Templates by BIGtheme NET
Home » Tag Archives: produtos endógenos

Tag Archives: produtos endógenos

Feira/Festa do Queijo de Fornos de Algodres de 16 a 18 de março

Como anualmente acontece, Fornos de Algodres recebe milhares de visitantes na Feira/Festa do Queijo, onde os  pastores e as queijeiras são homenageadas, este ano acontece de 16 a 18 de março.

Encerra o período de certames dedicados ao Queijo da Serra, que inicia em Penalva do Castelo e Celorico da Beira nos dias 3 e 4 de fevereiro.

São diversos dias de festa, com o mercado municipal a ganhar um grande colorido, onde para além do queijo que é o rei do certame, outro produtos endógenos surgem em destaque neste fim de semana.

Vão estar representados imensos expositores, desde artesãos, associações, empresas, instituições, escolas, imensa oferta para um vasto leque de visitantes que é oriundo das diversas regiões de Portugal, emigrantes que vêm rever as tradições e alguns turistas de Espanha, que cada vez mais passam a fronteira, no sentido de degustar a excelente gastronomia desta região.

Face aos fortes incêndios e à seca, pode nesta altura ser a melhor fase este ano do Queijo da Serra, dado que todas estas contrariedades, a produção atrasou um pouco.

Ainda vai haver como habitualmente muita animação musical durante o certame.

Centenas de pessoas estiveram na abertura da Beira Interior Vinhos & Sabores

IMG_7333 Pinhel capital do vinho este fim de semana

Ao final da tarde desta sexta-feira a segunda edição da Beira Interior Vinhos & Sabores de Pinhel, abriu as portas a todos quantos queiram visitar, durante este fim de semana.

De salientar já centenas de pessoas que estiveram presentes na abertura deste certame, onde pode encontrar e saborear os melhores vinhos da Beira Interior, assim como poder degustar muitos dos produtos endógenos desta região das beiras.IMG_7316

Este certame decorre até domingo, no Pavilhão Multiusos da Cidade Falcão, numa parceria do Município de Pinhel com a Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior.

Durante este cIMG_7301ertame vão ter lugar Degustações, Provas de vinhos, Workshops, Mostra Gastronómica Regional, Seminário, Show Cookings e muita Animação Musical.

Neste dia de abertura, o Presidente do Município, Dr. Rui Ventura, deu as boas vindas a todos e salientou a Beira Interior tem imenso potencial a todos os níveis, existem bons produtos, agora é preciso trabalhar todos juntos para que a marca Beira Interior possa ser divulgada noutras partes do País e Além Fronteiras.IMG_7432

Aliás desafiou os produtores a agarrar essa oportunidade, com a parceria do Município, esta é uma feira de toda a Beira Interior.

Seguiu-se João Carvalho, Comissão Vitivinícola R. da Beira Interior, salientou que estão presentes 23 de 50 produtores da Beira Interior, este certame é importante, reforçou que era importante levar estes produtores para as feiras nacionais e internacionais.

Alertou ainda os produtores a certificar os vinhos, dado que apenas existem 15%IMG_7462 certificados, num universo de 40 milhões de litros produzidos na Beira Interior.

De salientar, a presença de autarcas e deputados espanhóis neste certame, com o intuito de comercializar estes produtos no País vizinho.

Assim nesta Feira todos podem encontrar além dos vinhos de diversas partes da Beira Interior, os mais diversificados produtos endógenos desta região.

Por:António Pacheco

 

 

II Encontro Nacional de Produtos Tradicionais certificados em Tibaldinho

0tb1 Realizou-se nesta  sexta feira, o II Encontro Nacional de Produtos Tradicionais certificados em Tibaldinho.

A Adere-Minho  aceitou o desafio do Município de Mangualde, para realizar este II ENCONTRO NACIONAL DE PRODUTOS TRADICIONAIS CERTIFICADOS em Tibaldinho – Alcafache no Município de Mangualde, contou com o Presidente do Município de Mangualde João Azevedo que referiu,  este encontro só fazia sentido se realizar em Tibaldinho, pois foi aqui que nasceu o maior património cultural que precisa ser preservado, promovido e valorizado, que é o Bordado de Tibaldinho que só persistiu no tempo graças à dedicação incondicional das suas artesãs.

Num dia muito produtivo,  com as intervenções valiosas do CEARTE (Luís Rocha e Fernando Gaspar), que fizeram um balanço da certificação d0tibos produtos artesanais não alimentares, e da importância da obtenção da carta de artesão e de UPA.

O produto mais próximo da certificação é o Tapete de Arraiolos de Portugal, que foi devidamente explicado pela Técnica da qualidade da Adere-Minho – Diana Barbosa.

O Vereador do Município de Gondomar – Carlos Brás, falou da Filigrana de Gondomar, da sua importância para economia local e nacional, e por isso é importante certificar para valorizar o produto, e acabar com as “Filigranas falsas”. Foi também apresentado o Caderno de Especificações do Bordado de Tibaldinho (Fernanda Pereira de Mangualde).

A parte da tarde foi dedicada aos produtos alimentares certificados, em que se percebeu como elaborar um Caderno de Especificações (Graça Ramos da Portugal à mão), e a associação FELBA (entidade promotora) explicou como se trata da certificação da Maçã de Esmolfe e da0tib1 Maçã da Beira Alta. Da parte da Estrelacoop trouxeram uma apresentação clara sobre a certificação do Queijo da Serra da Estrela, é importante procurar queijo com selo da certificação.

Deste encontro sai ainda uma nota importante por parte do IPAC:

A certificação de produtos artesanais e tradicionais reforça a identidade nacional, honrando a cultura e o legado do passado, mas compatibilizando-o com os desafios atuais e a necessidade contínua de melhorar e inovar. Só desta forma seremos capazes de manter uma dinâmica de procura que respeite o passado mas seja capaz de satisfazer as necessidades e expectativas do presente, preparando assim um futuro com sustentabilidade.

A certificação destes produtos, quando realizada por uma entidade independente de quem os produz, dá as necessárias garantias de imparcialidade e isenção aos consumidores e regulamentadores, proporcionando ainda (consoante os casos) a possibilidade de registo legal de marca própria e distintiva, impedindo desta forma a concorrência (ilícita) de quem não tem o necessário histórico, tradição ou aptidões para produzir com a qualidade desejada os produtos certificados.

A certificação é também uma atividade indispensável quando é necessário separar o trigo do joio, ou seja, defender e assegurar a qualidade e consistência do produto, de modo a que o seu bom nome e reputação sejam protegidos, enaltecidos e reconhecidos de forma sistemática e imediata pelos consumidores. A ausência de uma certificação competente proporciona um ambiente em que a competição se faz apenas pelo preço, e não respeitando um nível de qualidade mínimo, o que inevitavelmente produzirá uma perca contínua de qualidade e o consequente desinteresse dos consumidores por um produto de qualidade incerta, decrescente e variável.

Finalizou este encontro o Sr. Vereador de Mangualde Dr. João Lopes, que agradeceu o facto de Adere-Minho ter aceite realizar um encontro desta importância e dimensão numa Freguesia com tanto histórico cultural na área do artesanato.

Por:Adere-Minho

Festas do Senhor do Calvário iniciam -se nesta quinta-feira

cartaz_srcalvario2016_2D.A.M.A., António Zambujo, Mickael Carreira, uma noite de fogo-de-artifício, um espetáculo de vídeo mapping com fogo-de-artifício, a produção musical “Canções da nossa vida” e o Festival Internacional de Folclore de Gouveia são os principais momentos das Festas do Senhor do Calvário de 2016.

O programa das festas inicia-se já esta quinta-feira,  11  e termina a 15 de agosto, ficando este ano com mais um dia em relação ao passado.

A edição de 2016 das Festas do Senhor do Calvário apresenta, também, algumas alterações à configuração habitual do evento. A área da restauração ficará localizada na praça do tribunal, a Feira de Artesanato e Atividades Económicas ocupará a Rua Fernão Mendes, a Festa do Livro, o espaço Miniatura Automóvel e a 8ª Mostra Associativa do Concelho de Gouveia ficarão no recinto do Jardim Lopes da Costa. A Exposição Automóvel ficará localizada na Rua da Cerca e a Rua General Humberto Delgado estará destinada à ocupação por feirantes. Por fim, a área da Praceta José Almeida Mota será ocupada com uma área de divertimentos e a Avenida 25 de Abril, frente aos Paços do Concelho, com o palco principal.

O programa das Festas do Senhor do Calvário 2016 prevê, ainda, a organização de duas atividades em parceria. No sábado, 13 de agosto, pelas 16h00, realiza-se a Color Run, organizada em parceria com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Gouveia e, no domingo, 14 de agosto, pelas 16h00, realiza-se o Gouveia Freestyle, uma prova de perícia motorizada que decorrerá na Avenida General Humberto Delgado, em parceria com a Junta de Freguesia de Cativelos. Destacam-se ainda no programa do evento as tradicionais atividades religiosas com ênfase na procissão de domingo, às 18h00.

As Festas do Senhor do Calvário são o maior momento de partilha comunitária do concelho de Gouveia constituindo uma das principais atividades de verão promovidas pelo Município de Gouveia com o objetivo de assinalar toda a envolvente cultural e social do concelho.

Por:Mun.Gouveia

Balanço da FIT Guarda 2016

IMG_2486 - CópiaCerca de 24 mil visitantes passaram na FIT Guarda 2016

Foram quatro dias de grande movimentação no Parque do Rio Diz, na cidade da Guarda, com a realização da Feira Ibérica do Turismo 2016, esta foi a terceira edição e de ano para ano, está cada vez mais forte, mais dinâmica , com mais stands oriundos das mais diversas regiões de Portugal, assim como de Castilla Y Leon, e do Brasil.

Um evento que trouxe este ano, muitas novidades, apesar do mau tempo que assolou a região da Guarda, os visitantes oriundos das mais diversas localidades, vieram visitar e saber o que de novo existe.

Todos os municípios presentes se esforçaram por ser muito dinâmicos em diversos aspetos.

Um bom exemplo de marketing, foi mesmo a vinda de David Carreira ao stand de Trancoso, no sentido de promover já a Feira de S.Bartolomeu em agosto.

Destacar ainda a tertúlia promovida pela ADRUSE em parceria com a CIM Beiras e Serra da Estrela e Rádio Altitude , com a presença dos cinco presidentes da área envolvente da Serra da Estrela, Fornos de Algodres, Gouveia, Celorico da Beira, Seia e Manteigas.

Agora a presença do Primeiro -Ministro António Costa foi o ponto alto logo na abertura, onde o procurou destacar que o turismo é um setor que «importa expandir» para aproveitar os recursos endógenos existentes em todas as regiões do país, pelo que é essencial crescer ao nível da oferta.

Já Álvaro Amaro, Presidente do Município da Guarda, referiu o mau tempo complicou, mas que nesta região “somos tão bons como os melhores”, apela sempre ao Estado que os territórios de baixa densidade merecem mais oportunidades.

Em suma, esta feira foi uma grande demonstração de que o Interior do País também faz eventos de grande visibilidade.

Deixamos agora o balanço de alguns Presidentes de Municípios que estiveram presentes na FIT, Fornos de Algodres, Manteigas, Seia, Pinhel, Gouveia e Guarda.

 

Reportagem de António Pacheco/Cristina Sofia

Grande adesão no festival das sopas em Penaverde

IMG_8951  A localidade de Penaverde no concelho de Aguiar da Beira, recebeu mais uma edição do Festival das Sopas, onde se verificou uma grande adesão da população e alguns visitantes.

Uma grande diversidade de oferta de sopas também foi notória,com os diversos restaurantes que se prontificaram a confecionar as sopas a utilizar os mais variados ingredientes.

Esta foi uma organização do Rancho folclórico de Penaverde, onde o seu presidente Carlos Campos, se mostrou satisfeito com a grande adesão pois mais de uma centena de visitantes vieram saborear as sopas.Depois do sucesso equaciona já um novo figurino para a próxima edição de 2017, enalteceu ainda a presença do executivo municipal que dá maior dimensão ao festival.

Já o Presidente do Município de Aguiar da BeirIMG_8953a, Prof.Bonifácio, mostrou-se satisfeito pelo evento, pela qualidade das sopas e pela adesão de visitantes e deve continuar este Rancho a organizar este evento, porque promove a freguesia.

Por fim, o Presidente da Freguesia, Armindo, salientou que estes eventos trazem gente e o rancho esta de parabéns por realizar este festival e proporcionou a muita gente o convivio e promove a união de todos.

Um evento que todos os presentes gostaram e IMG_8955prometeram voltar para poder degustar este produto que é confeccionado naturalmente e de forma brilhante e que promoveu a coletividade, as gentes e os produtos endógenos da região penaverdense.

Por:António Pacheco

 

 

Foral Cooperativa, de Fornos de Algodres presente no Mercado de Natal dos Restauradores

A capital de Portugal, mais 1foral0concretamente , a Cidade de Lisboa, nesta fase do ano veste-se com ambiente de festa e com grandes festividades.

Vai daí, a Praça dos Restauradores vai engalanar-se com o Mercado de Natal que vai decorrer, de 17 a 20 de dezembro, num ambiente de muita cor e claro sempre milhares de visitantes passam por este lugar.

Assim sendo a  Foral Cooperativa, Cooperativa de Fornos de Algodres, vai lá estar presente, com os produtos endógenos desta região das beiras, ou seja, o concelho de Fornos de Algodres vai estar representado.

Vai ser de certo, uma boa forma de os beirões residentes pela capital possam nesta fase , visitar o stand e também adquirir os produtos desta região das beiras.

Por:António Pacheco

foto: Foral Cooperativa

Pinhel a mostrar-se em Espanha

0mpDecorreu de 26 a 29 de novembro, a INTUR – Feira Internacional de Turismo de Interioro , em Espanha, mais concretamente em  Valladolid – Espanha, o Município de Pinhel esteve presente com o seu stand.

Com o objetivo de promover o território concelhio, os seus recursos turísticos e os seus principais produtos endógenos.

Sempre que é importante o Município da Cidade Falcão surge representada fora de portas.

Por:Mun.Pinhel

Comitiva celoricense visita Portugal Agro (Lisboa)

Já ontem tincelorico na agrohamos feito referência à presença do Município de Fornos de Algodres na Portugal Agro, agora destacamos a presença do Município de Celorico da Beira, que neste domingo, fez deslocar ao Parque das nações, uma comitiva celoricense onde o seu vice presidente, Dr.José Luis e Dr.José Albano(chefe gabinete) lideraram esta visita, acompanhados por diversos produtores e empresários celoricenses.

Desta maneira visitaram a Feira em si, dando mais ênfase ao stand celoricense e aos do distrito da Guarda.

A Portugal Agro uma boa maneira de divulgar o bom que esta região das beiras tem a nível gastronómico, isto é , mostrar a outros povos os produtos endógenos desta zona alta do nosso Portugal.

Por:António Pacheco

foto:JAM

Penalva do Castelo promoveu a música portuguesa nas suas festividades

A Câmara Municipal de Penalva do
Castelo em parceria com a Associação Cultural Castro Pena Alba realizaram
durante 5 dias, as tradicionais Festas do Concelho 2015.
Este ano, a organização apostou
num programa musical e cultural diversificado, procurando ir ao encontro das
várias classes etárias.

As festividades arrancaram na
noite de 21 de agosto, com a atuação do Rancho Folclórico de Penalva do
Castelo, do Grupo Musical Cordas Soltas, e a artista Ruth Marlene.

O dia 22 de agosto ficou marcado
com a atuação do Grupo de Cantares de Pindo, do Grupo Musical Lua Cheia e da
fadista Mara Pedro.
No dia 23 de agosto, subiram a
palco a Tuna Realense, a Banda 2002 e a cantora REBECA com as suas bailarinas.
No dia 24 de agosto, a animação
musical esteve a cargo do Grupo de Concertinas do Dão, do Grupo Soma e Segue e
do artista João Claro com as suas
bailarinas.
No dia 25 de agosto, feriado
municipal, decorreu na Igreja da Misericórdia, a missa e procissão em Honra de
São Genésio, presidida pelo pároco, José António.
O momento musical da noite
iniciou-se com a atuação da Banda Musical e Recreativa de Penalva do Castelo,
seguindo-se do espetáculo da Banda The Flow. Para encerrar em grande as Festas
do Concelho/2015 a Orquestra Flash Show animou
as várias centenas de pessoas presentes no recinto.
No
antigo edifício dos Paços do Concelho esteve patente uma exposição fotográfica
intitulada “Álbum de Memórias”, que resulta da recolha de fotografias antigas
cedidas pelos penalvenses alusivas às terras e gentes do concelho de Penalva do
Castelo. Estiveram ainda expostos os produtos endógenos do concelho (Vinhos do
Dão, Maçã Bravo de Esmolfe e Queijo Serra da Estrela) e os trabalhos realizados
pelas crianças e jovens na edição das “Férias Ativas/15”.
Na
Biblioteca Municipal, decorreu a iniciativa “BIBLIOTECA FORA D’HORAS”, onde foi
possível visitar duas exposições patentes – “Esculturas de B. S.”, de Bruno
Sobral e “Pintura e Desenho”, da autoria de Joana Morais Sarmento Ferreira dos
Santos.
A
Autarquia pretendeu fomentar momentos de cultura e fruição de agradáveis
momentos de convívio entre os Penalvenses e os forasteiros e contribuir, ao
mesmo tempo, para a divulgação das potencialidades e dos produtos endógenos do
concelho de Penalva do Castelo.
Por: Mun.Penalva do Castelo
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com a utilização de cookies. Mais Informação

As definições de cookies neste site são definidas como "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, em seguida, você concorda com isso.

Fechar