Templates by BIGtheme NET
Início » Mangualde (Pagina 3)

Mangualde

Festa de encerramento da época 2021/2022, dos Gigantes de Mangualde

Decorreu, neste domingo, a festa de encerramento da época 2021/2022, dos Gigantes de Mangualde.
Foi um dia em cheio, com muitos jogos entre todos pais e atletas, muita comida, muita água  pelo meio e, acima de tudo grande diversão!
O clube agradece a todos os que tornaram este dia possível, por toda a ajuda, trabalho e colaboração, por estarem presentes e fazerem desta festa um dia memorável para os  meninos.

Feira Nacional de Agricultura recebeu visita de agricultores de Mangualde

Recentemente mais de 50 agricultores do concelho de Mangualde foram visitar a Feira Nacional de Agricultura de Santarém, numa iniciativa do Município de Mangualde.
Este certame que esteve suspenso cerca de dois anos consequência da pandemia, voltou a realizar-se promovendo uma vez mais o debate sobre as principais questões do setor agrícola e também a promoção entre parceiros de troca de contactos e negócios.
Sempre proveitoso para os agricultores que ficam a conhecer novos produtos, novos métodos.

Comemorações: 25 anos da Biblioteca Municipal, Centenário Dr. Alexandre Alves e 80º aniversário da Revista Beira Alta em Mangualde

O Município de Mangualde, nos próximos dias 9 e 19 de julho, irá acolher duas iniciativas realizadas no âmbito da programação de comemoração do centenário do nascimento de Alexandre Alves, do 25º aniversário da Biblioteca Municipal e do 80º aniversário da Revista Beira Alta. No dia 9 de julho, pelas 21h30, será realizada uma visita guiada às capelas e à ermida da Nossa Senhora do Castelo, acompanhada por momentos musicais protagonizados por elementos da Orquestra POEMa. No dia 19 de julho, pelas 17h30, será apresentada a Revista Beira Alta, nomeadamente, o número especial de homenagem a Alexandre Alves, na Igreja da Misericórdia, e, ainda, conduzida uma visita pela Igreja.

Pretende-se com esta programação revisitar a obra escrita de Alexandre Alves sobre o património de Mangualde, e, também, projetar a sua imagem ao nível da região Dão Lafões sobre a qual desenvolveu investigação.

Neste enquadramento, a Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves em colaboração com a Direção da Revista Beira Alta e o Departamento dos Bens Culturais da Diocese de Viseu uniram-se para apresentar um conjunto de iniciativas tiveram início em maio e decorrerão até dezembro de 2022.

Durante o mês de julho, serão dois os momentos que dão continuidade ao programa.  No dia 9 de julho, pelas 21h30, o público é convidado a subir o escadório da Nossa Senhora do Castelo para uma visita orientada às capelas e à ermida, pelos textos de Alexandre Alves, conduzida por Fátima Eusébio. O percurso será acompanhado com breves performances de violino, protagonizados por elementos da Orquestra POEMa.

No dia 19 de julho, pelas 17h30, será promovida a apresentação da Revista Beira Alta, nomeadamente o número especial de homenagem a Alexandre Alves, que terá lugar na Igreja da Misericórdia. Neste dia, o público será ainda conduzido a uma breve viagem pela Igreja da Misericórdia, através dos textos de Alexandre Alves. A visita estará a cargo de Fátima Eusébio. O final da sessão contará com um momento musical protagonizado por Margarida Ferreira dos Santos.

Programa Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas em Mangualde

Projeto “Sensibilizar é Proteger!” decorrerá de 4 a 29 julho e de 1 a 31 agosto.

Estão abertas as inscrições para todos os jovens voluntários, dos 14 aos 30 anos, ao Programa Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas, do IPDJ, “Sensibilizar é Proteger!”, promovido pelo Município de Mangualde.

O mote do projeto é “Sensibilizar pela Floresta, pela Terra e por quem vive delas”. E o Município de Mangualde deixa o desafio Estás disposto a sensibilizar pelo teu futuro?”.

Condições de participação:

  • Efetuar o REGISTO ÚNICO através do seguinte endereço https://bdu.ipdj.gov.pt/
  • Para REALIZAÇÃO DA INSCRIÇÃO, para cada período, aceder a https://programasjuventude.ipdj.gov.pt/ e pesquisar pela candidatura “SENSIBILIZAR É PROTEGER!” do Município de Mangualde
  • Cada participação terá uma duração diária máxima de 5 horas e num dos períodos propostos pelo Município de Mangualde
  • O IPDJ, I.P atribui o ressarcimento diário de 12,00 euros, a receber no final do projeto
  • Para mais informações contactar, através do e-mail, gtf@cmmangualde.pt

O projeto irá decorrer de 4 a 29 julho e de 1 a 31 agosto.

“Um Verão sem Comparação” nova campanha da CIM Viseu Dão Lafões

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões apresentou uma nova campanha de promoção turística, com a qual promete aquecer o verão de 2022. Designada “Um Verão sem Comparação”, a campanha aposta nas características mais fortes e identitárias da região, está sustentada naquilo que de melhor existe nos 14 municípios que a compõem e vem impulsionar aquele que poderá ser “um verão histórico” para o turismo local.

As previsões apontam para números históricos. Será o melhor verão ou, seguramente, um dos melhores de sempre, na região, em termos de procura turística. Queremos com esta campanha impulsionar um desempenho que será a todos os títulos excecional, pelo que representa em termos de recuperação dos anos marcados pela pandemia, e considerando até os melhores números anteriores”, afirma o presidente da CIM Viseu Dão Lafões, Fernando Ruas.

O conceito “Um Verão sem Comparação” inspira-se no facto de Viseu Dão Lafões ser uma região com um número alargado e diversificado de experiências únicas, que a tornam um local de excelência para umas férias de verão com uma personalidade ímpar. Na campanha, o território de Viseu Dão Lafões assume-se como ponto de referência para as férias de sonho dos amantes da natureza, dos apaixonados pela gastronomia e vinhos, bem como de todos os adeptos de propostas de saúde e bem-estar, que, sozinhos ou acompanhados, desejam tirar o melhor partido do seu tempo de lazer.

O mote “Um Verão sem Comparação” traduz na perfeição a premissa da campanha, enaltecendo desde os verdes vivos da natureza, durante o dia, ao céu cheio de estrelas, durante a noite; das ruas com História, às pessoas com histórias para contar; dos pratos típicos com sabores que ficam na memória, aos ofícios que se passam entre gerações; das águas que retemperam o corpo, ao vinho com que se brinda a tudo o que falta descobrir.

A campanha sucede a uma proposta anterior, “O Verão é Aqui!”, que foi dinamizada com grande sucesso no verão de 2021.

Com uma comunicação a ser desenvolvida em diferentes formatos e plataformas (em meios físicos, online, na rádio e na imprensa escrita), focada nas experiências que o território pode oferecer a quem o visita, esta campanha, de âmbito nacional, está ancorada nas mais-valias de uma região reconhecida por saber receber.

Para o Presidente da CIM Viseu Dão Lafões, Fernando Ruas, “esta vasta região, localizada bem no coração de Portugal, composta por 14 municípios, tem na diversidade de oferta um dos seus maiores tesouros. Por mais que se visite, revisite e explore, há sempre algo por descobrir”. “Um verão sem comparação é um convite aberto a todos os portugueses, para que desfrutem e se apaixonem por Viseu Dão Lafões. Queremos impulsionar aquele que pode vir a ser o melhor ano de sempre para o turismo da região”, acrescenta.

Segundo o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, “esta região tem características únicas que fazem dela um local de excelência para umas férias de verão com uma personalidade ímpar, sustentada naquilo que de melhor existe nos 14 concelhos que a compõem. Com esta campanha, que sucede à proposta ‘O Verão é Aqui!’, a CIM dá continuidade à sua aposta de promoção do território e de comunicação dos seus produtos turísticos integrados, particularmente valorizados por um turista que procura atividades ao ar livre associadas à natureza e à rede cultural e patrimonial da região”.

“Viseu Dão Lafões Pé ante Pé” convida aos passeios

A CIM Viseu Dão Lafões, aposta, paralelamente, na iniciativa “Viseu Dão Lafões Pé ante Pé“, uma proposta de ativação da Rede de Percursos Pedestres da região, desenvolvida em estreita colaboração com os municípios. Esta iniciativa apresenta um calendário de 14 caminhadas – uma por cada município da CIM Viseu Dão Lafões –, com níveis de dificuldade que variam entre o 1 (fácil) e o 2 (médio), com um enquadramento cénico que presenteia os participantes com os melhores argumentos naturais da região.

Mangualde recebe espetáculo ALTO

O espetáculo ALTO! é uma iniciativa da Alto Mondego’ Rede Cultural e tem no próximo no dia 1 de julho (sexta feira), pelas 21h30, no Largo Dr. Couto, em Mangualde.
O adro da Igreja é o lugar de todos os encontros. Nos domingos de missa, é um corrupio de maledicência e inveja a entrar e de Fé e boa vontade a sair. Parece milagre!
Nos sábados de feira, vinho, azeite, lã e queijo encontram-se em bancas improvisadas pelos homens e mulheres que os acarinham nas mãos, nos pés e no peito. Trocam-se histórias, experiências, cochichos e memórias. Às vezes, picardias também, porque “a ovelha da vizinha não pode ser melhor que a minha”.

Ler Mais »

Contracanto estreou musical nos municípios do Alto Mondego

No “Alto” há uma história para contar pela voz dos que cá moram

“Alto” é a nova proposta comunitária do Alto Mondego’ Rede Cultural. Um musical criado pela Contracanto Associação Cultural com um elenco de luxo que junta 35 elementos da comunidade de Nelas, Mangualde, Gouveia e Fornos de Algodres. “Alto” conta as histórias do quotidiano e do que une os 4 concelhos. Uma homenagem às tradições, costumes e ao que de mais autêntico têm em comum. Quem passar pelo Alto Mondego neste verão tem, assim, uma experiência única para viver. A estreia foi na passada sexta-feira, 24 de junho. No total são 4 apresentações, uma em cada município. Ler Mais »

3ª Edição do Concurso – “Apoie a Economia Local – Compre no Comércio Tradicional de Mangualde” arranca a 1 de julho

 Tendo por base os resultados bastante favoráveis das edições anteriores, a Associação Empresarial de Mangualde, em colaboração com o Município de Mangualde, com o objetivo fulcral de revitalizar e alavancar a atividade económica no nosso concelho e incentivar a procura e a dinâmica de estímulos pelo comércio local, dá início a partir do dia 1 de Julho à 3ª Edição do Concurso – “Apoie a Economia Local – Compre no Comércio Tradicional de Mangualde”.
 O Concurso terá os mesmos moldes dos anteriores, sendo que os estabelecimentos que pretendam aderir ao mesmo, devem proceder à sua inscrição, devidamente preenchida, via on-line aqui 👉 https://cutt.ly/KKlrDxl , ou presencialmente nas instalações da AEM.
 Serão disponibilizados 2.000 euros de estímulo por mês, durante 6 meses e um prémio extraordinário, no valor de 1.000 euros, a sortear na última extração do concurso. Este montante reflete-se mensalmente através da atribuição de vários prémios aos clientes dos estabelecimentos aderentes para posteriormente serem aplicados no Comércio de Mangualde.
 Os prémios refletem-se na atribuição de um 1º prémio de 500 euros, um 2º prémio de 300 euros, um 3º prémio de 200 euros e do 4.º ao 13.º prémio no montante de 100 euros e todos eles desmultiplicam-se em vales de 20 euros, para aplicar em compras no comércio local.
 Pretendemos assim mobilizar os comerciantes e envolver os clientes, de forma a estimular a população a fazer compras a nível local apoiando a divulgação do concelho e criar oportunidades de negócios que consequentemente potenciarão novos espaços de comercialização que possam surgir.

150º aniversário de Ana de Castro Osório assinalado em Mangualde

O Município de Mangualde assinalou este fim de semana, dias 17 e 18 de junho, o 150º aniversário de Ana de Castro Osório, com um programa recheado de atividades culturais diversas. Passaram pela Casa de Ana de Castro Osório e pela Biblioteca Municipal de Mangualde, para celebrar esta data, centenas de pessoas. Ana de Castro Osório foi celebrada com um programa diversificado, que contemplou, oficinas de contos, leituras, dramatizações, dança, conferência, conversas, apresentação de livro e concertos.

As comemorações tiveram início no dia 17, sexta-feira, com a “Oficina de Exploração de Contos de Ana de Castro Osório”, dinamizada por Fátima Ribeiro de Medeiros e dirigida a professores, educadores e profissionais ligados à literatura, mediadores de leitura e outros interessados. A oficina que decorreu na Biblioteca Municipal, foi creditada e realizada em parceria com o Centro de Formação EDUFOR. 

  Pelas 21h00, na Casa de Ana de Castro Osório, o Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Marco Almeida, abriu a sessão comemorativa, à qual se seguiu o momento de “Estórias de Ana de Castro Osório…À conversa com…“ Raquel Osório, trineta da escritora, que deu a conhecer um pouco da vida familiar e social de Ana de Castro Osório, transmitida pelas gerações anteriores. Jorge Nabais deu o seu contributo à conversa fazendo um contexto da época em que Ana de Castro Osório desenvolveu a sua atividade de ativista, intelectual, pedagoga e escritora. Foram depois apresentados três contos de Ana de Castro Osório, trabalhados pelos alunos do Agrupamento de Escolas, no âmbito do Plano das Artes: a leitura encenada de “O Porqueiro”, por Maria Aguiar, com os alunos do 2B, com Coreografia de Helena Couto, para os alunos das AECS, e musicada pelos aluno do Projeto Municipal Orquestra Poeminha, acompanhados pelo professor de violino Joaquim Castro; “Os Meninos da Estrela de Ouro na Testa” foi apresentado em teatro de sombras pelos alunos do 7E, encenado por Maria Aguiar e, ainda a dramatização do conto “O Esperto”, pelos alunos 8B, encenado por Luís Almeida. 

O encerramento da primeira noite de comemorações esteve a cargo do projeto musical do Agrupamento de Escolas de Mangualde, “Orquestra Juvenil +Música”, dirigida pelo Maestro Vitor Mendes, que apresentou o “Concerto pela Igualdade”. 

 No sábado, dia 18 de junho, as comemorações tiveram início pelas 14h30 na Biblioteca Municipal, onde Fátima Ribeiro de Medeiros proferiu a “Conferência Ana de Castro Osório: Entre a militância republicana e feminista, a escrita e a edição”. Assistiu-se ainda à leitura do conto “Tio Barreiros” do livro “Felizes”, de Ana de Castro Osório, pela trineta da escritora, Raquel Osório. 

 O programa contemplou ainda a apresentação da reedição da obra original de Ana de Castro Osório de 1905, “Às Mulheres Portuguesas”, por Rosabela Afonso, publicação da ACCIG. A tarde terminou com a apresentação do documentário “Descobrir Ana de Castro Osório: Documentário & Pintura Mural” encomendados pelo Município especialmente para este aniversário, aos artistas José Vieira e JAF, respetivamente.  

 À noite, decorreu a apresentação de quatro contos encenados por Raquel Osório: “A esperteza da velha”; “Casa de Meu Pai”; “Os três desejos”; “O tolo e as moscas”, com a participação de crianças de Mangualde. O encerramento das celebrações trouxe à casa de Ana de Castro Osório o concerto de jazz através do projeto “Peixe-Boi” composto pelo guitarrista João Carreiro e contrabaixista João Fragoso de Viseu e pelo baterista Miguel Rodrigues de Mangualde, músicos já aclamados pela crítica nacional.  Não faltou o brinde de final de noite com o vinho do Dão, os queijos e os doces de Mangualde. 

  

Santo André dispõe de um relvado sintético do campo de futebol de onze

Neste domingo, foi inaugurado o relvado sintético do campo de futebol de onze do Centro de Formação de Futebol de Santo André., no Concelho de Mangualde. Resultou num investimento tripartido de 250 mil euros, comparticipados em 150 mil euros pela Câmara Municipal de Mangualde, 40 mil euros pelo IPDJ e o restante pelo Centro de Formação de Futebol de Santo André.

Esteve presente,um leque de entidades convidadas, José Carlos Lopes, presidente da AF Viseu, executivo Municipal liderado Marco Almeida, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, que destacou que este investimento corresponde a uma melhoria significativa das condições para a prática desportiva, num concelho que revela vontade e dinâmica, pela quantidade de atletas inscritos”. O Presidente reforçou ainda que “está dado mais um importante passo nesta caminhada de requalificação de vários espaços desportivos do concelho que se apresenta como um local privilegiado para a prática de diversas modalidades”. O autarca congratulou ainda o Centro de Formação pelo dinamismo da coletividade e exemplar contributo.

Mangualde passa a dispor de mais um equipamento desportivo requalificado e dotado de melhores condições para a prática desportiva e de formação de dezenas de jovens, reforçando a importância do polo desportivo de Santo André no concelho.