Templates by BIGtheme NET
Home » Desporto » Desporto Nacional-Supertaça Feminina-Feminino-Sporting-Sp.Braga-3-1

Desporto Nacional-Supertaça Feminina-Feminino-Sporting-Sp.Braga-3-1

Ana Borges vence a Supertaça

Sporting – Sp.Braga- 3-1 (Após Prolongamento)

Estádio Cidade Coimbra

Árbitro: Catarina Campos (AF Lisboa)

Árbitros assistentes : Cátia Tavares e Sophia Rosa

Sporting –Patrícia Morais, Carlyn Baldwin (Solange Carvalhas, 65´), Mariana Azevedo,Joana Marchão (Ana Capeta, 81´) Ana Borges, Tatiana Pinto, Fátima Pinto, Carole Costa, Ana Leite, Diana Silva(Nadine, 105´) e Matilde Fidalgo.

Treinador: Nuno Cristovão

Sp.Braga- Rute Costa, Sílvia Rebelo, Regina Pereira (Ágata, 66´), Vanessa Marques, Andreia Norton (Laura Luís, 82´), Melissa, Gomes, Dolores Silva, Adriana Gomes, Diana Gomes, Pauleta (Edite Fernandes, 77´) e Jana.

Treinador: João Marques

Golos: 0-1 Pauleta, 12´; 1-1-Ana Capeta, 92´;2-1 Ana Capeta, 102´; 3-1 Ana Capeta, 118´

Uma fase inicial mais equilibrada com ambas equipas a procurar estudar o melhor modelo de jogo.

Volvidos 9´, seria a turma bracarense a criar perigo por intermédio de Andreia Norton com remate de longa distância para defesa apertada para canto de Patrícia Morais.

As bracarenses parecem mais acutilantes e desta forma, livre batido da esquerda do seu ataque para a cabeça de Pauleta que cabeceou deforma certeira , abrindo o ativo, aos 12´.

A turma leonina a reagir de forma acutilante o ataque com Ana Borges a rematar de meia distância , com a bola a rasar a baliza bracarense, aos 21´, a jovem que apareceu para o futebol na Serra da Estrela voltou à carga e após cruzamento, valeu a intervenção cuidada de Rute Costa para evitar a emenda da dianteira leonina.

Volvidos 34´, jogada de ataque do Sporting, com a dúvida a pairar, Diana Silva a cair na área e a ser pedida falta, ao que o árbitro não atendeu.

O equilíbrio voltou a imperar na reta final da 1ªparte, mantendo-se o resultado, com as bracarenses a vencer, por uma bola a zero, numa partida com realce para a presença de muito público por parte das duas equipas.

Leoninas foram mais acutilantes

Após o reatamento, a turma bracarense volta a entrar mais determinada a complicar as contas à turma de Nuno Cristóvão, a resposta leonina acontece de imediato com Tatiana Pinto a solicitar Ana Borges e esta rematar para a defesa de Rute Costa.

O Sporting a partir dos 55´, passou a fazer as despesas do jogo e Ana Borges a procurar sempre o ataque e numa dessas investidas a solicitar a Diana Silva que remata para defesa de Rute, a resposta bracarense acontece com Andreia Norton a obrigar a defesa apertada Patrícia.

Mas as leoninas estão determinadas a vencer e Ana Leite remata por duas vezes e Rute Costa responde com duas belas intervenções.

A turma bracarense reage a espaços e Pauleta volta criar perigo de meia distância, mas Patrícia defendeu com valentia, aos 72´, agora as leoninas mostram cada vez mais a sua raça e os ataques sucedem-se com Rute Costa a defender com arte e engenho.

A turma leonina nunca desistiu e face a isso, Ana Capeta a conseguir a igualdade, num lance bem elaborado, 92´.

Face a isso, justifica-se a igualdade, no final do tempo regulamentar, perante o esforço de ambas equipas ao longo de toda partida.

Ana Borges e Ana Capeta a mostrarem toda qualidade

No prolongamento, logo, Ana Borges a reagir com arte e valeu mais uma vez, Rute Costa a evitar o pior, por sua vez as bracarenses também apertam e após cruzamento da direita, Laura Luís remata à meia volta e a bola á barra da baliza leonina, aos 98´.

Na resposta, Ana Borges, volta a pressionar pela asa direita e remata para defesa incompleta de Rute Costa e vai daí, ressalto para Ana Capeta que remata a contar e passa o Sporting para a frente.

A segunda parte, do encontro trouxe mais uma vez, Ana Borges que sem duvida, tem sido a grande obreira desta vitória leonina, assim como Ana Capeta que revela bom entendimento com a dianteira leonina, criaram imensos calafrios para as hostes bracarenses.

Sporting muito mais pressionante e objetivo no último terço com a veia rematadora a surgir e muito trabalho para a keeper bracarense.

A finalizar Ana Borges mais uma vez a surgir pela direita, com Ana Capeta a receber esta maravilhosa assistência e mostra a sua assertividade e faz mais um golo, o terceiro.

Em suma , Ana Capeta foi o joker leonino, assim como uma grande prestação de Ana Borges, a puxar a sua equipa leonina rumo à vitória desta Supertaça.

Arbitragem Positiva

Reportagem de António Pacheco

Enviar Comentário

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar