Templates by BIGtheme NET
Home » Educação (page 4)

Educação

Férias Ativas – Páscoa 2019 na Guarda

O Município da Guarda promove durante o período de interrupção letiva da Páscoa, as Férias Ativas – Páscoa 2019. Trata-se de uma ação destinada a jovens com idades compreendidas entre os 6 e os 16 anos e que decorrerá entre os dias 8 e 12 (1ª semana) e de 15 a 18 de abril (2ª semana).

O objetivo da iniciativa prende-se com o desenvolvimento de atividades de âmbito desportivo, recreativo, cultural e ambiental. A iniciativa destaca-se também pela sua importância social ao garantir um conjunto de soluções às famílias, que não têm onde deixar os filhos durante estes períodos de interrupções letivas, proporcionando aos jovens um período divertido e ativo, fomentando o convívio e a socialização.

Nesta edição destacam-se atividades nos vários espaços do Município da Guarda como o Pavilhão de S. Miguel, o Teatro Municipal da Guarda, as Piscinas Municipais a Biblioteca Eduardo Lourenço ou a Quinta da Maunça. Estão também previstas visitas à cidade do Porto (Ribeira e Zoo) e a Celorico da Beira (castelo), Linhares (aldeia histórica) e ainda uma subida à Serra da Estrela.

O programa completo da iniciativa está disponível para consulta no site do município em www.mun-guarda.pt, assim como as inscrições.

“Oficina do Óscar – Projeto P.A.I.S.” em Nelas

A “Oficina do Óscar – Projeto P.A.I.S.” abriu as portas ao público mais pequenino, bebés dos 6 meses aos 3 anos, neste sábado, durante a tarde, na Biblioteca Municipal de Nelas, com lotação esgotada, onde apresentou uma nova sessão intitulada de “PapilÓscar”, um misto de histórias, sons e cores que surpreendem, capazes de transportar miúdos e graúdos, para um mundo de fantasia, num ambiente repleto de ternura e de cumplicidade familiar, dinamizado pelo Óscar e os seus amigos.

Baseado nos princípios da proximidade, interatividade e estímulo sensorial, o “PapilÓscar” explora o universo dos alimentos através da cor e textura dos vegetais e frutos, bem como dos sons de diversos utensílios de cozinha e sensações que provocam, conferindo-lhe um conceito inovador na sensibilização e promoção da adoção de hábitos alimentares saudáveis.

Pela “Oficina do Óscar” já passaram 640 alunos do 1º CEB dos Agrupamentos de Escolas de Canas de Senhorim e de Nelas, 53 famílias, 80 alunos do 2º ciclo da Escola EB 2.3 de Nelas e 353 seniores provenientes de diversos pontos do país no âmbito do Turismo Sénior do Inatel, que viveram momentos agradáveis e divertidos, com “as mãos na massa” para a preparação dos deliciosos Óscaritos e sumos naturais, que têm feito as delícias dos pequenos grandes Chefs de cozinha, e que vai ser testemunhada durante o corrente mês de março, até final do ano letivo, pelas crianças dos jardins de Infância do Concelho.

 

Aguiar da Beira acolheu a Feira das Profissões

Mais de três centenas de estudantes  participaram na Feira das Profissões, dos Percursos e da Integração Profissional, que se realizou, no passado dia 8 , no Centro Cultural de Aguiar da Beira, numa iniciativa promovida pelo CLDS 3G Aguiar no Coração, em parceria com o Agrupamento de Escolas Padre José Augusto da Fonseca.
O evento colocou em contacto alunos, universidades e outras entidades de formação e empresários aguiarenses. Os visitantes tiveram a oportunidade de conhecer as ofertas formativas, os perfis profissionais e as atividades económicas do território e da região, representadas num espaço expositivo com cerca de duas dezenas de entidades, conferências e outras atividades demonstrativas.
Entre as 9h30 e as 16h30, os alunos do 5º ao 12º ano tiveram a possibilidade de conhecer saídas educativas e formativas, carreiras militares, profissões do futuro; participar em atividades desportivas, de proteção civil e de arte urbana, como graffiter, ou em workshops de hotelaria, mecatrónica e relaxamento, saúde e beleza; e inspirar-se em histórias empreendedoras.
“Foi um dia muito intenso, com diversas ações para apresentar aos alunos em fase de decisão e aos visitantes aguiarenses as saídas educativas, formativas e profissionais, bem como o mercado de trabalho, recursos do território e exemplos de percursos bem sucedidos no concelho”, explicou Altino Pinto, Coordenador do CLDS 3G Aguiar no Coração, que acrescentou ainda que esta é uma iniciativa que visa “a promoção da fixação dos jovens no concelho, mostrando que em Aguiar da Beira também é possível construir um futuro positivo”.
A educação e a formação que têm, segundo a diretora do Agrupamento de Escolas de Aguiar da Beira, “um papel decisivo na sociedade”.
“Só através da educação e da formação o indivíduo se apropria do conhecimento e, ao apropriar-se do conhecimento, transforma-se e constitui-se como sujeito capaz de transformar a realidade. Assim, a educação e a formação são a forma de capacitar o ser humano para se compreender, para compreender o mundo que o rodeia e para, compreendendo-o, poder transformá-lo”, disse, na abertura do fórum “Educação e Formação”.
“Muitos são os percursos no longo caminho da educação e da formação, de natureza diversa e com diferentes características. Há percursos mais académicos, outros mais profissionalizantes, que cada um escolherá em função dos seus objetivos, dos seus gostos, da sua vocação”, referiu Elisabete Bárbara. Mas, independentemente desses percursos, continuou, “o importante é não ficar pelo caminho e construi-lo sempre, ao longo da vida. Não ficar pelo caminho implica esforço, implica trabalho e investimento. Implica pôr-se a caminho. Sempre. Implica movimento. A estagnação é inimiga da evolução. Por isso, não devemos parar, mesmo que um dos percursos esteja concluído”, deixou claro.
Instituto Politécnico da Guarda; Escola Superior de Turismo e Hotelaria – IPG; Instituto Politécnico de Viseu; Piaget Viseu; Cursos Profissionais do Agrupamento de Escolas de Aguiar da Beira; Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ); Guarda Nacional Republicana; Exército Português; Marinha Portuguesa; Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) de Viseu; Aenebeira; Atendimento Municipal ao Desenvolvimento Económico de Aguiar da Beira; Bombeiros Voluntários locais; Centro Social Paroquial de Dornelas; e CLDS 3G Aguiar no Coração, foram alguns dos expositores, que participaram também no fórum “Educação e Formação”.
Outra das conferências direcionadas para os alunos do secundário foi o fórum “Sonhar e Empreender”, que apresentou os percursos de empreendedores no concelho, nas áreas da avicultura, mecânica e orientação desportiva. Gonçalo Santos (avicultor), Marco Aurélio Coelho (empresário e eng.º eletromecânico) e Rafael Miguel (atleta e promotor de orientação pedestre) partilharam com os jovens as suas experiências empreendedoras e as oportunidades de investimento e carreira no município, vincando que “é possível construir um futuro de sucesso a partir de Aguiar da Beira”, sendo a formação, o acreditar, o risco, o trabalho e a inovação a base. E, atualmente, os empreendedores, nomeadamente os jovens, podem contar com diversos apoios e incentivos do município e da câmara municipal como um agente facilitar ao investimento no território, como realçou na sessão a vice-presidente, Rita Mendes.
A Feira das Profissões, dos Percursos e da Integração Profissional realizou-se pelo quarto ano consecutivo, integrada no programa de ação do Contrato Local de Desenvolvimento Social (CLDS) 3G Aguiar no Coração. Esta atividade, que contou também com o apoio do município, pretende promover a fixação dos jovens no concelho através de processos de orientação educativa, formativa ou profissional.

“Caminhada pela Floresta 2019”

O Comando Territorial da Guarda, através da estrutura SEPNA, no dia 23 de março, pelas 08:30 horas, vai realizar uma “Caminhada pela Floresta 2019” e um Percurso de Orientação na localidade da Guarda (zona da Carreira de Tiro), como forma de sensibilizar para a importância da nossa floresta e para os riscos que lhe estão associados.

Este evento visa:

·         Comemorar o Dia Mundial da Árvore e da Floresta;  

·         Despertar consciências para a riqueza do vasto património florestal nacional e para a problemática dos incêndios florestais;

·         Fomentar boas práticas que permitam reduzir o risco de incêndio florestal;

·         Transmitir à população um sentimento de responsabilidade, segurança e confiança na GNR;

·         Fomentar junto da população condutas de respeito pela natureza e pelo ambiente;

·         Incentivar a participação das populações nas caminhadas pela floresta;

Liga Portuguesa Contra o Cancro alerta alunos da Guarda para o HPV

A Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) assinala a campanha nacional de prevenção do Papilomavírus Humano (HPV) na Escola Secundária Afonso de Albuquerque e Escola Secundária da Sé, na Guarda, nos dias 13 e 14 de março, respetivamente. HPV e Quê?” é o nome da iniciativa que integra um roadshow interativo que está, desde fevereiro, a percorrer 35 escolas de norte a sul do país.

A campanha em curso pretende explicar o que está por detrás da sigla HPV. Com forte presença digital, visa melhorar o conhecimento dos jovens sobre as doenças e riscos associados às infeções por HPV, alertando para a importância da prevenção através da vacinação. Nesse sentido, o roadshow “HPV e Quê?” integra uma carrinha Airstream que se desloca às escolas e se abre para o exterior, permitindo que ao seu redor decorram as seguintes atividades dirigidas aos alunos:

  • Apresentação da música composta por Waze, que apela à importância da prevenção do HPV, com o propósito de ser partilhada nas redes sociais www.youtube.com/watch?v=Yr-veOftTU8
  • Promoção do Quizz (Sabias Que?) em ambiente de realidade virtual, onde são transmitidas informações ao aluno e colocadas questões para avaliar o conhecimento adquirido;
  • Distribuição de tatuagens temporárias que representam o HPV, com possibilidade de serem vistas através de uma aplicação de realidade aumentada;
  • Presença de um profissional de saúde para enquadramento e esclarecimento de dúvidas para a comunidade escolar;
  • Distribuição de folhetos com informação sobre o que é o HPV, quais os riscos, como se transmite e como se previne.

Na Escola Secundária Afonso de Albuquerque, da Guarda, a iniciativa decorre entre as 9h25 e as 15h30 do dia 13 de março, para turmas do 9º ano de escolaridade. Já na Escola Secundária da Sé, a campanha “HPV e Quê?” tem lugar a 14 de março, com as ações dirigidas aos alunos do 9º e 10º anos, a decorrerem entre as 8h30 e as 16h20.

Vítor Rodrigues, presidente da direção do Núcleo Regional do Centro (NRC) da Liga Portuguesa Contra o Cancro refere a importância de despertar consciências, para que a palavra prevenção entre cada vez mais no léxico dos jovens. Uma das mais-valias desta campanha é o facto de as atividades dinamizadas facilmente motivarem os adolescentes para uma conversa em casa com os pais, que poderão saber mais sobre o tema em www.hpv.pt e aconselhar-se com o seu médico assistente.

Até 29 de março de 2019, o NRC vai dinamizar na região centro atividades pedagógicas e interativas junto da comunidade escolar do 3º ciclo e ensino secundário. Saiba mais sobre a campanha em https://hpveque.hpv.pt/.

Estudo antropológico do Entrudo de Quintela de Azurara

Município de Mangualde e a Junta de Freguesia de Quintela de Azurara avançam conjuntamente

Deste modo, a Câmara Municipal de Mangualde e a Junta de Freguesia de Quintela de Azurara decidiram avançar conjuntamente com o estudo antropológico do Entrudo de Quintela de Azurara. O estudo das seculares tradições desta manifestação popular, será efetuado nos próximos meses, pela Professora Vera Marques Alves, doutorada em Antropologia pelo ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa e poderá no futuro culminar com uma candidatura para inventariação como Património Cultural Imaterial, junto da Direção Geral do Património Cultural. O trabalho de recolha e de estudo já se iniciou no passado dia 2 de março de 2018.

 Recorde-se que a freguesia Quintela de Azurara, voltou a fazer jus aos seus costumes de Carnaval com momentos que recordaram tradições seculares, de 20 de fevereiro a 5 de março. A fogueira, as Papas de Milho, a Sacada e o Enterro do Entrudo, foram os pontos altos das festividades que, ao longo de vários dias, animaram as ruas daquela localidade. Os “Casamentos” dos Compadres abriram os festejos.

Comissão Municipal de Proteção Civil local reuniu

Na sequência da recomendação da Comissão Nacional de Proteção Civil, a Comissão Municipal de Proteção Civil de Fornos de Algodres reuniu extraordinariamente, no passado dia 21 de fevereiro,, nos Paços do Concelho, para articular as intervenções de todas as entidades, no âmbito das medidas e ações estruturais a desenvolver relativas à prevenção e proteção das florestas contra incêndios.

Para além das intervenções apresentadas por cada uma das entidades presentes, discutiu-se igualmente a operacionalização do projeto Aldeia Segura, Pessoas Seguras no concelho de Fornos de Algodres.

As entidades que pertencem à Comissão Municipal de Proteção Civil estão focadas em prestar um trabalho de qualidade na prevenção e proteção da nossa floresta.

Bens recolhidos na causa solidária em Nelas entregue a familias

CÂMARA DE NELAS ENTREGA BENS RECOLHIDOS NA CAUSA SOLIDÁRIA NATALÍCIA “DÃO COM CORAÇÃO” À ASSOCIAÇÃO DE PROTEÇÃO DAS MULHERES VITIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E A SEUS FILHOS
Na sequência da Campanha Solidária “Dão com Coração: Causa Solidária a favor das vítimas de violência doméstica”, realizada no passado mês de dezembro, durante a época de Natal, o Sr. Presidente da Câmara, acompanhado pelos Responsáveis e Técnicas do Serviço Municipal de Apoio à Economia Social, procedeu neste dia, 25 fevereiro à entrega dos bens recolhidos e doados, quer por munícipes quer pelas Empresas do Concelho de Nelas, como seja têxteis, produtos de higiene pessoal, brinquedos, entre outros, à Casa do Povo de Abraveses como Entidade Gestora da causa solidária, na presença do seu Presidente Carlos Aparício e restante Direção.

Esta instituição possui, nas suas respostas sociais, as valências de Centro de Acolhimento de Emergência, destinado a mulheres vítimas de violência doméstica e a seus filhos, com caráter temporário, e com capacidade para 12 pessoas, sendo também gestora de uma “Casa Abrigo”, projeto pioneiro a nível nacional para mulheres vítimas de violência doméstica portadoras de doença mental, recentemente inaugurada a 5 de fevereiro.

Mun.Nelas

Baile de Máscaras em Fornos de Algodres

Vai realizar-se um Baile de Máscaras, no antigo quartel dos Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres , no sábado, 2 de março,às 21h30,  numa iniciativa dos Escuteiros de Fornos.

A noite será animada pela Banda Tradição, onde todos pode, levar a sua máscara.Entrada livre , serviço de bar, bifanas, caldo verde e um animado Concurso de Máscaras.

 

Compal entregou a Taça da Fruta de Portugal em Mangualde

Foi com peças de teatro e canções alusivas à fruta que os alunos e professores da Escola Básica Ana de Castro Osório, de Mangualde, receberam o Centro de Frutologia Compal. A entidade foi a Mangualde entregar a Taça da Fruta de Portugal à turma 3ºB da Escola Básica Ana de Castro Osório, distinguida com o 3º lugar no projeto “Volta a Portugal em Fruta”.

 Durante aquela tarde, que teve lugar a semana passada, foram também entregues diplomas às diversas turmas de Mangualde que aceitaram o desafio da Compal, nomeadamente as turmas: a 3ºA, 3ºC, 3ºD, 3ºE, 4ºC e 4ºF da Escola Básica Ana de Castro Osório.

 Na sessão, esteve presente o Vereador da Educação, Rui Costa, o Diretor do Agrupamento de Escolas de Mangualde, Agnelo Figueiredo, e a representante do Centro de Frutologia da Compal, Mafalda Paredes.

 ALUNOS TRABALHARAM SOBRE A MAÇÃ DE BRAVO ESMOLFE DOP

Os alunos e a professora da turma do 3ºB da Escola Básica Ana de Castro Osório decidiram estudar e provar uma das frutas mais saborosas da sua região: A Maçã de Bravo Esmolfe DOP. Inspirados na sua história, localização e sabor, a Volta a Portugal em Fruta valeu a pena para melhor conhecerem esta maçã vizinha da aldeia de Esmolfe.

              “VOLTA A PORTUGAL EM FRUTA”

Várias escolas do 1º Ciclo aventuraram-se na “Volta a Portugal em Fruta” com o Centro de Frutologia Compal. Após votação, a Escola Básica de 1º Ciclo de Moncarapacho (1º classificada), a Escola Básica de Bonfim (2º classificada) e a Escola Básica Ana de Castro Osório (3ª classificada) foram as vencedoras desta volta que foi uma verdadeira aventura na sala de aula. A votação foi renhida na página de Facebook da Compal.

 O Centro de Frutologia Compal lançou a iniciativa “Volta a Portugal em Fruta” com o objetivo de valorizar as frutas DOP (Denominação de Origem Protegida) e IGP (Indicação Geográfica Protegida) de Portugal e reforçar a importância da inclusão da fruta no âmbito de uma alimentação saudável. Com esta iniciativa, 68 escolas do 1º Ciclo e mais de três mil crianças receberam o Mapas das Frutas de Portugal, onde estão representadas estas frutas e as suas regiões. As turmas aceitaram o desafio de participar no concurso Volta a Portugal em Fruta com trabalhos criativos inspirados nas frutas DOP e IGP de Portugal.

 “Volta a Portugal” em Fruta é uma iniciativa do Centro de Frutologia Compal que distribuiu o Mapa das Frutas de Portugal acompanhado por materiais multimédia lúdico-didáticos às escolas do ensino básico de 23 concelhos das regiões demarcadas com fruta DOP e IGP em Portugal. Este mapa foi desenvolvido em parceria com o Centro de Informação Geoespacial do Exército e com o apoio da Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Regional e da Associação Portuguesa de Nutrição.

 

 

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar