Templates by BIGtheme NET
Início » Imagens » Candidatura ao POSEUR permite melhor sistema de abastecimento de águas

Candidatura ao POSEUR permite melhor sistema de abastecimento de águas

2OO MIL EUROS PARA ECâmara Municipal de MangualdeLABORAÇÃO DE CADASTRO DAS INFRAESTRUTURAS EXISTENTES
O Município de Mangualde apresentou, no passado dia 28 de outubro, uma candidatura ao Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR) para a elaboração de cadastro das infraestruturas existentes dos sistemas de abastecimento de águas e saneamento do concelho. Com esta candidatura, o município pretende ir de encontro às estratégias e objetivos definidos no PENSAAR2020 – “Uma nova Estratégia para o Setor de Abastecimento de Água e Saneamento de Águas Residuais” com o propósito de garantir a sustentabilidade e eficiência dos serviços e respetivos recursos.

A candidatura que conta com 85% de comparticipação comunitária visa obter ganhos na eficiência da gestão das infraestruturas de abastecimento de água e saneamento nomeadamente na diminuição de perdas de água tratada, na produção, gestão de conhecimento e instrumentos que permitam uma melhor cobertura e funcionamento dos sistemas por forma a assegurar mais qualidade dos serviços e em simultâneo a otimização dos custos de funcionamento e respetivos custos ambientais. Este conhecimento e instrumentos suportam a implementação de procedimentos operacionais mais eficientes, utilizando novas tecnologias e plataformas WEBSIG, que permitem responder rapidamente a incidentes, melhorar o conhecimento e a gestão de sistemas de abastecimento de água bem como, ganhos de eficiência, redução de custos de exploração e minimização de falhas.

O PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (POSEUR)
O POSEUR é o Programa Nacional Temático dedicado ao Ambiente que pretende contribuir para a afirmação da Estratégia Europa 2020, especialmente na prioridade de crescimento sustentável, respondendo aos desafios de transição para uma economia de baixo carbono, assente numa utilização mais eficiente de recursos.

Estrutura-se em três vetores que serão basilares para a mobilização dos fundos comunitários do próximo ciclo: a transição para uma economia de baixo carbono, focada na promoção da eficiência energética, em especial, na redução de consumos energéticos na administração pública – modelo ESCO ou Eco.AP, com o objetivo específico de redução de 30%; na promoção de eficiência energética no setor dos transportes, empresas e edifícios residenciais; na prevenção de riscos e adaptação às alterações climáticas, com enfoque para a erosão costeira e combate aos incêndios florestais; e na proteção do ambiente e promoção da eficiência de recursos, assentes na operacionalização das estratégias para o setor dos resíduos (PERSU 2020), para o setor das águas (PENSAAR 2020), para a biodiversidade e para os passivos ambientais.

A estratégia preconizada para o POSEUR alude, assim, a uma perspetiva multidimensional da sustentabilidade, que mobiliza os seguintes objetivos temáticos, traduzidos operacionalmente em três eixos:
• Apoiar a transição para uma economia com baixas emissões de carbono em todos os setores
• Promover a adaptação às alterações climáticas e a prevenção e gestão de riscos
• Proteger o ambiente e promover a eficiência dos recursos.

Por:Mun.Mangualde

Publicidade...



 

Enviar Comentário