Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: natal

Tag Archives: natal

Celorico da Beira, compras no comércio local dão prémios

O Sorteio foi organizado pela Associação Comercial, Industrial e Serviços de Celorico da Beira (ACISCEL) em conjunto com a Câmara Municipal de Celorico da Beira, no âmbito do incentivo às compras no comércio local, realizado no âmbito da Campanha “ Neste Natal as compras são no Comércio Local!”, ditou os seguintes contemplados:

1º Prémio – (Vale de 200€ em compras no comércio local): Ana Sofia Azevedo – Covilhã

2º Prémio – (Alojamento durante uma noite para 2 pessoas, numa unidade hoteleira local): Cristel Fonseca – Celorico da Beira

3º Prémio – (Cabaz de Natal): Francisco Leopoldo Faria Mendes – Vale de Azares

3º Prémio – (Cabaz de Natal): Carina Pinto Lucena – Celorico da Beira

Por:MCB

Pastelaria “Na Praça”vence Concurso de Montras em Gouveia

Em Gouveia foi realizado durante o Concerto de Cantar as Janeiras, o sorteio de Natal – a sua estrela está no comércio local, assim aqui ficam os premiados:

1º Prémio – Viagem à Madeira para duas pessoas
Virgínia Pedrosa da Silva – Gouveia

2º Prémio – Fim-de-semana em Sintra para duas pessoas
J. Gabriel Tavares Ribeiro – Cartaxo

3º Prémio – Jantar para duas pessoas no Restaurante “Lá em Casa” em Gouveia
Sandra Maria Freitas da Costa – Lisboa

No que toca ao Concurso de Montras, a  Pastelaria “Na Praça” foi a grande vencedora do Concurso promovido pelo Município de Gouveia, em parceria com a Agência de Desenvolvimento e Negócios de Gouveia. Em 2º lugar ficou a Óptica Gémeas e na 3ª posição a Agencia de Viagens Estrelatur.

Por:M.G

Presépio dos Cuidados Intensivos vence concurso na ULS Guarda

Teve lugar na ULS da Guarda, a entrega de prémios relativos ao concurso de presépios, com a Enfermeira-Chefe do Departamento de Psiquiatria, Enf.ª Alzira Ferreira entregou esta tarde os prémios aos presépios mais votados no tradicional concurso organizado pela Psiquiatria. Recordamos que neste Natal o 1º lugar foi atribuído ao presépio dos Cuidados Intensivos, tendo havido dois segundos e dois terceiros lugares. O 2º lugar foi para os presépios da Medicina – Setor B e da Ortopedia e o 3º lugar para os presépios da Pediatria e do Átrio do Pavilhão Novo. Houve ainda quatro Menções Honrosas: CS de Almeida, CS de Celorico, CS de Fornos de Algodres e Serviço de Cirurgia do HNSA. Os prémios, ainda que simbólicos, tiveram o apoio da Casa de Pessoal e do Conselho de Administração da ULS da Guarda. O concurso de presépios começou há 17 anos como forma de terapia social dos utentes do Departamento de Psiquiatria e desde então ganhou o reconhecimento e a simpatia de todos os serviços. Este Natal participaram quase três dezenas de presépios.

Por:ULS Guarda

Em Fornos de Algodres,Sandra Mendes vence 1ºPrémio do Sorteio de Natal

Um final de tarde animado, nesta segunda- feira, no salão Nobre da Câmara Municipal de Fornos de Algodres, com o Cantar das Janeiras por parte do Rancho Sénior do Concelho de Fornos de Algodres, aos quais Manuel Fonseca , Presidente da Câmara agradeceu o gesto.

Seguiu-se o Sorteio de Natal dos Prémios das pessoas que fizeram compras no Comércio Tradicional neste concelho, aqui os elementos do Rancho deram uma ajuda e lá foram saindo os vencedores, que receberam 150 euros, 100 euros e 50 euros, respetivamente para poder adquirir produtos no Comércio Tradicional das lojas aderentes.

1º Prémio- Sandra Mendes dos Santos Mendes- Casal do Monte

2º Prémio- José António Cruz Tomaz – Fornos de Algodres

3º Prémio – Carina Albuquerque Costa- Fornos de Algodres

Para finalizar a tarde e a cerimónia, foram entregues os Prémios relativos ao 5º Concurso de Montras de Natal aos premiados, Óptica do Pelourinho, em 1º, PJA Ferreira em 2º e Florista de Susana Soares em 3º.

Todos receberam os Prémios na presença do Presidente da Câmara, Manuel Fonseca e do Vereador da Cultura e Desporto, Alexandre Lote.

Natal para todos em Pinhel

Porque o Natal é para todos, na quarta-feira, dia 20 de dezembro, o Município de Pinhel convidou os utentes das Instituições Particulares de Solidariedade Social do concelho para uma tarde de convívio e partilha.

A iniciativa teve lugar no Centro Logístico de Pinhel onde os participantes foram recebidos pelo Presidente da Câmara Municipal, Rui Ventura, que lembrou o papel do Município na promoção da inclusão social.

O programa prosseguiu com a celebração de uma eucaristia e, mais tarde, com animação musical a cargo da Academia de Música de Pinhel, da Tuna da Universidade Sénior de Pinhel e do Grupo de Concertinas de Alverca da Beira / Bouça Cova.

O convívio terminou à mesa, com um saboroso lanche para todos os participantes deste “Natal para Todos”.

 

 

Avisos e liturgia da Unidade Pastoral de Aguiar da Beira

As festas natalícias são as mais sentidas e intensamente celebradas na Europa e nas sociedades de cultura cristã: as cidades iluminam-se de festa e fantasia, as pessoas trocam felicitações, as famílias reúnem-se à volta da mesa, onde não faltam especialidades típicas da arte culinária… Uma grande exuberância de símbolos e a sua universalização testemunha o enraizamento cultural destas festividades: os presépios, a estrela e os reis magos, a árvore luminosa, figuras de fantasia como o Pai Natal e o seu trenó rebocado por renas… Mas, principalmente, a imagem de um Menino recém-nascido. Grandes valores humanos estão associados a este entranhável universo simbólico: a paz, a fraternidade, a bondade, a gratuidade nas relações humanas, na família e nas crianças…  
Mas o Natal e a sua celebração também se degrada: consumismo desenfreado; frenesim das festas de passagem de ano; a ausência de verdadeira fraternidade; a transformação das “férias de Natal” que se transformam em “férias de Inverno” que dispersam. Na base da degeneração não podemos deixar de referir a perda da identidade cristã.24-12-2017

Os cristãos conscientes devem estar particularmente atentos à preservação da identidade destas celebrações. Mas só o farão se fizerem da festa expressão e alimento da fé. No centro das suas celebrações, dando sentido aos seus símbolos e inspirando costumes e tradições, não pode faltar a Palavra de Deus e a Liturgia sacramental da Igreja. Nos séculos III e IV, os cristãos afirmaram e robusteceram a sua fé, opondo-se ao fascínio das celebrações pagãs do solstício, com a celebração do Natal de Cristo, o Verdadeiro Sol da Justiça, a Luz que brilha nas trevas sem se deixar ofuscar. Hoje, assiste-se à “paganização” (e não só à “secularização”) da celebração cristã, diluída nos seus conteúdos, esquecida da sua identidade.
Algumas sugestões para este tempo:
– O Natal que celebramos é o de Jesus Cristo: não se trata de uma vaga festa de bons sentimentos (que sempre, aliás, deveríamos ter). E o Natal de Cristo não depende de nós (o equívoco de “quando o homem quiser…”): nós é que dependemos dele.

– O Natal celebra-se em Igreja. A melhor forma de o fazer é pela participação na Eucaristia: seja na “Missa do galo”, à meia-noite, seja noutra.
– A melhor forma de participar na Eucaristia é a Comunhão: o altar da Igreja é a “manjedoura” onde reconhecemos o Senhor que nos foi dado e onde Ele se nos oferece como alimento de vida.
– Nas nossas casas o melhor símbolo do Natal continua a ser o Presépio, com o Menino: desde o século IV que os cristãos fazem com o Presépio uma profissão de fé no mistério da Incarnação. À volta do presépio é bom que se reúna a família para algum momento de oração.
– Embora de uso mais recente, a árvore de Natal (isolada ou associada ao presépio) pode ter leitura cristã: recorda-nos a árvore do Paraíso que o novo Adão nos reabriu, a árvore de Jessé cujo melhor fruto é o próprio Cristo, a árvore gloriosa de Cruz em que o Senhor Jesus nos redimiu. A sua luz evoca Aquele que é a “Luz do Mundo”. Mas para ser um verdadeiro “símbolo” de vida que se renova (folha caduca) ou de vida imortal (folha perene) que une a terra (raízes) ao céu (copa com a estrela…), não lhe basta “parecer” uma árvore (plástico…): deve sê-lo. E sem atentar contra a propriedade alheia ou contra a ecologia.
– Não se troque a Ceia de consoada ou outra refeição que reúna a família por nenhuma diversão ou proposta turística, por sedutoras que estas se apresentem. Procure fazer-se destes encontros, ainda que difíceis e tumultuosos, um lugar privilegiado da memória familiar ao qual não falte a referência da fé.
– As “prendas” do Natal têm sentido se forem expressão de alegria. Bom seria que não fizessem esquecer às crianças e aos adultos que todos os dons verdadeiros têm uma origem divina (que pena termos substituído o Menino Jesus pelo Pai Natal no “papel” de distribuidor das prendas às crianças!) e, sobretudo, que a prenda principal que recebemos é o próprio Cristo, o “Menino que nos foi dado”. É boa ideia, por isso, associar as prendas ao “presépio”.

Concerto de Natal em Fornos de Algodres

A Igreja da Misericórdia de Fornos de Algodres vai receber neste sábado, pelas 17h45, um concerto de Natal.

Participam o Rancho Folclórico Sénior do concelho e o Grupo coral residente da Misericórdia.

Esta é uma forma de dar as boas festas a todas as pessoas e promover a música e ainda o convívio.

Em Gouveia, campanha de incentivo às compras no comércio local

   O Município de Gouveia em parceria com a Agência de Desenvolvimento e Negócios de Gouveia, promove durante a época de Natal uma campanha de incentivo às compras no comércio local. Os clientes do comércio local que efetuem compras de valor igual ou superior a 20 euros habilitam-se a ganhar uma viagem à Madeira para duas pessoas, um fim-de-semana em Sintra para duas pessoas ou um jantar para duas pessoas no Restaurante Lá em Casa em Gouveia.

A campanha de incentivo arranca a 08 de dezembro e prolonga-se até 05 de janeiro e processa-se através da entrega de um cupão de participação nos estabelecimentos aderentes após a realização de compras de valor igual ou superior a 20 euros limitada a 5 cupões por compra.

O cupão devidamente preenchido deverá ser depositado numa das tombolas disponíveis no Município de Gouveia, no posto de turismo de Gouveia ou na  ADN Gouveia.

Os vencedores serão conhecidos a 06 de janeiro durante o espetáculo do Cantar das Janeiras.

Outra iniciativa de incentivo ao comércio local, é o Concurso de Montras de Natal, que o Município de Gouveia e a ADN Gouveia promovem e que irá atribuir aos três primeiros classificados prémios monetários no valor de 300 euros, 200 euros e 100 euros.

Através destas ações de incentivo e de todo o programa de animação que o Município de Gouveia preparou para o mês de dezembro pretende aumentar-se o poder de atração da cidade com ganhos diretos para o comércio local, naquela que por tradição é uma das épocas económicas de maior significado anual.

Por:Mun.Gouveia

Jardim Encantado regressa a Gouveia

Durante 11 dias, o Jardim Infantil de Gouveia vai transformar-se novamente no Jardim Encantado e será a principal atração da época festiva. Um jardim de luz, onde a tradição, a decoração com Estrelas, a casa do Pai Natal, os insufláveis, os ateliês e a animação alusiva a época natalícia, farão as delícias das crianças e dos adultos.

A programação de atividades de Natal iniciou-se a 2 de dezembro com o aniversário do Museu da Miniatura Automóvel e a inauguração da iluminação de Natal.

A partir de 15 de dezembro, a Biblioteca Municipal Vergílio Ferreira irá acolher a tradicional Feira do Livro, onde poderá encontrar o presente ideal para este Natal.

Como já é hábito, a Praça de S. Pedro irá receber o Mercadinho de Natal, a 16 de dezembro. Os doces de Natal, o artesanato e animação para as crianças irão encher esta praça com a harmonia e alegria que é típica desta época.
Em véspera de consoada, no dia 23 de dezembro, no Teatro Cine de Gouveia, há cinema para todos os gostos. Às 15h00, matiné infantil com “Coco: a vida é uma festa”. Miguel um menino de 12 anos que quer muito ser um músico famoso, vai ser o responsável pela proposta de animação desta tarde. E há noite, às 21h00, há cinema para toda a família, com o filme “Pai há só 1… ou 2”, uma comédia familiar, onde um marido e um ex-marido se tornam amigos inseparáveis. 

Faz ainda parte da programação de Natal o concerto de Aniversário da Santa Casa de Misericórdia de Gouveia na Igreja da Misericórdia e a projeção do filme “À Luz do Candeeiros” no Edifício Clube Camões.

Da programação de Natal contam ainda vários concertos no Teatro Cine de Gouveia. O Concerto Solidário pela Orquestra Ligeira de Gouveia, O Sarau de Natal da AE de Gouveia, e o Concerto de Encerramento do Estágio para a Orquestra de sopros da sociedade Musical Gouveense “Pedro Amaral Botto Machado.

 O Teatro Cine de Gouveia irá ainda receber a alegria contagiante das Festas de Natal das Escolas do concelho.

A agenda de natal encerra no Dia de Reis, 6 de janeiro, com tradicional Cantar das Janeira, no Teatro Cine de Gouveia.

 

Quadra natalícia com crianças ativas em Quintela

A Freguesia de Quintela de Azurara vai celebrar a época natalícia.
De 18 a 22 de Dezembro, todos os pais e/ou encarregados de educação terão oportunidade de manter as nossas crianças ativas, a baixo custo, com acompanhamento no estudo especializado e actividades lúdicas.
No dia dia 22 de Dezembro, pelas 17h30, no Centro Social de Quintela de Azurara teremos a Festa de Natal, aberta a todas as crianças da freguesia e restante população.

 

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar