Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: economia

Tag Archives: economia

Feira Quinzenal em Fornos de Algodres antecipada para 31 de dezembro

                                                  AVISO

O Município de Fornos de Algodres informa todos os feirantes, comerciantes e população em geral, que a Feira Quinzenal, correspondente ao dia 1 de janeiro de 2018, vai ser antecipada para o dia 31 de dezembro de 2017 (domingo).

Nelas sai do Plano de Ajustamento Financeiro e Reestruturação

Foi assinado, o Despacho Conjunto do Secretário de Estado das Autarquias Locais, do Secretário de Estado do Tesouro e do Secretário de Estado do Orçamento, que retira a Câmara de Nelas de qualquer medida de acompanhamento, controlo e assistência financeiras que, por desequilíbrio financeiro estrutural confirmado pela própria Câmara e Assembleia Municipal, lhe foi imposta em final do mandato anterior em 2012 pelos representantes governamentais da época.
Nesta altura, em 2012, a dívida da Câmara ultrapassou os 15,3 milhões de euros, muito acima do valor máximo de endividamento permitido por lei. Desde então a dívida baixou significativamente, cifrando-se já no final de 2016, num total 11,3 milhões de euros (incluindo as dívidas das associações em que participa) e prevendo-se que em final de 2017 fique abaixo dos 10 milhões de euros.
Este Despacho Conjunto decreta a suspensão do Plano de Ajustamento e Reestruturação impostos pelo recurso ao PAEL e a empréstimos para reestruturação financeira e acaba com todas as medidas que estavam proibidas à Câmara de Nelas, como seja admitir trabalhadores no quadro (que foi obrigado a reduzir dos 350 trabalhadores para os atuais 165), contratar empréstimos novos (o que não aconteceu pela primeira vez no atual mandato) ou baixar impostos e taxas, como o IMI (impostos esses elevados à sua taxa máxima).
O mesmo Despacho governamental confirma a excelente evolução da gestão financeira da Câmara de Nelas no atual mandato em que procedeu ao escrupuloso cumprimento de todas as obrigações impostas para retirar o Município de uma situação de falência.
É, pois, o restabelecimento da total autonomia administrativa e financeira da autarquia, consagrada na Constituição e que se deve, para além de uma sã e rigorosa gestão, evidentemente ao esforço fiscal imposto a todos os munícipes, famílias, instituições e empresas obrigadas a contribuir para a recuperação do desequilíbrio das finanças municipais contraído nos dois mandatos anteriores.
A decisão governamental adverte, todavia, que as medidas do Plano Ajustamento Financeiro, incluindo as taxas máximas, poderão regressar caso se volte a ultrapassar o limite do endividamento máximo legalmente permitido e que era em 2016 de 12,7 milhões de euros.

Por:Mun.Nelas

Espaço comercial “Meu Super” abriu em Nelas

19732295_1492538420769108_514586295877811071_n Foi  inaugurado, nesta sexta-feira, o segundo espaço comercial “Meu Super” no Concelho, desta feita na Vila de Nelas com um franchising, nas instalações da empresa Mathias SA e contou com as presenças do Presidente e da Vice-Presidente da Câmara Municipal que parabenizaram o Dr. Francisco Paula, Administrador do Mathias SA e o Dr. Antonio Filipe ,Diretor Geral e Administrador do Grupo “Meu Super”, pela abertura deste novo supermercado na Vila de Nelas que registou uma afluência de centenas de clientes que quiseram conhecer o novo espaço comercial com uma área de 1000 m2.

“Meu Super” é a marca das novas lojas de proximidade em formato de franchising do grupo Sonae MC, localizadas em zonas habitacionais ou19756351_1492538557435761_8317009454726891201_n de serviços, com elevado tráfego pedonal. Este formato baseia-se na distribuição de proximidade, em moldes bastante competitivos, com o know-how comprovado pela liderança apresentada da Sonae no mercado e por décadas de experiência na gestão de lojas próprias, mantendo o Mathias SA a diversidade e qualidade de produtos frescos que sempre nos habitou.

Por:Mun.Nelas

“Novos conceitos, modelos de organização e de governança” debatidos em Mangualde

0Mangualde acolheu, na passada sexta-feira, 2 de junho, o debate sobre “Novos conceitos, modelos de organização e de governança”. A temática esteve em análise no Congresso Nacional da Economia Social 2017 que decorreu na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves. A iniciativa foi promovida pelo Conselho Nacional para a Economia Social e contou com o apoio da Câmara Municipal de Mangualde e da Caixa de Crédito Agrícola.

João Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, abriu a sessão, juntamente com Eduardo Graça, Presidente da CASES – Cooperativa António Sérgio para a Economia Social, e o Padre Vítor Melícias, Presidente da Mesa do Congresso. Os temas em debate foram variados: “Saúde e Economia Social”, “A Economia Social e Solidária – novos conceitos, origens e designações no debate nacional e europeu”, “Economia social e desenvolvimento socioeconómico – atualidade e mudança” e “Economia Social – novos modelos de organização, governança e financiamento”. O encontro encerrou com a intervenção de Francisco Silva – Presidente da Comissão Organizadora do Congresso.

Por:Mun.Mangualde

Workshop sobre Internacionalização e Apoio às Empresas decorreu em Nelas

0nelasA Câmara Municipal de Nelas e a AIRV (Associação Empresarial da Região de Viseu) realizaram nesta sexta-feira, um Workshop sobre Internacionalização e Apoio às Empresas, nas instalações do Edifício Multiusos, onde foi apresentado o “Projeto Exportar + e a sensibilização sobre a importância da internacionalização para a competitividade das PME’s”, bem como os apoios às empresas no âmbito do Portugal 2020, por José Ferreira, Consultor. Em representação da AIRV esteve a Dra. Francisca Peixoto.

Na sessão de abertura, o Presidente da Câmara Municipal de Nelas, José Borges da Silva, deu as boas vindas a todos os presentes, tendo deixado uma palavra de incentivo às empresas participantes, desde o setor agrícola à área de contabilidade e consultoria, certo que este workshop será um importante contributo para um melhor conhecimento sobre os mercados e do estímulo a iniciativas coletivas de cooperação interempresarial para a internacionalização dos bens e serviços produzidos na região. Referiu ainda que estão a surgir no Concelho novos investimentos, nomeadamente na área da reabilitação urbana de comércio e indústria, ambiente, economia e turismo, áreas fulcrais para o desenvolvimento do Concelho.

A AIRV tem disponível procedimentos e verbas no âmbito deste Projeto Exportar. Igualmente e no âmbito do protocolo de colaboração e parceria com aquela Associação Empresarial, na Unidade Empreende da Câmara Municipal de Nelas pode ser obtida toda a informação e apoio sobre este Projeto e todos os outros, em todas as áreas de atividade, da agricultura à indústria, do comércio ao turismo.

Por:Mun.Nelas

 

workshop sobre Internacionalização e Apoio às Empresas

cmmO Centro de Inovação e Dinamização Empresarial de Mangualde (CIDEM) acolhe, no próximo dia 17 de outubro, um workshop sobre Internacionalização e Apoio às Empresas. A iniciativa, promovida pela AIRV – Associação Empresarial da Região de Viseu, conta com o apoio da Câmara Municipal de Mangualde e tem início às 17h00.

 A sessão de abertura será proferida pelo edil mangualdense, João Azevedo, e pelo Presidente da AIRV, Carlos Marta. Segue-se a apresentação do Projeto ‘Exportar +’ e a sensibilização sobre a importância da internacionalização para a competitividade das PME’s, por José Costa, Consultor. O ‘Apoios às empresas no âmbito do Portugal 2020’ será explicado por Miguel Pipa, Consultor. No final haverá um espaço para debate, estando previsto o termino para as 18h15.

 Todos os interessados podem fazer a sua inscrição na AIRV (Edifício Expobeiras – Parque Industrial de Coimbrões 3500-618), pelo telefone 232 470 290, pelo fax 232 470 299 ou pelo email geral@airv.pt.

 PROGRAMA

17h00 | AberturaJoão Azevedo, Presidente do Município de Mangualde e Carlos Marta, Presidente da AIRV

17h10 | Apresentação do Projeto ‘Exportar +’ e sensibilização sobre a importância da internacionalização para a competitividade das PME’s – José Costa, Consultor

17h40 | Apoios às empresas no âmbito do Portugal 2020 – Miguel Pipa, Consultor

18h00 | Debate

18h15 | Encerramento

Por:MM

Santinho Pacheco encabeça Lista do PS/Guarda nas Legislativas

foto:JA

Com aproximar das eleições Legislativas no nosso País, os partidos vão assim organizando as suas listas e desta feita, o Partido Socialista vai já caminhando e tem já o seu cabeça de lista definido para o distrito da Guarda, Santinho Pacheco,
uma figura que dispensa apresentações, dado que todo o seu passado na política e nos diversos cargos que ocupou.
Assim foi autarca  durante vários anos no concelho de Gouveia e mais recentemente foi Governador Civil na Guarda, face a isso, e perante um passado com tanta qualidade, vai agora lutar por um lugar na Assembleia da República.
Desta forma , uma figura de peso para os socialistas no círculo da Guarda.

MANGUALDE DESTACOU OS PRODUTOS DA TERRA E O CABRITO

  No passado fim
de semana, 23 e 24 de maio, o Largo Dr. Couto, em Mangualde acolheu com sucesso
a IV edição da Feira dos Produtos da Terra e o Fim de Semana Gastronómico do
Cabrito. Com o objetivo de dinamizar os produtores da terra e promover os
produtos que a região nos oferece, a iniciativa desenvolveu-se numa ação
conjunta entre a Câmara Municipal de Mangualde e a Cooperativa Agropecuária dos
Agricultores de Mangualde – COAPE e que contou com o apoio da Cidade
d’Excelência Associação e do Gabinete de Agricultura de Mangualde. Na sessão de
abertura do evento marcou presença o Presidente da Câmara Municipal de
Mangualde, João Azevedo, e a Vereadora da Autarquia, Maria José Coelho.

  Diversos produtos,
entre os quais, o vinho, o mel, o queijo, a fruta (maçã, cereja, mirtilo),
licores, a doçaria, as batatas, as cebolas, as ervilhas, as favas, as couves, o
feijão, as azeitonas, os ovos, os frutos secos, o azeite, os enchidos, a
pastelaria, o artesanato, entre outros, fizeram parte integrante deste fim de
semana gastronómico que foi de novo um marco no município de Mangualde. O fim
de semana foi ainda recheado de muita animação, com os espetáculos da
Associação Cultural e Recreativa Bacatela, da Tuna Convívio de Santiago de
Cassurrães, do Rancho Folclórico “Os Camponeses da Mesquitela”, do Rancho
Folclórico de Mangualde, da Tuna Académica Infantuna Cidade de Viseu e da
Sloebush Band.
  Em paralelo,
realizou-se ainda, o Fim de Semana Gastronómico do Cabrito nos restaurantes
aderentes: A Tasquinha, o Cantinho dos Petiscos, Casa do Ermitão, Cascata de
Pedra, Os Galitos, Gestur, Hotel Cruz da Mata, Hotel Sr.ª do Castelo, Hotel
Rural Mira Serra, O Valério e Rio Dão, onde foi possível saborear deliciosas especialidades
em cabrito.

CIDEM vai dar impulso ao desenvolvimento empresarial local

Cidem vai alavancar Economia Local   A Câmara Municipal de Mangualde inaugurou ontem, 26 de
março, o CIDEM – Centro de Inovação e Dinamização Empresarial de
Mangualde, o mais recente projeto da autarquia e que promete desenvolver
a economia. A sessão contou com a presença de Ana Abrunhosa, presidente
da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro –
CCDRC, de José Morgado Ribeiro, presidente do Comunidade Intermunicipal
Viseu Dão Lafões – CIM, de Francisco Carvalho, presidente da Associação
de Desenvolvimento do Dão, e de João Azevedo, presidente da Câmara
Municipal de Mangualde.
  Na cerimónia foi ainda apresentado um vídeo que
apresenta este CIDEM. Ver aqui.
Situado na Rua do Grémio, em Mangualde, o CIDEM vai alavancar o concelho, funcionando como acelerador de projetos de inovação. “Este
centro será um motivador, um dinamizador, um potenciador do
empreendedorismo. Demos vida a um espaço recheado de história mas que
estava velho. Ganhou agora uma vida que vai alavancar a economia e os
diversos setores da economia. Temos de apostar nos setores onde somos
fortes, nos nossos produtos endógenos”
considerou o presidente mangualdense.
  Este empreendimento nasceu da reconversão de um histórico edifício de
1905, o antigo Grémio, localizado no coração da cidade de Mangualde,
doado pelos membros do Grémio, e perante os quais a Câmara Municipal de
Mangualde se sente grata. Esta gratidão fica para sempre refletida numa placa de agradecimento colocada e descerrada ontem no CIDEM.
  O CIDEM é um projeto que tem como parceiros a Patinter SA, Felmica
SA, Peugeot Citroen Automóveis Portugal SA e Sonae Indústria SA, e onde
foram investidos 500InauguracaoCIDEM 04 mil euros, com uma comparticipação de 85% por fundos comunitários. “Pretendemos
que funcione como um serviço de proximidade a jovens e menos jovens,
que queiram criar o seu próprio negócio e contribuindo para a
alavancagem do concelho”
, sublinhou João Azevedo que acredita que este centro é também uma forma de “mobilizar
os mais jovens, no sentido de tentar novas oportunidades, novos
negócios através da inovação e criatividade, evitando que saiam do
concelho”.

  Na inauguração o presidente mangualdense destacou ainda o facto de
Mangualde ser um concelho muito vocacionado para o setor empresarial,
com grandes empresas nacionais. “No entanto, é necessário arranjar outras alternativas, novos negócios, que acredito que vão surgir rapidamente”, mencionou.

PRIMEIRA EMPRESA INSTALADA

   A Aeroprotechnik – especialistas em inspeção e mapeamento
aéreo com recurso a veículos aéreos não tripulados, é a primeira empresa
a instalar-se no Centro empresarial e foi apresentada ontem, durante a
sessão de inauguração, pelo Engº Nuno Marques, Administrador – Fundador da
mesma. Trata-se de uma empresa de engenharia que fornece serviços na
área da inspeção aérea em zonas de difícil acesso, caracterizando-se por
serem mais seguros, mais rápidos, mais eficazes, com custos eficientes.

  Ao abrigo deste projeto, Mangualde lança assim uma oferta
integrada de acolhimento empresarial em espaço urbano, com gestão
integrada, vocacionada para atividades centradas em serviços baseados na
criatividade e novas profissões.

Fonte:CMM

Auditoria externa às contas do município de Fornos de Algodres em fase de conclusão

foto:AP

  O presidente da
Câmara Municipal de Fornos de Algodres, Manuel Fonseca , revelou que está em fase de conclusão uma auditoria externa às contas do
município, que incide no exercício de 2012.

“A
auditoria está praticamente fechada” e o relatório será apresentado em
reunião de câmara e na Assembleia Municipal, disse  o autarca à
agência Lusa.

  Sem adiantar muitos pormenores sobre o assunto,
Manuel Fonseca revelou que “relativamente à questão da dívida, [a
auditoria refere que] não era aquela que só existia contratualizada com a
banca”.
“Neste momento, já contabilizámos perto de três milhões
de euros de dívidas que não estavam contratualizadas na câmara, que não
tinham qualquer tipo de procedimento, que não tinham qualquer tipo de
concurso, mas isso também já sabíamos”, acrescentou.
Segundo o
responsável, a dívida contratualizada é de 30 milhões de euros, mas
“apareceram mais três milhões de euros” de compromissos e alguns dos
processos estão a tramitar no Tribunal Administrativo e Fiscal de
Castelo Branco porque o atual executivo não assumiu os encargos que
desconhecia.
“Queremos, de uma vez por todas, saber com aquilo que
contamos”, disse, explicando que desde que assumiu a presidência da
autarquia de Fornos de Algodres, tem sido surpreendido por “muita gente”
que diz que a câmara “deve mais isto e mais aquilo”.
Manuel
Fonseca indicou que a auditoria financeira que está em fase de conclusão
incide sobre as contas do município do ano de 2012, quando era liderado
pelo social-democrata José Miranda.
“O interesse da câmara é
saber aquilo que existe, de maneira a que possamos, a partir de agora,
ter um novo caminho e esse caminho seja trilhado com sustentabilidade”,
justificou, assegurando que com a realização do exame às contas
municipais “não há nenhuma questão de caça às bruxas”.
A autarquia
de Fornos de Algodres recorreu ao Fundo de Apoio Municipal (FAM), para
renegociar a dívida e para que possa ter uma “almofada financeira” para
os próximos anos, segundo o seu presidente.
fonte:Lusa/Beiras.pt
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar