Templates by BIGtheme NET
Home » Cultura » Orca da Lapa do Lobo com novidades arqueológicas

Orca da Lapa do Lobo com novidades arqueológicas

22jorcaReforçando a aposta e o apoio do Município de Nelas na conservação do Património Local, decorreram durante 3 semanas na Orca da Lapa do Lobo trabalhos de investigação cujos resultados foram apresentados em conferência na Fundação da Lapa do Lobo, denominada “A perdida Orca da Lapa do Lobo, novas perspectivas um século depois”, pelo Professor Doutor João Carlos Martinez, coordenador deste projeto realizado pela equipa de arqueólogos da Universidade de Lisboa, que contou com o apoio do Técnico de Património da Autarquia.

Segundo o conferencista, esta orca revela uma longa ocupação do espaço em que se situa, em que num primeiro momento o local foi ocupado por um habitat, pequena aldeia, cujos dados já disponíveis permitem apontar como datando do Neolítico Antigo regional (5º milénio a.C.), sendo que sobre aquela ocupação foi construído um monumento megalítico (a orca propriamente dita) eventualmente atribuível ao Neolítico Médio (primeira metade do 4º milénio a.C.), e por último, terminada a utilização do monumento como necrópole, mesmo terá sido transformado num provável “santuário dos antepassados” indiciado pela recuperação de cerca de duas dezenas de estelas e uma estela-menir e eventualmente atribuível a um momento transicional entre o Neolítico Antigo e o Neolítico Final regionais (c 3500-3300 a.C.)

Este projeto plurianual, inserido no Projecto NeoMega “Neolitização e Megalitismo na Plataforma do Mondego: investigação, recuperação, integração e valorização patrimonial”, vai permitir que os monumentos megalíticos do concelho, Orca da Lapa do Lobo, Orca das Pramelas em Canas de Senhorim, Orca do Folhadal e a Orca do Pinhal dos Amiais em Senhorim, sejam requalificados e tornados visitáveis formando um circuito de visita patrimonial.

A Autarquia de Nelas proporcionou também momentos de lazer a esta equipa de arqueólogos, assegurando visitas de estudo a diversos locais de interesse patrimonial e arqueológico, em Nelas, Carregal do Sal e Viseu, demonstrando assim o espírito beirão de bem receber os seus convidados.

Por:Mun.Nelas

Enviar Comentário

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar