Templates by BIGtheme NET
Home » Gastronomia

Gastronomia

Plano estratégico comum para as áreas do turismo e agroalimentar para Regiões fronteiriças de Portugal e Espanha

As regiões fronteiriças do Centro e Norte de Portugal e dos seus vizinhos em Espanha apresentaram hoje um plano estratégico comum, apoiado pela União Europeia, que visa promover em conjunto recursos endógenos nas áreas do turismo e agoralimentar.

A reunião de parceiros do Projeto CRECEER, que decorreu através de plataformas digitais, foi marcada pela apresentação da proposta de um Plano Estratégico Interregional (PEI) para 2020-2023, o qual vai juntar os esforços das 11 zonas do território abrangido pelo Projeto. O CRECEER é um projeto transfronteiriço, financiado por fundos europeus, que tem como principal objetivo estabelecer sinergias entre 11 zonas transfronteiriças, tendo em vista melhorar a competitividade de pequenas e médias empresas nos setores turístico e agroalimentar gourmet.

Os 11 territórios abrangidos pelo Projeto CRECEER são a Beira Baixa e Beiras e Serra da Estrela, no Centro de Portugal; Douro e Trás-os-Montes, no Norte; e El Bierzo, Vitigudino, Ciudad Rodrigo, Ávila, Toro, Sanabria e Aliste-Tábara-Alba, em Espanha.
Antes da elaboração do Plano Estratégico Interregional, cada uma das zonas CRECEER definiu a caracterização particular do seu território e apresentou um Plano Estratégico individual de Atuação. O PEI agora apresentado surge na sequência deste trabalho prévio e identificou já recursos endógenos gastronómicos comuns nas 11 regiões, que, associados à oferta turística existente, são as prioridades do projeto.

O queijo, o vinho, o azeite, as carnes frescas e as frutas são os recursos estratégicos em todos os territórios em que vão incidir os primeiros esforços de sinergia do CRECEER. Outros recursos comuns igualmente identificados foram os de interesse turístico – os parques e espaços naturais, as praias e portos fluviais, as zonas de pesca e os trilhos de caminhada, além de museus e património monumental e histórico. Foram também indicados eventos de Interesse Turístico, como eventos desportivos, feiras, festivais de música e festividades religiosas.

A estratégia a desenvolver pelo Projeto CRECEER, alicerçada na criação de redes de cooperação empresarial, passa por ações de promoção conjunta, entre outros eixos estratégicos. Os próximos passos incidirão na concretização dos objetivos do Plano, nomeadamente ao nível do desenvolvimento de produto e criação de novos pacotes turísticos, nomeadamente Rotas do Queijo, Rota do Bordado e Rota da Cerâmica.

Maria do Céu Albuquerque visitou região do Dão

Queijaria Vale da Estrela visitada

Na tarde desta segunda -feira, a Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, visitou a região do Dão, com a Direção da CIM Dão Lafões e a Direção do Turismo Centro de Portugal, sob o tema “Turismo e Agricultura na Região do Dão”.

 Para o efeito, a Ministra visitou a Queijaria Vale da Estrela, em Mangualde, onde foi recebida pelo empresário Jorge Coelho, acompanhada pelo Presidente da Câmara Municipal, Elísio Oliveira, pelo Vice-Presidente, Rui Costa, pelo Deputado pelo círculo eleitoral de Viseu, João Azevedo e pelo Presidente da União das Freguesias Mangualde, Mesquitela e Cunha Alta, Marco Almeida.

 O Presidente da Câmara Municipal de Mangualde sublinhou a importância na “aposta nos sectores da Agricultura e do Turismo, em muitos aspetos complementares, numa altura tão crítica como a que vivemos atualmente. É fundamental o governo, e nós autarcas locais, estarmos todos atentos e disponíveis para intervir nestes sectores tão essenciais à nossa região”. “Além de alavancaram a nossa economia, valorizam a cultura identitária e o património de toda a região do Dão”, rematou ainda Elísio Oliveira.

 

Maria do Céu Albuquerque passou ainda em Viseu e Castro Daire.

CIMBSE aconselha a não realização das Festas de Verão até 31 de agosto

Depois de ter reunido , o Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIMBSE) deliberou que :Considerando que na época de verão é tradicional a realização de festas em todas as sedes de concelho e na maior parte das freguesias da região das Beiras e Serra da Estrela, a Comunidade Intermunicipal, aconselha os municípios a prescindirem da sua realização, no caso de serem organizadores, ou a não atribuírem as licenças camarárias necessárias por razões de segurança, no caso de a organização ser de outra entidade, até ao dia 31 de agosto.

– Após essa data, a CIMBSE reavaliará as condições de realização deste tipo de eventos, tendo em conta a evolução da pandemia e as orientações das autoridades de saúde.

Recorde-se que a Conferencia episcopal Portuguesa também já tinha suspenso as procissões até final de setembro.

“Herança e Legado, o nosso Património” lançado pela União de Freguesias de Tavares

Nada melhor que assinalar o Dia de Portugal e das Comunidades com o  lançamento de uma coleção “Herança e Legado, o nosso Património” composta por vinte e oito edições que contempla o património religioso, arquitetónico e cultural da freguesia. Esta uma iniciativa da União de Freguesias de Tavares que assim vai poder levar a todos através desta coleção , todas as tradições, os usos e costumes desta comunidade das Terras de Tavares ao longo dos anos.

AF Guarda- Luís Brás mandatário da lista de Artur Batista

As eleições na AF Guarda estão ao rubro, assim Luís Brás vai ser o mandatário da lista de Artur Batista, assim como a mulher forte nesta lista vai ser Paula Santos.

Assim Luís Brás é um jovem ex árbitro com grandes provas dadas, a nível distrital e nacional, foi um bom árbitro, diretor da AF Guarda e assim também vice-presidente na APAF entre outros. por sua vez a lista de Amadeu Poço, tudo anda por desvendar, apuramos que Isabel Antunes alinha pela lista Amadeu Poço.

Já Paula Santos vai continuar o excelente trabalho, mas agora apoiando na lista de Artur Batista.

“SAÍDOS DA ESTANTE” promovido pela Rede Intermunicipal das Bibliotecas das Beiras e Serra da Estrela (RIBBSE)

A Rede Intermunicipal das Bibliotecas das Beiras e Serra da Estrela (RIBBSE) promove, a partir da próxima semana (8/06) a iniciativa “SAÍDOS DA ESTANTE”.

Trata-se de um ciclo de vídeos de divulgação de autores de cada concelho, onde cada bibliotecário lê excertos de um texto previamente selecionado, que serão publicados nas redes sociais de cada município.

Esta iniciativa em rede vem, simbolicamente, comemorar a fase de reabertura física das bibliotecas da região CIMBSE.

As bibliotecas municipais das Beiras e Serra da Estrela nunca fecham verdadeiramente as portas. A comunidade pode aceder à sua biblioteca, independentemente do espaço ou do tempo, em qualquer lugar e a qualquer hora. Para melhor servir os utilizadores, aumentou-se a produtividade e a competitividade, oferecendo mais e melhores produtos e serviços.

Continuaram a ser um espaço público de acesso à informação, à educação, à cultura e ao lazer.

E, mesmo quando as portas tiveram de estar fisicamente fechadas, elaboraram alternativas por via digital, nomeadamente utilizando as redes sociais para levar até ao leitor oficinas, sugestões de leitura, passatempos, mostras dos “tesouros” que guardam, curiosidades da imprensa local, etc. Também levam os livros a casa ou fazem atividades na rua.

 

Como espaço dinâmico, as bibliotecas da Rede Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (RIBBSE) continuam a promover e a preservar o livre fluxo de informação e ideias, trazendo uma nova dimensão às funções tradicionais das Bibliotecas Públicas.

Beira Interior Gourmet decorre de 10 de julho a 10 de agosto

Depois da reabertura dos restaurantes a CVR da Beira Interior vai deste modo levar a efeito a primeira edição do Beira Interior Gourmet.

Acontece de 10 de julho a 10 de agosto, mais de três dezenas de restaurantes terão os menus disponíveis ao grande público.

“Superada esta difícil fase de confinamento, particularmente dolorosa para os empresários de restauração da região, ganhou um duplo sentido o nosso concurso. Por um lado, o que era já o seu pressuposto, valorizar e dar a conhecer a qualidade e criatividade dos restaurantes e vinhos da Beira Interior; por outro lado, ajudar a  reavivar a grande dinâmica gerada com uma retoma económica, turística e anímica, no “pós-Covid-19”.

O tempo decorrido justifica que os restaurantes reconsiderem e reformulem os menus a concurso, sendo que o júri, presidido pelo conceituado crítico de vinhos e comida Fernando Melo, fará as visitas entre 10 de julho e 10 de agosto.

Esperamos e queremos que a expectativa se mantenha elevada, estamos certos de que será um grande concurso, com resultados positivos para todos”, refere a organização.

Vai realizar-se em diversas categorias:

Cozinha regional/tradicional

Cozinha criativa/evolutiva

Cozinha europeia e do mundo

  • Restaurante “Cozinha Tradicional/ Regional – restauração com menus de cozinha regional, que utiliza produtos da Beira Interior ou da região onde está inserido, com ambiente típico ou contemporâneo.
  • Restaurante “Cozinha criativa/Evolutiva” – restauração com cozinha elaborada e serviço especializado, com Chef de Cozinha e com ambiente de algum requinte.
  • Restaurante “Cozinha Europeia e do mundo” – restauração com uma cozinha tradicional de outros países ou “fusão” com ambiente contemporâneo ou clássico.
  • O menu a concurso é composto por Entrada, Prato Principal e Sobremesa que deverão ser acompanhados por Vinhos da Beira Interior certificados (Regionais e/ou DOCs) inseridos na carta de vinhos do restaurante.

Segundo a organização, pretende com esta iniciativa valorizar (sobretudo) os vinhos DO Beira Interior e IG Terras da Beira, os seus produtores, promovendo a excelência na restauração da região

Este projeto, insere-se na estratégia de promoção do enoturismo da região, onde a recentemente criada Rota dos Vinhos da Beira Interior, faz deste evento uma aposta no desenvolvimento da Beira Interior.

Pinhel recebe Fim de Semana Medieval

Por esta altura, na cidade falcão, seria realizada a sexta edição da Feira Medieval, mas face a isso, o Município de Pinhel vai, ainda assim, assinalar este primeiro fim de semana de junho, com especial, com a presença de Ezequiel e Zacarias.

Não podendo realizar eventos propiciadores de aglomerados populacionais e não sendo possível garantir os distanciamentos preconizados na fase de desconfinamento em curso, o Município de Pinhel convidou os amigos “Ezequiel Cabeçadas e Zacarias Boaventura” a regressarem à Cidade Falcão para partilharem a boa disposição a que já nos habituaram ao longo dos últimos anos.

Com as devidas distâncias, Ezequiel e Zacarias irão deambular pelo Centro Histórico, palco daquela que foi e há de voltar a ser a melhor animação medieval do primeiro fim de semana de junho por terras do Falcão, Guarda-Mor do Reino e Senhorios de Portugal.

Mas este ano eles não vão ficar só pelo Centro Histórico… vão antes partir à conquista da cidade e, sobretudo, à conquista de sorrisos e gargalhadas junto das famílias pinhelenses.

Pastel de Feijão em destaque na rubrica”Mangualde, o nosso património”

                                                    População  mais próxima do Património local 

A campanha «Mangualde, o nosso património!» destaca este mês de junho o Pastel de Feijão. Promovida pela autarquia, esta campanha tem como objetivo aproximar a população do património mangualdense do mais belo que existe no concelhoCom esta campanha todos ficam mais próximos do vasto esplendor patrimonial do concelho. Nesse sentido, continua a ser colocada, nos meios digitais do município, a informação sobre o monumento/património apresentado.

 

PASTEL DE FEIJÃO  

De origem conventual e de receita religiosamente guardada no segredo dos deuses, os pastéis de feijão são confecionados e vendidos no Patronato de Mangualde, desde 1936. Os anos difíceis da década de 1930 levaram Monsenhor Manuel Monteiro a fundar uma casa que acolhesse, durante o dia, os filhos das empregadas, enquanto trabalhavam. A pastelaria do novel Patronato funcionava como fonte financeira para esta causa e outras obras sociais da paróquia de Mangualde.

Foi D. Maria Amélia Ortiz Ribeiro quem introduziu o pastel de feijão no cardápio da instituição. A produção diária é de cerca de 800 pasteis. Mais não se quer, garantindo-se, assim, a autenticidade e qualidade da antiga e tradicional doçaria beirã.

O saber-fazer das pasteleiras do Patronato conferem-lhe singularidade tal que o eleva no panorama do património gastronómico de Portugal, convertendo-se em embaixador de Mangualde nos quatro cantos do mundo.

A par de outras iguarias desta terra, o pastel de feijão do Patronato atrai muita gente àquela instituição, sendo hoje responsável por boa parte do turismo que aqui acontece.

40º 36.365’N; 7º 45.957’0

António Tavares, Gabinete de Gestão e Programação do Património Cultural da CMM

 Foram já vários os bens patrimoniais destacados por esta campanha nos últimos anos. A título de exemplo, já foram destacados os Refrigerantes Condestável de Abrunhosa do Mato, os Bordados de Tibaldinho, a Casa dos Condes de Mangualde, a Fonte de Ricardina, vestígios arqueológicos ao tempo do Império Romano em Pinheiro de Tavares, a Capela de São Domingos de Ançada, a Carvalha, a Capela de Santo António em Mesquitela, a Fundação de Nossa Senhora da Saúde de Cunha Alta, os símbolos maçónicos e o Solar de Santa Eufémia. Mais recentemente, estiveram em destaque o Santuário de Santa Luzia, em Freixiosa; a Casa de Darei, na aldeia de Darei, freguesia de Mangualde, a Igreja Matriz de Várzea de Tavares, a Calçada Romana de Mourilhe; a Igreja de São Pedro de Cunha Alta; e a Capela de São Sebastião, em Santiago de Cassurrães, a Alminha de Tabosa, a Capela de São Domingos de Vila Mendo, o Pontão da Amieira, em Quintela de Azurara, o Depósito da Cruz da Mata, a “Senhora da Graça, ou do Alqueve – Fortaleza de Deus?”, o Portal Quinhentista de Pinheiro de Tavares, as Estelas funerárias de Abrunhosa do Mato e o Chafariz da Cunha Baixa.

“A Vida é Agora” filme do Turismo Centro Portugal reconhecido em Riga

O filme “A Vida é Agora”, inserido na campanha de promoção que o Turismo Centro de Portugal tem atualmente em curso, acabou de ser reconhecido como um dos melhores filmes a concurso no 13.º Festival Internacional de Filmes de Turismo “TourFilm Riga”, que decorreu em Riga, capital da Letónia. O filme, produzido pela Slideshow para o Turismo Centro de Portugal, foi o grande vencedor na categoria “Destinos Turísticos – Região”.

O novo filme foi apresentado, em estreia, numa televisão portuguesa e nas plataformas de comunicação do Turismo Centro de Portugal.

A mensagem de “A Vida é Agora” é de esperança e de renascimento. O mundo despertou em 2020 para uma nova realidade, imposta pela pandemia Covid-19. O filme pretende, de forma leve, original e divertida, assinalar o ressurgir de uma nova etapa da humanidade. Com otimismo, com alegria, com vontade, mas sobretudo, em segurança.

É também uma homenagem a todos os que foram os verdadeiros heróis nesta pandemia, num elogio à resiliência dos profissionais de saúde e de todos os portugueses – os que continuaram a trabalhar e aos que ficaram em casa –, num esforço comum para que fosse possível superar esta crise sanitária de contornos mundiais.

Ao mesmo tempo, recorrendo a metáforas e a muito simbolismo, o filme promove alguns dos principais ativos turísticos do Centro de Portugal.

Este é um filme diferente. A estreia estava inicialmente prevista para a Bolsa de Turismo de Lisboa 2020, que não se realizou, mas a verdade é que a mensagem de esperança e de otimismo que está na base do filme ganhou um alcance totalmente novo com a crise que enfrentamos. É um filme que nos mostra que a vida continua, apesar de todas as dificuldades, pelo que está perfeitamente alinhado com os tempos que vivemos, sublinha Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal.

“Estamos orgulhosos da mensagem do filme e muito satisfeitos com este prémio que conquistou em Riga. Temos a certeza de que será a primeira de muitas distinções”, acrescenta.

“A Vida é Agora” é um novo momento da campanha de esperança lançada pelo Turismo Centro de Portugal no início da fase aguda da pandemia. Uma campanha que já resultou nos filmes “Haverá Tempo”, “Juntos Construímos o Futuro” (este realizado com contributos de viajantes na região) e “Chegou o Tempo”, entre outras iniciativas, e que tem como objetivo posicionar o Centro de Portugal como um destino seguro, a visitar no próximo verão.

O 13.º Festival Internacional de Filmes de Turismo “TourFilm Riga” realizou-se este ano sem a participação física dos competidores, devido à situação internacional. Os vencedores, entre os 305 filmes a concurso, oriundos de 45 países, foram anunciados online, no site do certame.

Pode ver o filme “A Vida é Agora”, realizado por Simão Lopes e Tiago Cardoso, nesta ligação: https://youtu.be/j1J5Lif0Rmw.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar