, de forma sustentável em termos de mobilidade (a pé, bicicleta, transportes públicos, etc).

O Município de Gouveia fará a passagem dos testemunhos da “Rota dos 20 anos Eco Escolas” ao Município de Fornos de Algodres, no dia 04 de dezembro.

Fonte:Mun.Gouveia

Curso de aplicador de fito farmacêuticos foi em Aguiar da Beira

aguiarCom o prazo a escassear, as provas vão acontecendo um pouco por toda a parte e deste modo, meia centena de inscritos para mais uma prova de avaliação de conhecimentos, tendo em vista a obtenção do cartão de aplicador de produtos fitofarmacêuticos. Esta prova teve lugar no auditório pelas 14h30 e contou com a colaboração do Gabinete Municipal de Apoio ao Agricultor da Câmara Municipal de Aguiar da Beira.

Neste sentido, estes cursos tem duas vertentes: para mais de 65 anos  e restantes pessoas, onde para os +65 anos apenas realizam uma prova , já os restantes  realizam um curso de 35h.

Por:Mun.Aguiar da Beira

Workshop reflete sobre regras familiares em Mangualde

RealizaWorkshop Regras e Limites-se no dia 28 de novembro, às 14h30, no Auditório da Câmara Municipal de Mangualde, o workshop “Regras e Limites”, integrado no projeto Famílias Felizes. A iniciativa é organizada pela Comissão de Projeção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Mangualde e dinamizada por Cristina Nogueira da Fonseca, mentora e coordenadora do projeto Famílias Felizes, Presidente da direção da Associação Quero-te Muito e especialista em empowerment familiar e psicologia positiva.

A ação destina-se a pais, encarregados de educação, professores e educadores, e tem a duração mínima de duas horas. O objetivo é permitir a reflexão sobre regras familiares que fazem sentido, sobre as que são e não são cumpridas e sobre as regras para construir regras.

A inscrição é gratuita, mas obrigatória e deve ser efetuada até 20 de novembro na CPCJ de Mangualde (Largo Dr. Couto, 3530-004 Mangualde), através de contacto telefónico (232 619 880) ou email (cpcj@cmmangualde.pt).

Por:Mun.Mangualde

NOSSA SENHORA DO MONTE, OU DA CABEÇA – SÍTIO PRIMITIVO DO MOSTEIRO DE MACEIRA DÃO?

A campaNossa Senhora do Montenha da autarquia mangualdense, «Mangualde, o nosso património!», continua a dar a conhecer o vasto património do concelho. Para aproximar a população do património mangualdense, em novembro, o destaque vai para a «Nossa Senhora do Monte, ou da Cabeça – Sítio primitivo do Mosteiro de Maceira Dão?»

Nossa Senhora do Monte, ou da Cabeça – Sítio primitivo do Mosteiro de Maceira Dão?
Alpendurada no cimo do monte, tendo a seus pés o Real Mosteiro de Maceira Dão, vê-se a Igreja de culto mariano de Nossa Senhora do Monte e que, por mercê das curas feitas pela Imaculada Senhora às maleitas de cabeça dos fiéis que a ela acudiam, viu, paulatinamente, mudado o seu nome para Senhora da Cabeça.
O edificado transporta-nos para o estilo barroco do século XVIII, belo na sua gramática ornamental, com monumental e esplendoroso requinte decorativo do portal principal. É na fachada nobre que concentra, aliás, a sua extraordinária riqueza artística.
A arquitectura do templo, a planta e demais soluções fazem crer que a sua edificação se situará nos finais do século XVII, finalizando-se, pelo menos, até à primeira década da 2ª metade do século XVIII, conforme sugere a gramática decorativa do exterior.
Inventariado em 1716, Frei Agostinho de Santa Maria refere que a sua primitiva construção se deverá aos primeiros monges Benedictinos, por volta do ano 900, constituindo assim o primeiro convento naquele sítio, e que mais tarde, por volta do ano 1100, terá sido abandonado para dar lugar ao mosteiro cisterciense que abaixo lhe fica, por permitir maior expansão habitacional.
Diz ainda aquele frade, em tom de justificação: “(…) e em memoria de haver no monte estado o primeyro Convento, costumàrão ir os Religiosos em todos os Sabbados pagar à Senhora aquelle devoto obsequio.”
Dando como certos os relatos de Frei Agostinho de Santa Maria, a actual Igreja do século XVIII mais não é que uma reedificação no sítio do velho e primitivo mosteiro: “Esta Ermida jà parece obra moderna, & reedificação da primeiyra”. Só a Arqueologia poderá corroborar ou desmentir as palavras de Frei Agostinho de Santa Maria.
António Tavares
Gabinete de Gestão e Programação do Património Cultural

Com esta campanha todos ficam mais próximos do vasto esplendor patrimonial do nosso concelho. Nesse sentido, continua a ser colocada, em vários pontos de encontro do concelho, informação sobre o monumento/património apresentado. O património material e imaterial vai sendo apresentado consoante a categoria com a qual foi classificado: arqueologia, pelourinhos, fontes, palacetes e religiosos, bem como outros bens patrimoniais. Cada categoria será representada por uma cor que a distingue das restantes.

Foram já vários os bens patrimoniais destacados por esta campanha nos últimos dois anos. Em 2015, continuamos a aproximar a comunidade de todo o nosso património, tendo sido apresentada ao longo do ano, a Igreja de São Tomé de Cunha Baixa, o Fontenário dos Seabra Beltrões, em Cassurrães, o Penedo da Cruz, em Póvoa de Cervães, Vila Cova de Tavares…1663, a Capela dos Cabral Pinto – Cassurrães, a Ponta da Barca, a Igreja de Santiago de Cassurrães e as mais recentes Sepulturas medievais de Maceira Dão.

Por:Mun.Mangualde

AF Viseu- Resultados da divisão de honra

JORNADA 7
Classificação
P J V E D GM GS DG
1 Silgueiros 19 7 6 1 0 13 3 +10 a
2 Moimenta da Beira 18 6 6 0 0 10 2 +8 a
3 Sátão 16 6 5 1 0 11 3 +8 a
4 Tarouquense 11 7 3 2 2 9 8 +1 a
5 Resende 10 7 3 1 3 7 6 +1 a
6 Castro Daire 10 7 3 1 3 8 7 +1 a
7 Sampedrense 10 7 3 1 3 13 13 0 a
8 Carregal do Sal 9 7 2 3 2 8 9 -1 a
9 Penalva Castelo 9 7 3 0 4 12 9 +3 a
10 ACDR Lamelas 8 7 2 2 3 8 10 -2 a
11 Sport Clube Paivense 8 7 2 2 3 8 12 -4 a
12 Molelos 7 6 2 1 3 4 6 -2 a
13 Alvite 6 7 2 0 5 6 10 -4 a
14 Mangualde 5 7 1 2 4 6 10 -4 a
15 Viseu e Benfica 4 6 1 1 4 1 9 -8 a
16 Ferreira de Aves 2 7 0 2 5 5 12 -7 afonte:Zero zero

Município de Trancoso sensibiliza mais novos com campanha “Eco Rabisca II”.

0tranO Município de Trancoso, em parceria com a SUMA, vai realizar, no próximo dia 17 de novembro, a campanha “Eco-Rabisca II”, no âmbito do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido no Município, em matéria de Educação e Sensibilização Ambiental. Transmitir regras ambientais de sustentabilidade e Cidadania, no que aos resíduos diz respeito, de forma a estimular a introdução da mudança nas rotinas diárias dos pais é o principal objetivo desta campanha.

A campanha “Eco-Rabisca II” assenta a sua estratégia na exploração de um caderno de fichas de atividades lúdico-pedagógicas, “Eco-Rabisca II”, um manual que aborda várias temáticas relacionadas com a gestão doméstica dos resíduos, como a deposição de pequenos lixos, o acondicionamento e deposição de resíduos indiferenciados, a reciclagem e a reutilização.
Este é o segundo volume do “Eco-Rabisca”, um manual que recorre a vários exercícios e jogos lúdico-pedagógicos para colorir, e que incluem atividades de correspondência, de recorte, de preenchimento, a ser trabalhado pelos Educadores na sala de aula, ou fora do contexto escolar, por exemplo, em casa, com o apoio dos pais.

A campanha decorrerá, através de contacto pró-ativo, durante 1 dia e abrangerá 8 Estabelecimentos de Educação Pré-escolar, num total de 109 alunos.

Por:Mun.Trancoso

Novos árbitros de futsal da AF Guarda

1arbitConclusão do curso de árbitros de Futsal com 16 novos árbitros.

Durante a manhã realizou-se os testes físicos e foram-lhe explicados várias situações práticas (receção dos delegados, movimentação, sinalética, entrada no terreno de jogo, mostragem de cartões, entre outras).

Depois do almoço oferecido pela A.F. Guarda, realizou-se a intervenção das entidades convidadas. Esteve presente o Secretário-geral da A.F. Guarda, Sr. Artur Batista e o Presidente do Conselho de Arbitragem da A.F. Guarda, Sr. Luís Brás. Seguiu-se uma formação sobre cronometrista e a 6ª falta.

Um agradecimento especial aos elementos do Gabinete Técnico (Marco Rodrigues e Fábio Cardoso) e aos excelentes colaboradores (Vítor Rodrigues, Rui Ventura, Tiago Cadete, Manuel Pinto, Pedro Martins, Bruno Alves e Mónica Xavier) que contribuíram para este êxito.

Um dia de intenso trabalho onde predominou o excelente ambiente entre todos os participantes, onde está o fornense Carlos Almeida

Por:CA AFG

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar