Templates by BIGtheme NET
Home » Artigos de Opinião

Artigos de Opinião

Museu à Noite em Pinhel

Teve lugar mais uma  sessão do Museu à Noite de outubro ,  na antiga escola primária do Lamegal e teve como tema “a promoção turística dos territórios nos websites municipais”.

A Internet é hoje em dia um dos principais motores da divulgação e valorização dos patrimónios, das tradições e marcas identitárias que caracterizam as diferentes comunidades e os seus territórios, motivo que levou à escolha do tema deste Museu à Noite que teve como convidada a Prof. Maria Sánchez, docente na Universidade de Trás os Montes e Alto Douro.

Por:Mun.Pinhel

Situação de Alerta até 22 de agosto

Face às previsões meteorológicas para os próximos dias, que apontam para um significativo agravamento do risco de incêndio florestal, o Governo, através do Ministro da Administração Interna assinou, esta sexta-feira, o Despacho que determina a Declaração da Situação de Alerta para o período compreendido entre os dias 18 e 22 de agosto, para os distritos de  Braga, Bragança, Guarda, Porto, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.

No âmbito da Declaração da Situação de Alerta, prevista na Lei de Bases de Proteção Civil, serão implementas as seguintes medidas de caráter excecional:

– Elevação do grau de prontidão e resposta operacional por parte da GNR e da PSP, com reforço de meios para operações de vigilância, fiscalização, patrulhamentos dissuasores de comportamentos e de apoio geral às operações de proteção e socorro que possam vir a ser desencadeadas, considerando-se para o efeito autorizada a interrupção da licença de férias e/ou suspensão de folgas e períodos de descanso;

– Aumento do grau de prontidão e mobilização de equipas de emergência médica, saúde pública e apoio psicossocial, pelas entidades competentes das áreas da saúde e da segurança social;

– Mobilização em permanência das equipas de Sapadores Florestais;

– Mobilização em permanência dos Corpo Nacional de Agentes Florestais e dos Vigilantes da Natureza que integram o dispositivo de prevenção e combate a incêndios;

– Aumento do nível de prontidão das equipas de resposta das entidades com especial dever de cooperação nas áreas das comunicações (operadoras de redes fixas e móveis) e energia (transporte e distribuição);

– Proibição do acesso, circulação e permanência no interior dos espaços florestais, previamente definidos nos Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI), bem como nos caminhos florestais, caminhos rurais e outras vias que os atravessem;

– Proibição total da utilização de fogo-de-artifício ou outros artefactos pirotécnicos, independentemente da sua forma de combustão, bem como a suspensão das autorizações que possam ter sido emitidas, enquanto vigorar a Situação de Alerta;

– Dispensa do serviço público dos trabalhadores da Administração Pública que desempenhem cumulativamente as funções de bombeiro voluntário;

– Dispensa dos trabalhadores do setor privado que desempenhem cumulativamente as funções de bombeiro voluntário, nos distritos para os quais tenha sido Declarado o Estado de Alerta Especial de Nível Vermelho pela ANPC;

– Recurso aos meios disponíveis previstos no Plano Nacional e nos Planos Distritais de Emergência de Proteção Civil.

O Governo acompanha em permanência o evoluir da situação operacional e apela aos cidadãos para que adequem os seus comportamentos ao quadro meteorológico que tem sido amplamente divulgado.

Por:MAI

Gouveia em festa com Romaria Cultural de 27 a 29 de julho

Gouveia  vai estar em festa nos dias 27, 28 e 29 de Julho, com a Romaria Cultural. Uma vez mais com uma programação recheada de espetáculos de Música e Animação de Rua, Dança, Teatro, Cinema, Exposições, Desporto e Jogos Recreativos, Feiras, Oficinas e outras Atividades Participativas.

Sexta-feira, dia 27
10h00 | Abertura da Feirinha GO Romaria | Praça de São Pedro
18h00 | Abertura das Exposições
18h00 | Bárbara Maximino | Rua da Cardia
18h00 | Rosa dos Ventos – um espectáculo-viagem | Parque Infantil
19h00 | Le cirque Du Freak + Pintura ao vivo (Binau + Efervescente) | Rua da Cardia
21h40 | Fados de Coimbra | Rua da Cardia
21h00 | Projeto “Eu Sou – Urbanas | Paços do Concelho
22h30 | Sociedade Musical Gouveense | Casa da Torre
22h40 | Griffonage | Paços do Concelho
23h15 | Cinema ao Ar Livre – Cine-Eco + 7ª Sena | Rua da Cardia
23h30 | Earth Drive | Paços do Concelho
00h40 | GEE-AITCH | Paços do Concelho
01h30 | Ogata Tetsuo & Friends | Paços do Concelho

Sábado, dia 28
10h00 | GO Trail | Paços do Concelho (início)
10h00 | GO 3×3 | Parque da Ribeira
10h00 | #4instameetserrano | Paços do Concelho (início)
15h00 | Sessão de jogos de tabuleiro + Role Play | Club Camões
15h00 | “Porque compõem os músicos?” | Praça de São Pedro
16h00 | Visita às exposições com os artistas | Praça de São Pedro (início)
17h00 | The Speakers | Paços do Concelho
18h00 | Maíra Baldaia | Paços do Concelho
18h00 | Tenda das Tropelias | Casa da Torre
18h30 | Projeto “Eu Sou Dança” – Contemporâneas | Praça de São Pedro
19h00 | Oficina de Habitats e Biodiversidade da Serra da Estrela – CERVAS | Paços do Concelho
19h00 | Artes Circenses | Rua 5 de Outubro
19h45 | Kopke | Rua 5 de Outubro
20h00 | Divagarte | Rua da Cardia
20h30 | Gypos Band | Rua 5 de Outubro
21h00 | Spaghetti Tree | Rua da Cardia
21h00 | Maria Isabel dos Santos (projeção de vídeo) | Rua da Cardia
21h30 | Orfeão da S. C. Misericórdia de Gouveia | Praça de São Pedro
22h30 | Cassete Pirata | Paços do Concelho
22h15 | Cinema ao Ar Livre – Cine-Eco + 7ª Sena | Rua da Cardia
23h30 | Souq | Paços do Concelho
00h30 | Ena Pá 2000 | Paços do Concelho
02h15 | A Boy Named Sue | Paços do Concelho

Domingo, dia 29
10h00 | Yoga do Riso | Club Camões
16h00 | Tenda das Tropelias | Casa da Torre
16h00 | Joana Guerra | Igreja da Misericórdia
17h30 | Arruada de bombos (BEG) | Praça de São Pedro (final)
18h00 | Romaria Tradicional ao Sr. do Calvário – Rancho Folclórico de Gouveia + Cervas | Praça de S. Pedro (início)
21h00 | Sunset – The G.U.M. | Mirante do Paixotão

Uma reflexão sobre a educação por JPClemente

Para que haja uma formação académica feliz e solidificada, urge previamente uma formação efetiva de afeto.
Hoje, a sociedade encontra-se refletida na escola. A sala de aulas é um dos palcos onde se experiência o viver e o sentir dos alunos, resultado da sua história familiar e social. Os primeiros educadores (encarregados de educação), construtores da sociedade atual, fazem refletir nos seus educandos os valores em que acreditam e influenciam-nos profundamente (positivamente ou negativamente) através do seu agir e do seu sentir. A primeira motivação, para que nas salas de aulas haja aprendizagens e construção de cidadãos completos, começa em casa. Ora, infelizmente, há muitos alunos que transportam consigo experiências familiares que são um grave obstáculo aos formadores na transmissão desses saberes. Na verdade, se o aluno afetivamente não está bem, será mais difícil incutir no mesmo o prazer de aprender.

Infelizmente, os líderes educativos ainda não perceberam que hoje, as famílias necessitam de formação e sensibilização para que possam ajudar a motivar os seus filhos.
Como dizia o Pai Américo, Fundador da Casa do Gaiato, Não há rapazes maus! Na verdade, o que encontramos são rapazes sem referências (ou com referências negativas) quer ao nível familiar quer ao nível social. Atenuar este facto passa pelo professor, ele próprio, se tornar um agente educativo não só pela palavra, mas fundamentalmente pelo exemplo.

Urge incutir Valores! Urge consciencializar pais e alunos de que para se atingir o sucesso é necessário esforço e concentração. Paralelamente, a escola necessita de se transformar. Como afirma a Dra. Ariana Cosme … hoje pela heterogeneidade dos seus alunos deixou de ser possível continuar a defender a ideia que educar, nesses contextos, é ensinar tudo a todos, como se todos fossem um só. Esta realidade transforma de imediato o tradicional paradigma de Ensino /Aprendizagem. A escola tem que se adaptar aos novos tempos e a novos contextos. É necessário lembrar que os pais de hoje são muitos daqueles que há 10, 15 ou 20 anos receberam do nosso sistema de ensino a ideia de que é possível transitar sem esforço. As estatísticas europeias, de então, assim o exigiam! Esta farsa teve um preço que a escola de hoje está a pagar. Os filhos de alguns desses antigos alunos, de forma direta ou indirecta, vão sentindo essa cultura do facilitismo. Consequentemente, em famílias desestruturadas, ainda é mais vincada essa interiorização. Assim, os comportamentos disruptivos e a desmotivação surgem naturalmente.
Perante este cenário, a escola de hoje apresenta já algumas respostas. Os professores tutores de hoje vieram substituir a outra parte da formação que deveria ter vindo de casa: a formação para os valores e a formação para a exigência.
A Tutoria como um espaço onde o professor tenta conhecer bem o aluno ajudando-o, primeiramente, a conhecer-se bem a si próprio, para que depois possa alterar a sua forma de estar quer perante a família, quer perante a escola quer perante os amigos …em suma, perante a vida.
“O palco” da sala de aulas como espaço para se fazer notar e chamar a atenção, resultado de tanto vazio interior tem de desaparecer! A estratégia de falar individualmente com o aluno e chamá-lo atenção é hoje fundamental!
Um aluno com interesses divergentes dos escolares é a imagem da falta de referências parentais e sociais. A escola mediante este facto tem pois que se reinventar e continuar a encontrar formas de tornear esta questão. Para além da tutoria e dos Serviços de Psicologia e Orientação, há disciplinas como EMRC, Cidadania, Introdução às Políticas, Formação cívica que deveriam ter um papel mais relevante na formação do “Saber ser e do Saber estar”.
Por isso, hoje, principalmente ao nível do ensino básico, estou certo que os Curricula tem que estar envolvidos cada vez mais numa preocupação de ensinar numa perspetiva de Cidadania, como o documento “Perfil do aluno para o sec. XXI “ tão bem espelha!
Por:JP Clemente

XIII Congresso Neurociência e Educação Especial em Viseu

Ana Carolina defendeu as suas ideias num dos temas

Nos dias 25 e 26 de maio decorreu, o XIII Congresso Neurociência e Educação Especial na cidade de Viseu, organizado pela Psicosoma. Na sua génese pretendeu demonstrar a aplicação das neurociências nas várias áreas de atuação profissional, trazendo à região centro o que de melhor se faz em Portugal ao nível das Necessidades Educativas Especiais e da Neurociência Aplicada à Educação.

Ana Carolina esteve lá como preletora num dos painéis.

AFGuarda- Sorteio dos 1/4 finais da Taça de Honra

Teve lugar na sede da AF Guarda, o sorteio dos quartos de final da Taça de Honra da AFGuarda , com  jogos interessantes.

Assim ficam quadros dos jogos  a decorrer em 4 de março  deste Torneio:

  • Gouveia- Aguiar da beira
  • Celoricenses-Sabugal
  • Mêda – Manteigas
  • G.Figueirense-S.Romão

 

Avisos e Boletins das Unidades pastorais de Aguiar da Beira e Fornos

z-igreja ABNeste domingo, continuamos a reflexão das “parábolas do Reino”, que nos explicam a maneira de como se irá implantar e revelar o Reino, ou seja, o projecto de Deus para o mundo. A primeira das três breves parábolas, proclamadas no texto evangélico, a do trigo e do joio, faz referência a algo que sentimos muito bem nas nossas vidas: a existência do bem e do mal ao mesmo tempo. Ler Mais »

Comissão Municipal de Defesa da Floresta contra Incêndios de Trancoso reúne para preparar período crítico

unnamedComissão Municipal de Defesa da Floresta contra Incêndios de Trancoso reúne para preparar período crítico.

Pelo terceiro ano consecutivo, na passada terça feira, dia 11 de julho, a Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios de Trancoso reuniu para definir estratégias e medidas para o período crítico de incêndios com início a 22 de junho.
Uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Trancoso que contou com a presença do 2º Comandante Operacional Distrital de Operações de Socorro do CDOS da Guarda, de representantes da GNR do Destacamento Territorial de Pinhel, do ICNF, das Corporações de Bombeiros de Trancoso e de Vila Franca das Naves, das Associações de Produtores Florestais Piscotávora e Alto da Broca, das Técnicas do Gabinete Técnico Florestal, do Coordenador Municipal de Proteção Civil, de Presidentes de Junta de Freguesia e do Executivo do Município de Trancoso.
A reunião contou com a deslocação dos Comissários e Senhores Presidentes da Junta de Freguesia ao quartel dos Bombeiros Voluntários de Vila Franca das Naves e de Trancoso onde teve lugar o enquadramento e discussão de medidas e estratégias da temática DFCI.
Porque se considera de grande importância conhecer algumas das ações desenvolvidas em prol da defesa da floresta contra incêndios, seguiu-se a deslocação e visitação a trabalhos de execução de mosaicos de parcelas de gestão de combustível.
Com um pensamento preventivo, procurou-se com esta iniciativa, avaliar no território o até então efetuado, bem como definir novas ações e medidas de melhoria.

Por:Mun.trancoso

Piscinas Municipais de Mangualde estão abertas

cmmOs mangualdenses e os demais visitantes já podem usufruir das piscinas exteriores do complexo das Piscinas Municipais de Mangualde. As piscinas vão estar abertas ao público até ao dia 15 de setembro, de segunda-feira a domingo, das 10h00 às 19h30. As mesmas encontram-se encerradas nos feriados de 10 e 15 de junho, 15 de agosto e 8 de setembro.

 O preço das entradas é variável em função da faixa etária: crianças até aos 5 anos (grátis), crianças dos 6 aos 17 anos (3,00€), utentes a partir dos 18 anos (4,25€) e reformados (2,70€).

 Com lotação para cerca de 400 pessoas, as piscinas exteriores situam-se num grande espaço relvado, com e sem sombra, e são compostas por uma piscina grande (35m x 12m e 480m2), um tanque infantil (19m x 8m e 152 m2), um tanque de receção (8m x 7m e 56m2) e dois escorregas. No espaço existe, ainda, um quiosque de apoio aos utentes.

Por:Mun.Mang

Mangualde requalifica algumas artérias

mmlogoComeçaram as obras para pavimentação da estrada entre o cruzamento de Cubos e Bogalhais, na União de Freguesias de Mangualde, Mesquitela e Cunha Alta. Esta empreitada está inserida no conjunto de investimentos que se estão a suceder que fazem parte do Plano de Investimentos do Município. No valor de 7 milhões de euros, estas intervenções assegurarão, na sua maioria, uma melhoria/requalificação da rede viária municipal em várias estradas municipais do concelho e na rede de infraestruturas.

 

PAVIMENTAÇÃO DA ESTRADA ENTRE O CRUZAMENTO DE CUBOS E BOGALHAIS

Para João Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde «as obras de beneficiação do pavimento da estrada em quase 2km, vão permitir a melhoria na mobilidade e um aumento significativo de conforto e segurança para as pessoas que diariamente transitam nesta estrada, melhorando também a rede viária da zona urbana da cidade.»

O autarca sublinha ainda que «o Plano de Investimentos segue em linha com a estratégia que tinha sido definida. Saímos do ajustamento financeiro no final de 2016 e conseguimos dar o salto qualitativo e de excelência para o investimento público. Um investimento sem paralelo na história do município e que durante 2017 não ficará por aqui. Há já um conjunto de intervenções na fase final de contratação pública e que passarão rapidamente para o terreno.»

UMA DEZENA DE GRANDES INTERVENÇÕES EM MARCHA NO CONCELHO DE MANGUALDE

São já uma dezena de grandes intervenções em marcha no concelho de Mangualde. As intervenções a decorrer na sua maioria visam a melhoria da rede viária do concelho, mas há também intervenções para melhorar infraestruturas, zonas industriais e regeneração urbana.

Por:Mun.Mangualde

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar