Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: mangualde

Tag Archives: mangualde

5 Sentidos, um caso de sucesso

 A empresa  5 Sentidos, Espaço de Reabilitação e Intervenção Psicoeducacional, Lda. tem vindo a crescer gradualmente nestes 12 anos de trabalho, em prol de toda a comunidade. Situada em Mangualde, Guarda e Viseu.

Desta forma fomos conversar com as Dras Tatiana e Teresa para sabermos de como funciona esta empresa no Seu dia a dia e qual o segredo para tanto sucesso.

Deste modo, acompanhe a entrevista na nossa edição papel de 30 de maio. Fique a saber tudo!!

Braga e Gaia são locais a visitar pelos “Andanças Seniores” de Mangualde

A Câmara Municipal de Mangualde promove, em parceria com a Rede Social de Mangualde, mais uma edição de “Andanças Seniores”. O objetivo destas viagens, que terão início no dia 24 de junho e terminarão a 12 de julho, é dinamizar o convívio entre todos os cidadãos seniores do concelho. Este ano, os seniores mangualdenses partirão das suas freguesias de origem rumo a Braga, passando pelo Santuário do Bom Jesus de Braga, pelo Santuário do Sameiro (Braga) e pelo Parque da Nossa Senhora da Saúde (Vila Nova de Gaia).

 Podem participar na viagem todos os cidadãos do concelho de Mangualde, com idade igual ou superior a 65 anos, residentes em todas as freguesias do concelho, só se admitindo exceções nos casos de pessoas que, comprovadamente, necessitem de acompanhamento ou, no caso de casais, em que um dos elementos tenha idade inferior a 65 anos.

As inscrições são gratuitas, mas obrigatórias até dia 31 de maio na Câmara Municipal de Mangualde – Serviço de Ação Social. Ao efetuarem a inscrição, os interessados deverão fazer-se acompanhar de Bilhete de Identidade/Cartão do Cidadão.

Plano de viagem

7h00 | Saída das freguesias de origem

9h30 | Paragem na estação de serviço de Antuã (A1 do Norte) para pequeno-almoço (30m)

11h30 | Chegada ao Santuário do Bom Jesus de Braga

12h30 | Santuário do Sameiro

Almoço

Período livre

15h00 | Saída para o Parque da Nossa Senhora da Saúde (Carvalhos – Pedroso – Vila Nova de Gaia)

Lanche

17h00 | Saída para Mangualde

 

 

I Encontro Solidário de Mangualde – Fazer a Diferença

Vai decorrer na tarde de 19 de Maio em Mangualde.Um evento cultural e recreativo com um cariz singular de solidariedade.Haverá a participação de diversos ranchos folclóricos, grupos de concertinas da região e muita animação que irá alegrar todo o espaço com várias musicas tradicionais portuguesas.

vai haver mostra social composta por várias barraquinhas dinamizadas por várias instituições sociais da região (inclusive da instituição APPACDM) com objetivo de mostrar e vender os produtos da instituição e dar a conhecer o seu trabalho.

Ao longo de toda a tarde também estará disponível caldo-verde, carnes grelhadas variadas, pão, broa e bebida à descrição para todas as pessoas. Importante referir que a receita total do evento irá reverter para uma instituição particular de solidariedade social, a Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM )de Viseu.

Exposição/Conferência “Mangualde antes do Buçaco” em Mangualde

A Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves vai receber, no dia 24 de maio, pelas 21h00, na Exposição/Conferência “Mangualde antes do Buçaco”. Tudo começará com a inauguração da exposição “Invasões Francesas” com a presença de João Azevedo, Presidente do Município de Mangualde, da Professora Doutora Ana Cristina Araújo, da Universidade de Coimbra, e de João Carlos Alves, da AEM.

A mostra será composta por espólio do Museu Militar de Almeida, da Casa dos Buxeiros de Oliveira do Conde, miniaturas de António Andrade e de José Barros e pintura de Aires dos Santos. Conta ainda com a participação da pastelaria Café Central de Vouzela e da Licordão. Seguir-se-á a exibição do Filme/documentário “Marcas do Tempo: Mangualde antes do Buçaco” de João Carlos Alves e Miguel Marques. A temática “Uma retaguarda invisível: mulheres e espiões na 3ª Invasão Francesa”, será abordada em Conferência pela Professora Doutora Ana Cristina Araújo. O encerramento acontecerá com um momento musical, a cargo do NACO CANTAT – coro polifónico, de Oliveirinha, Carregal do Sal.

 

 

 

 

Mangualde acolhe Campeonatos Regionais de Desportos Gímnicos

Mangualde recebe no próximo sábado, dia 11 de maio, os Campeonatos Regionais de Desportos Gímnicos. O evento decorrerá no Pavilhão Municipal, a partir das 10h00.

Os Campeonatos realizam-se sob a égide do Ministério da Educação, numa organização conjunta da Direção-Geral da Educação (Coordenação Nacional do Desporto Escolar), da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares (Direção de Serviços Regional do Centro), da Câmara Municipal de Mangualde e do Agrupamento de Escolas de Mangualde.

 

Redução da dívida a 50% pelo Município de Mangualde

A Câmara Municipal de Mangualde diminuiu a dívida a 50%. As contas demonstram um resultado líquido positivo e uma redução da dívida global da autarquia para 8.993.113,96 euros. A autarquia tem hoje a sua situação financeira equilibrada. «Hoje temos capacidade de fazer investimento comparticipado por programas do Governo e da Europa, com um único propósito: colocar Mangualde num patamar de excelência.», atenta o autarca, João Azevedo.

São oito anos consecutivos de redução de dívida, sem nunca esquecer do investimento. Mangualde, entre outras áreas, tem apostado na regeneração urbana, na cidade e nas freguesias, no tratamento de águas residuais e ainda num plano de recolha de resíduos, garantindo, sempre, um equilíbrio financeiro e orçamental para melhorar a qualidade de vida e do serviço público no território.

O autarca não poupa esforços quando se trata do desenvolvimento do concelho «Temos conseguido atingir os objetivos que traçamos para o futuro de Mangualde: aumento do investimento do capital em mais de 1,5 milhões de euros; recorremos à banca num empréstimo superior a 1 milhão de euros; e baixamos, sistematicamente, desde 2010, a nossa dívida. Reduzir a despesa corrente é nosso objetivo.»

«ESTAMOS A FAZER POR MANGUALDE AQUILO QUE TEM DE SER FEITO!»– João Azevedo

São estes indicadores de boas práticas de gestão na autarquia de Mangualde, «um trabalho de responsabilidade e de compromisso com os mangualdenses», atenta João Azevedo, realçando que «o trabalho realizado fala por si mesmo. Entrámos em 2009 com desequilíbrios financeiros gravíssimos, uma autarquia em falência. Preparámos um plano de ajustamento financeiro que deveria ser executado até 2027. Mas conseguimos sair deste ajustamento onze anos antes. Saímos em 2016 do saneamento financeiro e preparámos um plano de investimentos sustentado e estruturado em fundos comunitários que, ao longo destes anos temos vindo a executar, em prol de Mangualde!»

É também indicador de boa gestão a redução do IMI que a autarquia proporcionou ao concelho. «Estamos a fazer por Mangualde aquilo que tem de ser feito!», refere o Presidente, acrescentando que «vamos continuar a gerir a autarquia, os dinheiros públicos, com boas práticas de gestão e acima de tudo com responsabilidade e sustentabilidade financeira.»

 

“Trilho de Ricardina”com uma centena de participantes

Perto de uma centena de pessoas participaram, com alegria e boa-disposição, em mais uma edição do “Trilho de Ricardina” da Freguesia de Espinho integrado no projeto “Mangualde em Movimento” dinamizado e promovido pela Câmara Municipal de Mangualde, com o apoio da Associação Cultural e Recreativa Água-Levada, da Fábrica da Igreja Paroquial de Espinho e da Associação Cultural e Recreativa Espinho e Póvoa. O momento, que teve lugar no passado sábado (dia 13 de abril) pelas 21h00, contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, e do Presidente da Junta de Freguesia de Espinho, António Monteiro.

Esta iniciativa contou, ainda, com um momento solene de inauguração da iluminação do depósito de água de Espinho, um marco patrimonial importante da freguesia, uma vez que se situa no ponto mais alto da mesma. O objetivo foi melhorar a qualidade visual e restituir alguma dignidade a um património que é testemunho do passado e da história da freguesia. Foi utilizada tecnologia LED, resultando em alta economia de energia dentro das estratégias de sustentabilidade ou preservação de meio ambiente e diminuição de impacto ambiental, uma vez que a energia resulta do armazenamento da energia solar provenientes dos painéis aplicados para o efeito.

Os participantes percorreram os Trilhos de Ricardina por cerca de duas horas e meia. Pelas 21h15 tiveram início os exercícios de aquecimento no Largo da Santa Maria em Gandufe e, pelas 21h30, arrancou o percurso com acompanhamento do Dr. António Tavares, Arqueólogo da Câmara Municipal de Mangualde. À chegada a Água-Levada, na Associação Cultural e Recreativa, foi oferecida uma sopa a todos os participantes.

 

Mangualde faz um investimento superior a 1,1 milhões de euros, na rede viária, ambiente e património religioso

Na tarde , desta quinta-feira,  Carlos Miguel, Secretário de Estado da Administração Local, esteve  em Mangualde, acompanhado pelo Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, assinaram, com a Paróquia de Santiago de Cassurrães, um contrato programa para a requalificação de património religioso do concelho, inauguraram a obra de reabilitação da EN329-2 e lançaram a primeira pedra da ETAR de Abrunhosa-a-Velha. Intervenções, que na sua globalidade, representam um investimento superior a 1,1 milhões de euros.

REQUALIFICAÇÃO DA CAPELA DO CALVÁRIO

Começaram a visita ao concelho de Mangualde com a assinatura de um contrato Programa de Equipamentos – Subprograma SP2 relativo à Ermida Nossa Senhora de Cervães. Ao abrigo deste programa será efetuada a requalificação da Capela do Calvário, na União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, e toda a área envolvente. Esta intervenção representa um investimento de 100 mil euros, sendo 50% da responsabilidade da Administração Central. João Azevedo sublinha que esta é “uma decisão que vem beneficiar o património religioso do nosso concelho”. Realça ainda que se tratar de “uma ação conjunta da Junta de Freguesia da União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães, da Paróquia de Santiago de Cassurrães, da Irmandade da Capela do Calvário, do Governo e da Câmara Municipal de Mangualde, para reabilitar, valorizar e preservar o património construído pelos nossos antepassados.”

 

REABILITAÇÃO DA EN329-2, TROÇO ENTRE PÓVOA DE CERVÃES E ABRUNHOSA-A-VELHA

De seguida foi inaugurada a obra de reabilitação da EN329-2, no troço entre Póvoa de Cervães e Abrunhosa-a-Velha. A requalificação da Estrada Nacional 329-2 contou com um orçamento de 762 mil euros, sendo que a Administração Central comparticipou com 60% do valor total. Os restantes 40% foram financiados pela autarquia mangualdense, que também foi responsável por realizar a intervenção. Para o presidente da Câmara Municipal de Mangualde este é “um dia feliz e histórico para as duas Freguesias (Freguesia de Abrunhosa-a-Velha e União das Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães), este é um sonho antigo destas populações que agora é concretizado, é uma obra que muitos diziam que nunca iria ser feita. É mais um compromisso do Governo para com Mangualde, que se concretizou.

 

LANÇAMENTO DA PRIMEIRA PEDRA DA ETAR DE ABRUNHOSA-A-VELHA

A tarde terminou com o lançamento da primeira pedra da ETAR de Abrunhosa-a-Velha. Esta obra representa um investimento de 273 mil euros e faz parte de um investimento global de mais de 7 milhões de euros em Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) que Mangualde está a efetuar no concelho. Um investimento que vem solucionar problemas de décadas no que respeita ao ambiente. Em causa estão mais de uma dezena de ETAR, no total, dotadas das mais avançadas tecnologias para o tratamento de efluentes. Para João Azevedo, este é o virar de mais uma página do livro que está a perpetuar a revolução ambiental no concelho de Mangualde. Mais uma ETAR que está a ser construída para dar mais qualidade de vida às populações”

SQUASH – Nelson Pereira vence Torneio Ourivesaria Sonho d´Ouro 2019

Realizou-se a 4ª e última Prova do Circuito Hotel Sra. do Castelo 2018/2019, o Torneio Ourivesaria Sonho d´Ouro 2019

Nelson Pereira (Mangualde) venceu na final o jovem Gonçalo Santos (Anadia) numa final bem disputada onde a experiência e forma física de Pereira mas também uma incomodativa lesão de Santos levaram a esse desfecho final . O atual nº 15 nacional venceu o nº 23 nacional por 3-0 (17/15, 11/6, 11/1).

Destacar o facto deste torneio ter sido disputado por grupos o que fez com que o equilíbrio e a indefinição no resultado fossem uma constante em muitos dos jogos.

Nas meias finais Pereira levou de vencido Rafael Ferreira (Mangualde) por 2-0 (11/8, 11/4) e Santos venceu Fábio Ferreira (Porto) por 2-0 (11/9, 11/4)

Deu-se assim por terminada a época regular de torneios 18/19 em Mangualde faltando apenas agora disputar a prova Rainha da época o Masters Sonho d´Ouro e onde os melhores da época vão disputar o titulo de Campeão Let & Stroke 2018/2019.

 

 

“Histórias que dão para ver” em Mangualde

Mangualde recebe o espetáculo de teatro “Histórias que dão para ver”, um projeto do Teatro de Montemuro, promovido pela Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, e que pretende promover a região, as suas companhias, os municípios que acolhem os espetáculos e as pessoas. A peça estará em cena na Igreja da Misericórdia de Mangualde (nas salas contíguas à Igreja), nos dias 22 e 23 de março, pelas 21h30.

 Nesta produção unem-se as linguagens das várias estruturas que integram a Rede Cultural Viseu Dão Lafões e alia-se o património imaterial a edifícios de importância cultural, resultando em cada um dos municípios num espetáculo único, com características próprias e com forte envolvimento da comunidade. O espetáculo terá cinco histórias e um guia transportará o público entre elas. Para tal, o espetáculo contará com a participação de 14 mulheres, uma vez que, segundo o encenador do espetáculo, Paulo Duarte, “fala muito da igualdade e do tradicional e do moderno”.

 O espetáculo destina-se a maiores de 12 anos e tem entrada gratuita, no entanto obriga à reserva de bilhete, já que é limitado a 60 pessoas por sessão. Os bilhetes estão disponíveis na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves de Mangualde (Telefone: 232 619 889 / 232 617 172) e devem ser levantados até ao dia 20 de março.

 O texto é de João Luís Oliva, com encenação de Paulo Duarte, espaço cénico de Ana Brum, direção musical de Rui Sousa, produção do Teatro do Montemuro e conta com a participação da Rede Cultural Viseu Dão Lafões – ACERT, Binaural/Nodar, Cine Clube de Viseu, Teatro Viriato/Companhia Paulo Ribeiro.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar