Templates by BIGtheme NET
Início » Cultura » Feira Medieval da Cidade Falcão de 31 a 2 de junho

Feira Medieval da Cidade Falcão de 31 a 2 de junho

Pelo quinto ano consecutivo, a cidade de Pinhel prepara-se para recuar no tempo e viver três dias de grande animação ao estilo medieval…
Vão ser assim os dias 31 de maio, 1 e 2 de junho, com mais uma edição da Feira Medieval da Cidade Falcão – Guarda-Mor do Reino e Senhorios de Portugal.
Em destaque nesta edição, a Muralha de Pinhel mandada reconstruir e ampliar por el Rei D. Dinis.
O centro histórico da cidade de Pinhel é o cenário ideal para um evento que pretende transportar os visitantes até à época medieval, época marcada por vivências rurais mas também por constantes disputas pela posse dos territórios, principalmente nesta zona de fronteira.
Para lá das muralhas, que por esses dias vão definir o espaço desta recriação, começam a surgir os mercadores (pois não há feira sem mercadores), mas também os taberneiros e os servidores de manjares.
Ruas coloridas, cortejos e torneios, música, dança, artes circenses, espetáculos de fogo, encenações e muita animação de rua completam este cenário que convida os visitantes a entrar na festa e aproveitar as múltiplas experiências que esta Feira Medieval pretende proporcionar.
Do vasto programa destes três dias, destaque ainda para a realização de uma Ceia Medieval que contará com cerca de 350 comensais (sábado, dia 1 de junho) e que, este ano, volta a ter lugar junto ao Castelo, ponto mais alto da Cidade, onde têm lugar algumas das principais encenações e representações baseadas em factos históricos.
Novidade vai ser a realização de uma Missa Campal, domingo, dia 2 de junho, às 12.00h, no Largo de Santa Maria.
Por último, importa lembrar que o Falcão é também presença obrigatória nesta Feira Medieval, não fosse este o testemunho mais representativo de Pinhel, Cidade Falcão – Guarda-Mor do Reino e Senhorios de Portugal.
Desta forma aqui fica o programa completo:
Sexta-feira, dia 31 de maio
14h00 – Abertura do Mercado
14h30 – Cortejo com toda a animação, entidades locais e comunidade escolar local
(início na sede do Agrupamento de Escolas)
15h00 – O Foral de D. Dinis – A Muralha de Pinhel – “A Ronda da Muralha”
Fala ao Povo o Exmo. Alcaide de Pinhel, D. Rui Ventura.
Continuação do Cortejo até à liça
15h30 – A entrega do Foral e a ordem de reconstrução da muralha – teatro interativo
(espetáculo educativo direcionado para a comunidade escolar)
Cortesias e abertura dos festejos na Cidade do Falcão por motivo da sua Feira
Espetáculo de Circo e Malabarismos (Liça, Castelo)
O Voo do Falcão (Liça, Castelo)
16h00 – A Arte da Cetraria (Praça do Município)
Demonstração de ofícios aos pequenos guerreiros das Terras do Falcão (Rua dos Ofícios)
16h30 – Música – Concerto com “Strella do Dia” (Auditório Exterior)
Teatro Itinerante “As Fadas” (início no Castelo até à Praça do Município)
17h00 – Teatro Itinerante “O Lavadeiro Real”
17h30 – Música e Danças Orientais (início na Praça do Município, atuação no Auditório Exterior)
18h00 – Exposição de Serpentes (Auditório Exterior)
18h30 – Torneio Apeado (Praça do Castelo)
19h00 – Os Guardiões do Falcão (deambulante)
19h30 – Músicos e Malabaristas (início na Praça de Município com passagem nas Tabernas)
20h00 – Gaitas e Gaiteiros (Tabernas e Praças de Alimentação)
21h30 – Música e Danças Orientais (Tabernas)
22h00 – A Lenda do Falcão (Praça do Castelo)
22h30 – Músicos, Líricos e Trovadores (Praças de Alimentação e Castelo)
23h00 – Espetáculo de Artes Circenses com Fogo (Auditório Exterior)
00h00 – Encerramento do Mercado (continuação de farra e folia nas tabernas)

Sábado, dia 1 de junho
11h00 – Abertura do Mercado com música ao vivo nas entradas e ruas da cidadela
11h30 – Os Duendes (deambulante)
Demonstração de Ofícios e Armas (acampamento)
12h00 – Música e Danças Orientais (início na entrada principal até ao acampamento)
12h30 – Petiscos e Gulodices nas Tabernas
O Larápio
13h00 – A Latrina (deambulante)
14h00 – Escaramuças nas Tabernas (Praças de Alimentação)
14h30 – As Freiras (deambulante)
15h00 – D. Dinis e seus filhos (Castelo)
Porque um Rei também é pai e como tem de ser, há que pôr ordem na família. Ora, D. Dinis tem de lidar com ciúmes, competências e desavenças, mas a astúcia da sua Rainha há de ajudá-lo nestes momentos mais periclitantes…
15h30 – Músicos, Líricos e Trovadores (da Praça do Município até ao Auditório Exterior)
16h00 – Música – Concerto com Moussiço X (Auditório Exterior)
16h30 – Os Faunos (deambulante)
O Voo do Falcão (Praça do Município)
17h00 – Músicas e Danças Medievais (Praça do Município)
17h30 – Um dia na Corte de D. Dinis (Castelo)
Entre muitos outros afazeres, D. Dinis tomou a decisão de reconstruir a muralha do Castelo de Pinhel e, ainda mais, a muralha deveria ser aumentada de forma a cercar e proteger todo o povoado.
18h00 – Música – Concerto com Malcolm Mc. Milan (Auditório Exterior)
18h30 – As Freiras (deambulante)
19h00 – Artes Circenses e Malabarismos em tons e sons medievais (Tabernas)
19h30 – Ceia Medieval (sujeita a inscrição prévia)
20h00 – Petiscos e Gulodices nas Tabernas com música e folia
21h00 – Danças Orientais (Praça das Tabernas)
22h00 – Música deambulante pelas ruas e recantos da cidadela
22h30 – Desfile de Cavaleiros e suas comitivas (da entrada até ao Castelo)
23h00 – Torneio a Cavalo (Liça, Castelo)
Competem as casas dos dois filhos de D. Dinis, em honra a seu pai.
23h30 – Espetáculo de Fogo (Liça ou Auditório Exterior)
00h00 – Encerramento do Mercado (continuação de farra e folia nas tabernas)

Domingo, 2 de junho
11h00 – Abertura do Mercado com cortejo oriental (entrada até Castelo)
11h30 – O Voo do Falcão (Praça do Município)
Malabarismos e Acrobacias com tons e sons medievais (deambulante)
Os Peregrinos
Um grupo de peregrinos, escoltado por cruzados, chega a Pinhel e é acolhido com comida, bebida e são-lhes prestados curativos, nas feridas e mazelas tidas na sua devoção. Depois de revigorados são abençoados com uma Missa, juntamente com o povo e demais habitantes da cidadela.
12h00 – Missa Campal – Celebração da Eucaristia Dominical (Largo da Igreja de Santa Maria)
12h10 – Diz que disse… (Tabernas)
12h30 – Petiscos e Gulodices nas Tabernas
13h30 – Música nas Tabernas
14h00 – Danças orientais (início nas Tabernas até ao Auditório Exterior)
14h30 – O Voo do Falcão (Praça do Município)
15h00 – Música na Praça do Município
15h30 – O Leproso (deambulante)
16h00 – Cortejo da comitiva até à Liça (entrada principal até ao Castelo)
O Voo do Falcão (Liça, Castelo)
17h00 – Torneio a Cavalo – A Desforra (Liça, Castelo)
Honras aos vencidos e Glória aos Vencedores pelo Alcaide de Pinhel.
18h00 – Espetáculo de encerramento (Liça, Castelo)
19h00 – Encerramento do Mercado

Enviar Comentário

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar