Templates by BIGtheme NET
Home » Cultura » Conversa com Liliana Carona, depois do prémio alcançado

Conversa com Liliana Carona, depois do prémio alcançado

“Reconhecimento do esforço dos jornalistas”

0lili caronaO CNID como anualmente acontece distingue os melhores do futebol português e face a isso este ano, no 50 anos, também premiou os jornalistas e Liliana Carona, jornalista da RR e diretora do Notícias de Gouveia, foi premiada também nesta gala, e fomos conversar um pouco com ela depois desta gala.

Magazine Serrano – Como foi subir ao palco nesta festa receber este prémio?Qual a sensação?

Liliana Carona–É o reconhecimento máximo do nosso esforço e dedicação, enquanto jornalistas.

 MS -Este dia foi inesquecível, mas com este artigo promoveu a região da serra e o futebol feminino?

LC– Creio que o futebol feminino está muito bem representado na nossa região. A começar por Gouveia.

A Ana Borges, jogadora do Chelsea tornou-se um ícone para muitas jovens. Espero que a reportagem tenha sido mais um contributo no evoluir da presença das mulheres no futebol.

MS–Como surgiu a ideia de fazer um artigo assim?

LC – A ideia surgiu de o facto do concelho de Gouveia, nomeadamente a Fundação D. Laura dos Santos ter vindo a desempenhar um papel importantíssimo na afirmação do futebol feminino.

MS- Depois desta conquista decerto quererá chegar a outros galardões? Os jornalistas mereciam ser mais vezes homenageados?

LC– Os bons jornalistas, e os que agem com ética profissional, deveriam ser reconhecidos de todas as formas sobretudo, na abolição da precariedade.

MS- É um sinal que o jornalismo do interior tem muita qualidade e que esta gente que por cá vai lutando, também tem qualidade de competir com os dos grandes centros?

01llLC – Há bons jornalistas em todo o lado. Não vejo o Interior como um aspeto ostracizante.

MSEm suma, considera-se uma referência para esta região no panorama do jornalismo e por ser mulher, mais ainda?

LC – Um prémio tem valor sobretudo individual, mas depois de o receber, a luta começa novamente no dia a seguir, de volta ao trabalho. Há fases felizes e outras menos felizes. São fases da vida que encaro com humildade e tranquilidade.

Por:António Pacheco

 

Enviar Comentário

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar