Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: ano novo

Tag Archives: ano novo

Artigo de Opinião de Sara Morais- Hipnose Clínica e Resoluções Ano Novo

Ao anoitecer, milhares de mentes sussurram em silêncio, vago e envergonhado, os milhares de desejos que são libertados pelo fervor das doze badaladas. As superstições, os vários rituais tradicionais, os fogos-de-artifício, as cores, alimentam a esperança, afinal é no espaço de uma noite para o dia que nascem mais 365 novas oportunidades. É neste período de viragem que se faz o balanço das experiências desde o distanciamento ao isolamento, das várias aprendizagens como por exemplo: o não tomar nada como garantido, o valorizar um olhar de amor, um gesto de carinho, e sobretudo, refletir sobre o nosso caminho de felicidade e concretização. São apenas alguns exemplos que permitem estabelecer novas metas e desafios para continuar a trilhar o longo caminho da vida.

Nesta busca do autoconhecimento a Hipnose Clínica torna-se uma forte aliada enquanto terapia de desenvolvimento pessoal. Inicialmente, a terapêutica oferece um olhar atento sobre as sombras e crenças limitadoras que lhe causam o depauperamento das suas potencialidades. Seguidamente, é trabalhada a aceitação, a compreensão e a libertação das experiências negativas através das mais variadas técnicas de ressignificação e de reeducação comportamental. A objetivação e clarificação das preferências, objetivos e sonhos torna-se fundamental não só na recuperação e libertação da auto estima, mas também na consolidação de um novo autoconceito.

Em jeito de conclusão, embora a magnificência dos festejos das doze badaladas animem a busca pela utopia das 365 novas oportunidades, o novo ano só existirá se existir em si mesmo uma mudança – um novo “eu”.

“A utopia está lá no horizonte. Me aproximo dois passos, ela se afasta dois passos. Caminho dez passos e o horizonte corre dez passos. Por mais que eu caminhe, jamais alcançarei. Para que serve a utopia? Serve para isso: para que eu não deixe de caminhar” – Eduardo Galeano.

 

Sara Morais

Hipnoterapeuta

Feliz 2021!!!!

Um Bom Ano 2021 cheio de esperança e alegria!

Novas restrições no Fim de Ano e dias iniciais de 2021

Face aos últimos desenvolvimentos, António Costa anunciou novas restrições para a passagem de ano

Assim anunciou o governante que após a quadra vão ser necessárias medidas de contenção agravadas. Assim, na noite de ano novo só é permitido estar na rua até às 23h. Nos dias 1 a 3 de janeiro, até às 13h.

As medidas aplicam-se a todos os concelhos de Portugal continental

“Perante o estado que em estamos hoje da pandemia, logo a seguir ao Natal é preciso fazer um grande esforço de contenção. Todos temos a consciência que por maiores que sejam os cuidados que as famílias tenham, necessariamente vai haver um aumento das infeções após o Natal”, sustentou.

Como “repetidas vezes têm dito vários dos nossos epidemiologistas”, explicou o primeiro-ministro, “quanto mais alto” for o patamar de onde se parte “maior será a dimensão da onda” e, para se “evitar um grande crescimento de uma onda em janeiro”, é preciso, logo a seguir ao Natal, “realçou o Governante.

Excepções para poder circular durante a proibição de concelhos

A circulação de pessoas entre concelhos vai ser proibida, mais vai haver excepções para essa situação como mencionamos abaixo

  1. Às deslocações para desempenho de funções profissionais ou equiparadas, conforme atestado por declaração emitida pela entidade empregadora ou equiparada; por declaração de compromisso de honra, se a deslocação se realizar entre concelhos limítrofes ao do domicílio ou na mesma área metropolitana, bem como no caso de se tratar de trabalhadores do setor agrícola, pecuário e das pescas; declaração emitida pelo próprio, no caso dos trabalhadores independentes, empresários em nome individual ou membros de órgão estatutário;
  2. Às deslocações no exercício de funções ou por causa delas, sem necessidade de declaração emitida pela entidade empregadora ou equiparada, no caso dos profissionais de saúde e outros trabalhadores de instituições de saúde e de apoio social, bem como de pessoal docente e não docente dos estabelecimentos escolares; Nesta exceção, também está incluído o pessoal dos agentes de proteção civil, das forças e serviços de segurança, militares, militarizados e pessoal civil das Forças Armadas e inspetores da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica; Os titulares dos órgãos de soberania, dirigentes dos parceiros sociais e dos partidos políticos representados na Assembleia da República e pessoas portadoras de livre-trânsito emitido nos termos legais; Ministros de culto, mediante credenciação pelos órgãos competentes da respetiva igreja ou comunidade religiosa; E pessoal das missões diplomáticas, consulares e das organizações internacionais localizadas em Portugal, desde que relacionadas com o desempenho de funções oficiais;
  3. Às deslocações de menores e seus acompanhantes para estabelecimentos escolares, creches e atividades de tempos livres, bem como às deslocações de estudantes para instituições de ensino superior ou outros estabelecimentos escolares;
  4. Às deslocações dos utentes e seus acompanhantes para Centros de Atividades Ocupacionais e Centros de Dia;
  5. Às deslocações para a frequência de formação e realização de provas e exames, bem como de inspeções;
  6. Às deslocações para participação em atos processuais junto das entidades judiciárias ou em atos da competência de notários, advogados, solicitadores, conservadores e oficiais de registos, bem como para atendimento em serviços públicos, desde que munidos de um comprovativo do respetivo agendamento;
  7. Às deslocações necessárias para saída de território nacional continental;
  8. Às deslocações de cidadãos não residentes para locais de permanência comprovada;
  9. Deslocações por outras razões familiares imperativas, designadamente o cumprimento de partilha de responsabilidades parentais, conforme determinada por acordo entre os titulares das mesmas ou pelo tribunal competente;
  10. Ao retorno ao domicílio.

De qualquer modo, fica claro que em todas as deslocações “devem ser respeitadas as recomendações e ordens determinadas pelas autoridades de saúde e pelas forças e serviços de segurança, designadamente as respeitantes às distâncias a observar entre as pessoas”.

Além desta medida, o Governo explicou que, na noite de passagem de ano (entre 31 de dezembro e 1 de janeiro) será possível circular na via pública (sem mudar de concelho) até às 2h00, sendo proibidas as festas públicas ou abertas ao público “de cariz não religioso”. Já no dia 1, voltará a ser obrigatório recolher a partir das 23h00.

Quanto aos restaurantes, ser-lhes-á permitido funcionarem no dia 31 de dezembro, até à 1h00, e servir almoços, no dia 1 de janeiro, até às 15h30. No natal, aplicar-se-á uma regra semelhante: poderão estar abertos até à 1h00 dos dias 24 e 25 e servir almoços até às 15h30, no dia 26.

De notar que, no natal, não se aplicará qualquer proibição de circulação entre concelhos e a proibição de circulação na via pública só se aplicará a partir das 2h00, nos dias 24 e 25. No dia 23, esse dever de recolher não se aplicará às pessoas que se encontrem em viagem.

Estas medidas serão reavaliadas a 18 de dezembro e só serão efetivamente postas em prática se a evolução da pandemia continuar “no bom caminho”, isto é, o primeiro-ministro admitiu endurecer as restrições durante a quadra festiva, se a situação mudar radicalmente e a crise sanitária piorar.

Fonte:Eco.pt

Concerto de Ano Novo em Mangualde

Vai ter lugar no dia 5 de janeiro, em Mangualde  o Concerto de Ano Novo,pelas 21h30, no Auditório do Complexo Paroquial de Mangualde.

Abrem-se as portas para um momento protagonizado pela Orquestra Poema. A noite será um tributo aos Queen, um dos maiores grupos de rock de todos os tempos. A iniciativa é de entrada livre.

A Orquestra POEMa, uma iniciativa da Câmara Municipal de Mangualde em parceria com o Conservatório Regional de Música de Viseu – Dr. José de Azeredo Perdigão, nasceu em 2013 e tem como intervenientes elementos das Bandas Filarmónicas do concelho de Mangualde, alunos e ex-alunos do Conservatório Regional de Viseu. Dirigida pelo Maestro Tiago Correia e com idades compreendidas entre os 12 e os 30 anos de idade, é composta por duas formações: Orquestra de Sopros e Orquestra de Câmara.

Concerto de Ano Novo em Fornos de Algodres

Um concerto de Ano Novo vai acontecer na Igreja da Misericórdia de Fornos de Algodres, no dia 6 de janeiro, pelas 16h30.

Assim o Orfeão da Santa Casa da Misericórdia de Gouveia, vai bonitas melodias, bem entoadas, numa iniciativa da ISCMFA.

Uma forma de iniciar o ano a cantar, “por uma Irmandade aberta”

Concerto de Ano Novo em Nelas com casa cheia

01n No âmbito do programa de animação promovido pelo Município de Nelas para assinalar a Quadra Natalícia “Nelas: Um Concelho onde se Canta o Natal”, decorreu neste domingo, 15 de Janeiro, na Igreja Matriz de Nelas, o último concerto deste ciclo com as actuações do Canto & Encanto, Coro Misto da Universidade de Coimbra e Grupo Coral do Santander Totta. Com a interpretação de temas marcantes e célebres desta época, como Noite Feliz, Gloria in Excelsis Deo e Avé Maria, os grupos brindaram a assistência com um concerto memorável que aplaudiu, calorosamente, a qualidade artística dos músicos.

O Presidente da Câmara Municipal de Nelas, José Borges da Silva marcou presença no evento e enalteceu aquele que foi mais um2n distinto momento cultural, agradecendo o especial apoio e disponibilidade do AMEF e do Canto e Encanto, bem como a hospitalidade de todas as Juntas de Freguesias ao acolherem esta enriquecedora iniciativa que, de uma forma tão especial, marcou a época natalícia no Concelho. Com o objectivo de aproximar a cultura junto dos munícipes, o Presidente referiu ainda a importância deste ciclo na dinamização e promoção do património religioso local, destacando a potencialidade destes espaços no acolhimento de eventos de natureza diversificada.

Assim, depois dos concertos nas Igrejas de Canas de Senhorim, Vilar Seco, Moreira, Senhorim, Lapa do Lobo, Santar, Aguieira e Carvalhal Redondo, coube agora a Nelas encerrar, com chave de ouro, esta iniciativa, ficando uma mensagem de um excelente e próspero ano de 2017 para todos os munícipes.

Por:Mun.Nelas