Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: Plano municipal de emergencia

Tag Archives: Plano municipal de emergencia

Covid-19- Edifício da Câmara Municipal e Multiusos de Nelas encerrados para limpeza e desinfeção

Na sequência do despacho de Declaração da Situação de Alerta e ativação do Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Nelas, cumpre informar e esclarecer o seguinte:

• O Professor Luís Pinheiro foi requisitado como professor ao Agrupamento de Escolas de Canas de Senhorim e sempre exerceu somente funções de coordenador das áreas da educação, social e cultural;
• Nunca o mesmo participou ou esteve presente em qualquer reunião de Câmara, incluindo a realizada ontem, dia 25 de março;
• Soube o Presidente da Câmara durante a tarde de ontem que ao mesmo havia sido diagnosticado Covid-19, por teste realizado na passada segunda-feira, dia 23, sendo certo que o mesmo não comparece nas instalações da Câmara Municipal desde o dia seguinte, terça-feira;
• Relativamente à sua presença em Madrid, soube-se, também ontem, que a mesma aconteceu entre os dias 5 e 8 de março, tendo o mesmo, depois do seu regresso, participado em quatro reuniões, em conjunto com outros colaboradores da Câmara Municipal, relacionadas com o acompanhamento do Plano de Contingência para prevenção do Coronavírus (Covid-19) e numa reunião dos Presidentes das Juntas de Freguesia com o Presidente da Câmara, tendo sido seguido, em todas as reuniões, o protocolo de distanciamento conveniente, e consequente ausência de contacto pessoal próximo, ficando as presenças devidamente assinaladas em folha de presenças, documentos estes que ontem mesmo foram enviados à autoridade de saúde pública;
• Nunca participou em qualquer reunião relacionada com a Proteção Civil Municipal, seja no âmbito da Comissão Municipal de Proteção Civil, seja no âmbito do acompanhamento da ativação e alerta do Plano Municipal de Emergência e de Proteção Civil, nunca, para qualquer efeito, tendo contactado ou reunido com os Bombeiros, a GNR, os representantes das Unidades de Saúde Familiar ou os delegados de saúde pública;
• A todas as pessoas que estiveram em contacto, nas referidas reuniões, com o Professor Luís Pinheiro, foi comunicado que ficariam em quarentena, ou seja, num período de Versão: 0.3 – 07/2014 isolamento profilático de 14 dias, para prevenção e minimização de qualquer outra eventual transmissão;
• O edifício da Câmara Municipal e o edifício Multiusos, locais habituais da prestação de serviço das pessoas em causa, e que se encontravam já em funcionamento reduzido nas últimas três semanas por prevenção geral, foram encerrados no dia de hoje e de amanhã para reforço das medidas de limpeza e desinfeção por uma empresa especialmente contratada para o efeito;
• Os serviços do Município relativamente às suas funções essenciais (água, saneamento, licenciamentos, etc) continuam a ser prestados e estão assegurados, quer presencialmente, por trabalhadores que se mantêm ao serviço, quer pelos meios de teletrabalho, informáticos e telefónicos ao dispor de todos os responsáveis municipais, técnicos e políticos, incluindo por mim, Presidente da Câmara Municipal e responsável pelo serviço de Proteção Civil.
A todos os cidadãos residentes no Município afetados por esta calamidade, e que são já cinco, a Câmara Municipal deseja rápido restabelecimento e deixa uma palavra de confiança de que tudo continuarão a fazer para minimizar os efeitos desta pandemia que a todos preocupa.

Trancoso também já ativou o Plano de Municipal de Emergência de Proteção Civil

Depois de uma reunião com a Comissão Municipal de Proteção Civil, realizada recentemente, foi ativado o Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil do Concelho de Trancoso.

Esta medida vem no sentido de tentar travar o aumento de casos de Covid-19 em todos País., mas pode ler-se aqui:

https://www.cm-trancoso.pt/wp-content/uploads/2020/03/Despacho_AtivPlanoEmergencia.pdf
Em consequência e mediante o determinado pela Delegada de Saúde Coordenadora da Unidade de Saúde Pública da ULS da Guarda, E.P.E., Dra. Ana Isabel Correia Viseu, enquanto Autoridade de Saúde, “todos os cidadãos que regressem do estrangeiro e outras regiões do país, devem permanecer em isolamento profilático pelo período de catorze (14) dias a contar do dia da sua chegada”.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar