Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: CIM Viseu Dão Lafões

Tag Archives: CIM Viseu Dão Lafões

“Prove Viseu Dão Lafões 2018 – Mangualde” em outubro

Decorrerá no Largo Dr. Couto, em Mangualde, entre 4 e 6 de outubro, a terceira edição do “Prove Viseu Dão Lafões”, um evento enogastronómico dedicado aos vinhos e à gastronomia da região. “Prove Viseu Dão Lafões é o lema e o convite que fazemos a todos os presentes e a todo o país. Venham descobrir a nossa gastronomia, os nossos vinhos, a nossa paisagem, cultura e tradições”, sugere João Azevedo, Presidente do Município de Mangualde.

Desta iniciativa destacam-se cinco ações:

  • Mercado Gourmet: Exposição de vinhos, produtos tradicionais, produtos gastronómicos, produtos gourmet e delicatéssen para prova ou aquisição;
  • Sessões de cozinha ao vivo: Mediáticos chefes de cozinha preparam um receituário inovador com produtos da região;
  • Restaurante Show: Alguns dos melhores restaurantes da região oferecem a oportunidade de explorar os produtos e pratos regionais, disponibilizando pratos para degustação, dos 3 aos 10 euros;
  • Workshop temáticos sobre gastronomia e serviço de vinhos: Ações dirigidas a profissionais da hotelaria, restauração e turismo;
  • Wine Bars: Espaços que possibilitam a degustação dos melhores vinhos do Dão a copo.

O programa incluirá, ainda, música ao vivo e toda a programação estará brevemente disponível em http://www.proveviseudaolafoes.com. Contudo, o renomado Chef Chakall é já uma das presenças confirmadas, tal como a Chef Marlene Vieira

O “Prove Viseu Dão Lafões 2018 – Mangualde” dirige-se a apreciadores de vinhos e gastronomia, turistas, profissionais do setor ou simples curiosos, sendo a entrada livre. A iniciativa, organizada pela Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, conta com o apoio do Município de Mangualde, do Turismo Centro de Portugal e da Comissão Vitivinícola Regional do Dão. O projeto é co-financiado pelo programa operacional “Centro 2020” e foi apresentado esta sexta-feira em conferência de imprensa.

É um convite à redescoberta dos produtos de Dão Lafões, sendo ainda pretexto para uma viagem por esta zona do país e uma oportunidade para se ficar a conhecer melhor a cultura, o património, a paisagem e a crescente oferta turística dos 14 concelhos da região.

Por:Mun.Mangualde

Promover e Dinamizar o Enoturismo na região Viseu Dão Lafões

A CIM Viseu Dão Lafões, reuniu no passado dia 10 de setembro, segunda -feira, com os Vereadores e Técnicos dos Municípios para preparação de uma candidatura a apresentar ao Turismo de Portugal.

Esta candidatura pretende promover e dinamizar o Enoturismo na região Viseu Dão Lafões através do Programa Valorizar.

A reunião contou, também, com a presença da CVR Dão.

Por:CIM VDL

Concurso Municipal de Ideias de Negócio em Nelas

 “Water4life” de Daniela Matias e João Moura do Agrupamento de Escolas de Canas de Senhorim, foi a ideia vencedora do Concurso Municipal de Ideias de Negócio, que decorreu no dia 09 de maio 2018, no Edifício Multiusos de Nelas, no âmbito da 7ª edição das “Escolas Empreendedoras da CIM Viseu Dão Lafões”. Este projeto vencedor, que passa pelo desenvolvimento de uma App que controle o consumo de água doméstica, irá representar os alunos do Concelho de Nelas na final do Concurso Intermunicipal de Ideias, no próximo dia 30 de maio, em Viseu.

Entre as ideias apresentadas pelos alunos dos Agrupamentos de Escolas de Nelas e de Canas de Senhorim, estiveram vários projetos, tendo o júri deliberado para segundo e terceiro lugar, o projeto “TrumblerSenior” de Miguel Romão e Marco Pereira e o projeto “GreenForetsCare” de Carlos Pereira, Beatriz Santos e Francisca Polónio, respetivamente, do Agrupamento de Escolas de Nelas.

Os dez projetos a concurso foram avaliados por um júri, composto por representantes de diferentes áreas de negócio do Concelho, como turismo, informática e indústria automóvel, estando presente a Diretora do Balneário Termal das Caldas da Felgueira, Sara Santos, a responsável pelo Departamento de HSE na Empresa Faurecia, Diana Duarte, e o Gerente da Empresa Nucleotel, José Guedes, que assistiram a todas as apresentações dos alunos do ensino secundário e profissional dos dois Agrupamentos de Escolas, sendo este um momento de valorização dos alunos, das suas ideias e projetos. Aos concorrentes vencedores, a Câmara Municipal ofereceu um cartão oferta da FNAC.

A Vice-Presidente da Câmara Municipal de Nelas, Sofia Relvas, parabenizou e enalteceu todos os participantes que se destacaram pela sua atitude empreendedora e criativa, ferramentas cada vez mais importantes para uma integração dinâmica na sociedade atual e, futuramente, no mercado de trabalho.

Durante a deliberação do júri, o público assistiu a um momento musical com o Grupo de Cordas e o Quarteto de Trompas da Escola Municipal de Música, cujas aulas decorrem de segunda a sexta.

Por:Mun.Nelas

 

“Search Sick” venceu a fase municipal de Penalva do Castelo do Concurso de Ideias de Negócio 2016 das Escolas Empreendedoras da CIM de Viseu Dão-Lafões – nível secundário

ideia penaNo âmbito da iniciativa Escolas Empreendedoras da CIM (Comunidade Intermunicipal) de Viseu Dão-Lafões, encontra-se a decorrer o Concurso de Ideias de Negócio 2016, entre as escolas com ensino secundário do Distrito, evento que visa promover o empreendedorismo em meio escolar.

De forma a selecionar a melhor ideia de negócio do Município de Penalva do Castelo, que o representará na final regional, a realizar-se em Viseu no próximo dia 25 de maio, decorreu na tarde do passado dia 6 de maio, na Casa da Banda, a fase concelhia, em que foram apresentados 5 projetos / ideias de negócio, da iniciativa de alunos das turmas 11ºC – curso profissional de Técnico de Manutenção Industrial – variante Eletromecânica, e 12ºC – curso profissional de Técnico de Eletrónica, Automação e Computadores .
O projeto / ideia vencedora foi o defendido pelos alunos João Marques, João Santos e João Silva, que frequentam o último curso atrás referido, projeto designado de “Search Sick” – um software destinado à procura / localização de doentes em hospitais, de uma forma rápida, simples e eficaz.

Enquanto o Júri do concurso selecionava o melhor projeto, os alunos promotores de ideias de negócio, os seus colegas do ensino secundário regular e profissional e os professores acompanhantes puderam assistir a uma atuação dos alunos do 2º ciclo que integram o Clube de Música, o que se revelou um momento de animação do agrado geral.

Todos os concorrentes receberam prémios de participação, constituídos por produtos endógenos do concelho, oferecidos pela Câmara Municipal. A equipa vencedora foi premiada com um Jantar no Hotel de Charme “Casa da Ínsua”.

Com este projeto, que envolve alunos, professores e empresas, pretende-se reforçar o empreendedorismo, a criatividade e a inovação nos jovens em idade escolar e impulsionar o desenvolvimento sustentado da região Dão-Lafões.

Fonte: Agrupamento de Escola de Penalva do Castelo

NOME DESCRIÇÃO PROMOTORES E TURMA
 Sumix Uma máquina de criar cocktails de forma automática. José Miguel Carvalho e Ricardo Miguel Lopes, do 12ºC
Robot LGF 1216 Um robot que permite fazer reparações ou entregar materiais em sítios de difícil acesso. Filipe Marques, Luís Miguel Lopes
Pedro Ferreira, do 12ºC
Search Sick Um software utilizado para procurar doentes em hospitais, de uma forma mais rápida, simples e eficaz. João Marcelo Marques, João Paulo Santos e João Carlos Silva, do 12ºC
Esmolfe Compotas Geleia / compota de maçã Bravo de Esmolfe em embalagens semelhantes às dos dentífricos. André Filipe Sousa e Diogo Filipe Cabral, do 11ºC
Sempre Alerta Uma aplicação para telemóvel que impede que os condutores de veículos adormeçam ao volante. Paulo Miguel Duarte, Ruben Leandro Costa e Sérgio Pereira, do 11ºC

Operação “Crescer em Segurança”

gnrA Guarda Nacional Republicana (GNR) promove entre os dias 18 e 20 de novembro, ações de sensibilização, no âmbito da operação “Crescer em Segurança”, com o objetivo de alertar a comunidade escolar para os direitos das crianças, e para as questões relativas à exploração e abuso sexual das mesmas.

Aceda a http://goo.gl/RReUHF e saiba mais pormenores.

Por:GNR Guarda

10 milhões de euros para regeneração urbana na cidade

Apresentada política de cidades para
Mangualde

‘Não estamos mais na
fase do se… agora é a hora de concretizar’. Foi assim que João Azevedo,
Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, se referiu ao Programa Operacional
Centro 2020, ontem apresentado na Biblioteca Municipal. Numa cerimónia que
contou com  protagonistas e agentes deste quadro comunitário, o Presidente
da Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, Dr. José Morgado, o
Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Dr. Nuno Martinho e a Presidente
da Comissão de Coordenação da Região Centro, Professora Ana Abrunhosa.

 Na conferência,
ouviram-se ainda as intervenções mais técnicas e explicativas destes programas.
O Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial de Viseu Dão Lafões 2020
foi apresentado pelo Secretário Executivo da CIM e pelo Dr. José Paulo
Queirós. Ficou claro o forte empenho e a grande vitória alcançada para toda
a região com a atribuição de 40 milhões de euros. Um Pacto que se quer de
compromisso, participativo, inovador e sustentável.

João Azevedo
congratulou-se com os investimentos que este pacto vai possibilitar em
Mangualde, assim como o efeito de alavanca que os mesmos vão representar na
economia local, com investimento público e privado. A cidade de Mangualde terá
um importante papel enquanto motor do desenvolvimento. João Azevedo afirmou
ainda que Mangualde no último quadro comunitário apresentou uma
taxa de execução quase plena a rondar os 100%.

 Depois de apresentado a
intervenção ao nível da CIM, foi a vez do arquiteto José António Lopes
apresentar o Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano da Cidade de
Mangualde, integrado na Política de Cidades. Depois de explicados sumariamente
o Plano de Mobilidade Sustentável e a Intervenção nas
Comunidades Desfavorecidas, as atenções centraram-se na Reabilitação Urbana e
no efeito positivo que esta vai representar na recuperação e afirmação do
concelho e da cidade de Mangualde em particular.

 João Azevedo ao definir
no seu executivo uma área denominada como ARU (Área de Reabilitação Urbana) vai
possibilitar aos privados uma oportunidade única dentro daquele perímetro. O
centro da cidade vai poder ser requalificado e recuperar a dignidade e
qualidade que merece pela sua importância. O Presidente da Câmara de Mangualde
abre  mão de fundos comunitários e de receitas municipais em favor dos
particulares e do investimento privado ao repartir com eles benefícios. O
autarca apelou a toda a audiência presente para encarar esta janela
de oportunidades e recuperar as suas habitações, afirmando estar a ser criado
um gabinete no CIDEM para prestar todo o tipo de apoio aos investidores
provados que pretendam candidatar-se a estes fundos.  Este plano visa a
promoção da cidade e representa um ganho imenso para particulares e promotores.

 ALGUNS DOS BENEFÍCIOS FISCAIS QUE A CÂMARA MUNICIPAL VAI OFERECER DECORRENTES DO PROCESSO DE DELIMITAÇÃO
DA ÁREA DE REABILITAÇÃO URBANA

O
Regime Jurídico da Reabilitação Urbana (RJRU) estabelece a necessidade da entidade
gestora
que pretenda levar a cabo uma Operação de Reabilitação Urbana,
definir o quadro dos benefícios fiscais associados aos impostos municipais
sobre o património e garantir aos proprietários o acesso a apoios e incentivos
fiscais e financeiros à reabilitação urbana.

Cabe
assim ao Município de Mangualde, enquanto entidade gestora, estabelecer
o conjunto dos benefícios fiscais e demais incentivos à reabilitação urbana que
estejam associados à constituição legal da ARU do Centro de Mangualde, bem como
definir os mecanismos e procedimentos administrativos necessários para que os proprietários
interessados possam de facto aceder a tais benefícios e incentivos
.

Com
a aprovação de uma ARU (e publicação em sede de Diário da República), os
proprietários cujos prédios urbanos sejam abarcados por esta delimitação e
cujas obras de reabilitação se tenham iniciado após janeiro de 2008 e se
venham a concluir até dezembro de 2020, passam a usufruir dos seguintes
benefícios fiscais:

IMI
– os prédios urbanos objeto de ações de
reabilitação são passíveis de isenção por um período de cinco anos, a contar do
ano, inclusive, da conclusão da mesma reabilitação, podendo ser renovada por um
período adicional de cinco anos (n.º 7 do artigo 71º do EBF);

IMT
– são passíveis de isenção aquisições de
prédio urbano ou de fração autónoma de prédio urbano destinado exclusivamente a
habitação própria e permanente, na primeira transmissão onerosa do prédio
reabilitado (n.º 8 do artigo 71º do EBF);

IRS
– dedução à coleta de 30% dos encargos
suportados pelo proprietário relacionados com a reabilitação, até ao limite
500€ (n.º 4 do artigo 71º do EBF);

Mais-valias – tributação à taxa reduzida de 5%,
quando estas sejam inteiramente decorrentes da alienação de imóveis
reabilitados localizados em ARU e recuperados nos termos das respetivas
estratégias de reabilitação de urbana (n.º 5 do artigo 71º do EBF);

Rendimentos
Prediais – tributação à taxa reduzida de 5%, quando
os rendimentos sejam inteiramente decorrentes do arrendamento de imóveis
localizados em ARU e recuperados nos termos das respetivas estratégias de
reabilitação de urbana (n.º 6 do artigo 71º do EBF).

Simultaneamente,
está previsto um conjunto de benefícios para Fundos de Investimento Imobiliário
em reabilitação urbana, a saber:

      Isenção de IRC, desde que pelo menos 75% dos seus ativos
sejam imóveis sujeitos a ações de reabilitação localizadas em ARU;

Tributação
das unidades de participação à
taxa especial de 10%, em sede de IRS e IRC, nos termos previstos nos números 2
e 3 do artigo 71º do EBF.

Convém
ainda referir que o quadro de benefícios fiscais decorrente deste regime
extraordinário de apoio à reabilitação urbana previsto no Estatutos dos
Benefícios Fiscais pode ainda abranger imóveis que, mesmo que estejam
localizados fora de ARU, sejam prédios urbanos arrendados com rendas antigas
que tenham sido objeto de ações de reabilitação
(alínea a) do ponto 21º do
artigo 71º do EBF: prédios urbanos arrendados passíveis de atualização faseada
das rendas, nos termos dos artigos 27.º e seguintes do Novo Regime do
Arrendamento Urbano, NRAU).

Outra
importante medida de estímulo aos processos de reabilitação urbana em ARU
decorre de uma alteração ao Código do Imposto sobre o Valor Acrescentado,
mais concretamente o seguinte incentivo:

IVA – será aplicada a taxa reduzida de 6%
em empreitadas de reabilitação urbana
,, realizadas em imóveis ou em espaços
públicos localizados em áreas de reabilitação urbana.
Por: Mun.Mangualde

Rui Vinhas (W52-Quinta da Lixa) vence GP Dão em ciclismo

Realizou-se
este fim de semana, o Grande Prémio do Dão em Ciclismo, com triunfo a sorrir a
Rui Vinhas (W52-Quinta da Lixa).
foto:Mun.Mangualde
Prova
que se realizou em duas etapas, a primeira a ligar Nelas a Mangualde, com o
triunfo de Rui Vinhas, já na segunda etapa que se desenrolou no domingo,
ligando Penalva do Castelo a Viseu, saiu vencedor  Alejandro Marque
(Efapel).

Desta
forma, foi uma prova que trouxe o ciclismo a diversas localidades que nunca a
modalidade tinha sido vista, mas no compto geral foi positivo, foi uma união de
esforços de diversos municípios. 
 Rui
vinhas foi o camisola amarela no total das duas etapa e por isso, o grande
vencedor,
Alejandro
Marque conquistou a classificação dos pontos, Joaquim Silva (W52-Quinta da
Lixa) foi coroado rei dos trepadores. João Rodrigues (Team Tavira) foi o melhor
jovem .
 Geral
Individual
1.º
Rui Vinhas (W52-Quinta da Lixa), 7h24m15s
2.º Delio Fernández (W52-Quinta da Lixa), a 19s
3.º Bruno Sancho (Anicolor), a 23s
4.º Samuel Caldeira (W52-Quinta da Lixa), a 33s
5.º Filipe Cardoso (Efapel), mt
6.º Gustavo Veloso (W52-Quinta da Lixa), a 35s
7.º Ricardo Mestre (Team Tavira), mt
8.º António Carvalho (W52-Quinta da Lixa), a 52s
9.º Joaquim Silva (W52-Quinta da Lixa), a 54s
10.º Moises Dueñas (Louletano-Ray Just Energy), a 1m10s
Por:António Pacheco

Rally Vinho do Dão promovido em Nelas

  No âmbito
da Prova “Vodafone Rally de Portugal”, o piloto de Famalicão, Miguel
Jorge Barbosa, esteve ontem em Nelas a fazer testes de preparação para
esta Prova, ao volante do Ford Fiesta R5 da equipa ARC Sport, em parte
do troço “Moinhos”, freguesia de Senhorim, percorrido até 2004 aquando
da realização do antigo Rally de Nelas. Este foi para o Piloto o
primeiro contacto com o carro em pisos de terra, tendo realizado entre 30 a 40 Km, o que lhe permitiu perceber as potencialidades do veículo utilizado.

  
Neste contexto e porque esta iniciativa vem de encontro à promoção da
realização do “Rally Vinho do Dão”, prova organizada pelo Clube
Automóvel do Centro e que faz parte do Campeonato FPAK de Ralis, a ter
lugar nos dias 24 e 25 de Outubro 2015, em Nelas, o Presidente da Câmara
Municipal de Nelas aproveitou o momento para reforçar aos órgãos de
comunicação social, que estiveram presentes, a importância deste grande
evento que aqui se vai realizar e que certamente trará ao Concelho
muitos adeptos desta modalidade, e que terá uma excelente repercussão
das potencialidades turísticas, económicas e sociais do mesmo.
   A
convite do Piloto Miguel Barbosa, o Presidente da Câmara Municipal fez
um teste e sentiu desta forma a adrenalina e a emoção do rali.
   O
culminar desta ação teve lugar na Avenida João XIII em Nelas, com a
plantação de uma tília pelo Piloto, que ao aceitar o desfio do
Presidente da Câmara, contribuiu desta forma para a melhoria do meio
ambiente.
Por: Mun.Nelas

Municipio de Nelas assina Protocolo Programa Aproximar

Loja do cidadão a chegar

Decorreu em Leiria na
presença do Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Dr. Miguel
Poiares Maduro, do Secretário de Estado da Administração Local, do
Secretário de Estado da Modernização Administrativa e do Secretário de
Estado da Justiça, a assinatura  o protocolo que irá permitir ao Município de Nelas
participar na primeira fase do Programa Aproximar, que tem por objetivo facilitar a vida dos cidadãos, que num espaço único vão poder aceder a uma maior diversidade de serviços, com a assinatura do Dr. José Manuel Borges da Silva, Presidente da Câmara de Nelas .

 Este Programa Aproximar, da iniciativa do Governo Central, teve a sua
concretização inicial em todos os 14 Municípios da CIM Viseu Dão Lafões
(bem como os integrantes de outras três CIM piloto), municípios esses
que pelo punho dos respetivos Presidentes de Câmara também assinaram
semelhante protocolo.
Com este contrato foram garantidas a
instalação e gestão de uma Loja do Cidadão em Nelas, onde estarão à
partida os Serviços de Finanças, Segurança Social e o Espaço Cidadão,
serviço este que também se encontrará disponível a curto prazo no Espaço
do Cidadão da Junta de Freguesia de Canas de Senhorim e do Espaço do
Cidadão em Santar na Junta de Freguesia da União de Freguesias de
Santar- Moreira.
Está desta forma assegurada a continuidade, com
segurança de qualidade e valências, no Concelho de Nelas dos serviços
públicos de finanças, segurança social e registo e notariado, sendo que
estes últimos não serão integrados, pelo menos numa primeira fase, na
futura Loja do Cidadão permanecendo nas suas instalações da Av. João
XXIII.
Fica, pois, desta forma dissipada a nuvem negra que pairava
sobre o Concelho de Nelas deste 2013 do encerramento da Repartição de
Finanças de Nelas, encerramento que mereceu o mais veemente protesto por
parte da Câmara desde então.
Fica ainda aberta a possibilidade de
instalação de outros serviços que sejam pertinentes dentro do conceito
da Loja do Cidadão e que queiram associar-se. A assinatura deste
protocolo irá ainda implicar a apresentação de uma candidatura aos
fundos comunitários que financia 85% da reabilitação de um edifício de 3
pisos na rua Gago Coutinho onde a referida estrutura ficará situada.
Com a implementação deste Programa, o Executivo Municipal assegura a
manutenção destes serviços públicos no Concelho e promove a
descentralização junto da população, realizando desta forma também o seu
compromisso de proximidade e acesso digital dos munícipes e empresas
aos serviços públicos, acesso este cada vez mais justificados fruto do
dinamismo económico que aqui se verifica.
por:Mun.Nelas

INAUGURAÇÃO DO CENTRO INTERPRETATIVO DA VINHA E DO VINHO DE MANGUALDE

Adega Cooperativa de Mangualde   A cerimónia de inauguração do Centro Interpretativo da Vinha e do Vinho de Mangualde terá lugar no dia 20 de março de 2015 (sexta-feira), às 16h00, na sua sede,
e contará com a presença do Sr. Secretário de Estado da Agricultura, Eng.º José
Diogo Albuquerque.

  O programa do evento inclui a Sessão Solene de Inauguração, seguida de uma
visita ao Centro Interpretativo, e, como não poderia deixar de ser, um Dão de
Honra com os vinhos da Adega de Mangualde, brinde a este acontecimento de
grande relevância turística, sociocultural e económica.
  O Centro Interpretativo da Vinha e do Vinho de Mangualde resulta de uma
candidatura ao Subprograma 3 do PRODER Abordagem LEADER –Conservação e Valorização
do Património Rural e visa recriar, num só local,todo o ambiente vitivinícola,
associado a elementos de caráter patrimonial e turístico.
  A exposição permanente foi concebida de modo a permitir ao visitante conhecer
todo o processo de produção do vinho
, assim como as tradições e experiências sensoriais que lhe são
inerentes, desde o cultivo da videira à degustação do vinho.
  Trata-se de um projeto com impacto social e turístico, que marca e promove
a identidade e a autenticidade cultural da região.
  Efetivamente, a cultura vitícola, aliada ao patrimônio monumental,
artístico, natural e gastronómico, tem um papel fulcral no desenvolvimento da
economia regional.
  Na medida em que oferecem um leque de experiências
e sensações inigualáveis, os vinhos e atividades conexas, enquanto produtos
enoturísticos, merecem a nossa atenção. 
fonte:Adega Cooperativa Mangualde
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar