Templates by BIGtheme NET
Home » Nacional (page 20)

Nacional

Semana Académica em Viseu transferida para outubro

A Federação Académica de Viseu (FAV) em comunicado revelou que a semana académica que deveria ter acontecido no final de abril, vai ter lugar em outubro se nada de anormal acontecer.

Assim, a Semana Académica como a Semana da Receção ao Caloiro vão acontecer, logo a Serenata Monumental, o Cortejo Académico, o Encontro de Tunas ou a Bênção das Pastas vão ser uma realidade, assim avançou Bruno Faria, lider da FAV, agora mais à frente serão reveladas as datas exatas de todas as atividades, assim como a Missa de Finalistas e a Benção das Pastas.

Trata-se de ser  sempre uma semana especial para os estudantes que se despedem dos tempos académicos para iniciar uma vida no mundo do trabalho.

Foto:DR

Eurodeputado Álvaro Amaro propõe a criação de um Pacto para os Territórios de Baixa Densidade

O Eurodeputado do PSD, Álvaro Amaro, dirigiu  à Comissão Europeia uma pergunta escrita, subscrita pelos colegas do PSD, onde propõe a criação de um Pacto Europeu para os Territórios de baixa Densidade: “[a Comissão Europeia] não considera necessário, neste momento histórico, criar um novo Pacto Europeu que reconheça as especificidades dos territórios de baixa densidade, com uma dotação financeira específica?

Enquanto primeiro subscritor desta pergunta, Álvaro Amaro, membro da Comissão do Desenvolvimento Regional, esclarece que “não estamos a pedir mais dinheiro para os territórios de baixa densidade, mas simplesmente que se possa aproveitar a maior flexibilidade permitida e o acréscimo de fundos previsto no âmbito das medidas de combate ao COVID-19, para lançar medidas especificas de apoio a estes territórios à escala europeia, que se possam prolongar ao longo do próximo Quadro Financeiro Plurianual”, acrescentado que “consideramos mesmo absolutamente fundamental para o nosso futuro territorial enquanto União de Povos e Estados, agir já e proactivamente”.

Na pergunta enviada à Comissão pode-se ler que “no momento em que discutimos o Plano de Recuperação e o Instrumento “Next Generation EU” – que representa um efectivo Pacto Intergeracional (juntando-se ao Pacto Ecológico), julgamos ser também o momento de criar um Pacto para os territórios menos desenvolvidos da UE, que designarei de ‘baixa densidade’”, lembrando-se ainda que “o diagnóstico é conhecido e foi agravado pela pandemia, seja nas Regiões com baixo crescimento, seja nas Regiões com baixos rendimentos. Se não agirmos rapidamente, corremos o risco de ter largas parcelas do território simplesmente abandonadas, demograficamente deprimidas e economicamente deficitárias, particularmente nos serviços de proximidade”.

Álvaro Amaro, na missiva enviada, sublinha ainda que este “novo Plano de Recuperação, aposta fortemente na Política de Coesão (v.g. REACT-EU e a maior flexibilidade, cofinanciamento inexistente)” recordando que “a Presidente da Comissão Europeia, Ursula von Der Leyen, afirmou que este “Plano de Recuperação transforma o enorme desafio que enfrentamos numa oportunidade”, pelo que acreditam ser agora o momento de “também tornar este Plano de Recuperação numa oportunidade para os territórios de baixa densidade, envolvendo, obviamente, neste desígnio, o Poder Local, Regional e os Estados-Membros”.

A pergunta escrita à Comissão Europeia foi subscrita pelos Eurodeputados do PSD, José Manuel Fernandes, Maria da Graça Carvalho e Cláudia Monteiro de Aguiar.

 

116º Aniversário da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Gouveia

Os Bombeiros Voluntários de Gouveia vão celebrar o seu 116º aniversário no fim de semana de 4 e 5 de julho, face à covid-19, este ano apenas se realizarão eventos simbólicos.

No sábado dia 4, vai acontecer uma Tertúlia “Passado, Presente, Futuro”, seguindo-se a Eucaristia pelos bombeiros e diretores falecidos às 18 horas. No domingo, dia 5 , o hastear das bandeiras logo cedo, seguido da romagem aos cemitérios com um Desfile Motorizado. Depois segue-se a sessão solene que se realiza às 10h30.

Maria do Céu Albuquerque visitou região do Dão

Queijaria Vale da Estrela visitada

Na tarde desta segunda -feira, a Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, visitou a região do Dão, com a Direção da CIM Dão Lafões e a Direção do Turismo Centro de Portugal, sob o tema “Turismo e Agricultura na Região do Dão”.

 Para o efeito, a Ministra visitou a Queijaria Vale da Estrela, em Mangualde, onde foi recebida pelo empresário Jorge Coelho, acompanhada pelo Presidente da Câmara Municipal, Elísio Oliveira, pelo Vice-Presidente, Rui Costa, pelo Deputado pelo círculo eleitoral de Viseu, João Azevedo e pelo Presidente da União das Freguesias Mangualde, Mesquitela e Cunha Alta, Marco Almeida.

 O Presidente da Câmara Municipal de Mangualde sublinhou a importância na “aposta nos sectores da Agricultura e do Turismo, em muitos aspetos complementares, numa altura tão crítica como a que vivemos atualmente. É fundamental o governo, e nós autarcas locais, estarmos todos atentos e disponíveis para intervir nestes sectores tão essenciais à nossa região”. “Além de alavancaram a nossa economia, valorizam a cultura identitária e o património de toda a região do Dão”, rematou ainda Elísio Oliveira.

 

Maria do Céu Albuquerque passou ainda em Viseu e Castro Daire.

Eleições-AF Guarda-Amadeu Poço envia mensagem sobre sua candidatura

“Servir sem se Servir” 

Como adiantamos, esta semana, Amadeu Poço vai mesmo ser candidato a novo mandato à direção da AF Guarda, face a isso, chegou-nos uma mensagem do candidato para todos os associados desta instituição:

“Tenho a noção que com os conhecimentos adquiridos na área da gestão desportiva porque apenas de desporto estamos a falar conseguirei guiar os meus colegas de direcção para no futuro poderem continuar a dar passos seguros já que este será o meu último mandato. Procurei um misto de experiência com novos membros a
acompanhar-me. Procurei ser criterioso na escolha em vez de juntar um grupo de amigos que se queiram apenas promover. No fundo que tenham um passado que justifique um futuro digno para a Associação. É que estamos numa fase em que o conhecimento é o bom relacionamento com quem está na Federação é importante.
Não podia pois abandonar o barco numa fase em que vai necessária muita disponibilidade para resolver o que resultou da pandemia e por outro lado há que avançar com o projeto a ser apoiado para a construção da Academia do Futebol distrital.
Julgo que os anos em que estive na AFG ficaram marcados por uma melhor convivência com os clubes já que sempre estiveram à vontade para comigo trocar impressões.
Foram melhoradas as instalações da Sede com o apoio da FPF, adquiriram-se viaturas e foi ainda construído um pequeno auditório que reconheço carece de melhorias. Ao longo da minha presidência chegámos a vencer um Torneio Inter-Associações de Futebol Feminino onde ainda conseguimos mais 2 segundos lugares e 3 terceiros. É
certo que neste sector os últimos anos não foram o que desejávamos, mas teremos que voltar a recuperar o nosso espaço. Também no sector masculino tivemos boas participações tanto no futebol como no Futsal.
Em relação aos meus adversários, para mim é irrelevante a pessoa ou pessoas que estejam noutras listas. Estou concentrado no projeto que tenho e na confiança naqueles que me acompanham. A minha lista está completa e irá brevemente ser apresentada e será somente para servir os seus associados”

PSD Guarda-Sérgio Costa candidato à Comissão Política da Concelhia da Guarda

“A Guarda acima de tudo”

Teve lugar na sede do PSD da Guarda a apresentação da Candidatura de Sérgio Costa, atual vereador do Município da Guarda, à comissão Política da Concelhia do PSD /Guarda.

Face a isso, já tinha anunciado, no passado dia 28 de fevereiro, essa ideia de se candidatar

no plenário de militantes então realizado.

Assim nesta manhã referiu que: “Informei o PSD da Guarda, no local próprio, da minha intenção.

Previamente ao plenário e, em primeiro lugar, informei o Presidente da Câmara da minha vontade em servir o PSD e a Guarda, como candidato a Presidente da Concelhia do PSD. Esta é a minha forma de estar na política.

A par da minha consciência, sou militante do PSD há 25 anos, estando assim obrigado à responsabilidade de não falhar na forma.

Estive, estou e estarei sempre presente pela Guarda e pelo PSD, em nome da Cidade que há 25 anos me adotou e eu fiz como minha.

Não escondo que foi sempre o meu maior anseio servir a Guarda, sabendo que tal desafio se unificava com a estratégia do Partido Social Democrata.

Primeiro a Guarda e só depois o PSD, é o lema.

É a Guarda que me continua a dar força na e durante a minha ação política.

Durante 40 anos, assistimos a uma Guarda que foi parando no tempo, sem ambição, sem perspetivas de futuro e sem alternância democrática.

O PS adormeceu o enorme potencial que o concelho da Guarda possui.

O PSD da Guarda nos últimos 7 anos mudou este paradigma. A Guarda transformou-se. A Guarda passou a ser uma referência nacional e surgiu finalmente como exemplo de excelência em Portugal.

Finalmente há obra feita na Guarda. Mas não só.

A Guarda tem projetos de futuro. Há estratégia de desenvolvimento na Guarda.

Por isso decidimos reunir esta Equipa, porque como militantes queremos continuar a trabalhar em prol da Guarda, da sua prosperidade e crescimento.

A Guarda não pode voltar atrás.

A nossa convicção mantém-se inabalável em relação ao desenvolvimento duma Cidade, dum Concelho, das Freguesias, Vila e Aldeias.

Os projetos em estudo ou lançados, as obras projetadas ou em execução, terão sempre o nosso empenho.

Em todas essas ações, continuaremos a dar o nosso melhor, na certeza de que os Guardenses devem lembrar que foi este projeto político ambicioso iniciado

em 2013 e reforçado em 2017, que devolveu o orgulho e autoestima à nossa Capital de Distrito e da Sub-Região Beiras e Serra da Estrela.

Tudo isso não pode ser interrompido, diria mesmo, não pode parar, quaisquer que sejam as circunstâncias políticas do momento. Mas a missão do PSD da Guarda não acaba por aqui.

E queremos deixar muito claro que, tal como ouvimos há quase 7 anos e nos marcou, nunca hesitaremos em colocar a Guarda acima de quaisquer interesses pessoais ou político-partidários.

Como afirmei no plenário de militantes, a nossa candidatura é uma candidatura de União, de agregação dos militantes, de comunhão com os autarcas eleitos e de respeito pelos cidadãos da Guarda.

Somos candidatos, porque ouvimos os anseios dos Militantes e respeitamos as suas opiniões políticas.

Somos Candidatos, porque os Militantes do PSD nos têm incentivado e nos têm dado a sua confiança para ser a sua voz no PSD da Guarda.

Somos Candidatos, porque respeitamos o passado do PSD e acreditamos no futuro do Concelho da Guarda.

Consideramos que só agregando os militantes, os autarcas eleitos e o cidadão comum, se podem construir os alicerces do desenvolvimento da Guarda.

É ouvindo a sociedade que se conhece a realidade da Guarda.

É reunindo todas as vontades em prol do bem comum que percorremos o caminho do progresso.

É a somar que se avança.

Fomos e seremos a referência da estabilidade do PSD tal como tem acontecido nas reuniões do executivo da câmara municipal, pois ao contrário de alguns,somos os primeiros a querer um PSD unido em torno dos projetos e das obras

estruturantes da Guarda.

Sempre apoiando a maioria do PSD, cumprindo o programa eleitoral que os guardenses votaram massivamente em 2017.

É o programa eleitoral que ajudamos a construir.

Não poderia ser de outra forma.

É essa a vontade de todos os que sentem a militância do PSD e nunca se afastaram ou abraçaram outros projetos políticos.

O nosso adversário principal foi e será sempre o Partido Socialista, que todos sabem não estar preparado para assumir a governação da Câmara Municipal da Guarda.

O PS não tem qualquer ideia ou projeto que traga desenvolvimento à Guarda.

Nem tão pouco possíveis candidatos ou líderes com qualquer apoio popular.

Temos assistido aliás, a um nervosismo crescente do PS conforme nos aproximamos da escolha dos seus protagonistas para as próximas eleições autárquicas na Guarda.

Basta olhar para a sucessiva desistência dos líderes de bancada do seu grupo parlamentar (em 3 anos de mandato, já vão no terceiro coordenador).

Quanto aos dois vereadores eleitos pelo PS, foram para lugar incerto e desconhecido, abandonando o seu lugar de eleitos sem que se soubesse a possibilidade ou existência de um qualquer desígnio maior.

O último vereador a assumir o seu cargo é tão somente o 5º da lista.

Sabemos o nervosismo e o temor que esta lista causa ao PS da Guarda e a outros pois, com a humildade que só o trabalho confere, temos o conhecimento profundo do nosso território e das suas gentes.

Conhecemos a realidade de todas as Freguesias e as suas necessidades reais, que podem significar a diferença no caminho do desenvolvimento sustentável.

Bastará saber quantos autarcas nos acompanham nesta candidatura e percebe-se a natural apreensão e temor do Partido Socialista.

Atrevo-me a afirmar que a nossa lista é a única e a que possui maior experiência autárquica a nível de Executivo Municipal, Assembleia Municipal, bem como na presidência efetiva de Freguesias.

A nossa lista é constituída por militantes do PSD da Guarda que conhecem as Gentes da Guarda e resolvem diariamente os problemas das suas Freguesias.

A nossa candidatura é à concelhia do PSD da Guarda. Não a outro qualquer órgão.

A nossa candidatura é pelo PSD da Guarda. Não é contra ninguém.

A lealdade da nossa candidatura é inquestionável. Pela nossa forma de atuar e estar na vida política e autárquica.

É feita de vontade, conhecimento e abrangência.

Saber ouvir a opinião de todos é primordial para alcançar os objetivos a que nos propomos.

Queremos continuar a ser a força política mais votada para a Câmara Municipal, para a Assembleia Municipal e para as Juntas de Freguesia.

A dinamização da Organização das Mulheres Social Democratas será um objetivo a alcançar, na prossecução duma Sociedade e dum Partido cada vez mais Equitativo e Paritário.

É fundamental pugnar pela fixação definitiva na Guarda da Universidade de Inverno organizada pelos ASD – Autarcas Social Democratas.

A criação de Núcleos de Militantes na Vila e Freguesias Rurais ajudar-nos-á a desenvolver ainda melhor o trabalho de proximidade às Populações, podendo estar assim ainda mais próximos do conhecimento das suas necessidades.

A integração da JSD em todas as iniciativas, apoiando todas as suas ações, num tempo em que é fundamental aproximar os Jovens da política, com transparência, com trabalho, com a sua cada vez maior valorização.

O Trabalho profícuo que os TSD têm vindo a desenvolver, é primordial no desenvolvimento de uma política cada vez mais próxima do mundo laboral.

Um enorme bem-haja a todas e a todos que aceitaram o desafio de integrar esta lista e a todos os proponentes que honrosamente nos dão o seu apoio, citando especialmente alguns nomes:

Prof. Fernando Carvalho Rodrigues

Prof. João Prata

Prof. Alfredo Freire

Sr. António Peres

Dr. Vitor Lavajo

Sr. Artur Seguro Pereira

Sr. António Antunes (TSD)

Sr. Luís Baía (TSD)

Sr. Tiago Gomes (JSD)

Sr. Miguel Bandarra (JSD)

Todos cabem na casa do PSD da Guarda.

Convido todos os Militantes a abraçarem esta candidatura e ajudar a que o PSD

da Guarda continue a ter a confiança dos Guardenses.

Respeitamos o Passado e Acreditamos no Futuro. Todos somos PSD”.

Este foi o discurso de apresentação de Sérgio Costa que refere que : A Guarda está acima de qualquer interesse partidário e respeita o passado e acredita no futuro.

Palácio do Gelo Shopping de Viseu acolhe apresentação do Drift de Pinhel

Vai ter lugar a apresentação  do DRIFT de Pinhel, na próxima quarta-feira, dia 17 de junho, às 17.30h, no Palácio do Gelo Shopping de Viseu, Piso 0, junto ao carro de competição do piloto Rui Pinto, embaixador da prova.

Esta é uma iniciativa da Câmara Municipal de Pinhel e o Clube Escape Livre que mais um ano vão ser parceiros e face a isso, Pinhel volta a ser a Capital do Drift.

O Drift é uma modalidade que atrai milhares de espetadores e consiste numa técnica de direção de carros que consiste em deslizar nas curvas escapando a traseira, girar o volante para que as rodas dianteiras estejam sempre em uma direção oposta a curva (se o carro vira para a direita então a roda deve estar a esquerda, e vice versa), controlando o nível de derrapagem, fazendo o carro literalmente andar de lado.

Paulo Brás e Marco Vieira nomeados para a Liga Nos

Nova jornada vai acontecer da Liga NOS e os àrbitros assistentes da AF Guarda, Paulo Brás e Marco Vieira estão designados para as partidas da Jornada, Marítimo M.-Gil Vicente FC e Aves-FC Porto, respetivamente.

Assim vai o distrito da Guarda a ser representado a nível nacional.

Espaço de Cidadão na Freguesia de Espinho inaugurado no concelho de Mangualde

Teve lugar a inauguração formal do Espaço de Cidadão na Freguesia de Espinho, concelho de Mangualde, assim esta foi uma promessa cumprida , para tal António Monteiro, Presidente da Freguesia referiu que:”Sinto-me com orgulho, mas também com a humildade de quem sabe que nada se faz sozinho. Escrevi hoje um capítulo no livro da história da Freguesia, a par dos Presidentes eleitos democraticamente que me antecederam a quem também hoje, muito justamente, homenageamos nesta singela cerimónia.
Continuamos, naturalmente, empenhados na definição e implementação de políticas locais que dignifiquem e valorizem a freguesia com todos os parceiros e forças vivas da comunidade local que se uniram no propósito de dar valor e sentido às iniciativas que favorecem e engrandecem a nossa Freguesia. O espaço disponibilizado à Refloresta atesta esse empenho. Temos trabalhado num verdadeiro espírito de cooperação, responsabilidade e rigor com todos os que nos querem acompanhar no progresso sustentável. A minha freguesia são as Pessoas. É para elas e por elas que eu vou continuar a missão de servir, completamente”.

Esta é uma nova resposta ao cidadão que vai permitir mais qualidade, melhor acesso e maior celeridade dos serviços.

Contou com a presença para além de António Monteiro, Presidente da Freguesia local, Marco Almeida, Presidente da UFMM e Elísio Oliveira, Presidente da Câmara de Mangualde e demais convidados.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar