Templates by BIGtheme NET
Home » Cultura » Confraria da Urtiga em exposição no CIHAFA

Confraria da Urtiga em exposição no CIHAFA

IMG_4102 No CIHAFA (Centro de Interpretação Histórica e Arqueológica de Fornos de Algodres),  de 08 a 31 de maio de 2017 estará patente uma Exposição da Confraria da Urtiga, que poderá ser visitada todos os dias (exceto feriados) entre as 10h00 – 13h00 e as 14h00 – 17h00.
“O associativismo coopera para a união de pessoas”.
“… É um conjuIMG_4103nto de pessoas que se unem em prol de um objetivo em comum, seus associados podem ter fins lucrativos porém a associação em si não tem. Ela possui caráter representativo.”
Constituída com o propósito de defender e promover a Urtiga, a CONFRARIA DA URTIGA tem, desde a data da sua fundação (2009) mostrado a sua força e capacidade interventiva, desenvolvendo uma ação diversificada que extravasa em muito a mera promoção e valorização do potencial de uma espécie botânica com um espetro de utilizações vastíssimo. Na verdade, através da sua ação, tem dado a conhecer as múltiplas dimensões e potencialidades, não de uma planta, mas, de um produto (urtiga), procurando que ele saia valorizado na sua afirmação global (valor gastronómico, medicinal, agrícola, ambiental) sem esquecer que ele arrasta consigo uma história e um sistema de valores culturais e identitários, que tem nas pessoas, e nos seus saberes ancestrais, o seu maior valor acrescentado. Através da realização de várias iniciativas a Confraria da Urtiga teIMG_4124m procurado que cada vez mais pessoas despertem para o fascínio das plantas, em particular, da Planta Rainha (Urtiga) incentivando o seu estudo e crescente utilização, e, encorajando os agentes económicos e sociais da comunidade a descobrir o real valor económico e sociocultural deste produto singular que é a Urtiga. A “alheira de urtiga” e a “urtigueira” são hoje produtos com marca registada, com reconhecimento e ganhos necessariamente positivos, para os produtores locais que, assim, veem, aumentar a distribuição e comercialização dos seus produtos, mas também, para os consumidores que passaram a incluir na sua dieta produtos de grande qualidade conseguindo, deste modo uma vida mais saudável. Quer-se que a Urtiga deixe de ser percebida apenas como a “planta das mil virtudes” para começar a ser vista como ícone económico, cultural e identitário, capaz de trazer mais gente a conhecer as riquezas e singularidades deste nosso território.

Por:CIHAFA

Enviar Comentário

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar