Templates by BIGtheme NET
Home » Penalva do Castelo

Penalva do Castelo

XVII Congresso da Anafre foi em Portimão

Teve lugar durante dois dias em Portimão mais um Congresso da Anafre, é nada mais nada menos que a 27ªedição da reunião de todas as Freguesias do País.

Assim como pontos fortes deste congresso foi o debate sobre descentralização, novas competências, Estatuto do Eleito Local e Paridade. aconteceu a sucessão de novo presidente assim saiu o Presidente Pedro Cegonho,e passa agora a exercer funções o novo Presidente Jorge Veloso.

Em suma , um congresso sempre muito produtivo, com as freguesias a apresentar as suas ideias para um Portugal melhor.

Taekwondo Clube do Dão alcança resultados excelentes

O Taekwondo continua a alcançar grandes resultados e face a isso, estão apurados os resultados finais da Liga Norte Portugal Taekwondo, competição esta composta por várias jornadas durante o ano e na qual participam os clubes pertencentes aos 8 distritos mais a norte do nosso país.

O clube penalvense conseguiu participar com o total de 8 atletas que alcançaram os seguintes resultados:

Campeões
Maria Marques, Vera Costa, João Pedro Tiago e António Lucas

Vice Campeões
Lara Pessoa, Guylhermy Rabelo, Tony Souza e Danyil Korolchuk

Comparativamente com a época passada, alguns repetiram o título de campeão, outros já o conseguiram ser este ano e, mais importante que tudo, todos evoluíram.

Fotos: Taekwondo Clube do Dão

Diocese de Viseu forma Animadores Dominicais

Cada vez mais os padres são menos e as paróquias vão ficando com menos celebrações e aos poucos as celebrações da palavra vão ganhando espaço, nas localidades onde existe um pároco para 5 a 6 paróquias, casos das unidades Pastorais de Aguiar da Beira e Fornos de Algodres.

Assim a  Diocese de Viseu, está a dar formação para todos aqueles homens e mulheres que querem ser animadores dominicais sem ter a presença do padre e a celebração é realizada. para já estão a ser formados 17  animadores dominicais.

As paróquias vão certamente ficar mais bem servidas, com esta solução.

foto:DV

 

Aldeias Históricas de Portugal promovem destino turístico sustentável na FITUR

De 22 a 26 de janeiro, a Rede das Aldeias Históricas de Portugal marca presença na Feira Internacional de Turismo (FITUR), em Madrid. O objetivo é apresentar a mercados, profissionais e público geral “um destino que são 12”, com certificado BIOSPHERE DESTINATION, que se destaca pela comunhão com a natureza e contacto com a cultura e costumes locais.
Entre castelos e lendas, sabores e tradições únicas, natureza em estado puro e paisagens a perder de vista, as Aldeias Históricas de Portugal são “um destino que são 12” sem igual em todo o mundo. Um território ímpar, que promove experiências únicas e adequadas a famílias ou aventureiros, amantes de História, gastronomia e enoturismo, ou viajantes em busca de tranquilidade, que a Rede vai promover à 40.ª edição da Feira Internacional de Turismo (FITUR), que decorre de 22 a 26 de janeiro em Madrid.

A cerca de 100 km de Salamanca, 200 km de Cáceres e 300 km de Madrid, as Aldeias Históricas de Portugal são um destino muito apelativo para o mercado espanhol – um dos motivos para a presença da Rede na FITUR. Mas tratando-se de uma das maiores feiras internacionais de turismo, espera-se a participação de mais de 10 mil empresas de 165 países e regiões, 150 mil profissionais e 110 mil visitantes de público geral. Deste modo, a aposta na FITUR, onde a Rede das Aldeias Históricas de Portugal estará presente com stand próprio com cerca de 30m2, no Pavilhão 4, está em linha com a estratégia de internacionalização do destino.

Apresentar um destino turístico sustentável é um dos objetivos. Distinguido com o certificado BIOSPHERE DESTINATION – o primeiro destino em rede, no mundo, e o primeiro a nível nacional a receber esta distinção –, a sustentabilidade, a preservação da natureza e dos costumes das comunidades locais são prioridades da Rede das Aldeias Históricas de Portugal.

Devido a esse compromisso, descobrir as Aldeias Históricas de Portugal a pé ou de bicicleta, numa lógica de locomoção suave, e em plena comunhão com a natureza, é um dos principais atrativos deste destino. E é muito fácil fazê-lo, graças à Grande Rota das Aldeias Históricas de Portugal (GR22), que liga as 12 Aldeias Históricas de Portugal num percurso circular de cerca de 600 km, com sinalética interpretativa, informativa e de orientação recentemente renovada.

De facto, a GR22 tornou-se recentemente a maior rota europeia com selo Leading Quality Trails, atribuído pela European Ramblers Association (Associação Europeia de Caminhada).

A GR22 é também um convite irresistível para os aventureiros em duas rodas: homologada e classificada como Grande Travessia a nível nacional, a GR22 dispõe ao longo da sua extensão de uma rede de Centros BTT e Bikotels que garantem serviços de apoio exigidos pelos amantes de bicicletas.

O imenso território das Aldeias Históricas de Portugal envolve, ainda, 15 percursos de pequena rota (PRs), homologados e associados às 12 aldeias.

A Rede das Aldeias Históricas de Portugal vai também apresentar, na FITUR, eventos como o “Ciclo 12 em Rede – Aldeias em Festa 2020”, que todos os anos leva animação e cultura às 12 Aldeias Históricas de Portugal, assim como a nova edição “The Castles Quest”, um desafio em duas rodas que leva os amantes de “bikepacking” à conquista das Aldeias Históricas de Portugal, que este ano acontece de 23 de setembro a 3 de outubro, com início na Aldeia Histórica de Castelo Novo.

Resultados -AF Viseu – Divisão de Honra 16ªjornada

 

Ferreira de Aves -SC Paivense-3-2

Moimenta da Beira- Sátão-5-0

Mangualde – Cinfães-0-2

Vale de Açores- Mortágua -1-1

Carregal do Sal- Ol. Frades-2-0

Molelos- Carvalhais -3-1

Lamelas- Penalva do Castelo-0-0

Nespereira – Resende-3-2

 

Classificação:

1º-Mortágua -42

2º- Cinfães-36

3º- Sátão-30

4º-Ferreira de Aves-29

5º- Moimenta da Beira-28

6º-Nespereira- 21

7º-Resende-20

8º-Mangualde-19

9º-Lamelas-19

10º- Vale de Açores-18

11º-Carvalhais -16

12º- Paivense 16

13º- Carregal do Sal-15

14º Ol. Frades-15

15º-Penalva do Castelo-14

16ºMolelos-11

 

 

José Rodrigues reeleito presidente do Conselho Sub-Regional da Guarda da Ordem dos Médicos

O médico cirurgião José Manuel dos Santos Carvalho Rodrigues foi reeleito, esta quinta-feira, presidente do Conselho Sub-Regional da Guarda da Ordem dos Médicos.

A única lista única a sufrágio nesta região que se candidatou sob o lema “Médicos pela Guarda” obteve, no total, 106 votos.

Esta equipa indica como prioridades, entre outras, a realização de reuniões científicas, palestras, tertúlias e outros eventos e uma maior interligação entre os órgãos regionais e centrais para resolver as questões colocadas pelos colegas do distrito. Esta nova direção visa aglutinar a classe médica e pretende manter e desenvolver as habituais sessões de receção aos novos médicos especialistas e médicos internos no distrito, bem como as cerimónias de atribuição de medalhas dos 25 e 50 anos de inscrição na Ordem dos Médicos. Do programa de ação fazem ainda parte a promoção e realização de ações de sensibilização para a Saúde junto da população.

Carlos Cortes releito presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos

Na Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, a lista liderada por Carlos Cortes aumentou a maior votação de sempre. A lista única a sufrágio na região Centro obteve, no total, 2515 votos, enquanto que em 2017, também a liderar lista única, obteve 1883 votos.

O atual presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes, assinala o “redobrado empenho em desenvolver e incrementar mais projetos, com exigência e rigor, no sentido de tornar a Ordem dos Médicos ainda mais interventiva e próxima dos médicos e dos doentes. Esta equipa pugnará por uma Ordem dos Médicos inclusiva, interventiva e solidária”, assume.

Nestas eleições foram sufragados os órgãos sociais da Ordem dos Médicos para o triénio 2020-2022 (Assembleia de Representantes, os conselhos regionais do Norte, Centro e Sul e respetivos conselhos disciplinares e fiscais), exceptuando Castelo Branco e Açores onde não foram apresentadas candidaturas. António Araújo foi reeleito para o Conselho Regional do Norte e no Sul, com duas listas, foi reconduzido Alexandre Valentim Lourenço, o atual presidente.

A nível nacional, Miguel Guimarães foi reeleito como Bastonário da Ordem dos Médicos, num sufrágio em que se apresentou como candidato único para liderar esta instituição até 2022.

Artigo de opinião-Desconto nas telecomunicações com atestado multiusos

Ter um Atestado de Incapacidade de Multiusos oferece-lhe até 50% de desconto no serviço de TV, net e voz. Saiba como?

Sabia que pode ter acesso a um desconto imediato na sua fatura das telecomunicações?

A partir do momento em que tenha um atestado de incapacidade multiusos, a sua operadora de telecomunicações pode baixar o preço do serviço de TV, net e voz.

Descontos nas telecomunicações

À semelhança do que ocorre no mercado livre elétrico, os consumidores mais vulneráveis economicamente têm direito a usufruir um desconto, de modo a reduzir a conta da energia, e a minimizar o impacto que este gasto apresenta no orçamento familiar todos os meses.

No caso das telecomunicações é idêntico. Os consumidores destes serviços podem ter acesso a um desconto na fatura das telecomunicações ou no telemóvel de 30% ou 50%.

O desconto deve ser solicitado pelo titular do contrato e quando se comprove que possui uma incapacidade dede pelo menos 60%. No caso de ser sócio de alguma associação que ajude pessoas com incapacidade, também aufere deste desconto.

  • No caso da Meo, esta atribui 30% de desconto mensal no pacote TV NET e VOZ. Se tiver um tarifário de internet móvel, tem 50% de desconto e ainda recebe um router móvel oferecido pela operadora. A fundação Altice tem uma lista de aparelhos de software com desconto ou grátis para quem tem incapacidade física.
  • No caso da Vodafone, apresenta tarifas móveis mais baratas com descontos de 50%. No que diz respeito aos pacotes de TV, NET e VOZ, não há qualquer desconto associado, no entanto a empresa oferece o aluguer da BOX, o que lhe dará uma poupança de cerca de 120 euros anuais. O desconto pode ser solicitado tanto nas lojas como por e-mail.

Mais se informa que as empresas neste mercado podem optar por terminar com estes benefícios a qualquer momento. Ainda que exista responsabilidade social, não é obrigatório para nenhuma empresa no mercado das telecomunicações conceder qualquer desconto  neste âmbito.

Para mais informações sobre este tipo de apoio, contacte com o apoio ao cliente do serviço que tenha contratado.

Fonte: https://selectra.pt/energia

Foto:DR

 

CCDRC-Prioridades estratégicas para 2030 em discussão na região Centro

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) iniciou já um
exercício de reflexão e discussão para definir a estratégia do Centro de Portugal até
2030, pretendendo que este seja um processo participado e enriquecido com os
contributos de todos os agentes da região num exercício de inteligência coletiva.
A primeira versão da “Visão estratégia para a Região Centro 2030”, apresentada numa
sessão pública, em Coimbra, pode ser consultada em www.ccdrc.pt, onde está
disponível também o formulário para o envio de contributos até ao final de janeiro.
A visão que é proposta à discussão da Estratégia Regional 2021-2027 aponta cinco
desígnios para a região: 1) reforçar a competitividade nacional e internacional e
consolidar um modelo de inovação territorial e socialmente inclusiva; 2) trabalhar e
promover a capacitação para a resiliência dos territórios mais vulneráveis e mais
carenciados de energia demográfica; 3) liderar a evolução para uma sociedade mais
sustentável, promovendo a inovação e transição para a economia circular, integrando a
emergência climática e as suas implicações em termos de sistemas produtivos e
organização territorial; 4) colocar estrategicamente o seu sistema urbano ao serviço de
um modelo territorial que evolua em combinação virtuosa entre territórios
competitivos e inovadores e territórios mais deprimidos; 5) organizar a oferta de
qualificações e competências que a sua transformação estrutural exige.
Pela importância do aproveitamento dos fundos europeus estruturais e de
investimento no período de 2021-2027 que se avizinha e pela necessidade de
articulação das estratégias locais, sub-regionais, regionais e nacionais com a estratégia
europeia, este exercício deve estar também alinhado com outras discussões: a
revisitação da estratégia regional de especialização inteligente, a construção de um
novo Programa Operacional Regional, as agendas temáticas regionais (como a da
economia circular) e outros instrumentos de políticas públicas.

José Tomás novo Presidente do Secretariado Regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesa

Recentemente, José Tomás, atual Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Mangualde, foi eleito o novo Presidente do Secretariado Regional de Viseu da União das Misericórdias Portuguesas, para o quadriénio 2020-2023.

Esta foi uma eleição feita entre todos os Provedores das Santas Casas da Misericórdia do distrito de Viseu, face a isso, fazem parte também desta missão ,os Provedores das Misericórdias de Lamego, Castro Daire e Penalva do Castelo.

Por sua vez, José Tomás referiu que:
“Encaro este novo desafio com o sentido de serviço e de missão que é apanágio das Santas Casas da Misericórdia no espírito e na prática das 14 Obras de Misericórdia, sem outros intentos que não sejam contribuir com as minhas competências, saber, empenho e muita disponibilidade para o interesse coletivo das Santas Casas da Misericórdia do distrito de Viseu. É um compromisso sustentado nos valores da Lealdade, da Honestidade e da Frontalidade.
Procurarei sempre o bom entendimento, as parcerias e a cooperação com as demais instituições do nosso Distrito e da nossa Região.
Encaro a presidência deste Secretariado Regional como um desafio simultaneamente difícil e estimulante, ao qual procurarei dar cabal cumprimento das funções definidas pelo Regulamento dos Secretariados Regionais, sendo que, para esse efeito, o trabalho a desenvolver deverá passar por uma maior intervenção social e diplomática junto da União das Misericórdias Portuguesas e de entidades e instituições regionais, dar uma voz coletiva com credibilidade e respeito às Misericórdias, incentivar o trabalho em rede com reuniões participativas e dinâmicas, melhorar a comunicação interna e externa e levar a cabo realizações coletivas no âmbito social e cultural que envolvam todas as misericórdias. Ao Secretariado cessante deixo uma palavra de reconhecimento e agradecimento pelo trabalho desenvolvido nos últimos 8 anos”.
Estas foram as palavras do novo Presidente eleito, após este ato.

fotos :JT

 

AF Viseu- Divisão de Honra (acerto de calendário)

Mortágua- Nespereira-1-1

Penalva do Castelo- Molelos-3-1

Classificação
1 Mortágua Fc- 41
2 Cinfães- 33
3 Sátão-30
4 Ferreira Aves-26
5 Moimenta Beira- 25
6 Resende- 20
7  Mangualde- 19
8  Lamelas-18
9 Nespereira Fc-18
10  Vale Açores-17
11 Carvalhais Fc-16
12 SC Paivense- 16
13 GD Oliveira Frades-15
14 SC Penalva Castelo-15
15 Carregal Sal-12
16 CA Molelos-8
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar