Templates by BIGtheme NET
Início » Tag Archives: gnr

Tag Archives: gnr

GNR- Atividade operacional diária

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de ações policiais, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de hoje, sábado. Estas ações visaram, não só, a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, como também a fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 21 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 11 por condução sob o efeito do álcool;
  • Três por condução sem habilitação legal;
  • Três por desobediência;
  • Dois por furto;
  • Dois por posse de arma proibida.
  1. Apreensões:
  • 4,9 doses de canábis;
  • Uma dose de cocaína;
  • Uma catana;
  • Um bastão.
  1. Trânsito:

Fiscalização: 486 infrações detetadas, destacando-se:

  • 202 por excesso de velocidade;
  • 39 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 28 relacionadas com iluminação e sinalização;
  • 18 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 18 relacionadas com tacógrafos;
  • 16 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 16 relacionadas com uso indevido de telemóvel no exercício da condução;
  • 11 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;

Sinistralidade: 23 acidentes registados, destacando-se:

  • Um ferido grave;
  • Três feridos leves.

GNR reforça ações de fiscalização ao cumprimento das medidas COVID-19

A Guarda Nacional Republicana, desde desta quinta-feira, dia 15 de outubro, iniciou um reforço do patrulhamento e da fiscalização ao cumprimento das normas e medidas associadas à declaração da situação de calamidade, contribuindo para a prevenção da disseminação da COVID-19.

Tendo entrado em vigor novas medidas, de caráter excecional, necessárias ao combate à COVID-19, a GNR irá orientar o patrulhamento e a visibilidade policial para os locais de maior circulação e propícios ao ajuntamento de pessoas, como as escolas, superfícies comerciais e outras áreas afetas a atividades de lazer, relembrando ainda que a concentração de pessoas foi agora reduzida para um máximo de cinco.

A Guarda Nacional Republicana irá também monitorizar o cumprimento das medidas em vigor através do reforço da informação e de ações de sensibilização, não deixando de atuar com firmeza, quando necessário. Para além do regime contraordenacional em vigor, a GNR recorda ainda que a violação do confinamento obrigatório constitui crime de desobediência, assim como o não acatamento de uma ordem legítima do militar da Guarda para fazer cessar uma infração neste âmbito.

GNR- Aguiar da Beira – Detido por violência doméstica

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no dia 30 de setembro, deteve um homem de 42 anos, pelo crime de violência doméstica, no concelho de Sernancelhe.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o suspeito exercia violência física e verbal sobre a sua companheira de 33 anos, tendo sido dado cumprimento a um mandado de busca e detenção.

O suspeito foi presente ao Tribunal Judicial de Trancoso ontem, dia 1 outubro, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de termo de identidade e residência, proibição contactar a vítima por qualquer meio e aprestações semanais no posto territorial da área de residência.

GNR Guarda- Gouveia – Detido por tráfico de estupefacientes

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Gouveia, no dia 30 de setembro, deteve um homem, de 69 anos, por tráfico de estupefacientes, no concelho de Gouveia.

No decorrer de uma denúncia de tentativa de agressão entre dois homens, os militares da Guarda apuraram que um deles teria plantas de canábis na sua residência. No decorrer das diligências policiais, foi realizada uma busca domiciliária onde foram apreendidas 290 doses de liamba já processada para consumo e ainda diverso material destinado ao cultivo de canábis.

O detido, após ter sido presente ao Tribunal Judicial de Gouveia, ficou sujeito às medidas de coação de apresentações semanais no posto policial da sua área de residência e proibição de sair do país.

GNR- Balanço do Projeto “Piscina Segura”

A Guarda Nacional Republicana, no período de 1 de julho a 15 de setembro, desencadeou o projeto “Piscina Segura”, que teve como objetivo a realização de ações de sensibilização à população, em todo o Território Nacional, no sentido de reforçar a consciencialização da sociedade para a problemática do afogamento de crianças e jovens, em piscinas privadas.

Nesse sentido, os militares das Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário (SPC), dos Comandos Territoriais promoveram o desenvolvimento deste projeto, através da colaboração com cerca de 200 outras entidades, por todo o país, destacando-se a realização de 1802 ações de sensibilização, as quais abrangeram cerca de 10.500 pessoas, e durante as quais foram transmitidos os seguintes conselhos:

  • Mantenha sempre as crianças sob a vigilância permanente e efetiva de um adulto;
  • Esteja sempre atento(a) a todos os movimentos, seja dentro de água ou na beira da piscina;
  • Não deixe brinquedos na piscina, pois pode chamar a atenção das crianças e revelar-se numa distração fatal;
  • Evite que as crianças corram à beira da piscina;
  • Se tem piscina em casa, quando não estiver a ser utilizada, tape-a com uma tela, lona de proteção ou outro sistema de segurança;
  • Ensine as crianças a nadar o mais cedo possível;
  • Coloque sempre o auxiliar de flutuação nas crianças e certifique-se de que estas o mantêm devidamente colocado sempre que estejam perto ou dentro de água.

GNR-Atividade operacional diária

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 

  1. Detenções: 15 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • Dez por condução sob o efeito do álcool;
  • Dois por desobediência;
  • Um por tráfico de estupefacientes.

 

  1. Apreensões:
  • Seis doses de haxixe;
  • Um gás pimenta;
  • Um bastão extensível.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 498 infrações detetadas, destacando-se:

  • 43 por excesso de velocidade;
  • 24 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 22 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 14 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 12 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;
  • Dez relacionadas com tacógrafos;
  • Nove por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

 

Sinistralidade: 37 acidentes registados, destacando-se:

  • Dois feridos graves;
  • 17 feridos leves.

 

GNR alerta para os cuidados com mau tempo

De acordo com a informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se para as próximas 48 horas, precipitação por vezes forte, acompanhada de trovoada, vento forte e agitação marítima, com possibilidade de inundações em locais historicamente vulneráveis.

Considerando as alterações do estado do tempo, a GNR aconselha:
– Adote uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível formação de lençóis de água nas vias;
– Não atravesse zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
– Garanta uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas;
– Tenha especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos e árvores, em virtude de vento mais forte;
– Adote cuidados redobrados na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a galgamentos costeiros, evitando se possível a circulação e permanência nestes locais;
– Não pratique atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos muito próximos da orla marítima.

Esteja atento às informações do IPMA e às indicações da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil e Forças de Segurança.

GNR-Operação Regresso às aulas

A Guarda Nacional Republicana (GNR), no período de 14 a 25 de setembro, realiza um conjunto de ações de sensibilização dirigidas aos diversos intervenientes no ambiente escolar, desde professores, alunos e encarregados de educação, em todos os estabelecimentos escolares na sua área de responsabilidade, com o objetivo de transmitir conselhos de segurança e restringir ações, atitudes e comportamentos de risco potenciadores da propagação da pandemia COVID-19, em todo o território nacional.

Neste período, as Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário (SPC) e os militares dos Postos Territoriais irão promover ações de sensibilização no âmbito da segurança na rua, em casa e ainda segurança rodoviária, uma vez que o fluxo de trânsito aumenta devido ao transporte dos alunos para a escola, sendo importante alertar os condutores para a utilização dos cintos de segurança e dos sistemas de retenção para crianças. Irão também ser realizadas ações de patrulhamento orientado para o cumprimento das normas destinadas a prevenir a propagação da COVID-19.

A GNR, para além da transmissão de conselhos de segurança aos encarregados de educação, irá ainda divulgar o Programa Escola Segura e dar a conhecer os militares responsáveis pelo programa na respetiva escola, com a distribuição do número de contacto das SPC, contribuindo desse modo para uma maior consciencialização dos encarregados de educação para a importância da segurança escolar dos jovens alunos e para uma melhor preparação das crianças e jovens, para os desafios que irão encontrar no regresso às aulas, aumentando o sentimento de segurança da comunidade escolar.

A GNR tem à sua responsabilidade cerca de 5 mil estabelecimentos de ensino, onde os militares irão promover estas ações e transmitir alguns conselhos de segurança, designadamente:

  • Aos jovens estudantes:

o   No deslocamento de e para a escola circula sempre que possível acompanhado ou em grupo e evita passar em locais isolados ou com pouca luz;

o   Nem sempre o caminho mais perto é o caminho mais seguro;

o   Memoriza no telemóvel o número do Posto da GNR local, num dos números de marcação rápida;

o   Espera pelos teus pais, por algum familiar ou amigo, dentro da escola;

o   Na internet:

  • Escolhe bem os conteúdos que publicas;
  • Palavras-passe: não as deixes acessíveis, não as mostres a amigos, altera-as e usa diferentes para vários serviços;
  • Se te sentires ameaçado na internet, pede ajuda a outra pessoa;
  • Qualquer pessoa pode estar online. Não acredites em tudo o que te dizem ou mostram;
  • Não te isoles. Se te acontecer algo perturbador online, denuncia.

o   Sempre que tiveres um problema, informa os teus pais ou encarregados de educação ou pede ajuda a um professor ou a um auxiliar da escola.

 

  • Aos pais:

o   Acompanhe o desenvolvimento escolar e as suas rotinas do seu filho;

o   Ensine o seu filho a colocar o número do Posto da GNR local, num número de marcação rápida;

o   Sempre que tiver conhecimento ou suspeita de que o seu filho ou colegas estejam a ser vítimas de ameaças, agressões ou outro tipo de crime, informe de imediato a GNR. A nossa ajuda poderá ser decisiva!

GNR-Atividade operacional diária

A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de sábado, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

  1. Detenções: 34 detidos em flagrante delito, destacando-se:
  • 18 por condução sob o efeito do álcool;
  • 12 por condução sem habilitação legal;
  • Dois por tráfico de estupefacientes;
  • Dois por roubo.

 

  1. Apreensões:
  • 27,12 doses de Haxixe;
  • 0,4 doses de folhas de liamba.

 

  1. Trânsito:

Fiscalização: 623 infrações detetadas, destacando-se:

  • 125 por excesso de velocidade;
  • 42 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 40 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 50 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 26 relacionado com uso indevido de telemóvel no exercício da condução;
  • 13 relacionadas com tacógrafos;
  • 11 relacionado com iluminação e sinalização;
  • Oito relacionada com o estado dos pneumáticos.

 

Sinistralidade: 32 acidentes registados, destacando-se:

  • Sete feridos leves.

GNR- Operação“Cinto-me vivo”

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia de Segurança Pública (PSP) lançaram esta terça-feira, 8 de setembro, a Campanha de Segurança Rodoviária “Cinto-me vivo”, inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2020.

A campanha, que decorrerá entre os dias 8 e 14 de setembro, tem como objetivo alertar os condutores e todos os ocupantes dos veículos para a importância de utilizarem sempre os dispositivos de segurança, e integrará:

  • Uma componente de sensibilização, levada a cabo pela ANSR;
  • Operações de fiscalização, pela GNR e pela PSP, com especial incidência no cumprimento das regras do código da estrada e legislação complementar relativas à utilização de dispositivos de segurança, designadamente cinto de segurança, sistemas de retenção de crianças e capacete.

No mês em que muitos portugueses retomam as deslocações para o trabalho e para a escola, a ANSR, a GNR e a PSP sublinham a importância dos dispositivos de segurança:

  • Num embate frontal a 50 Km /h uma criança pode sofrer lesões equivalentes a uma queda de um terceiro andar – Utilize sempre uma cadeirinha homologada e adaptada ao tamanho e peso da criança, devidamente instalada;
  • Num embate a 50 km/h, uma pessoa sem cinto é projetada exercendo uma força de duas toneladas, podendo causar trauma grave nos ocupantes do veículo, em particular os da frente – Utilize sempre o cinto de segurança, em todos os lugares do veículo, e em todos os percursos, mesmo nos de curta distância;
  • O capacete devidamente ajustado e apertado reduz em 40% o risco de morte em caso de acidente – Use o capacete de modelo aprovado devidamente ajustado e apertado.

Relembra-se que o Plano Nacional de Fiscalização, enquadrado no Plano Estratégico Nacional de Segurança Rodoviária – PENSE 2020, o qual tem como desígnio “Tornar a Segurança Rodoviária uma prioridade para todos os Portugueses”, prevê a realização de campanhas de sensibilização em simultâneo com operações de fiscalização, em locais onde ocorrem regularmente infrações que representam um risco acrescido para a ocorrência de acidentes.

A sinistralidade rodoviária não é uma fatalidade e as suas consequências mais graves podem ser evitadas com gestos tão simples como a utilização dos dispositivos de segurança.

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar