Templates by BIGtheme NET
Home » Distrito da Guarda (page 5)

Distrito da Guarda

Penalva acolheu Fase Regional/Intermunicipal de Viseu Dão-Lafões

A Biblioteca Municipal de Penalva do Castelo organizou, na passada segunda-feira, dia 21, a Fase Regional/Intermunicipal de Viseu Dão-Lafões da 12ª edição do Concurso Nacional de Leitura, uma iniciativa que contou com a participação de cerca de meia centena de concorrentes provenientes dos 14 concelhos que compõem este território beirão.

Esta fase regional/intermunicipal assumiu a modalidade de “concurso-espetáculo”, foi constituída por uma prova escrita e por uma prova oral/de palco e permitiu apurar os finalistas por categoria (ciclos de ensino) que representarão a região na final nacional do Concurso Nacional de Leitura.

As provas escritas, resolvidas por todos os concorrentes, decorreram na Biblioteca Municipal e basearam-se nas 4 obras literárias selecionadas pela organização para esta etapa do concurso. As provas orais/de palco, abertas ao público em geral, foram constituídas por dois momentos (uma prova de argumentação e uma prova de leitura expressiva), desenrolaram-se na Casa da Ínsua, no Salão Príncipe da Beira, e foram realizadas pelos três concorrentes melhor classificados de cada ciclo de ensino.

O Concurso Nacional de Leitura é uma iniciativa do Plano Nacional de Leitura (PNL), em parceria com a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), a Rede das Bibliotecas Escolares (RBE), o Instituto Camões – Instituto da Cooperação e da Língua e a Rádio Televisão Portuguesa (RTP), e constitui o maior evento de promoção da leitura dirigido aos estudantes portugueses, integrando, nesta 12ª edição e pela primeira vez, alunos de todos os ciclos de ensino e envolvendo escolas e bibliotecas públicas de todo o país. A Biblioteca Municipal de Penalva do Castelo foi selecionada e convidada pela DGLAB para assumir a organização desta fase do concurso na região de Viseu Dão-Lafões.

Através desta prova-espetáculo intermunicipal, que teve como principal objetivo estimular o gosto pela leitura nas gerações mais jovens, num encontro que se tornou numa grande festa do livro, Penalva do Castelo assumiu o estatuto de capital regional da leitura.

A organização desta iniciativa contou com o apoio direto da Coordenação Interconcelhia da RBE, do Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo, designadamente da equipa da Biblioteca Escolar e do Curso Profissional de Restauração (variante Cozinha e Pastelaria), bem como com o patrocínio de diversas outras entidades (Edições Esgotadas, Fnac/Viseu, Leya/Pretexto, Papeleira Adrião e Parador Casa da Ínsua).

Apurados da região de Viseu Dão Lafões para a Final Nacional do Concurso Nacional de Leitura:

 

1ºCEB:

– Lara Mesquita Lopes (Agrupamento de Escolas de Mangualde);

– Ana Francisco Morgado (Agrupamento de Escolas de Castro Daire);

– Suplente: Isabel Maria Tavares Quelhas (Agrupamento de Escolas de Vouzela).

 

2º CEB:

– Matilde Azevedo Gomes Augusto (Agrupamento de Escolas de Gão Vasco – Viseu);

– André Figueiredo Almeida (Agrupamento de Escolas de Vouzela);

– Suplente: João Miguel da Costa Ferreira (Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo).

 

3º CEB:

– Sara Pereira Figueiredo (Agrupamento de Escolas de Sátão);

– Luísa Maria Mendonça Pessoa (Agrupamento de Escolas de Nelas);

– Suplente: Tiago Manuel Pereira da Silva (Agrupamento de Escolas de Oliveira de Frades).

 

Ens. Secundário:

– Lísia Maria Gonçalves Branco (Escola Secundária Alves Martins – Viseu);

– Filipa Maria Ferreira Magalhães (Agrupamento de Escolas de Castro Daire);

– Suplente: Inês Morais de Sousa (Agrupamento de Escolas de Santa Comba Dão).

Por:BMPC

Dia Mundial do Ambiente celebrado no IPG

Decorreu nesta terça-feira, no Instituto Politécnico da Guarda uma iniciativa centrada na temática “Educação para o Desenvolvimento” , dado que se celebrou o Dia Mundial do Ambiente.
Foi uma organização da ESECD/IPG em parceria com a Câmara Municipal da Guarda.
Foram propostas várias iniciativas de sensibilização à cidadania ambiental – a preservação da “casa comum” : o Planeta Terra.

(Por:IPG/Fotos: GIC-Gabinete de Informação e Comunicação).

Bombeiros de Fornos de Algodres e OMB Grupo Ótico celebraram protocolo

RASTREIO VISUAL  A 8 DE JUNHO

Foi celebrado um  protocolo entre a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres e o OMB Grupo Ótico que permite a todos os colaboradores, associados e familiares diretos a possibilidade de usufruir de descontos até 40%, na rede de lojas OMB GRUPO OPTICO. (Estrada nacional nº 16, nº 57).

Pode ainda marcar a sua consulta para: 271 701 044).
O OMB Grupo Ótico disponibiliza ainda a todos os colaboradores, associados e familiares diretos da A.H. dos Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres um RASTREIO VISUAL, no dia 8 de JUNHO, junto ao quartel entre as 10h e 18h.

Um universo de vantagens para os colaboradores, associados da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres e para os seus familiares.

Espetáculo “Ecos do Côa” avança dia 9 de junho

Este projeto pretende diversificar a oferta cultural das comunidades, bem como envolver as pessoas em novas experiências artísticas.

O projeto “Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela” promovido pela CIMBSE em parceria com a Associação de Municípios da Cova da Beira e os municípios foi apresentado em Figueira de Castelo Rodrigo, no salão do Ginásio Clube Figueirense.

Uma iniciativa que pretende constituir uma rede cultural entre os 15 Municípios da CIMBSE, vocacionada para a promoção cultural deste território. O projeto assenta em três áreas artísticas: dança, teatro e música.

O primeiro espetáculo “Ecos do Côa”, uma criação artística dos DEMO em coprodução com a CARB, vai ser realizado no próximo sábado, dia 9 de junho, pelas 22 horas, no Largo Serpa Pinto, em Figueira de Castelo Rodrigo. É um espetáculo de dança que reúne participantes dos concelhos de Figueira de Castrelo Rodrigo, Pinhel, Almeida, Trancoso e Mêda.

Para Paulo Langrouva, presidente da Câmara Municipal de Figueira de Castelo Rodrigo, “esta é uma experiência nova que irá enriquecer o programa cultural dos municípios e pode ser o primeiro de outros projetos em cooperação”. Também Rui Ventura, vice-presidente da CIMBSE e presidente do Município de Pinhel, esteve presente na apresentação e acrescentou que “este projeto é a génese da CIM, que pretende fazer projetos intermunicipais”.

Trata-se de uma “iniciativa inédita no país que reúne 15 municípios para fazer cultura” destaca António Ruas, que adianta que foram contratados especialistas nas diferentes áreas que estão a criar co-produções com a comunidade, “espírito colaborativo é o que pretendemos com este projeto”.

O primeiro espetáculo está marcado para Figueira de Castelo Rodrigo, no dia 9 de junho, às 22 horas, no Largo Serpa Pinto, que já tem 170 metros quadrados de terra e as bancadas montadas. O sabor a terra, os brasões e nas lendas dos municípios, bem como a natureza são algumas das inspirações do espetáculo que conta com a participação de 38 voluntários, amadores.

 

António Saraiva fez monumento para Newark

Inauguração do monumento aos combatentes veteranos luso-americanos decorreu neste fim de semana em Newark.

Mais um feito do português António Saraiva que elaborou esta configuração e ficará eternamente ligado a esta localidade.

XIII Congresso Neurociência e Educação Especial em Viseu

Ana Carolina defendeu as suas ideias num dos temas

Nos dias 25 e 26 de maio decorreu, o XIII Congresso Neurociência e Educação Especial na cidade de Viseu, organizado pela Psicosoma. Na sua génese pretendeu demonstrar a aplicação das neurociências nas várias áreas de atuação profissional, trazendo à região centro o que de melhor se faz em Portugal ao nível das Necessidades Educativas Especiais e da Neurociência Aplicada à Educação.

Ana Carolina esteve lá como preletora num dos painéis.

Fernando Melo foi eleito Conselheiro Nacional do PSD

No primeiro Conselho Nacional do presente mandato da JSD, realizado no passado domingo,  dia 3 de junho, em Santarém, Fernando Melo foi eleito Conselheiro Nacional do PSD.
Em Sede de Conselho Nacional da JSD, o Presidente da JSD Distrital da Guarda entrou no lote de 10 representantes da Juventude Social Democrata e assegurou mais um elemento da Guarda no órgão mais importante do Partido Social Democrata.
Participaram no ato eleitoral para definir a representação da juventude partidária, Luis Soares e Afonso Leitão.
Recorde-se que Fernando Melo, junta-se, assim, a Nuno Soares, Carlos Condesso e Rui Ventura.
Este feito importante, foi o culminar do trabalho de afirmação da Distrital da Guarda junto dos órgãos nacionais.

Importa referir que a JSD Distrital da Guarda, nos dois últimos anos, recebeu duas atividades nacionais: o Congresso do Interior, na Guarda e o Debate sobre a alteração da Lei do associativismo juvenil, em Vila Nova de Foz Côa.

Carlos Almeida/João do Vale vencem Torneio de sueca da Casa do SLB em Fornos

Realizou-se mais uma edição do Torneio de sueca, na sede da Casa dos benfiquistas em Fornos de Algodres, com uma adesão satisfatória, 16 pares iniciaram a prova.

Sempre presente o fair-play e cordialidade e animação, no final o vencedor foi o par Carlos Almeida e João do Vale.

Na segunda posição, Manuel Faustino e José  Sousa, no derradeiro lugar de pódio, ficaram José Lopes e Carlos Constantino.

Depois na quarta posição, Luis Miguel Henriques e Carlos Pais Oliveira por fim na quinta posição, José Anastácio Ferreira e Carlos Lote, assim como Vitor Verdade e Severino Teixeira.

No final um bom jantar convivio.

Por:SP

Bruno Magalhães e a ARC Sport vencem

Vencer o Rally da Acrópole, prova que já fez história no Campeonato do Mundo de Ralis, e que é considerado como um dos ralis mais duros e seletivos da Europa, é um marco histórico, e que ficará por certo gravado a ouro no palmarés da equipa de Aguiar da Beira e na excelente carreira de Bruno e Hugo Magalhães. Com este triunfo, a equipa portuguesa entra numa discussão muito direta pelo ERC 2018.

O Piloto português, que este ano terá uma discussão acesa com o russo Lukyanuc, teve uma participação fantástica na prova grega, conquistando o comando com uma vantagem considerável, ainda no primeiro dia de prova, gerindo depois de forma inteligente, até ao final da prova. Um dia importante, mas muito trabalhoso.

“Este foi o dia mais difícil de toda a minha carreira. Conquistámos uma das maiores vitórias para Portugal em termos de ralis. O Rally da Acrópole não é uma prova qualquer, e esta foi uma conquista fabulosa. Foi uma vitória inesquecível e um sonho realizado, apesar de uma grande pressão a que estive sempre sujeito, uma vez que nunca tenho tarefas fáceis. Quero dar os parabéns a toda a equipa pelo fantástico trabalho realizado no Skoda. Estou extraordinariamente feliz, e agora já posso confirmar a nossa participação no Rali de Chipre”, disse Bruno Magalhães.

O êxito de Bruno Magalhães e da ARC Sport prolongou-se aos outros elementos da equipa. Aloísio Monteiro e André Couceiro terminaram a prova em crescendo ao volante de outro Skoda Fabia R5. Mais uma experiência dura, mas muito positiva para a equipa.

“Foi duro, mesmo muito duro! Terminar uma prova como esta, na posição que alcançámos, é para mim uma vitória, tendo em conta que este foi o 2º rali realizado com o Skoda. Apesar de tudo, ainda perdemos muito tempo com dois furos e com um problema com o capot, que se abriu em pleno troço. De resto, foi uma experiência ainda mais saborosa que os Açores. A nossa próxima presença no ERC será no Rali de Roma”, confirmou Aloísio Monteiro.

A equipa espanhola formada por Emma Falcón e Eduardo González, que também conta com o apoio da ARC Sport para o Citroen DS3 R3 T, terminou esta dura experiência grega e alcançou o 2º lugar na categoria RC3. Uma tarefa que não foi nada fácil.

“Foi muito complicado e uma prova demasiado dura e desgastante para a mecânica. Fizemos a última secção da prova sem travões e sempre condicionados pela constante dureza dos pisos. Foi mesmo muito difícil, mas também aprendemos muito. Agora, já temos pouco tempo para pensar no Rali do Chipre”, afirmou, com otimismo, Emma Falcón.

Para a ARC Sport esta foi sem dúvida uma conquista histórica. Pela fabulosa vitória de Bruno Magalhães, mas também porque a equipa de Aguiar da Beira, contou com três carros à partida, e três à chegada.

“Foi na verdade um resultado memorável, porque não é todos os dias que se vence um rali como a Acrópole. Já ninguém nos pode tirar esta fantástica conquista que muito nos orgulha. Quero deixar os meus parabéns ao Bruno e ao Hugo pelo fantástico trabalho que realizaram e que muito honra o desporto automóvel português. Para além deste grande resultado, ficam também fortes felicitações para o Aloísio e para a Emma, que assinaram participações de grande nível, destacando a postura da Emma e do Eduardo que realizaram a prova com um espirito fora de comum, destacando também a grande evolução do Aloísio. É de sublinhar ter contado com 3 carros à partida e 3 à chegada, naquele que é talvez o rali mais duro do mundo. Toda a equipa da ARC Sport está de parabéns com estes resultados e muito orgulhosa dos seus pilotos, tendo em conta o grande esforço de preparação que esta prova exigiu” afirmou Augusto Ramiro.

A próxima prova do ERC 2018 disputa-se já entre 15 e 17 de junho em Chipre.

Por:ARC Sport

Atividade operacional da GNR no fim de semana

Atividade operacional das últimas 12 horas

 A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sábado e as 08h00 de hoje, domingo, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções: 33 detidos em flagrante delito, destacando-se:
    • 21 por condução sob o efeito do álcool;
  • Três por tráfico de estupefacientes;
  • Dois condução sem habilitação legal;
  • Dois por ofensas à integridade física;
  • Um por violência doméstica.

 

  1. Apreensões:
  • 75 doses de haxixe;
  • Uma arma de fogo, cal. 6.35 mm.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 437 infrações detetadas, destacando-se:

  • 105 por excesso de velocidade;
  • 42 por condução com Taxa de Álcool no Sangue superior ao permitido por lei;
  • 33 por anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;
  • 25 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 18 por infrações relacionadas com tacógrafos;
  • 12 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
  • 10 por fata ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • Sete por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.

 

Sinistralidade: 84 acidentes registados, destacando-se:

  • Dois feridos graves;
  • 23 feridos leves.

 

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar