Templates by BIGtheme NET
Home » Nacional (page 124)

Nacional

Valorização das minas já recuperadas em Mangualde

scpA Câmara Municipal de Mangualde assinou um conjunto de protocolos que visam a valorização das minas já recuperadas, pela Empresa de Desenvolvimento Mineiro (EDM), no concelho. Ficando o compromisso de ainda serem investidos mais de 14 milhões de euros na recuperação ambiental das minas abandonadas. Na assinatura marcou presença o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, o Presidente da Empresa de Desenvolvimento Mineiro, Rui da Silva Rodrigues, e o Secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches, nesta sexta-feira.

 Foram ainda assinados três protocolos de cedência, nomeadamente da antiga área mineira de Espinho ao Corpo de Intervenção em Operações de Proteção e Socorro (CIOPS) para treino de cães de busca e resgate, do sistema de distribuição de águas da Cunha Baixa (que permitirá regar cerca de 10 hectares de terrenos) e de um edifício para que a Junta de Freguesia da Cunha Baixa aí instale um centro interpretativo da atividade mineira da região.

 EDIL CONSIDERA FUNDAMENTAL “OS ESPAÇOS ESTAREM AMBIENTALMENTE REABILITADOS,

APROVEITÁ-LOS PARA A AGRICULTURA, PARA ATIVIDADES DA PROTEÇÃO CIVIL E TAMBÉM PARA O TURISMO”

 Para o edil mangualdense, “a exploração das minas ajudou a economia, mas deixou um grande passivo ambiental”. Considerando fundamental “os espaços estarem ambientalmente reabilitados, aproveitá-los para a agricultura, para atividades da proteção civil e também para o turismo”. João Azevedo aproveitou a oportunidade e pediu ao secretário de Estado da Energia “o carinho necessário, para que seja possível colocar em Mangualde a rota do turismo mineiro”. O qual foi aceite, tendo Jorge Seguro Sanches reforçado “a importância de, com as raízes no passado, olhar para o futuro”. O autarca mangualdense terminou salientado que “esta questão do guião é fundamental não só para trazer pessoas para o concelho, mas também para promover e preparar pedagogicamente a história daqueles espaços que tiveram essa mais-valia na riqueza do país”.

 Para Rui da Silva Rodrigues estes protocolos “refletem uma nova abordagem da EDM em relação à utilização destes espaços”. “Queremos que essa nova utilização envolva a proximidade das Câmaras, das Juntas de Freguesia e tenha um envolvimento genérico de responsabilização, quer da EDM, quer do município”, frisou. Desta forma, “esta parceria vai potenciar a dinamização de mais iniciativas quer no aproveitamento das áreas recuperadas, quer dos ativos reabilitados”. Com um investimento global que ascende os 22 milhões de euros, para o presidente da EDM, a intervenção em Mangualde representa “a segunda maior intervenção no âmbito do programa da recuperação das minas abandonadas”. As intervenções começaram em 2001 com a realização de um conjunto de estudos e de projetos, aos quais se seguiram as obras nas áreas mineiras de Espinho e da Cunha Baixa e da Freixiosa. “Neste momento temos um curso uma obra, que temos programada a sua conclusão para 2017, em Póvoa de Cervães e faltam realizar outras em Quinta do Bispo e Pinhal do Souto” referiu Rui da Silva Rodrigues.

Por:MM

Fado de Coimbra com letra para Fornos de Algodres

zfadoComo não se pode viver só de notícias, a poesia é um campo importante que deve ser destacado, face a isso, aqui deixamos, umas quadras que uma senhora com raízes no concelho de Fornos de Algodres, Ana Maria Gonçalves, nos fez chegar:

FADO DE COIMBRA

A vila de Fornos é linda
amada pelo seu povo
levou o Fado a Coimbra
dando – lhe um cariz novo.

Em Fornos, terra natal
onde veio a nascer
Menano foi jovial
até à hora de morrer…

E de semblante renovado
sendo de Menano a voz
Coimbra cantou o fado
e trouxe – o até nós.

Pelo Mondego enviou
uma voz que encantou
que nunca ninguém imitou
e p`la qual muito chorou.

Num vale fundinho
fica a Mata, um miminho
onde cheira a rosmaninho
e as andorinhas fazem ninhos.

Fornos e a minha terra
são de quem as sabe amar
onde um fadista se enterra
mas, não deixa de cantar.

Por:AMG

Bombeiros V.Fornos de Algodres organizam almoço solidário

1bvfaO ano de 2016 tem sido muito trabalhoso para os Bombeiros Portugueses e neste caso específico, os Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres, tem tido algumas contrariedades, foram dois bombeiros que sofreram queimaduras de 2ºgrau , estando já a recuperar favoravelmente, os veículos sofreram muito desgaste, e também perderam uma das suas ambulâncias num acidente.

Face a isso, a Direção deste Corpo de Bombeiros, vai levar a efeito um almoço solidário, no sentido de angariar fundos, para fazer face aos investimentos que irão ser feitos, para dotar este corpo de Bombeiros com novos equipamentos.

Face a isso vai realizar-se, no domingo, dia 20 de novembro, no seu quartel, pelas 12h30, em Fornos de Algodres.

As inscrições estão já abertas no sentido, de que seja uma grande onda de solidariedade para ajudar os soldados da paz.

Por:AP/foto:BVFA

 

Tertúlia em Gouveia com casa cheia

14519911_579283062254813_4115550278233474933_nIntegrado no programa de homenagem ao Dr. Alípio de Melo, num ano em que se comemoram os 40 anos de Poder Local democrático, a noite desta sexta -feira, foi bastante produtiva, apesar de ser ao mesmo horário do encontro de Portugal-Andorra, a sala do Auditório da Biblioteca Municipal, encheu na mesma.

O debate com tema “Ser Presidente da Câmara” que contou com a participação de João Soares e Maria da Luz Rosinha, ex-presidentes das Câmaras Municipais de Lisboa e Vila Franca de Xira, foi muito produtivo, aliás foi mais uma tertúlia interessante moderada por João Amaro, Presidente da Freguesia de Gouveia.

Casa cheia, na noite,desta sexta-feira no debate (ou tertúlia?) que contou com as participações de João Soares e Maria da Luz Rosinha; a primeira de muitas outras ações que integram o programa de homenagem ao Dr. Alípio de Melo, num ano em que se comemoram os 40 anos de Poder Local democrático.

Presentes na plateia, muitas figuras ilustres da cidade de Gouveia que foram intervindo também.

Por:AP/Foto:PP

 

EstrelAçor Trail Ultra Endurance em Linhares e arredores da serra

lb Em Linhares da Beira, iniciou a prova EstrelAçor Trail Ultra Endurance, uma ultramaratona, organizada pela Associação Mundo da Corrida, com a colaboração do Município de Celorico da Beira, teve o seu início na tarde desta sexta-feira, tendo o Vice-Presidente de Celorico da Beira Dr. José Luís Cabral dado o tiro de partida.

Os percursos das provas de 180 km, 42 km 22 km, são circulares, todas têm o seu início e fim em Linhares da Beira.
O percurso da prova de 100 km  tem o seu início no Piódão, terminando em Linhares da Beira. O percurso desta prova será o mesmo da prova de 180 km, do Piódão até Linhares da Beira. A prova de 15 km tem o seu início na aldeia do Folgosinho.

As competições destinam-se a todos os atletas, federados ou não, em representação individual ou colectiva (Escolas, Associações desportivas, etc.), deplb1ois de devidamente inscritos, no âmbito da corrida para todos, tendo os seguintes escalões:

MASCULINOS:

  • Sub 23 – 18/22 anos
  • Seniores – 23/39 anos
  • M 40 (40 a 44 anos)
  • M 45 (45 a 49 anos
  • M 50 (50 a 54 anos)
  • M 55 (55 a 59 anos)
  • M 60 (mais de 60 anos)

FEMININOS:

  • Sub 23 – 18/22 anos
  • Seniores – 23/39 anos
  • F 40 (40 a 44 anos)
  • F 45 (45 a 49 anos
  • F 50 (50 a 54 anos)
  • F 55 (55 a 59 anos)
  • F 60 (mais de 60 anos)

Por:MCB/EATU

Academia de Música de Pinhel continua a crescer

am Quase a completar dez anos de trabalho na área da formação artística, a Academia de Música de Pinhel continua a crescer e afirmar-se pela qualidade e variedade da formação ministrada aos jovens pinhelenses.

Assim, no ano letivo 2016/2017, a Academia tem 97 alunos inscritos, dos quais 57 estão inscritos em disciplinas de Música (Instrumentos, Coro e Formação Musical) e 40 na disciplina de Ballet.

Sobre estes números, importa realçar a inscrição de 23 novos alunos, sendo que no total, a Academia tem este ano mais 10 alunos do que no ano letivo passado.

No que diz respeito à Formação Musical, estão constituídas 6 turmas de níveis de aprendizagem distintos, frequentadas por 52 alunos no total (mais 5 do que no ano anterior).am2

A par disso, existe uma turma de Coro, composta por 20 alunos (mais 5 do que no ano anterior).

No que diz respeito às aulas de grupo, a oferta formativa é a seguinte: Formação Musical (disciplina obrigatória para os alunos de instrumento), Coro e Música de Câmara (música de grupo, dividida por naipes, de caráter opcional).

Os grupos de Música de Câmara atualmente existentes são os seguintes: Sexteto de Clarinetes, Grupo de Percussão e Trio de Trompetes.

Já no que diz respeito à aprendizagem de um Instrumento, as aulas são individuais e os alunos podem escolher entre várias opções.

Assim, neste ano letivo há 13 alunos inscritos em Clarinete, 12 em Guitarra, outros 12 em Bateria e mais 12 em Piano. O Saxofone é a escolha de 5 alunos, bem como o Trompete. Há ainda a registar 2 alunos de Trombone, 1 de Bombardino e 1 de Contrabaixo (o que perfaz 63 alunos nas várias discam1iplinas de Instrumento).

O corpo docente da Academia de Música é composto por 7 professores:

– Gonçalo Pinto (Classe de Metais – Bombardino, Contrabaixo, Trombone e Trompete);

– Ana Pinto (Classe de Madeiras – Clarinete e Saxofone);

– Pedro Maia (Guitarra);

– Pedro Amaral (Bateria);

– Fábio Guia (Piano);

– Ângelo Lemos Marques (Coro e Formação Musical);

– Maria Jorge Matos (Ballet).

Relativamente ao Ballet, no presente ano letivo regista-se a abertura de uma nova turma (Level 4). Assim sendo, existem agora 6 níveis de aprendizagem (Pré-Primário, Primário, Level 1, Level 2, Level 3, Level 4), frequentados por 30 alunos.

Além destes, de referir ainda a abertura da turma de Ballet para Adultos, uma novidade deste ano letivo que, até ao momento, conta já com 10 inscrições.

Feitas as contas, a classe de Ballet conta este ano, e para já, com 40 alunos.

Ainda a respeito do Ballet, importa lembrar que da oferta formativa também faz parte a disciplina de Barra no Solo, frequentada pelas alunas dos níveis 1, 2, 3 e 4.

Por:Mun.Pinhel

Recordar o filme ‘Do Alto do Terraço’ em Mangualde

cine 7O filme ‘Do Alto do Terraço’, exibido em Mangualde a 7 de outubro de 1962, ‘Aconteceu no Cineteatro há 54 anos’ e é hoje relembrado pela Câmara Municipal de Mangualde.

Um filme de grande poder universal que apaixonou todos os públicos do mundo e que retrata o amor em todos os seus aspetos e facetas. Do alto do terraço vê-se o amor verdadeiro, o falso amor e todo o imprevisto maravilhoso da vida com as suas intrigas, as suas ambições, os seus desesperos, as suas traições e as suas alegrias. Um filme excecional destinado a obter todos os prémios e que contou com um elemento de luxo composto por Paul Newman e Joanne Woodward.

 A peça integra a campanha ‘Aconteceu no Cineteatro há…’ promovida semanalmente pela autarquia mangualdense.

 RELANÇAR O CINETEATRO DE MANGUALDE E INCENTIVAR

O CONTACTO COM AS FONTES PRIMÁRIAS SÃO OS PRINCIPAIS OBJETIVOS

Através do Arquivo Municipal de Mangualde está a ser divulgado, semanalmente, um cartaz relativo às antigas exibições no Cineteatro. Com esta campanha a autarquia mangualdense pretende relembrar aos mangualdenses que ao longo de várias décadas, no Cineteatro de Mangualde, múltiplas companhias de espetáculo exibiram as suas melhores peças e os seus melhores atores, sendo aqui também projetados excelentes filmes. Para além de sensibilizar a sociedade civil mangualdense para a importância deste extraordinário equipamento cultural, pretende ainda incentivar o contacto com as fontes primárias, gerar uma nova atitude face ao património documental, e propiciar o desenvolvimento de hábitos de pesquisa e de visita ao arquivo.

Esta iniciativa surge no seguimento do anúncio das obras de requalificação previstas para o Cineteatro de Mangualde, cujo lançamento do concurso de obra se prevê ainda este ano. Esta iniciativa tem como intuito criar um maior dinamismo e relançar o Cineteatro de Mangualde.

Por:MM

 

AD Fornos de Algodres promove curso de Formação no âmbito Erasmus +

A Associação Desportiva Fornos Algodres e os seus parceiros vão 14502709_1146762242098292_9135297693436239052_ndesenvolver um curso de formação” YOUTH EDUCATION AND DEVELOPMENT: SPORT AS A TOOL “, no âmbito do programa Erasmus +, entre os dias 16 a 22 de Outubro 2016 em Fornos de Algodres.

Este projeto vai receber jovens oriundos de Portugal, Roménia, Bulgária, Macedónia e Turquia.

O curso de formação é gratuito.
As inscrições estão limitadas a 6 participantes portugueses.

Por:ADFA

Nelas celebrou durante a semana o Dia Internacional do Idoso

idosoO Dia Internacional do Idoso  foi celebrado esta semana em Nelas, na Biblioteca Municipal de Nelas, numa iniciativa da Câmara Municipal.

Com objetivo de promover uma velhice ativa e participativa, de modo a evitar a solidão e o isolamento, foi um momento de animação e de encontro entre toda a população sénior proveniente das oito Instituições Particulares de Solidariedade Social do Concelho (IPSS’S), com o tema “O Fio da Vida”, dinamizado pelos animadores sócio – culturais da Autarquia.

A atividade, que começou nesta segunda-feira, finalizando esta sexta feira,7 de outubro,  contou com a participação do Centro de Dia do Folhadal, Fundação Lopes da Fonseca, Lar de Idosos Padre Domingos, Lar de Idosos S. Miguel, Santa Casa da Misericórdia de Santar, Centro Paroquial de Vilar Seco – Centro de Dia, Residencial S. Domingos de Algerás e Casa de Repouso “A Família”.

O Presidente da Câmara, José Borges da Silva marcou  presença nesta nobre iniciativa, tendo deixado algumas palavras de apoio e incentivo a todos os envolvidos no sentido de se dar continuidade sempre com a mesma alegria a estas práticas efetivas de solidariedade e respeito Social, agradecendo igualmente a todos os profissionais dedicam a sua vida aos cuidados dos nossos idosos, reforçando a forte rede social existente no nosso concelho.

O Dia Internacional do Idoso, que tem como objetivo sensibilizar a sociedade para as questões do envelhecimento e da necessidade de proteger e cuidar a população mais idosa, foi instituído em 1991 pela ONU (Organização das Nações Unidas) e é comemorado anualmente no dia 1 de outubro. Neste dia, é particularmente importante relembrar que a responsabilidade social vai além do trabalho desenvolvido pelas instituições no terreno, e que deveria ser um desígnio de todos desencadear novas ações, sistemáticas e diversificadas, ao encontro das necessidades e expetativas da comunidade (sénior).

Por:MN

Peregrinação das Santas Casas das Misericórdias da Diocese de Viseu à Sé Catedral

IMG_9748  O passado domingo,  dia 2 de Outubro, foi muito importante para as Misericórdias  com a Peregrinação das Santas Casas das Misericórdias da Diocese de Viseu à Sé Catedral.

Desta forma o cortejo percorreu as ruas emblemáticas da cidade, desde o Centro Pastoral até à Sé Catedral.IMG_9778

Estiveram presentes 10 das 14 misericórdias da Diocese de Viseu, na Sé foram todos recebidos pelo Bispo D.Ilidio Leandro, que celebrou a Eucaristia de seguida e deixou palavras de louvor ás Misericórdias de Viseu e Fornos pela celebração dos 50 e 350 anos , respetivamente, neste ano de 2016.IMG_9771

Referiu ainda que a Parábola do Samaritano cumpre as obras de Misericórdia, ainda salientou que, o Ano Santo enIMG_9922cerra a 19 de novembro, em ambiente de grande festa.

“A Misericórdia é reconhecer-lhe toda a dignidade”.

Terminou dizendo que: as Santas Casas das Misericórdias são fonte avançada no amar e do encanto dos que mais precisam.

Por:António Pacheco

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar