Templates by BIGtheme NET
Home » Nacional (page 30)

Nacional

Município de Pinhel e Agrupamento de Escolas unem esforços para um ensino com qualidade

Material informático adquirido para que os alunos possam ter as aulas da melhor forma

Com esta situação de pandemia Covid-19, é sempre necessário uma união de esforços para que tudo possa decorrer da melhor forma, face a isso, com garantia que  todos os alunos do concelho de Pinhel têm acesso a um ensino à distância inclusivo, equitativo e com qualidade, o Município de Pinhel e o Agrupamento de Escolas fizeram um levantamento de necessidades com vista a poder dar resposta aos casos onde se verificava uma efetiva falta de meios que poderia comprometer o processo de aprendizagem.

Assim, a fim de minimizar a lacuna deixada pela suspensão do ensino presencial a 16 de março, devido à situação de pandemia, e dar resposta às necessidades dos alunos que passaram a ter aulas através de meios digitais, o Município de Pinhel, em articulação com o Agrupamento de Escolas, procedeu à aquisição de 120 webcams, 120 headphones e 60 hotspots de 30 Gb de acesso à internet (com a duração de 3 meses) para ceder, a título de empréstimo, aos alunos que manifestaram esta necessidade.

Juntamente com estes equipamentos, o Agrupamento de Escolas cedeu, também a título de empréstimo, cerca de 120 computadores para uso pessoal dos alunos, na sua ligação às plataformas online.

A este trabalho de equipa está também associada uma professora do Município de Pinhel que, quinzenalmente, vai a casa de alguns alunos do 1º Ciclo entregar e receber trabalhos escolares, pois devido à sua tenra idade e à necessidade de trabalhos manuscritos, exigem uma atenção especial, que não foi descurada.

Para os alunos que no próximo dia 18 irão retomar as aulas presenciais (11º e 12º anos), o Município de Pinhel e o Agrupamento de Escolas têm já estruturado o seu regresso com a devida segurança, não só nos espaços escolares, mas também nos transportes escolares.

Para incrementar o processo de limpeza e desinfeção, o Município adquiriu duas máquinas de desinfeção para uso diário nos espaços utilizados pela comunidade escolar.

“Juntos Construímos o Futuro” valeu mais de 100 vídeos

A iniciativa “Juntos Construímos o Futuro”, do Turismo Centro de Portugal, recebeu mais de 100 vídeos em duas semanas, enviados por pessoas que quiseram mostrar dessa forma a sua visão sobre a região.

Recorde-se que, a 22 de abril, o Turismo Centro de Portugal desafiou os viajantes e todos os que apreciam o território a enviarem os melhores vídeos que filmaram na região. Numa fase posterior, foram selecionados os melhores e mais sugestivos excertos dos vários vídeos, que foram editados num único filme final.

O filme pode ser visto nas plataformas do Turismo Centro de Portugal, nomeadamente em www.youtube.com/watch?v=Pr2tWoU6gOg. Os nomes dos autores dos excertos escolhidos são visíveis nos créditos finais do filme.

O sucesso desta iniciativa excedeu todas as nossas expetativas. Já sabíamos que todos os que visitam o Centro de Portugal guardam um carinho especial pelo território, mas os vídeos que recebemos demonstram que as pessoas ficam verdadeiramente apaixonadas pela região. O resultado final dos contributos é um filme realizado a partir de casa por múltiplos intervenientes, fruto das suas experiências e descobertas, que em comum partilham o amor pelo ‘seu’ Centro de Portugal e que mostram alguns dos recantos que poderemos voltar a descobrir quando chegar o tempo”, sublinha Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal.

Esta iniciativa surgiu na sequência da campanha “Haverá Tempo!”, lançada pelo Turismo Centro de Portugal a 19 de março e que aponta caminhos para um futuro próximo, pós-pandemia covid-19.

 

Fornos de Algodres-Reabertura do atendimento presencial na Câmara Municipal

No seguimento das medidas de desconfinamento, no âmbito do combate à propagação da COVID-19, o Município de Fornos de Algodres informa que desde esta terça-feira, 12 de maio, reabre o atendimento presencial ao público na Câmara Municipal.

 O horário de atendimento é das:
– 09h30 – 12h30 no período da manhã;
– 14h30 – 16h30 no período da tarde.

– Deve aguardar pela sua vez de atendimento à entrada.
– Antes de entrar deve desinfetar as mãos.
– Obrigatório o uso de máscara e distanciamento social.

 

Bandas de música, cantores e grupo de música necessitam de apoio para manter atividade

Muito se fala em apoios aos mais diversos setores da comunidade, mas a parte cultural continua à espera de soluções, se não vejamos.

Anualmente , as bandas filarmónicas, cantores e grupos de música diversas encontram-se em crise profunda, dado que devido à pandemia Covid-19, a Conferência Episcopal cancelou atos religiosos, o Governo cancelou Festas e concertos populares, logo todas estas coletividades, têm prejuízos avultados, pelo cancelamento desses eventos.

Os Municípios anualmente vão apoiando, mas este ano, o Governo, através do Ministério da Cultura, canalizarem apoios financeiros para fazer face a estas dificuldades.

Por parte da Conferência Episcopal deveriam ser oferecidas as licenças das Dioceses para as atuações em atividades religiosas, pelos Municípios e Comissões de Festas procurarem assegurar as festividades de 2020 para 2021.

Assim vamos ver as medidas que possam ser tomadas com alguma urgência, sob pena de a vertente cultural ficar mais pobre.

AD Fornos de Algodres e Código Poupança oferecem equipamento aos Bombeiros de Fornos de Algodres

O corpo de Bombeiros de Fornos de Algodres foi presenteado por uma coletividade e uma empresa da localidade com equipamento para melhor desempenharem as suas funções no socorro e apoio à comunidade.

Deste modo, a Associação Desportiva  de Fornos de Algodres entregou pela mão do Presidente da direção, Bruno Costa e de um dos capitães da coletividade,Marcelo,  um Nebulizador Cold Fogger, no valor de 1.500 euros, a Fernando Rodrigues , Presidente da direção dos bombeiros e seu Comandante José António e 2ªcomandante, Armando Costa.

Este equipamento é de muita qualidade projetado para trabalhar com inseticidas, acaricidas, fungicidas e desinfetantes, para ambulâncias, camaratas, gabinetes, escritórios, consultórios, etc …, uma ajuda ao combate do coronavírus.

Por sua vez a empresa Código Poupança também presenteou os soldados da paz com 450 máscaras de proteção individual para ajudar no trabalho do dia a dia da corporação fornense.

Assim deste modo, os donativos vão chegando aos poucos para as instituições que estão na 1ªlinha.

 

87/88- Os Vilanovenses na 3ªdivisão nacional série C

Depois de terem conquistado o título distrital, Os Vilanovenses uma equipa do concelho de Gouveia , na localidade de Vila Nova de Tazém participou na serie C da 3ªdivisão Nacional, numa fase onde encontrou diverass equipas com um bom historial, casos do Luso, Mealhada, Anadia, Gouveia entre outros.

O distrito da Guarda estava muito bem representado, para além dos Vilanovenses, estiveram o Gouveia, Vilar Formoso e o Seia. Pela distrito de Viseu estava o Santacombadense, Viseu e Benfica e Tondela.

Nesta temporada, ficou pelo 14º lugar com 38 jogos, 14 triunfos ,9 empates,  15 derrotas,  35 golos apontados e 42 sofridos e  37 pontos.

Na Taça de Portugal teve uma boa prestação, ao ultrapassar o Belmonte, Sourense, fundão, apenas foi derrotado pelo gigante Leixões por 4-0 na 4ªronda.

No campeonato destaca.-se os triunfos perante a Mealhada e o Luso no D.Aurélia de Moura.

No Plantel abundava qualidade , assim na baliza estava o fornense Rui Melo e Gomes, depois no eixo defensivo, José Carlos, Girão, Luís Manuel, Lopes, Mourilhe, Zé Manuel, Rui Sousa, depois no meio-campo, Artur, Carlos Santos, Boto, Celso, Ernesto, Marito, Claudino, Sardinha e Fernando. Na linha de ataque, Oeiras, Birra, Hermínio e Mota.

Muita qualidade em todos os setores mas este era um campeonato muito competitivo.

Série C:

Luso. . . . . . . . . .38 26 11  1 79-13  63
Mealhada. . . . . . . .38 21 10  7 64-28  52
Oliveira do Hospital. .38 18 13  7 49-22  49
Pessegueirense. . . . .38 18 13  7 49-22  49
Seia. . . . . . . . . .38 17 13  8 47-32  47
Oliveirinha . . . . . .38 14 15  9 40-30  43
Anadia. . . . . . . . .38 15 13 10 41-34  43
Ovarense. . . . . . . .38 14 13 11 33-29  41
Alba. . . . . . . . . .38 12 16 10 45-38  40
Santacombadense . . . .38 10 20  8 33-29  40
Oliveirense . . . . . .38 14 11 13 51-43  39
Gouveia . . . . . . . .38 14 11 13 48-45  39
Viseu e Benfica . . . .38 13 13 12 41-41  39
Vilanovenses. . . . . .38 14  9 15 35-42  37
Tondela . . . . . . . .38 12  8 18 30-46  32
Poiares . . . . . . . .38  9  7 22 36-61  25
Vilar Formoso . . . . .38 11  3 24 44-73  25
Tabuense. . . . . . . .38  6 10 22 33-58  22
Belmonte. . . . . . . .38  6  9 23 28-76  21
Cariense. . . . . . . .38  4  6 28 25-84  14

Foto:DR

 

81/82- Taça de Portugal- GD Mangualde- SL Benfica-1-3

Um dia de festa na cidade de Mangualde teve lugar na tarde do dia 22 de novembro de 1981, jogava-se a 2ªeliminatória da prova rainha, com uma grande enchente esteve no Estádio Conde de Anadia, com Azevedo Duarte da AF Braga a arbitrar esta partida.

Jogava o Desportivo de Mangualde frente ao Benfica que sempre arrastou multidões, assim a cidade parou para ir à bola, o estádio foi pequeno para tanta gente, que as varandas os muros estavam repletos numa grande receita para os mangualdenses.

Um Benfica com grandes nomes do futebol português que apresentou a equipa quase na máxima força:Bento, Bastos Lopes, Frederico, Veloso, José Luis, Néné, Shéu, João Alves, Alberto B.Lopes, Chalana e Reinaldo.

Jogaram ainda;César e Jorge Gomes

O GD Mangualde possuía um bom leque de jogadores que militavam no Nacional da 3ªdivisão serie C, com: Alfredo, Alan, Herminio, Renato, Biro Biro, Guilherme, Almeida, Mário, Artur, Almendra, Luís Filipe, João Carlos, Cláudino, Ribeiro, entre outros.

Uma partida que tinha um favorito, a turma encarnada, mas que tinha uma turma do Mangualde motivada, que vinha de 2 vitórias e 7 empates e tentou dar o máximo e aguentou até aos 38´, onde acontece uma grande penalidade que Néné, o goleador mor abriu o ativo, seguiu-se novo golo por João Alves, aos 41´para delírio dos encarnados.

Em cima do intervalo, ainda novo golo dos encarnados com Néné a bisar na partida e a vantagem era enorme para os encarnados.

A segunda parte foi mais equilibrada, com os benfiquistas a levantar o pé e os donos da casa a tentar chegarem-se à frente , mas o tento de honra surge aos 89´por Renato na transformação de grande penalidade.

Como foi natural o triunfo encarnado, mas o Mangualde fez história dado que, o estádio registou o máximo de espetadores e a festa era grande dos adeptos encarnados.

O fairplay também fez parte do encontro, onde as equipas fizeram uma foto conjunta para mais tarde recordar.

foto:GDM

 

 

𝐀𝐃𝐂´𝐬 – 𝐂𝐨𝐦𝐮𝐧𝐢𝐝𝐚𝐝𝐞 𝐚𝐥𝐭𝐞𝐫𝐚𝐦 𝐟𝐮𝐧𝐜𝐢𝐨𝐧𝐚𝐦𝐞𝐧𝐭o

 

Dada a necessidade de retoma da atividade assistencial, a necessidade de recursos e espaços físicos para a efetuar e a baixa casuística das Áreas de Doentes COVID, ADC- Comunidade, o Conselho de Administração deliberou:

– Suspender a ADC – Comunidade Guarda, a partir do dia 11 de maio, mantendo a ADC – SU;

Reduzir o horário das restantes ADC – Comunidade (Gouveia, Trancoso e Pinhel) que passarão a funcionar das 9h às 13h, a partir do dia 18 de maio;

– Se necessário e em casos pontuais, todas as Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados devem seguir o seu Plano de Contingência, para avaliação de doentes com sintomas para COVID-19, fora do horário de funcionamento das ADC respetivas.

Desta forma, rentabilizam-se recursos e mantêm-se os circuitos (podendo a qualquer momento e consoante as necessidades detetadas, retornar-se ao horário mais alargado).

Em relação à ADC-Comunidade Guarda, caso haja necessidade de reabrir, terá de ser criado um novo circuito, dado que o atual é incompatível com a retoma assistencial.

Acesso condicionado ao Mercado Municipal da Guarda

 Para evitar possíveis contágios de COVID-19 e para garantir as normas de segurança na frequência ao Mercado Municipal, a Câmara da Guarda procedeu a alterações na orgânica do Mercado para garantir o funcionamento do espaço em segurança. Assim, optou-se pela redução de tempos de espera dos clientes e pela diminuição do número de pessoas na envolvente do Mercado, evitando aglomerados de pessoas. 

Com o levantamento gradual das medidas de confinamento, o Mercado Municipal volta, aos poucos, ao seu normal funcionamento.

A  partir da manhã deste sábado, estão de regresso ao Mercado os vendedores de produtos do Vale do Mondego, cuja venda de produtos continuará a ser feita todas as quartas e sábados. 

A abertura do Mercado Municipal está, no entanto, condicionada ao cumprimento de todas as normas e recomendações veiculadas pela Direção Geral de Saúde. Tendo os comerciantes que seguir um conjunto de normas de funcionamento específicas, que visam garantir as condições de segurança e higiene no exercício da sua atividade.

As marcações no chão, em frente a cada local de venda, assegurarão a distância física entre clientes, vendedores e  produtos alimentares ou a redistribuição dos vendedores por várias zonas do Mercado, criando mais espaço entre os vendedores, são algumas das novas condições.

Está também prevista uma circulação diferente de clientes, uma vez que serão criadas duas entradas diferentes. A principal para o mercado no geral e uma outra na zona de cais (cargas e descargas) para o público que pretenda comprar hortícolas para plantação e aves de criação.

É ainda obrigatório o uso de máscara para entrar e circular no Mercado. O Município disponibiliza nas entradas do edifício solução alcoólica para desinfeção das mãos.

Haverá ainda condicionamento à entrada de pessoas no edifício, limitado a 30 clientes na zona de venda produtos alimentares e a 8 clientes na zona de venda de plantas hortícolas e aves de criação.

foto:DR

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar