Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: castanha

Tag Archives: castanha

XI Festival da Castanha, em Prados

Prados, a aldeia mais alta do concelho de Celorico da Beira, vai acolher o XI Festival da Castanha, nos próximos dias 3 e 4 de novembro.  No fim-de-semana a seguir ao feriado do Dia de Todos os Santos, a Junta de Freguesia de Prados, Associação da Rede de Aldeias de Montanha e a Câmara Municipal de Celorico da Beira vão promover a XI Festa da Castanha de Prados, com o intuito de homenagear e valorizar a produção e transformação deste produto endógeno, na variante longal, o qual em associação com os cogumelos constituem uma das maiores iguarias do cabaz de sabores outonais desta região da Serra da Estrela.

A freguesia de Prados, enquanto aldeia de montanha reúne as condições de excelência para ser a maior produtora de castanha do concelho e terreno fértil para a proliferação de cogumelos pelo que, este ano programação deste evento está centrada não só na produção de castanha mas, também, na combinação deste dois produtos na gastronomia.

Da programação do evento destacamos no dia 3 de novembro, sábado, as jornadas técnicas O Castanheiro e os Cogumelos Silvestres”, a Oficina de cozinha – A Castanha e os Cogumelos Silvestres com o Chef Valdimir Lubave e o  um jantar temático  confecionado com a mestria do referido Chef. Por uma questão de logística, a participação nas atividades deste dia carecem de marcação prévia, bem como também, na caminhada “Rota dos Soutos”, no passeio fotográfico e, na oficina de pão tradicional com castanha no forno comunitário, no domingo.

No domingo, 4 de Novembro, Prados vai transformar-se numa autêntica montra de produtos locais e regionais, onde a castanha será a rainha da festa, em ambiente de grande animação, muitos comes e bebes e muita música popular com desgarradas, concertinas, grupos de cantares e ranchos folclóricos. O evento terminará com o tradicional magusto comunitário.

Aguiar da Beira acolheu 19ºdia aberto sobre a Castanha e Castanheiro

Decorreu nesta segunda feira, em Aguiar da Beira mais uma sessão do dia aberto, no âmbito do protocolo Centro de Interpretação Vivo do Castanheiro e da Castanha.

Esta sessão foi feita  em soutos privados de produtores do concelho, nos quais, foram demonstradas técnicas de apanha mecânica da castanha e transmitidos conselhos sobre a sua conservação.

Assim continuam as sessões técnicas que têm contribuído para que os produtores de castanha tenham mais e melhor produção.

foto:MAB

VIII Dia Aberto sobre a castanha e castanheiro em Trancoso

15317778_644520595728220_4776332769115808669_n Trancast – Reforço da cultura do castanheiro no concelho de Trancoso.

Decorreu nesta sexta-feira, ao longo da tarde, no auditório do pavilhão multiusos de Trancoso, mais uma sessão de esclarecimentos sobre o reforço da cultura do castanheiro, no âmbito do protocolo assinado entre a UTAD e o Município de Trancoso em 29 de julho de 2015.

Os pontos debatidos nesta oitava reunião foram os seguintes:

1- Caracterização do setor produtivo de castanha no concelho de Trancoso. Resultados preliminares;

2- Papel das abelhas na polinização do castanheiro. Apresentação resultados;

3- A produção de porta-enxertos híbridos Ca90 e ColUTAD;

4- Análise da campanha 2016.

Foram oradores: UTAD- Prof. Doutor José Gomes Laranjo, Prof. Doutor Paulo Russo e Eng. Hugo Martins.
Serviruri- Eng. C15203215_644520555728224_804502708956573775_narlos Ramos.

O principal objetivo destes encontros entre produtores e a equipa da UTAD é melhorar a produtividade do castanheiro no concelho de Trancoso, mediante a realização de um conjunto de ações de experimentação em soutos disponibilizados para o efeito, bem como através da transferência de conhecimentos quer para o Gabinete Técnico do Município, quer diretamente para os produtores.

Com esta colaboração com a UTAD, o Municipio de Trancoso pretende desenvolver, melhorar e aumentar a produção de castanha no concelho, inserindo esta ação no eixo estratégico de desenvolvimento que representa o reforço das atividades agrícolas.

Por:Mun.Trancoso

Milhares de pessoas na Feira da Castanha em Trancoso

IMG_1969 Trancoso foi a capital da castanha no passado fim de semana, que durante três dias, o pavilhão multiusos da cidade, recebeu milhares de pessoas para visitar este certame que vai na quarta edição, mas também para além da Castanha, outros produtos endógenos estiveram presentes e na grande maioria deles ligados à castanha.

Aconteceram diversos workshops sobre Micologia , castanha alguns“showcookings” com: Chef Marta Dionísio (food blogger “Intrusa na Cozinha”), Chef António Mauritti e Chef Lúcia Fonseca – Restaurante Dom Gabriel.

Diversos concertos Boss Ac e Sons do Minho e muitos grupos culturais do concelho, com o ponto alto, no sábado com a presença do programa da RTP “Aqui Portugal”que animou a tarde de sábado.

Na abertura esteve presente o Secretário de Estado das Autarquias Locais, Dr. Carlos Miguel e demais autarcas do concelho e limítrofes.IMG_1938

Já o Prof.Amílcar Salvador fez um balanço muito positivo do certame , referindo que “Trancoso é uma terra de feiras e mercados, a castanha de Trancoso é de excelente qualidade quer a martaínha e longal e representa entre 2,5 a 3 milhões de euros para os nossIMG_1960os produtores , 5% da produção nacional de castanha”.

Uma pequena homenagem a todos produtores e pessoas envolvidas na produção de castanha pelo município de bandarra.

Também alguns concursos foram realizados, aqui ficam os resultados:

Concurso “ Doçaria de Castanha” Bolos e Doces de Colher
1-º Casa da Prisca – Ouriços de Castanha
2.º Magda Santos – Empadas de Frango com Castanha
3.º António Antunes – Filó de Castanha

Concurso Doçaria de Castanha – Compotas e Geleias
1.º Casa da Prisca – Doce de Castanha
2.º Casa da Prisca – Compota com Castanha e Chocolate
3.º José Aires – Doce de Abóbora com Castanha

Concurso da Castanha – “Melhor Castanha de Trancoso 2016”
Castanha Martainha
1.º João Chaves – Guilheiro
2.º M.ª Inês Filipe dos Santos Borrego – Palhais
3.º Manuel Costa Santos – Miguel Choco

Castanha Longal
1.º Elsa Maria Paulo Santos – Miguel Choco
2.º Valdemar Monteiro – Souto Maior
3.º Tiago Santos – Chafariz do Vento

Concurso da “Melhor Castanha Pintada” promovido no Espaço Infantil da junta de freguesia de Trancoso e Souto Maior
1.º Inês Silva (8 anos)

Já Pedro Fidalgo, Técnico Municipal referiu que “Trancoso esteve em grande, um conjunto de atividades importantíssimas, presença muito forte de público, é já uma referência nacional.

Cerca de 2IMG_1979500 toneladas são produzidas, temos um trabalho de ter melhores soutos, com 250 produtores envolvidos e o Atelier criativo da castanha, com o objetivo de criar pratos e produtos novos com a castanha”.

A Chef Lúcia Fonseca referiu que”a castanha é um produto de excelência, é tudo uma forma de criar ,reinventar novas formas de a apresentar, é preciso abrir a alma ao nosso ser.

Era importante que todo o ano houvesse um produto de castanha, alias tenho a ideia de dois produtos que podem ter sucesso, o Crepe  e o Gelado de castanha”.

Dar aos produtores ferramentas para o desenvolvimento e a castanha produza mais.

Por:António Pacheco/Sofia Pacheco

Primeira largada de parasitoides no Concelho de Trancoso

0.18 tranco Realizou-se esta quarta-feira,18 de maio, a primeira largada de parasitoides para combater a vespa das galhas do castanheiro no Concelho de Trancoso.
A iniciativa contou com a presença do Presidente do Município Prof. Amilcar Salvador e do Vereador Humberto Almeida.
Esta ação decorreu, no Parque Municipal de Trancoso e irá acontecer em mais dezasseis localidades do Concelho tendo por objetivo mostrar os danos provocados por esta praga, demonstrar a técnica de largada dos parasitoides e fazer uma análi
018trancosose do processo, com representantes do Município de Trancoso, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro e da RefCast – Associação Portuguesa da Castanha.

Por;Mun.Trancoso

Castanheiro e castanha em destaque em Aguiar da Beira

casta 1 castaRealizou-se no sábado passado, no concelho de Aguiar da Beira,  o 5º dia aberto do Centro de Interpretação do Castanheiro e da Castanha dedicado à plantação do campo de demonstração, com a entrega de porta enxertos encomendados pelos produtores.
Foi proporcionado aos participantes através da demonstração uma técnica de execução de inóculo (semente de cogumelos micorrízicos) uma modalidade de melhorar significativamente a resistência e crescimento dos castanheiros.

Por:Mun.AB

Courelas leva a efeito S.Martinho Fest

Vai ter lugar na QuinS martinho fest 2015ta das Courelas, o Mercado de Sabores, durante vários fins-de-semana. Este evento pretende divulgar os saberes e sabores da região das beiras e não só…
A Quinta das Courelas que é um local de Emoções, Paixões, Prazeres, Paladares e Sabores da nossa Beira, vai realizar o São Martinho Fest nos dias 14 e 15 de Novembro de 2015.
Da ementa salientamos os seguintes pratos:
– Canja de Galo com Castanhas (só Sábado)
– Sopa Serrana (só Domingo)
– Bacalhau no Forno com Castanhas e Migas
– Borrego na Caçoila com Míscaros
– Arroz com Paladares do Campo
– Lombinho no Forno com Castanhas
– Cozido à Portuguesa com Castanhas (só Domingo)

Uma boa forma nesta fase que a Castanha é rainha, nada melhor que aproveitar e saborear algumas iguarias regionais com a Castanha.

 

Feira da Castanha e Paladares de Outono em Trancoso

Trancoso irá realizar nos dias 6, 7 e 8 de novembro mais uma edição da Feira da Castanha e Paladares de Outono.
Numa organização conjunta da Câmara e da empresa municipal Trancoso Eventos, a edição deste ano realiza-se no Pavilhão Multiusos da cidade de Trancoso. Após o enorme sucesso da edição de 2014, este ano a aposta será ainda maior com a duplicação do espaço destinado aos expositores.cartaz
A Feira da Castanha e Paladares de Outono 2015 contará com a participação de produtores de castanha, empresas de maquinaria agrícola especializada para a cultura de soutos, empresas comercializadoras de produtos para tratamento do castanheiro, empresas transformadoras da castanha, associações, cooperativas e instituições ligadas a este sector produtivo de enorme importância na região.
Diversos eventos vão integrar a programação da feira, envolvendo os produtores e o público potencial consumidor, como “showcookings”, conferências, exibição de jogos tradicionais e espetáculos musicais. No sábado, terá lugar a realização das “Jornadas Técnicas sobre o Castanheiro” no auditório do Pavilhão Multiusos de Trancoso.
No âmbito da parceria estabelecida entre a Câmara Municipal de Trancoso (CMT)e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) foi assinado, a 29 de julho de 2015, um protocolo tendo por objetivo promover o reforço da cultura do castanheiro no concelho de Trancoso.
Este protocolo pretende fomentar a implementação de práticas de cultivo conducentes à melhoria da produtividade do castanheiro no concelho de Trancoso, mediante a realização de um conjunto de ações de experimentação em soutos disponibilizados para o efeito, bem como através da transferência de conhecimentos quer para o Gabinete Técnico do Município, quer diretamente para os produtores.
A produção de castanha em Portugal é de cerca de 33 mil toneladas, das quais 70% são exportadas. Trancoso é responsável por 5% da produção nacional que gera para os produtores do concelho um rendimento de cerca de 3 milhões de euros anuais.
A área de castanheiro evoluiu em Trancoso de 855ha em 1999 para 1348ha em 2009, o que representa um aumento de 57%.
Trancoso integra uma das quatro regiões demarcadas de produção de castanha, a DOP “Soutos da Lapa”, detendo o maior número de explorações e área plantada nesta região.
As variedades protegidas por esta denominação de origem são a “Longal” e a “Martaínha”. Ambas podem ser utilizadas para o mercado de fresco ou para a indústria, têm bom sabor e poder de conservação. Sendo a variedade Martaínha mais precoce de maior calibre que a Longal, e por isso mais valorizada no mercado, tem merecido maior preferência dos produtores em detrimento da Longal.
A variedade de castanha “Martaínha” é verdadeiramente a imagem de marca da castanha de Trancoso e da DOP “Soutos da Lapa”.

Por:Mun.Trancoso

I Concurso de fotografia “Castanha e Paladares de Outono” em Trancoso

Está em curso até ao dia 25 de outubro de 2015 o 1.º Concurso de fotografia “Castanha e Paladares de Outono”.
cartazTem como objetivo apelar à criatividade dos cidadãos, bem como, promover e dinamizar a Feira da Castanha e Paladares de Outono que se irá realizar nos dias 6, 7 e 8 de novembro no Pavilhão Multiusos em Trancoso.

Regulamento:
O concurso fotográfico “Paladares de Outono” é um concurso organizado pela Câmara Municipal de Trancoso e pela Trancoso Eventos E.M., aberto à participação de todos os cidadãos que tenham o gosto por fotografia.
Objetivos:
1.1 – Um dos principais objetivos é desafiar a criatividade dos jovens e da população em geral para que desenvolvam hábitos culturais.
1.2 – O tema do concurso “Castanha e paladares de Outono” é um tema diversificado.Neste tema consideram-se enquadradas fotografias que retratem os diversos sabores e paladares do Outono na nossa região.
Pretende-se que cada trabalho fotográfico revele um olhar único e original sobre a realidade envolvente.
Concorrentes:
2 – O concurso é destinado a fotógrafos profissionais e amadores.
2.1 – Os concorrentes devem participar individualmente, ficando automaticamente excluídos trabalhos em grupo.
2.2 – Cada participante pode apresentar unicamente duas fotografias.
2.3 – As fotografias podem ser apresentadas a cores ou a preto e branco.
2.4 – Os trabalhos submetidos a concurso devem ser originais, ficando à responsabilidade de cada participante a originalidade dos trabalhos apresentados.
Todos os trabalhos devem ser enviados em formato digital até ao dia 25 de Outubro para o endereço de correio eletrónico: org.feiras@cm-trancoso.pt .
Os trabalhos selecionados serão premiados e expostos na Feira da Castanha e Paladares de Outono | Edição 2015.
Por:Mun.Trancoso

Município de Trancoso e a UTAD assinaram protocolo de colaboração

   Nesta quarta-feira, na cidade de Bandarra, foi assinado entre o Município de Trancoso e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) , um protocolo de colaboração que tem por objetivo promover o
reforço da cultura do castanheiro no concelho de Trancoso.
    O evento decorreu, pelas
10h30m, no Pavilhão Multiusos de Trancoso e contou com a presença do Presidente
do Município de Bandarra, Professor Amílcar Salvador, e do Vice-Reitor da UTAD,
Professor Doutor Artur Cristóvão, em representação das
duas instituições.

   Este protocolo pretende
fomentar a implementação de práticas de cultivo conducentes à melhoria da
produtividade do castanheiro no concelho de Trancoso, mediante a realização de
um conjunto de ações de experimentação em soutos disponibilizados para o
efeito, bem como através da transferência de conhecimentos quer para o Gabinete
Técnico do Município, quer diretamente para os produtores.

   O protocolo tem a duração de
36 meses e tem como eixos principais de intervenção a Instalação de uma unidade
de demonstração num souto adulto, pertença de um produtor do concelho, e
atividades de extensão com grupos de produtores, visando sensibilizar para a
adoção das práticas culturais mais adequadas às variedades de castanheiro e às
especificidades climáticas e de solo da região. Proporcionará ainda a realização
de uma tese de mestrado tendo como objeto de estudo a produção de castanha no
concelho e sua melhoria, a conceção e edição de um livro sobre melhores
práticas de cultivo e a efetivação de jornadas técnicas anuais sobre as
problemáticas da fileira da castanha.
   Com esta colaboração com a
UTAD, a CMT pretende desenvolver, melhorar e aumentar a produção de castanha no
concelho, inserindo esta ação no eixo estratégico de desenvolvimento que
representa o reforço das atividades agrícolas.

   A castanha representa no
concelho de Trancoso um produto agrícola de importância económica fundamental.
   O
concelho é responsável por cerca de 5% da produção nacional de castanha,
gerando um rendimento para os produtores de cerca de 3 milhões de euros anuais.
 Por: Município de Trancoso
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar