Templates by BIGtheme NET
Home » Economia (page 3)

Economia

Guarda revela nova escultura na Encosta do Tempo

No âmbito do projecto da Cápsula do Tempo Guarda 2050, iniciado em 2013, e que todos os anos, no dia 1 de Julho, conta com um programa comemorativo, o quinto aniversário ficou marcado pela inauguração de um monumento artístico, um relógio de sol Roamer.

A escultura tem a assinatura do arquitecto guardense António Saraiva, recentemente vencedor de um concurso de Newark, nos Estados Unidos da América, para instalação de um monumento em honra dos veteranos de guerra luso-americanos e inaugurado no passado dia 2 de Junho.

António Saraiva desenhou o relógio de sol que se encontra agora ao dispor dos visitantes da Encosta do Tempo e da torre de menagem da Guarda. Trata-se de uma obra de dois metros de altura, 1,20 metros de largura e cerca de 50 cm de espessura, numa base de granito de três toneladas, e com um relógio em aço corten, e encontra-se virado a sul, de forma a cumprir a sua função de indicar as horas.

Ao criar esta peça, António Saraiva pretendeu aliar “um objecto de medição do tempo que vem da antiguidade, o relógio de sol, em conjugação com um objecto que se tornou usual e de utilização pessoal e quotidiana, o relógio de pulso”. O conceito vai perfeitamente ao encontro da filosofia da Roamer, de combinar design intemporal com funcionalidade. A marca relojoeira suíça foi criada em 1888, patrocina esta escultura e passa a ser parceira da Cápsula do Tempo.

O relógio de sol Roamer tem ainda três QR Codes com acesso à página da Cápsula do Escape Livre, a uma série de fotografias que mostram a construção do monumento e à página oficial da Roamer.

Segundo Luís Celínio, presidente do Clube Escape Livre, “O relógio de sol Roamer instalado na Encosta do Tempo não assinala apenas o quinto aniversário da Cápsula do Tempo, mas pretende também ser mais um contributo para a cidade, através do enriquecimento e embelezamento da encosta. Sabemos que é um espaço que em 2017 foi visitado por quase 22 mil pessoas, número que regista crescimento de ano para ano, e que com este relógio de sol ganha novo interesse”.

Este dia 1 de Julho, data de inauguração da escultura e do aniversário do projecto, contou com a presença de Pedro Machado, presidente do Turismo do Centro de Portugal, que enalteceu o trabalho do Clube Escape Livre.

 

I Fórum Federativo das Organizações Autónomas em Fornos de Algodres

A Federação Distrital da Guarda da Juventude Socialista vai promover, em colaboração com a concelhia de Fornos de Algodres da Juventude Socialista, no sábado, dia 14 de julho de 2018 , a primeira edição do Fórum Federativo das Organizações Autónomas, no Auditório do Centro Cultural Dr. António Menano, em Fornos de Algodres.

A iniciativa é destinada a debater o Ensino, o Poder Local e o Trabalho, no nosso distrito, temas subjacentes às três organizações autónomas da Federação: Estudantes Socialistas, Jovens Autarcas Socialistas e Jovens Trabalhadores Socialistas

Mangualde celebra Dia dos Avós na Sra do Castelo

Celebra-se, a 26 de julho, o Dia dos Avós. Para assinalar a efeméride, o Município de Mangualde convida todos os seniores e avós do concelho, juntamente com os seus netos, a fazerem parte deste dia de grande animação! O Arraial decorrerá no Monte Nossa Senhora do Castelo, a partir das 11h00.

Este Dia dos Avós terá início com a celebração de eucaristia, pelas 11h00, seguida de uma bela tarde de convívio com troca de merendas e almoço, pelas 12h30. Segue-se animação popular, a partir das 14h00, e o momento do bolo dos avós acontecerá pelas 15h30. As crianças poderão ainda divertir-se nos insufláveis disponíveis neste espaço.

A participação nesta iniciativa é gratuita, mas sujeita a inscrição prévia até 20 de julho, no Serviço de Ação Social da Câmara Municipal de Mangualde ou através dos contactos: 232 619 880, redesocial@cmmangualde.pt ou ssocial@cmmangualde.pt.

Celebrar o Dia dos Avós significa celebrar a experiência de vida, reconhecer o valor da sabedoria adquirida, não apenas nos livros, nem nas escolas, mas no convívio com as pessoas e com a própria natureza. O Dia dos Avós comemora-se a 26 de julho, por ser o dia de Santa Ana e São Joaquim, pais de Maria e avós de Jesus Cristo.

Monitorização da Qualidade da Água em Fontanários Públicos em Fornos

Segundo fonte do Município de Fornos de Algodres , foi aprovado nesta sexta-feira,em reunião de Câmara, por unanimidade, um Protocolo de Cooperação entre o Município de Fornos de Algodres e o Instituto Politécnico da Guarda, tendo em vista a Monitorização da Qualidade da Água em Fontanários Públicos.

O referido protocolo contempla, em simultâneo, as seguintes fases:
– Levantamento das características e estudo de todos os fontanários públicos das freguesias do Concelho de Fornos de Algodres e, elaboração de um relatório detalhado, em articulação com a Câmara Municipal e Juntas de Freguesia;
– Monitorização da Qualidade da Água, através de análises laboratoriais e
– Sensibilização da população sobre a importância da qualidade da água dos fontanários públicos no consumo do dia-a-dia, na salvaguarda da saúde pública, assim como, no uso eficiente deste recurso natural.

De salientar ainda o facto de, todos os Munícipes do Concelho de Fornos de Algodres, que tenham furos, poços ou outro tipo de captações podem, sempre que entenderem, usufruir das condições do Protocolo aprovado.

Por:MFA

 

Pedro Machado reeleito Presidente do Turismo Centro de Portugal

Teve lugar nesta sexta-feira, a Assembleia Geral Eleitoral da Entidade Regional do Turismo do Centro de Portugal (TCP) onde foi reeleita a Comissão Executiva liderada por Pedro Machado para mais um mandato, que corresponde ao período 2018-23.

O ato eleitoral, que determinou a composição da Mesa da Assembleia Geral, da Comissão Executiva e do Conselho de Marketing, realizou-se em três mesas de voto, situadas em Aveiro, Guarda e Leiria.
A lista liderada por Pedro Machado foi a única a apresentar-se a sufrágio.
Votou 57% do universo do colégio eleitoral. Dos votos expressos em urna, 99% votou a favor.

“Agradeço a confiança reforçada que os autarcas, associações e empresários da região Centro de Portugal manifestaram na lista por mim apresentada, a qual traduz a representação dos 100 municípios, de todas as oito comunidades intermunicipais e dos principais movimentos associativos regionais e nacionais. Estão presentes todos os territórios que compõem a marca Centro de Portugal, ao mesmo tempo que há um aumento da representatividade das várias associações nos órgãos da Turismo Centro de Portugal”, sublinhou Pedro Machado.

“Tive a oportunidade de evidenciar as prioridades que identifiquei para este mandato, e que foram assim validadas Estas passam por consolidar o processo de crescimento turístico da região Centro de Portugal, prosseguindo a estratégia de promoção da marca Centro de Portugal a nível nacional e internacional; reforçar a aposta no turismo religioso, não só o católico, com Fátima, mas também o judaico, muito expressivo em territórios de baixa densidade e de fronteira; apostar noutros nichos de mercado que aproveitem as potencialidades do Centro de Portugal, como são o turismo ativo e desportivo, o turismo cultural e patrimonial ou o turismo de natureza; colocar a sustentabilidade como um desígnio do turismo no Centro de Portugal; e apostar decisivamente na qualificação dos agentes, serviços e produtos da área do turismo, de forma a reforçar a qualidade e diversidade da oferta e, através disso, combater a sazonalidade e aumentar a permanência média na região”, acrescentou.

Assim esta Comissão Executiva fica organizada da seguinte forma:

Comissão Executiva:
Pedro Manuel Monteiro Machado (Presidente)
João Nuno Ferreira Gonçalves Azevedo (Presidente da Câmara Municipal de Mangualde)
José Agostinho Ribau Esteves (Presidente da Câmara Municipal de Aveiro e da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro)
Maria do Céu de Oliveira Antunes Albuquerque (Presidente da Câmara Municipal de Abrantes e da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo)
Jorge Manuel da Silva Almeida (Vice-Presidente da AHRESP)

Mesa da Assembleia Geral: 
Presidente da Mesa: Luís Manuel dos Santos Correia (Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco)
Secretário da Mesa: Manuel Augusto Soares Machado (Presidente da Câmara Municipal de Coimbra e da Associação Nacional de Municípios Portugueses)

Conselho de Marketing:
Gonçalo Nuno Bértolo Gordalina Lopes (Vice-Presidente da Câmara Municipal de Leiria)
Pedro Miguel Ferreira Folgado (Presidente da Câmara Municipal de Alenquer e Presidente da Comunidade Intermunicipal do Oeste)
José Eduardo Arimateia Antunes (Grupo Visabeira)
António Luís Vaz da Veiga Camões (Associação da Hotelaria de Portugal)
Victor Jorge Paiva Leal (Presidente da Associação Termas de Portugal)
Paulo Alexandre Bernardo Fernandes (Presidente da ADXTUR – Associação das Aldeias do Xisto)
António dos Santos Robalo (Presidente da Aldeias Históricas de Portugal – Associação de Desenvolvimento Turístico)

Já a tomada de posse dos órgãos sociais vai decorrer às 15h00 da próxima sexta-feira, dia 13 de julho, no Hotel Casa da Ínsua, em Penalva do Castelo.

Período crítico de incêndios de 1 de julho a 30 de setembro

O Sistema Nacional de Defesa da Floresta Contra Incêndios define um período crítico de incêndios, que vigora de 1 de julho a 30 de setembro.

Durante esse período é proibido:

Em espaços rurais
– Realizar fogueiras para recreio, lazer ou confeção de alimentos;
– Utilizar equipamentos de queima e de combustão para a iluminação ou confeção de alimentos;
– Queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração;
– Circular com máquinas de combustão interna e externa, sem estarem equipadas com dispositivos de retenção de faíscas e de tapa chamas nos tubos de escape ou chaminés;
– Circular com máquinas de combustão interna e externa sem estarem equipadas com um ou dois extintores de 6 kg, consoante a sua massa;

 Em quaisquer espaços
– Efetuar queimadas para renovação de pastagens, eliminação de restolho e sobrantes de exploração cortados, mas não amontoados;
– Lançar balões de mecha acesa ou quaisquer tipos de foguetes;
– Realizar ações de fumigação ou desinfestação em apiários sem a utilização de dispositivos de retenção de faúlhas;

No interior dos espaços florestais ou nas vias que os delimitam ou os atravessam
– Fumar ou fazer lume de qualquer tipo.

Para mais esclarecimentos contate:
Telefone: 238 490 210
Telemóvel: 962 032 999 / 968 578 987
Email: geral@cm-gouveia.pt / gtf@cm-gouveia.pt / protecaocivi@cm-gouveia.pt

Redes de saneamento de águas residuais e abastecimento de águas em estudo

O Município de Fornos de Algodres iniciou o levantamento de cadastro das redes de saneamento de águas residuais e abastecimento de águas, inserido numa candidatura do PO SEUR da Associação dos Municípios da Cova da Beira.

Os trabalhos vão decorrer em todas as freguesias do Concelho de Fornos de Algodres, até ao final do presente ano. Temos como objetivo o levantamento no terreno, por parte de técnicos especializados, de todas as características das redes em “baixa”, quer na área de saneamento águas residuais, quer na área de abastecimento de águas, assim como o a realização da respetiva georreferenciação.

Com este trabalho de levantamento cadastral, o Município de Fornos de Algodres terá um maior conhecimento das infraestruturas, podendo dar uma resposta mais célere em futuras intervenções, designadamente associadas a perdas ou situações de deficiência em abastecimento, ou associadas a colapsos, infiltrações e funcionamento deficiente no saneamento.

Segundo o atual executivo o investimento efetuado nesta área, irá permitir uma gestão mais eficiente dos ativos e uma melhoria da qualidade do serviço prestado à população.

IP3 vai ser reabilitada em breve

O primeiro-ministro, António Costa, presidiu na manhã, de segunda-feira,dia 2 de julho, à cerimónia de lançamento dos concursos de empreitada para a reabilitação do Itinerário Principal 3 (IP3) entre Coimbra e Viseu. A primeira intervenção, que já conta com projeto e avaliação de impacto ambiental, deverá arrancar em 2019, entre o nó de Penacova e o nó da Lagoa Azul, que abrange a zona mais crítica do IP3, na zona da Livraria do Mondego.

Por sua vez, João Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde e Presidente do Conselho Regional, congratula-se com esta notícia, é para nós uma alegria e uma mais-valia para o nosso território receber esta confirmação. É uma intervenção há muito esperada, desejada e merecida. O Primeiro-ministro prometeu e cumpriu”. João Azevedo destaca ainda “O nosso Interior merece ter melhores condições para crescer e se desenvolver ainda mais. O nosso tecido económico, empresarial e industrial, bem como as populações, há muito que esperavam por esta intervenção”.

Conferências da Guarda iniciam novo tema esta semana

“Saúde XXI para a coesão territorial”

A Saúde é tema em debate na edição de verão das Conferências da Guarda a terem lugar nos Paços do Concelho, sob o título “Saúde XXI para a coesão territorial”. José Martins Nunes, ex-Presidente do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, José Mendes Ribeiro, ex-Presidente da Unidade de Missão dos Hospitais SA e João Pedro Pimentel, Delegado Regional de Saúde do Centro são os oradores convidados e irão abordar, respetivamente, os temas: Saúde, coesão regional e interioridade; As políticas de saúde e o desenvolvimento económico; e Saúde pública | Análise e evolução.

Está também prevista uma Mesa Redonda subordinada ao tema “As políticas de saúde na região | Análise e debate” na qual vão participar Isabel Coelho, Presidente do Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde da Guarda; João José Casteleiro, Presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar da Cova da Beira; e António Maria Vieira Pires, Presidente do Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde de Castelo Branco.

Recorde-se que o Município promove as Conferências da Guarda desde dezembro de 2014. A iniciativa já trouxe a debate o Marketing Territorial, a Distribuição e Logística, o Portugal 2020, as Cidades Inteligentes, a Requalificação Urbana, entre muitos outros. O objetivo é trazer a visão de especialistas, «refletindo a Guarda de fora para dentro», conforme referiu o presidente da Câmara Municipal da Guarda, Álvaro Amaro, aquando da apresentação da iniciativa. Para o edil, a opinião de especialistas é uma mais-valia, trazendo uma abordagem mais objetiva sobre a cidade e o concelho. A ideia é promover a discussão, chamando os guardenses a participar ativamente no planeamento da sua cidade.

Aqui fica o Programa completo:

14h30 | Abertura
Álvaro Amaro
Presidente da Câmara Municipal da Guarda
José Martins Nunes
Ex-Presidente do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra
Saúde, coesão regional e interioridade
José Mendes Ribeiro
Ex-Presidente da Unidade de Missão dos Hospitais SA
As políticas de saúde e o desenvolvimento económico
João Pedro Pimentel
Delegado Regional de Saúde do Centro
Saúde pública | Análise e evolução

17h | Mesa Redonda
As políticas de saúde na região | Análise e debate
Isabel Coelho
Presidente do Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde da Guarda
João José Casteleiro
Presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar da Cova da Beira
António Maria Vieira Pires
Presidente do Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde de Castelo Branco

18h30 | Encerramento

A25 com trânsito condicionado de 2 de julho a 20 de agosto

A Autoestrada A 25 está em remodelação, entre o Nó de Mangualde e Nó com a EN332 (Vilar Formoso), entre os dias 2 de julho e 20 de agosto.

Segundo a Ascendi, serão efetuadas obras de remodelação ao longo deste troço, nos dois sentidos e poderá haver alguns atrasos, ao que é sugerido aos condutores algumas moderação e precaução ao circular neste troço indicado.

foto:DR

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar