Templates by BIGtheme NET
Home » Penalva do Castelo (page 48)

Penalva do Castelo

Variante de Penalva em discussão

PS quer saber se construção de variante
de Penalva do Castelo é uma prioridade

Os
deputados do PS pretendem saber se o Governo vai dar prioridade à
construção da variante de Penalva do Castelo “no contexto de
investimentos que têm vindo a ser anunciados em acessibilidades e
infra-estruturas”

Numa
pergunta enviada à presidente da Assembleia da República, que tem como
destinatário o ministro da Economia e do Emprego, o viseense Álvaro
Santos Pereira, os socialistas consideram que a construção de uma
variante à vila de Penalva do Castelo “é uma justa expectativa das
populações do concelho”.
fonte:Diario de viseu

Tolerancia de ponto em Viseu e Guarda, quem tem?

Distrito de Viseu:
Armamar (PSD) – Ainda não decidiu
Carregal do Sal (PSD) – Dá tolerância nas tardes de segunda e terça-feira
Castro Daire (PS) – Dá tolerância
Cinfães (PS) – Não dá tolerância
Lamego (PSD/CDS) – Dá tolerância na terça-feira à tarde
Mangualde (PS) – Não dá tolerância
Moimenta da Beira (PS) – Não dá tolerância

Mortágua (PS) – Dá tolerância na terça-feira
Nelas (PSD/CDS) – Dá tolerância na terça-feira
Oliveira de Frades (PSD) – Não dá tolerância
Penalva do Castelo (PSD/CDS) — Dá tolerância na terça-feira à tarde
Penedono (PSD) – Não dá tolerância
Resende (PS) – Dá tolerância
S. Pedro do Sul (PSD) – Ainda não está decidido
S. João da Pesqueira (PSD) – Dá tolerância
Santa Comba Dão (PSD) – Dá tolerância
Sátão (PSD) – Dá tolerância
Sernancelhe (PSD) – Não dá tolerância
Tabuaço (PS) – Dá tolerância
Tarouca (PS) – Não dá tolerância
Tondela (PSD) – Não dá tolerância
Vila Nova de Paiva (PS) – Dá tolerância
Viseu (PSD) – Não dá tolerância
Vouzela (PSD) – Ainda não está decidido
Distrito da Guarda:
Aguiar da Beira (PSD) – Não dá tolerância
Almeida (PSD) – Não dá tolerância
Celorico da Beira (PS) – Dá tolerância
Fornos de Algodres (PSD) – Dá tolerância
Figueira de Castelo Rodrigo (PSD) – Não dá tolerância
Gouveia (PSD) – Não dá tolerância
Guarda (PS) – Não dá tolerância
Manteigas (PS) – Dá tolerância
Mêda (PS) – Não dá tolerância
Pinhel (PSD) – Não dá tolerância
Sabugal (PSD) – Dá tolerância de ponto
Seia (PS) – Dá tolerância de ponto
Trancoso (PSD) – Dá tolerância de ponto
Vila Nova de Foz Côa (PSD) – Ainda não decidiu
fonte:JN

Confirmada morte de idosa no incêndio de Penalva do Castelo

Uma mulher de 79 anos morreu hoje, quinta-feira, carbonizada, na sequência de um incêndio que destruiu a habitação onde residia, no concelho de Penalva do Castelo, informou fonte dos bombeiros locais.De acordo com o comandante dos Bombeiros Voluntários de Penalva do Castelo, Manuel Pereira, quando chegaram ao local, na povoação de Encoberta, encontraram uma habitação totalmente tomada pelas chamas.

“Foi-nos dito pela população que havia uma mulher no interior, tendo sido efectuado um ataque directo à habitação e indirecto às outras habitações. Passado uma hora o incêndio estava extinto”, explicou.
Como se tratava de uma habitação antiga com madeira, o comandante dos bombeiros explicou que a casa aluiu: “Caiu tudo para o rés do chão, onde encontrámos a vítima já carbonizada”.
Segundo uma vizinha e amiga, a idosa vivia sozinha há vários anos e era frequente deslocar-se à sua habitação para saber se precisava de alguma coisa.
Maria da Piedade foi a última a ver a idosa com vida, no dia em que regressou do Hospital de Viseu, onde esteve internada alguns dias. “Ontem à noite desliguei-lhe o cobertor eléctrico e o aquecedor antes de sair, mas se calhar teve frio e voltou a ligar alguma coisa”, lamentou.
Visivelmente abatido estava Armando Gonçalves, que ainda tentou socorrer a idosa. “Arrombei a porta, mas veio tanto fumo e uma explosão que já não podia fazer nada”, concluiu.
in JN

Penalva do Castelo , Autarquia cria área de acolhimento empresarial

A Câmara de Penalva do Castelo vai avançar em 2011 com a criação da área de acolhimento empresarial de Esmolfe-Sezures, com o objectivo de criar novos postos de trabalho no concelho. O presidente da Câmara, Leonídio Monteiro, disse à agência Lusa que este será o primeiro espaço do concelho onde se vão concentrar várias empresas, o que espera venha a ser “uma grande mais-valia em termos industriais e empresariais”. A área de acolhimento empresarial de Esmolfe-Sezures, um investimento total de cerca de um milhão de euros (comparticipado em 80 por cento por fundos comunitários), é considerada uma prioridade do executivo para 2011. “É uma obra fundamental para Penalva do Castelo e iremos avançar com ela em 2011”, contou, explicando que já foi adjudicada por 713 mil euros e aguarda o visto do Tribunal de Contas. Segundo Leonídio Monteiro, o executivo entende que “o possibilitar criar postos de trabalho irá fixar a população do concelho” e atrair pessoas de fora. “Algumas das empresas existentes poderão dimensionar-se melhor e criar novos postos de trabalho. Queremos também captar outras, um trabalho que vamos começar a fazer”, explicou, lembrando que “Penalva do Castelo está muito próximo da auto-estrada A25 e dos caminhos-de-ferro”, sendo, por isso, “uma zona apetecível” em termos de localização. O autarca referiu que será dada prioridade a empresas “que sejam produtivas e que criem emprego”, ao invés, por exemplo, de empresas de transporte, de forma a “ajudar também a revitalizar a vida económica” do concelho. “Não quer dizer que uma empresa de transporte não crie também meia dúzia de postos de trabalho, mas depois esgota-se um pouco nisso. Vamos dar prioridade a empresas que produzam qualquer coisa”, sublinhou. Leonídio Monteiro garantiu que os 20 lotes (com área média de 3500 metros quadrados) que serão disponibilizados terão “um preço meramente simbólico”, uma vez que a intenção da autarquia “é que haja postos de trabalho”.  A área de acolhimento empresarial de Esmolfe-Sezures terá 100 mil metros quadrados, estendendo-se por 1.100 metros paralelos à Estrada Municipal 570, numa zona onde já existem algumas empresas na área da exploração e transformação de granitos.

in diario viseu

resultados 3ªdiv nacional

Série C

Resultados:
Alpendorada – Aguiar da Beira, 2-0
Fiães – Oliveira Frades, 1-1
Avanca – Alba, 0-0
Bustelo – Penalva do Castelo, 2-0
Cinfães – Lusitânia Lourosa, 0-1
Sampedrense – São João de Ver, 1-3

Série D

Resultados:
Nogueirense – Benfica Castelo Branco, 1-1
Oliveira do Bairro – Ac. Viseu, 2-1
Sourense – Gândara, 4-0
Monsanto – Águias Moradal, 3-1
Riachense – Vigor Mocidade, 3-2
Tocha – Marinhense, 0-1

Aguiar infeliz

Série C:Resultados:
Penalva do Castelo – Alba, 0-0
Lusitânia Lourosa – Oliveira Frades, 3-1
São João de Ver – Alpendorada, 4-1
Sampedrense – Fiães, 1-1
Cinfães – Avança, 3-1
Aguiar da Beira – Bustelo, 0-2

Aguiar-Bustelo

Classificação:
1.º São João de Ver, 1 jogo/3 pontos
2.º Cinfães, 1/3
3.º Lusitânia, 1/3
4.º Bustelo, 1/3
5.º Fiães, 1/3

Aguiar conheceu adversários na 3ªdivisão

SÉRIE C
1 – SC Penalva do Castelo
2 – SC Bustelo
3 – SC Alba
4 – CD Cinfães
5 – GD Oliveira Frades
6 – UD Sampedrense
7 – FC Alpendorada
8 – SC S. João de Ver
9 – Fiães SC
10 – Lusitânia FC Lourosa
11 – AA Avanca
12 – ADRC Aguiar da Beira
SÉRIE D
1 – GD Águias Moradal
2 – GDR Monsanto
3 – UD Gândara
4 – CA Riachense
5 – Académico Viseu FC
6 – UD Tocha
7 – AD Nogueirense
8 – AC Marinhense
9 – Oliveira do Bairro SC
10 – GR Vigor Mocidade
11 – GD Sourense
12 – Sport Benfica Castelo Branco
1ª Jornada (12.09.2010): 1-3, 10-5, 8-7, 6-9, 4-11, 12-2;
2ª Jornada (26.09.2010): 3-12, 5-1, 7-10, 9-8, 11-6, 2-4;
3ª Jornada (03.10.2010): 3-5, 1-7, 10-9, 8-11, 6-2, 12-4:
4ª Jornada (10.10.2010): 5-12, 7-3, 9-1, 11-10, 2-8, 4-6;
5ª Jornada (24.10.2010): 5-7, 3-9, 1-11, 10-2, 8-4, 12-6;
6ª Jornada (31.10.2010): 7-12, 9-5, 11-3, 2-1, 4-10, 6-8;
7ª Jornada (07.11.2010): 7-9, 5-11, 3-2, 1-4, 10-6, 12-8;
8ª Jornada (14.11.2010): 9-12, 11-7, 2-5, 4-3, 6-1, 8-10;
9ª Jornada (28.11.2010): 9-11, 7-2, 5-4, 3-6, 1-8, 12-10;
10ª Jornada (05.12.2010): 12-11, 2-9, 4-7, 6-5, 8-3, 10-1;
11ª Jornada (12.12.2010): 11-2, 9-4, 7-6, 5-8, 3-10, 1-12. Na taça  de Portugal recebe o Melgacense a 05/09
in fpf

Guarda e Viseu vão apresentar candidatura conjunta para receber a fase final do Europeu de Sub-19

As candidaturas terão de cumprir requisitos essenciais requeridos pela UEFA.
As Associações de Futebol da Guarda e Viseu vão apresentar, em conjunto, uma candidatura para receberem em 2012, a Fase Final do Campeonato Europeu de Sub-19. As candidaturas terão de ser apresentadas até ao final do mês de Junho e terão de cumprir requisitos essenciais requeridos pela UEFA. O presidente da Associação de Futebol da Guarda (AFG), Amadeu Poço, explica que o facto de as duas associações gozarem de um bom relacionamento foi importante para apresentar o projecto em conjunto. O dirigente acrescenta que «nesta altura o processo passa por uma fase de auscultação das autarquias no sentido de ouvir opiniões». No Distrito da Guarda os estádios que poderão receber os jogos, caso a candidatura seja aceite, são os da Guarda, Seia, Gouveia e Fornos de Algodres. No caso de Viseu, os estádios apontados são o Fontelo, Nelas, Tondela e Mangualde, havendo ainda a possibilidade de incluir o de Santa Comba Dão. Uma das condições impostas pela UEFA é que os relvados não podem ser de relva sintética e os estádios terão de respeitar a proximidade geográfica. De fora ficam os concelhos de Sabugal e Celorico da Beira, no caso do distrito da Guarda e, Penalva do Castelo, no distrito de Viseu, mas as selecções poderão aproveitar os relvados para realizarem os habituais e indispensáveis treinos. Amadeu Poço acredita que a candidatura conjunta pode receber um parecer favorável da UEFA, uma vez que «seria uma mais-valia para a promoção do espectáculo do futebol, tal como é a presença da selecção nacional». O presidente da Associação de Futebol de Viseu, José Alberto Ferreira, partilha da mesma opinião. O dirigente é da opinião de que «há um conjunto de hipóteses que tornam possível a organização do Campeonato da Europa nos dois distritos», realçando que, «há capital acumulado a esse nível, a organização do Europeu em 2003 foi um sucesso e a própria UEFA pretende que estes eventos se realizem no interior do país». José Alberto Ferreira acrescenta que «há necessidade de fazer melhoramentos nalguns estádios tal como maconteceu em 2003». Quanto à candidatura conjunta com a AFG, o dirigente justifica que «há sempre dificuldades para promover eventos desportivos de outra dimensão, como por exemplo receber a Selecção principal», adiantando que, «tendo esta oportunidade e o facto de a Guarda e Viseu estarem na rota da A25, foram factores que foram levados em linha de conta, no sentido de promover o desporto no interior do país».
in Terras da Beira

resultados desportivos

Penamacor 2-0 Gandara
Pombal 2-1 Fornos
Sourense 2-0 Nelas
Benfica CB 1-0 Alcains
V. Mocidade 0-1 Mangualde
Tocha 2-2 Anadia

A classificação ficou assim ordenada:
1º Pombal 40
2º Sourense 37
3º Anadia 36
4º Fornos 32
5º Mangualde 30
serie c
Cinfães 1-1 Coimbrões
Sanjoanense 0-0 Penalva
Cesarense 0-2 S. Joao Ver
Fiães 1-0 Meda
Avanca 2-0 Milheiroense
Candal 1-1 O. Douro

distrital 1ªdivisão

Soito 2-1 Penaverde
Vila Cortes 2-2 Gouveia
Aguiar 0-1 Sabugal
Foz Cõa 3-1 Pinhel
Figueira 4-1 Celorico
Trancoso 9-1 Lageosa
Vilanovenses 2-3 Vilar Formoso

A classificação ficou assim ordenada:
1º Gouveia 31
2º Aguiar 31
3º Foz Côa 31
4º Vila Cortes 30
5º Sabugal 29
6º Figueira 29

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar