Templates by BIGtheme NET
Home » Covid-19

Covid-19

Festas em honra de N. Sra. Da Graça/2020 de Fornos de Algodres

Devido à pandemia por Covid-19 o nosso quotidiano, vivências e tradições foram alteradas, face a isso em Fornos de Algodres , as Festas em honra de N. Sra. Da Graça/2020 de Fornos de Algodres, irão se realizar nos próximos dias 22 e 23 de Agosto com um programa em harmonia com a legislação em vigor no âmbito das medidas de prevenção e de segurança legalmente determinadas.
Depois de uma  reunião da Comissão de Festas e o Padre Jorge Luís, na qualidade de Pároco da Unidade Pastoral de Fornos de Algodres foi decidido o programa festivo a realizar, apenas com a componente religiosa.

Assim, no sábado,22, pelas 21h, acontecerá uma procissão simbólica do andor de NS da Graça, numa Viatura adaptada para o efeito, com saída da Capela , com passagem pelo Bairro das Capelas, Igreja da misericórdia,  Capela de NS das Dores, Centro de Dia, Fonte da Bandeira, as paragens para a recitação dos mistérios são as mencionadas.

Por sua vez, no domingo, 23, pelas 18h, terá lugar a celebração da eucarístia do largo da capela.

São assim os festejos de Nossa Senhora da Graça de forma mais simbólica, onde se alerta para as regras de segurança.

Selo Clean & Safe atribuído ao Hostel EntryFik

Recentemente, foi atribuido pelo Turismo de Portugal o Selo Clean & Safe por este cumprir as recomendações da Direção-Geral da Saúde para evitar a contaminação dos espaços com o SARS-CoV-2 (COVID-19), ao Hostel EntryFik.

Esta unidade situa-se em Maceira sendo pertença da Associação local.

Rota do Megalitismo da Região Viseu Dão Lafões e Sever do Vouga

 A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões realizou a sessão pública de assinatura do contrato no âmbito da candidatura apresentada ao Programa Valorizar MEG Rota do Megalitismo da Região Viseu Dão Lafões e Sever do Vouga. Rota do Megalitismo da Região Viseu Dão Lafões e Sever do Vouga

Esta rota, conta com um total dos vinte e seis dólmens, treze dos quais Monumentos Classificados, seis como monumento nacional e os restantes de interesse público, com início em Viseu permitindo assim estruturar um percurso circular que irá funcionar em articulação com outras rotas já existentes, como é o caso, dos circuitos Pré-Históricos do Concelho de Nelas, situados no interflúvio do Rio Dão, que serpenteiam ao longo das serranias da Estrela e do Caramulo.

Foi também destacado que está prevista a colocação de sinalética informativa e direcional, a edição de um roadbook em quatro idiomas, a edição de um desdobrável; um filme documentário e um teaser, a produção de infopoints a colocar nas sedes de concelho por onde a rota passa; a criação de um pequeno Centro Interpretativo sobre a Rota na Escola de Carvalhal de Vermilhas, em plena Serra do Caramulo; a criação de uma APP de realidade aumentada e uma plataforma web (site).

No Município de Nelas o Património Megalítico surge como um forte impulsionador de promoção territorial e potencializador do turismo, havendo uma necessidade diária, de continuar a apostar na inovação, na qualidade e divulgação.

Fotos:Mun.Nelas

“ROTUNDA ÀS SEIS” regressa em agosto

De 1 a 29 de agosto, pelas 18h30, na rotunda em frente à Câmara Municipal.

O Município de Mangualde, tal como aconteceu no mês de julho, adaptou a sua programação cultural à nova realidade, bem como às medidas de segurança e higiene impostas pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

A “ROTUNDA ÀS SEIS” está, assim, de regresso a Mangualde no mês de agosto, com muitas surpresas.

Este conjunto de concertos ao fim da tarde, ao ar livre, terão lugar aos sábados e sextas-feiras de 1 a 29 de agosto, na rotunda em frente à Câmara Municipal de Mangualde, sempre às 18h30.

Com som projetado por todo o centro da cidade, no dia 1 de agosto a alegria e a vivacidade estão de volta à cidade com a atuação dos Capitão Mondego. No dia 8 é a vez dos Mellody Guys, no dia 15 ArtSom, já a 21 a atuação é de Grand Jazz Hotel. No dia 22, chega a Mangualde, o concerto de Xico&João, no dia 28 o Quinteto de metais da Orquestra POEMa e, por fim, a 29 de agosto os K5. Mais informações em www.cmmangualde.pt

AGOSTO

Dia 1   | Capitão Mondego

Dia 8   | Mellody Guys

Dia 15 | ArtSom

Dia 21 | Grand Jazz Hotel

Dia 22 | Xico&João

Dia 28 | Quinteto de metais da Orquestra POEMa

Dia 29 | K5

Vinho“Pinhel Cidade Falcão 1770 – 2020” (Beira Interior – DOC Tinto) apresentado

Teve lugar na noite de sábado, a apresentação do vinho“Pinhel Cidade Falcão 1770 – 2020” (Beira Interior – DOC Tinto) , no Jardim 5 de outubro, com a presença de um leque de convidados restrito, devido à pandemia Covid-19.

Este vinho começou a ser produzido na Adega Cooperativa de Pinhel a pedido do Município de Pinhel com o intuito de assinalar o título “Pinhel Cidade do Vinho”  e os 250 anos da elevação a cidade, esta foi a produção do vinho comemorativo da efeméride.

Um evento transmitido em direto na página de facebook do Município, com Rui Ventura , Presidente do Municipio de Pinhel que agradeceu a presença de todos e enalteceu este vinho que engrandece o titulo de capital do vinho e o assinalar dos 250 anos da elevação a cidade.

Salientou também que foi uma boa forma de homenagear todos aqueles que trabalham a terra e contribuem para a excelência dos Vinhos de Pinhel, sem dúvida um dos melhores embaixadores do concelho.

Ainda falaram no palco, o Presidente da Associação de Municípios Portugueses do Vinho, Pedro Ribeiro, Fernando Martins, Diretor Regional da Agricultura e Pescas do Centro e o Presidente do Turismo Centro de Portugal,  Pedro Machado. Marcaram presença o Vice-Presidente do Instituto da Vinha e do Vinho, Manuel Cardoso; o Presidente da Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior, Rodolfo Queirós; o Presidente da Adega Cooperativa de Pinhel, Agostinho Monteiro entre outras individualidades.

Uma noite agradável, com a prova do vinho comemorativo que se encontra disponível para todos, em garrafa de 0.75lt, 1,5lt, 3lt e 5 lts das castas Touriga Nacional , Aragonês e Rufete.

 

Mangualde acolheu Formação de Combate a Incêndios

Teve lugar na Unidade Local de Formação de Mangualde da Escola Nacional de Bombeiros, uma formação de Combate a Incêndios Florestais Nível 2 Desenvolvimento,de 22 a 26 de Julho.

Os formandos oriundos dos Corpos de Bombeiros de Santa Comba Dão, Mortágua, Farejinhas e Viseu desenvolveram nos vários dias vários exercícios com vista a uma melhor preparação e conhecimento, além de ser uma formação para progressão na carreira.

Foram assim formadores deste evento: João Nunes ( Santa Comba Dão ), João Marta ( Mortágua) e Andreia Almeida (Mangualde)

Foto:João Nunes

Covid-19- Fornos de Algodres e Pinhel sem casos ativos

Depois de ter sido recuperado, o quinto caso de Covid-19 em Fornos de Algodres , este concelho passa a estar sem qualquer caso ativo.

Já o Concelho de Pinhel também todos os casos estão recuperados, uma situação favorável existe.

Assim vai evoluído a situação um pouco por toda a parte mas nunca descurar, dado que, todo o cuidado é pouco nesta fase do ano.

Terra d’ artes decorre na Guarda até dia 29

Realiza-se no Parque Urbano do Rio Diz a iniciativa Terra d’ artes, uma edição piloto – e especial devido à Pandemia por COVID 19 – o Município da Guarda convidou sete artistas que vão criar sete obras interpretativas do ciclo de festivais de cultura popular do concelho, a que se juntam artesãos a trabalhar ao vivo. A iniciativa decorre, integrada no ciclo “Isto Não é Um Festival”, até 29 de julho e funciona entre as 10h00 e as 18h00. A abertura oficial decorreu nesta quarta-feira ao fim de tarde,  com o Aquilo Teatro a apresentar o concerto “Numa tarde de verão” pelo Alé&Olé Duo.
Pedro Figueiredo, Rui Miragaia, Pedro Amaral, Sofia Gralha, Sara Teixeira, Sidney Cerqueira e Sérgio Lemos são os artistas plásticos convidados nesta edição da Terra D’Artes. As suas obras serão inspiradas pela Feira Concurso do Jarmelo, pelas Jornadas da Lã de Corujeira e Trinta, pelo Festival da Cestaria de Gonçalo, pelo Festival Pão Nosso de Videmonte, pela Viagem às Raízes da Arrifana, pela Festa da Castanha e da Jeropiga de Famalicão da Serra e pela Festa da Transumância de Fernão Joanes.
Ainda no âmbito da iniciativa Terra d’Artes, o Parque Urbano do Rio Diz receberá ainda workshops e exposições e durante a tarde música, teatro e sessões de contos

Mangualde descontente com declarações na Assembleia Municipal de Viseu

A Autarquia de Mangualde veio publicamente manifestar o seu descontentamento e indignação pelas declarações proferidas pelo Deputado da Assembleia da República, Pedro Alves, na última Assembleia Municipal de Viseu. Segundo fonte noticiosa, o Deputado Pedro Alves acusa o anterior Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, de ter sido responsável pelo fracasso de criação da empresa intermunicipal de águas e por ter boicotado a melhoria do abastecimento de água a Viseu.

A autarquia lamenta, porque estas declarações não correspondem à verdade, e servem apenas como armas de arremesso político contra o ex-autarca de Mangualde e candidato em 2021 à Câmara Municipal de Viseu – sublinha o atual presidente da Câmara, Elísio Oliveira. “O processo de constituição da empresa Águas de Viseu foi, por natureza, um processo complexo, com negociações difíceis, feitas de avanços e recuos, numa primeira fase a oito e numa segunda fase a cinco municípios. Durante todo este processo, as reuniões entre os autarcas foram pautadas pela defesa do interesse das suas populações, com elevação, muitas vezes com crispação, mas tendo sempre subjacente a importância vital da água. Quando há acordos ou desacordos entre as partes a responsabilidade é de todos os intervenientes.”, contextualiza ainda Elísio Oliveira.

A autarquia de Mangualde não pode deixar de apelar à serenidade em volta deste tema, “pela sua importância vital e estratégica para as populações e para a região. Este processo ainda tem muito caminho a percorrer e deve ser feito com responsabilidade institucional não devendo ser arrastado para as disputas eleitorais”, conclui ainda o Presidente.

” Guarda a Mexer” em ação até setembro

O Projeto ” Guarda a Mexer” surgiu em pleno período de confinamento devido à pandemia por COVID 19. Com o fim do ano letivo e com a volta a esta “nova normalidade”, a iniciativa reinventou-se e está de volta durante os meses de verão. Os treinos de força, circuito ou de resistência dão agora espaço a outras atividades desportivas feitas na sua maioria ao ar livre, por marcação e com participação limitada a cinco participantes. Entre 27 de julho e 10 de setembro, de segunda a sexta-feira (horário em anexo), a Guarda A Mexer propõe: sessões de Marcha e Corrida; Aulas de natação; Aulas de BTT; Aulas de Mobilidade; Aulas de treino intervalado e Pilates.

As sessões são asseguradas pelos professores de desporto da autarquia da Guarda que monitorizaram as aulas em vídeo durante o período de confinamento. Os interessados deverão inscrever-se nas Piscinas Municipais da Guarda ou informar-se sobre as atividades através do número 271 200 740.

Modalidades: Marcha e Corrida; Aulas de natação; Aulas de BTT; Aulas de Mobilidade; e Aulas de treino intervalado e Pilates.

Marcha (Inscrição Gratuita)

Modelo de Intervenção:
Quatro percursos de Marcha
Cada sessão terá a duração de 60 minutos;
Cada sessão terá diferentes níveis: Iniciantes; Intermédio; Avançado.

Público-alvo – A iniciativa é dirigida a todos os cidadãos com idade compreendida entre os 12 e 60 anos inclusive. Com idade igual ou inferior a 15 anos, terão obrigatoriamente que ser acompanhados por um adulto responsável, inscrito nessa mesma sessão de treino;

Local – Parque Urbano do Rio Diz (semi-coberto) ou nas Piscinas Municipais
(Todas as sessões iniciam e terminam no mesmo local)

Natação – Adaptação ao Meio Aquático I e II (Inscrição:  2,10€ por sessão)

Modelo de Intervenção: Aulas de natação com duração de 45 minutos/aula, até cinbco vezes por semana, para idades compreendidas entre os 12 anos e os 60 anos;

BTT (Inscrição Gratuita)

Modelo de Intervenção: Aula de 60 minutos, em que serão abordados fatores de desenvolvimento e melhoria da técnica de bicicleta, movimentos e posicionamento na bicicleta, princípios de manutenção e de mecânica; os alunos devem saber andar de bicicleta independentemente.

Material necessário – Obrigatório (bicicleta pronta a utilizar e capacete). Facultativo mas aconselhável (luvas, joelheiras, óculos, cotoveleiras);

Local – Campo do Zambito e Semi-coberto do Parque Urbano Rio Diz

Mobilidade (Inscrição Gratuita)

Sessões de treino privilegiando movimentos exclusivamente com o próprio peso corporal, com vista a melhorar a amplitude muscular associada às articulações, aumento da força e resistência do Core; Sessões de treino de 30 minutos;

Material necessário – Colchão e/ou toalha;

Local – Estádio Municipal da Guarda.

Treino Intervalado e Pilates (Inscrição: 2,10€ por sessão)

Treino Intervalado – Aula de 30 minutos, onde intercalamos períodos de esforço e períodos de recuperação;
Pilates – Aula de 45 minutos, onde o principal objetivo é o fortalecimento e flexibilidade do corpo como um todo.

Local  – Zona verde envolvente das Piscinas Municipais

 

 

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar