Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: 2018. magazine serrano

Tag Archives: 2018. magazine serrano

Penalva do Castelo e SC Mêda derrotados na ronda inicial

Assim teve inicio o arranque do Campeonato de Portugal, com a Mêda e o Penalva do castelo a serem derrotados fora de portas.

A Sanjoanense a jogar em casa, venceu a turma da Meda pela margem mínima, por uma bola sem resposta.

Em Cesar, a turma local acabou por vencer o Penalva do Castelo por três bolas a uma.

Um arranque madrasto para as equipas da região, exceção do Lusitano que venceu, na Madeira perante o União.

Nova unidade produtiva vai surgir em Gouveia

Uma nova unidade produtiva vai nascer na Zona Industrial de Gouveia, assim sendo, o Município de Gouveia celebrou com a Arnaldo Saraiva, Lda., empresa ligada à indústria dos plásticos, um acordo que irá assegurar a instalação de unidade produtiva da empresa, com atividade industrial, armazenamento de matérias primas, produtos acabados e escritórios de apoio, na Zona Industrial de Gouveia, no pavilhão da ex. Pinto & Tavares, Lda., propriedade da autarquia.

Através deste acordo, o Município de Gouveia assegura a concretização deste investimento em Gouveia, que foi disputado por outras autarquias dos concelhos limítrofes, e que garante a criação de, pelo menos, 20 novos postos de trabalho, que terão de ser preenchidos por residentes, naturais ou pessoas que venham viver para o concelho de Gouveia.

A empresa compromete-se ainda fixar a sua sede em Gouveia e a manter aquela unidade fabril em funcionamento, durante o período de duração do acordo.

As obrigações das duas entidades estão definidas por contrato, no qual está prevista a cláusula que terá constituído um dos argumentos decisivos da opção da empresa pelo concelho de Gouveia: o compromisso do Município de Gouveia em arrendar aquela infraestrutura por um valor simbólico.

Trata-se, por isso, de uma iniciativa concreta do Município de Gouveia, que está empenhado em atrair investimento para o concelho, assegurar a empregabilidade dos seus residentes e naturais e atrair novos povoadores, com o objetivo de contrariar a tendência de desertificação, que é comum a todos os concelhos do interior do país.

Por:Mun.Gouveia

Emigração mangualdense em análise

O Município de Mangualde encontra-se, desde o início de 2018, a desenvolver um projeto de investigação pioneiro a nível nacional que consiste em recolher, harmonizar e analisar informação sobre a evolução e as características da emigração mangualdense. Embora o estudo do fenómeno emigratório mangualdense se venha a revelar uma tarefa ambiciosa e de exigente execução, já se encontram registados, na plataforma do Gabinete de Apoio ao Emigrante (http://mangualdensespelomundo.cmmangualde.pt), cerca de 300 emigrantes.

Conscientes da importância da comunidade mangualdense dispersa pelo mundo e sentindo a necessidade de resposta, de forma eficiente, às solicitações e dificuldades com que os emigrantes mangualdenses se deparam, no mês de agosto, tempo da peregrinação dos emigrantes às suas terras de origem, a equipa do Gabinete de Apoio ao Emigrante vai percorrer o concelho à “procura” destes emigrantes. O Município de Mangualde sente, ainda, orgulho no sucesso além-fronteiras destes mangualdenses e no contributo que dão na promoção de Mangualde pelo mundo.

Paralelamente, procurar-se-á dar continuidade ao recenseamento geral da população emigrante mangualdense. Para que este objetivo seja atingido com a maior rapidez e eficácia possíveis, o Município apela a que todos os emigrantes mangualdenses se registem na referida plataforma ou presencialmente no Gabinete de Apoio ao Emigrante. A contribuição de todos é fundamental!

Gabinete de Apoio ao Emigrante

Morada:

CIDEM – Centro de Inovação e Dinamização Empresarial de Mangualde

Rua Nova, nº 71

3530-133 Mangualde

 

Contactos:

232 619 892 / 969 312 193

gae@cmmangualde.pt

Horário:

Segunda a sexta-feira, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00

Registo plataforma:

www.mangualdensespelomundo.cmmangualde.pt

Guarda revela nova escultura na Encosta do Tempo

No âmbito do projecto da Cápsula do Tempo Guarda 2050, iniciado em 2013, e que todos os anos, no dia 1 de Julho, conta com um programa comemorativo, o quinto aniversário ficou marcado pela inauguração de um monumento artístico, um relógio de sol Roamer.

A escultura tem a assinatura do arquitecto guardense António Saraiva, recentemente vencedor de um concurso de Newark, nos Estados Unidos da América, para instalação de um monumento em honra dos veteranos de guerra luso-americanos e inaugurado no passado dia 2 de Junho.

António Saraiva desenhou o relógio de sol que se encontra agora ao dispor dos visitantes da Encosta do Tempo e da torre de menagem da Guarda. Trata-se de uma obra de dois metros de altura, 1,20 metros de largura e cerca de 50 cm de espessura, numa base de granito de três toneladas, e com um relógio em aço corten, e encontra-se virado a sul, de forma a cumprir a sua função de indicar as horas.

Ao criar esta peça, António Saraiva pretendeu aliar “um objecto de medição do tempo que vem da antiguidade, o relógio de sol, em conjugação com um objecto que se tornou usual e de utilização pessoal e quotidiana, o relógio de pulso”. O conceito vai perfeitamente ao encontro da filosofia da Roamer, de combinar design intemporal com funcionalidade. A marca relojoeira suíça foi criada em 1888, patrocina esta escultura e passa a ser parceira da Cápsula do Tempo.

O relógio de sol Roamer tem ainda três QR Codes com acesso à página da Cápsula do Escape Livre, a uma série de fotografias que mostram a construção do monumento e à página oficial da Roamer.

Segundo Luís Celínio, presidente do Clube Escape Livre, “O relógio de sol Roamer instalado na Encosta do Tempo não assinala apenas o quinto aniversário da Cápsula do Tempo, mas pretende também ser mais um contributo para a cidade, através do enriquecimento e embelezamento da encosta. Sabemos que é um espaço que em 2017 foi visitado por quase 22 mil pessoas, número que regista crescimento de ano para ano, e que com este relógio de sol ganha novo interesse”.

Este dia 1 de Julho, data de inauguração da escultura e do aniversário do projecto, contou com a presença de Pedro Machado, presidente do Turismo do Centro de Portugal, que enalteceu o trabalho do Clube Escape Livre.

 

Guarda recebeu o Encontro Nacional de Educadores e Professores

A décima nona edição do  “Encontro Nacional de Educadores e Professores”, trouxe à Guarda, mais de meio milhar de convivas ligados ao ensino e à educação.
Aquela que é considerada a maior iniciativa do género concretizada em Portugal realizou-se na passada sexta-feira (29 de junho).
Pela manhã, receberam-se os participantes, com bela animação e um cocktail de boas-vindas.

Pelo meio dia, numa sala com mais de 500 participantes, fez-se a sessão de boas vindas, seguida de um momento mais ou menos hilariante, mas ainda mais inesperado até para quem o protagonizou.

Seguiu-se o habitual almoço e tarde animação recreativa e musical com o sorteio de prémios e a entrega de uma lembrança comemorativa a todos os que estiverem presentes. Note-se que é habitual o SPZC, tentar em cada região (onde organiza, rotativamente este evento) tentar realçar o património; daí que este ano, numa região de ferreiros,  foi oferecida uma podoa em miniatura colada numa placa de madeira, homenageando assim, de certo modo o único fazedor de tesouras de tosquia do País: o jarmelista Mateus Miragaia.

Recorde-se que todos os anos o SPZC promove este evento que visa o reencontro e o reviver do passado entre aqueles que estiveram e estão ligados ao mundo do ensino e da educação.
O objetivo essencial é o de proporcionar momentos de confraternização a quem ao longo do seu percurso profissional deu o melhor de si em prol de uma educação de qualidade. Agradecemos assim a todos aqueles que no passado, como no presente, deram do seu melhor em vista à escolarização deste país.

Este evento foi organizado pelo SPZC e com apoio do Município da Guarda.

Por:SPZC

 

Operação “Verão Seguro 2018” da GNR

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana (GNR) reforça, durante o verão, em todo o território nacional, as ações de patrulhamento e apoio na sua área de responsabilidade, com particular ênfase para os locais de veraneio mais frequentados da orla marítima, festas, romarias e eventos de grande dimensão, bem como nos principais eixos rodoviários.

No âmbito desta operação está ativo o Programa Chave Direta, com o objetivo de garantir a segurança das residências habituais dos cidadãos que se encontram de férias, através da realização de ações de patrulhamento junto das mesmas durante a ausência dos seus proprietários. A adesão ao programa deve ser solicitada pelo menos 48 horas antes da ausência dos proprietários da residência, através do registo disponível online em Verão Seguro ou no posto da GNR da sua área de residência. De realçar que nos últimos dois verões, foram registadas 3 278 residências sem nenhuma ocorrência.

Também no âmbito da operação Verão Seguro, a GNR realiza o Programa Turismo Seguro, com o objetivo de promover o apoio, a segurança e o combate ao crime contra o turista, nacional ou estrangeiro, contribuindo assim para uma estadia pacífica para quem visita Portugal, para além do reforço de patrulhamento especializado com vista ao atendimento, acolhimento e encaminhamento destes cidadãos em específico. Os militares desenvolvem ainda ações de informação e sensibilização a este público em específico, com a intenção de prevenir os potenciais riscos e perigos durante a sua estadia.

Para promover e facilitar o policiamento de proximidade com os turistas e numa conjuntura de cooperação internacional, iremos contar também com a presença permanente de três militares da Guardia Civil espanhola e três militares da Gendamarie Nationale francesa, para a realização de patrulhamento misto, nas zonas balneares mais turísticas do Algarve, Lisboa e Setúbal, durante os meses de julho e agosto. A GNR irá também reforçar o patrulhamento nas zonas turísticas espanholas e francesas mais frequentadas pelos portugueses, como Pontevedra (Espanha) e Landes e Estancarbon (França), com sete militares. Haverá ainda um reforço do patrulhamento misto com a Guardia Civil, em território português e espanhol, junto às zonas fronteiriças, em eventos de maior dimensão.

 

Programa Eco Escolas em Gouveia

O Município de Gouveia, no âmbito do Dia Eco Escolas e do Dia Mundial do Ambiente, promoveu na manhã desta terça-feira, uma série de iniciativas com o Programa Eco Escolas, para as crianças do concelho.
Para celebrar o Dia Mundial do Ambiente e o Dia Eco Escolas, o Município de Gouveia, em colaboração com as instituições parceiras do Programa Eco Escolas (PSP, GNR, ICNF, CERVAS, Centro de Saúde Gouveia, Junta de Freguesia de Gouveia, Junta de Freguesia de Vila Nova de Tazem, ENERAREA, empresa H. Sarah Trading, Corporação de Bombeiros Voluntários de Gouveia e Corporação de Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Tazem), realizou várias atividades pedagógicas e ambientais para as crianças das Instituições de Ensino do Concelho de Gouveia, que participam no Programa Eco Escolas (Escola Básica de Gouveia, na Escola Básica de Vila Nova de Tazem, na Associação de Beneficência Popular de Gouveia – ABPG, na Fundação “A Nossa Casa” – Patronato, no Jardim de Infância de Gouveia e na Casa do Povo de Vila Nova de Tazem), sensibilizando para a prática de melhores hábitos ambientais, com ateliers e exposições de trabalhos do programa Eco Escolas.

Por:MG

SC Penalva do Castelo vai participar no Campeonato de Portugal

Face ao não dado pelo SC Lamego, à FPF, face ao Campeonato de Portugal, o Penalva do Castelo foi convidado e segundo nota informativa do clube aceitou e vamos ter a turma de Castendo no Campeonato de Portugal, onde vai estar o SC Meda.

Assim, a turma de castendo vai iniciar a preparação da mesma, a nível de plantel dado que o campeonato inicia em meados de agosto.

Alcafache vencedora das Marchas Populares em Mangualde

Depois de uma noite intensa com o calor a manter-se ao longo do desfile, estiveram sete marchas a concurso, perante uma plateia a rondar os dois milhares de pessoas pelas estimativas da organização.

A Marcha de Alcafache foi a grande vencedora da noite, outras marchas foram distinguidas nas diversas categorias.

Desfilaram no eixo central da cidade, terminando no largo junto à central de camionagem.

Participaram Santiago Cassurrães, Alcafache, Espinho, Quintela de Azurara, Abrunhosa – a – Velha, Mesquitela/Mourilhe e AMA (Associação Mangualde Azurara).

Esta uma organização do Município de Mangualde.

Marchas Populares animam Mangualde

A noite de domingo, 17 de junho, as ruas mangualdenses vão, mais uma vez, encher-se de cor, música e muita animação com as tradicionais Marchas Populares.

Pelas 21h30, os grupos saem em desfile do Largo Dr. Couto (Câmara Municipal) em direção à Rotunda da Casa do Povo, sentido ascendente. Pela ordem de atuação e no sentido descendente dá-se início às atuações que seguem depois em direção ao Mercado Municipal (paragem de autocarros), onde termina. A iniciativa é organizada pela Câmara Municipal de Mangualde.

 As coreografias que vão assinalar esta época de Santos Populares são protagonizadas pelas Marchas da União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, Marchas Populares de Alcafache, Marchas S. Pedro entre os Santos Populares/Espinho, Marchas Populares de Quintela de Azurara, Marchas da Junta de Freguesia de Abrunhosa-a-Velha, Marchas Populares Mesquitela / Mourilhe e Marchas da Associação Mangualde Azurara. A noite terá ainda a gastronomia típica dos Santos Populares, com as Tasquinhas Típicas, e muita animação.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar