Templates by BIGtheme NET
Início » Mangualde (Pagina 4)

Mangualde

Foram 12 projetos premiados no Concurso Final do Projeto de Educação Financeira “No Poupar Está o Ganho”

Decorreu no Centro Cultural de Carregal do Sal, numa organização da Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões,  a sessão de Entrega de Prémios do Concurso Final do Projeto de Educação Financeira “No Poupar Está o Ganho”.

Esta sessão, entre outros, contou com as intervenções do Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, do Presidente da Câmara Municipal de Carregal do Sal, Paulo Catalino, e da Diretora Executiva da Fundação Cupertino de Miranda, Inês Abreu.

Neste projeto, participaram mais de 170 turmas, dos 3º ao 6º anos, dos municípios da CIM Viseu Dão Lafões e, neste momento de encerramento de ano letivo, os(as) alunos(as) foram desafiados(as) a apresentar um trabalho final onde demonstrassem os conhecimentos e as competências adquiridas ao longo do ano, no que respeita à literacia financeira.

Neste evento, Viseu Dão Lafões, viu premiados um total de 12 projetos, da autoria dos projetos dos alunos do 3.º e 4.º anos da Escola Básica de Farejinhas (Castro Daire), dos alunos do 3.º e 4.º anos da Escola Básica de Moimenta do Dão (Mangualde), dos alunos do 4.º A da Escola Básica de Nelas, dos alunos do 3.º A da Escola Básica de Sátão, dos alunos do 4.º D da Escola Básica de Fragosela de Cima (Viseu), dos alunos do 6.º B da Escola Básica de Carregal do Sal, dos alunos do 6.º A da Escola Básica e Secundária Engenheiro Dionísio Augusto Cunha (Nelas), dos alunos do 5.º C da Escola Básica de Ínsua (Penalva do Castelo), dos alunos do 6.º A da Escola Básica de Santa Comba Dão, dos alunos do 6.º A da Escola Básica de Santa Cruz da Trapa (São Pedro do Sul), dos alunos do 5.º A da Escola Básica Ferreira Lapa (Sátão) e dos alunos do 6.º C da Escola Básica do Caramulo (Tondela).

Para o Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, “Em primeiro lugar, quero destacar o fantástico desempenho da nossa comunidade escolar neste concurso, bem como o seu envolvimento, ao longo do ano letivo, neste projeto de literacia financeira que fornece as ferramentas essenciais para um consumo responsável, para uma boa gestão dos orçamentos familiares. A nossa expectativa é que este projeto tenha um impacto positivo, a longo prazo, na vida dos nossos alunos”.

“A CIM, desde cedo, tem assumido um papel de relevo no fomento de inúmeros projetos educativos e pedagógicos, por todo o território. Estes projetos que, entre outros, abordam temas como o empreendedorismo, a literacia ambiental, as ciências experimentais, a robótica, ou ainda a saúde oral e a alimentação saudável, têm-se afirmado como uma mais-valia para os nossos jovens. Neste contexto, o “No Poupar Está o Ganho”, ao longo deste ano letivo, afirmou-se como mais uma aposta ganha“, concluiu o Secretário Executivo.

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal de Carregal do Sal, Paulo Catalino, “É importante dar os parabéns a todos os que se envolveram neste projeto, nos dias de hoje é de extrema importância envolver os nossos jovens numa temática tão importante como a poupança e a literacia financeira“.

Segundo a Administradora Executiva da Fundação Dr. António Cupertino de Miranda, Inês Abreu, “Este é um momento especial porque, graças à vontade da CIM em capacitar os seus alunos com ferramentas de literacia financeira, é a primeira vez que este projeto está na Região Centro”. 

“Este projeto tem-se afirmado como uma mais-valia para o território, na medida em que muito do nosso bem-estar depende da relação com o dinheiro e é este conhecimento que estamos a transmitir aos alunos de Viseu Dão Lafões“, acrescentou a Administradora Executiva.

fonte:CIM Viseu, Dão Lafões

CLAIM Mangualde – Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes nasceu

Já nasceu o novo CLAIM Mangualde – Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes de Mangualde, um centro de apoio local que tem como função acolher, informar e apoiar cidadãos migrantes. O momento, celebrado através de um Protocolo de Cooperação com o Alto Comissariado para as Migrações, I.P. (ACM, I.P.) assinado hoje, dia 14 de junho, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Mangualde, contou com a presença da Ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, do Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Marco Almeida e da Alta-Comissária para as Migrações, Sónia Pereira.

 “Portugal tem tido sempre uma política de acolhimento que nos deve orgulhar”, começou por destacar a Ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, “mas todos os dias é preciso melhorar procedimentos. Todas as parcerias com as comunidades são essenciais para desenvolvermos uma coesão territorial e social capaz de gerar oportunidades para todos.  Ana Catarina Mendes sublinhou ainda que estas são “redes essenciais, não só para aqueles que chegam, mas também para nós que cá estamos”.

 Marco Almeida destacou a importância deste novo centro: “no contexto atual, de exponencial movimento migratório, quer na procura de novas oportunidades de trabalho, conflitos, terrorismo e guerra ou violações dos direitos humanos, fazem com que o mundo sofra alterações constantes. É, por isso, importante para nós ter definido um objetivo muito claro de integração de todas as pessoas que escolhem este território para viver, para trabalhar, visitar e continuar a promover a coesão e solidariedade social, o acesso à cidadania e o reforço das redes sociais de integração e participação pública dos imigrantes”.

Com este protocolo, Mangualde “tem agora uma resposta especializada e de proximidade, que vai permitir que este concelho reforce o apoio que presta aos cidadãos estrangeiros, sejam residentes ou aqueles que nos procuram em momentos dramáticos da sua vida, como é agora o caso dos deslocados da Ucrânia em consequência da Guerra”, explicou ainda o presidente da Câmara Municipal de Mangualde.

CLAIM – CENTRO LOCAL DE APOIO À INTEGRAÇÃO DE MIGRANTES

Os CLAIM são gabinetes/espaços de acolhimento, informação e apoio que têm como missão apoiar todo o processo de acolhimento e integração de pessoas migrantes, articulando com as diversas estruturas locais, e promovendo a interculturalidade a nível local. Estes serviços prestam apoio e informação geral em diversas áreas, tais como, regularização, nacionalidade, reagrupamento familiar, habitação, retorno voluntário, trabalho, saúde, educação, entre outras questões do quotidiano. A Rede CLAIM conta também com CLAIM especializados, que intervêm em diferentes áreas, por forma a complementar e solidificar o seu processo de integração.

Com o objetivo de promover uma integração de proximidade, os CLAIM resultam de parcerias estabelecidas entre o Alto Comissariado as Migrações (ACM, I.P.) e autarquias, instituições de ensino superior ou entidades da sociedade civil que, em cooperação, promovem um atendimento integrado. Em algumas regiões, esse atendimento é prestado em regime de itinerância, fazendo chegar o serviço junto de pessoas migrantes que de outro modo não têm acesso a ele, seja por falta de mobilidade ou ausência de outros recursos. O atendimento é personalizado e conta com a colaboração de técnicos e técnicas com habilitações para o efeito.

Queijaria Vale da Estrela mantém a mais exigente certificação alimentar

Certificação BRC (British Retail Consortium) renovada

A Queijaria Vale da Estrela, sediada em Mangualde, em plena região da Serra da Estrela, fundada por Jorge Coelho com o propósito de apoiar a preservação de um produto autêntico e ancestral e contribuir para a valorização da fileira e do interior do País, renovou a certificação BRC (British Retail Consortium), um dos referenciais mais exigentes a nível mundial de qualidade e segurança alimentar. Ler Mais »

“Noites COMBI” em Mangualde

A Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves recebe As “Noites COMBI”, espetáculo no âmbito da Rede Cultural Dão Lafões, está em  Mangualde esta quarta-feira, dia 15 de junho, pelas 21h30. A noite conta com uma Palestra-Concerto “VÁLVULA” e “Leituras com Gi da Conceição”. A entrada é livre.

VÁLVULA – UMA PALESTRA-CONCERTO A PARTIR DA HISTÓRIA DO GRAFFITI

Trata-se de um espetáculo para adolescentes, jovens e adultos que parte da história do Graffitti para nos levar numa viagem com diversas perguntas. Nesta performance inclassificável – meio palestra, meio concerto de hip hop – António Jorge Gonçalves, desenhador, guia-nos com palavras e desenhos pelos riscos que caçadores-recoletores fizeram nas rochas há 30.000 anos, pelas anotações desenhadas dos romanos nas paredes das casas em Pompéia, e pelos murais mexicanos de há 100 anos atrás, enquanto Flávio Almada aka LBC Soldjah, MC e activista, nos leva com palavras e música até às contradições sociais das nossas cidades.

Tudo para podermos compreender as pinturas a lata de spray que enchem em sobressalto os nossos muros. Palavras e Desenho: António Jorge Gonçalves Palavras e Música: LBC Soldjah.

LEITURAS COM GI DA CONCEIÇÃO

Todos os povos se definem, preservam e evoluem assentes numa cultura. A cultura é, portanto, um bem que a todos nós pertence, um património que todos temos o dever de preservar, acrescentando o nosso contributo. A literatura tem o potencial de renovar, alimentar, potenciar a cultura de um povo, assim como é uma das disciplinas artísticas responsáveis por fomentar a aprendizagem, a criatividade, a interdisciplinaridade, desenvolvendo aspetos sociais, afetivos, éticos e cognitivos.

Com a proposta de leituras de textos de escritores da região, como João Pedro Grabato Dias, Luís Miguel Nava ou Judith Teixeira, Gi da Conceição tem como objetivo aumentar a proximidade do público com a cultura local e estimular o interesse da população pela arte da leitura.

Operação “RoadPol – ECR Truck & Bus”

A Guarda Nacional Republicana (GNR), entre o dia 13 e o dia 19 de junho, realiza uma operação de fiscalização seletiva de transportes rodoviários de mercadorias e de passageiros, orientando as ações de fiscalização para as vias mais críticas à sua responsabilidade e onde se verifique um maior volume de tráfego deste tipo de veículos, em todo o território nacional continental.

O Euro Contrôle Route (ECR) é um grupo Europeu de Inspeção de Transportes, que tem por objetivo melhorar a segurança rodoviária e a sustentabilidade, a concorrência leal e as condições de trabalho no transporte rodoviário. Por sua vez, a RoadPol é uma organização que foi estabelecida pelas polícias de trânsito da Europa, com a finalidade de melhorar a segurança rodoviária e o cumprimento das normas rodoviárias.

No final de 2021, a GNR tornou-se membro da RoadPol, passando a integrar no seu planeamento operacional, as operações planeadas pela referida organização. No âmbito do planeamento anual efetuado pela RoadPol e pelo ECR, a GNR realiza uma operação de fiscalização direcionada para veículos pesados com o objetivo de melhorar a segurança rodoviária, a sustentabilidade, a concorrência e as condições de trabalho em transporte rodoviário, através do cumprimento dos regulamentos existentes.

Com esta ação, pretende-se também sensibilizar a sociedade, em especial os operadores económicos que se dedicam ao transporte rodoviário de mercadorias e passageiros, para a importância da adoção de comportamentos mais seguros por parte dos seus condutores profissionais, tendo em vista a promoção da segurança rodoviária e a salvaguarda de vidas humanas.

O aumento da concorrência no setor dos transportes rodoviários, torna-o mais suscetível à prática de irregularidades, em detrimento da segurança rodoviária, sendo o cansaço o principal fator de risco que afeta os motoristas profissionais em resultado do incumprimento dos tempos de condução e repouso.

A fadiga e a sonolência diminuem a capacidade de reação, a visão periférica e a desconcentração para o ato da condução, e afeta especialmente os condutores profissionais em resultado do elevado n.º de horas diárias de condução, potenciando a probabilidade de serem atores ou vítimas de sinistralidade rodoviária, pelo que é fundamental saber reconhecer quando se deve fazer uma pausa na condução, antes que seja tarde demais.

Conferência “Mulheres, Igualdade e Territórios” em Mangualde

Vai levar a efeito o Município de Mangualde mais iniciativas que está a desenvolver  que alertam para a importância da igualdade de género. Deste modo, no dia 21 de junho, pelas 10h00, o Auditório da Câmara Municipal de Mangualde acolherá a conferência “Mulheres, Igualdade e Territórios”, uma iniciativa promovida pela autarquia que visa a territorialização da Igualdade de Género e, ainda, recordar a feminista mangualdense Ana de Castro Osório. As desigualdades entre géneros, etnias e regiões são desintegradoras, excludentes e geram assimetrias de poder, que, muitas vezes, se cristalizam e naturalizam através de práticas que lhes dão suporte.

Assim, a Estratégia Nacional para a Igualdade e Não Discriminação, Portugal + Igual coloca como eixo muito importante de intervenção a Territorialização da Igualdade, tendo em conta que a Igualdade de Género tem de chegar a todos os territórios.

As mulheres são as grandes resistentes à desertificação das aldeias e nos centros urbanos do interior, elas podem ter um papel fundamental, começando pela sua participação nas autarquias locais. Para além das desigualdades que atingem as mulheres em geral, as que estão ligadas à agricultura e ao meio rural sofrem ainda de maior invisibilidade, isolamento, conservadorismo, machismo, violência doméstica, falta de reconhecimento profissional.

A Territorialização da Igualdade como método de intervenção materializa-se assim nesta conferência, que será dinamizada por Manuela Tavares, cofundadora e dirigente da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta.

Durante a iniciativa será, ainda, evocada a memória da feminista republicana Ana de Castro Osório, nascida em Mangualde, a 18 de junho de 1872, cujo percurso de vida como escritora e feminista será abordado na segunda parte da conferência.

A participação no evento é gratuita, mas carece de inscrição prévia obrigatória até ao dia 17 de junho. Os interessados deverão inscrever-se através do e-mail margarida.chaves@cmmangualde.pt.

Protocolo de Cooperação com o Alto Comissariado para as Migrações, I.P. em Mangualde

Vai ocorrer a cerimónia de assinatura de Protocolo de Cooperação no dia 14 de junho, pelas 11h00, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Mangualde simbolizando o nascimento do CLAIM Mangualde – Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes de Mangualde, um centro de apoio local que tem como função acolher, informar e apoiar cidadãos migrantes.

Contará com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, Marco Almeida, da Ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, da Secretária de Estado da Igualdade e Migrações, Isabel Almeida Rodrigues e da Alta-Comissária para as Migrações, Sónia Pereira.

Sendo Mangualde um concelho comprometido e empenhado em promover a inclusão social de todos os seus habitantes, contando na sua população com residentes estrangeiros em número significativo, a criação do CLAIM Mangualde é de extrema importância e relevância no que toca a solidificar as condições de acolhimento, informação e apoio a cidadãos migrantes.

Esta celebração protocolar demonstra que as autarquias locais assumem um papel cada vez mais relevante na implementação da política pública, possibilitando uma maior adequação das respostas através de serviços descentralizados centrados no atendimento de proximidade para permitir uma resposta mais eficaz às populações, em especial às social e economicamente mais vulneráveis.

CLAIM – CENTRO LOCAL DE APOIO À INTEGRAÇÃO DE MIGRANTES

Os CLAIM são gabinetes/espaços de acolhimento, informação e apoio que têm como missão apoiar todo o processo de acolhimento e integração de pessoas migrantes, articulando com as diversas estruturas locais, e promovendo a interculturalidade a nível local. Estes serviços prestam apoio e informação geral em diversas áreas, tais como, regularização, nacionalidade, reagrupamento familiar, habitação, retorno voluntário, trabalho, saúde, educação, entre outras questões do quotidiano. A Rede CLAIM conta também com CLAIM especializados, que intervêm em diferentes áreas, por forma a complementar e solidificar o seu processo de integração.

Com o objetivo de promover uma integração de proximidade, os CLAIM resultam de parcerias estabelecidas entre o Alto Comissariado as Migrações (ACM, I.P.) e autarquias, instituições de ensino superior ou entidades da sociedade civil que, em cooperação, promovem um atendimento integrado. Em algumas regiões, esse atendimento é prestado em regime de itinerância, fazendo chegar o serviço junto de pessoas migrantes que de outro modo não têm acesso a ele, seja por falta de mobilidade ou ausência de outros recursos. O atendimento é personalizado e conta com a colaboração de técnicos e técnicas com habilitações para o efeito.

150º aniversário de Ana de Castro Osório em Mangualde

O 150º aniversário de Ana de Castro Osório com um programa recheado de atividades, vai ser assinalado pelo Municipio de Mangualde. Nos dias 17 e 18 de junho, a Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves e a Casa de Ana de Casto Osório acolhem diversas iniciativas, que acontecem em ambos os dias, no âmbito da comemoração da efeméride. Todas as iniciativas são de entrada livre.

As comemorações têm início marcado para o dia 17 de junho, na Biblioteca Municipal, com uma Oficina de Exploração de Contos de Ana de Castro Osório, dinamizada por Fátima Ribeiro de Medeiros, da EDUFOR, que decorrerá entre as 10h00 e as 17h30. Já durante a noite, na Casa de Ana de Castro Osório, pelas 21h00, terá lugar a sessão de abertura da celebração, que estará a cargo de Marco Almeida, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde. Seguindo-se as Estórias de Ana de Castro Osório, numa conversa com Raquel Osório de Castro. Posteriormente, segue-se a iniciativa “O Porqueiro”, uma leitura encenada com Coreografia e Música, sendo protagonizada pelos alunos 2B AEM, a AECS Dança e a Orquestra Poeminha. Os festejos prosseguem com o teatro de sombras “Os Meninos da Estrela de Ouro na Testa” interpretado pelos alunos 7E AEM, a dramatização “A Bela Felicidade”, protagonizada pelos alunos 8C AEM, terminando com um “Concerto pela Igualdade” interpretado pela Orquestra Juvenil Mais Música AEM.

A celebração do 150º aniversário continua no dia 18 de junho, na Biblioteca Municipal, pelas 14h30, com diversas atividades: exposição documental “Vida e obra de Ana de Castro Osório”; conferência Ana de Castro Osório: entre a militância republicana e feminista, a escrita e a edição, protagonizada por Fátima Ribeiro de Medeiros; leitura do conto “Tio Barreiros”, In Felizes, por Raquel Osório de Castro; apresentação da reedição da obra “Às Mulheres Portuguesas”, por  Rosabela Afonso da ACCIG; documentário e pintura Mural “Descobrir Ana de Castro Osório” da autoria de JAF e José Vieira. Pelas 21h00, já na Casa de Ana de Castro Osório seguem-se contos encenados, interpretados por Raquel Osório de Castro e um momento musical protagonizado por PEIXE-BO.

A programação das comemorações do 150º Aniversário de Ana de Castro Osório pode ser consultadas no site do Município de Mangualde (www.cmmangualde.pt).

Santos Populares animam Mangualde

As comemorações do Santos Populares vão  animar o Município de Mangualde. O dia 12 de junho contará com um arraial recheado de música, memórias populares e com gastronomia associada à efeméride, a típica sardinhada. A festa faz-se a partir das 15H00, no Largo do Rossio, com a atuação do Grupo de Concertinas do Dão.

Durante as comemorações, os mangualdenses poderão ainda visitar as Tasquinhas das Associações Culturais de Mangualde, que estarão localizadas no Largo do Rossio, que têm como objetivo promover o convívio e permitir aos visitantes saborear a gastronomia típica destes festejos.

A iniciativa promovida pela autarquia decorre em colaboração com as Associações Culturais de Mangualde.

Férias Desportivas de Verão em Mangualde

As Férias Desportivas de Verão do Município de Mangualde estão de volta para uma nova edição, que decorrerá entre os dias 4 a 29 de julho. Destinadas a crianças e jovens com idades compreendidas entre os 8 e os 14 anos de idade, têm como objetivo promover a ocupação saudável dos tempos livres dos jovens no período de férias escolares e pausas pedagógicas, através da prática de atividades lúdico-formativas e incentivar o conhecimento de diversas regiões do País.

O programa das Férias Desportivas de Verão irá compreender atividades desportivas e aquáticas, tais como, praia, praias fluviais, piscinas municipais, visita ao NaturWaterParK, situado em Vila Real e ao Jumpers Trampolins, localizado no Porto.

A iniciativa decorrerá no horário das 9h às 17h30 e as atividades previstas no programa desenrolar-se-ão nas instalações desportivas municipais, noutros espaços igualmente com condições para a prática desportiva, ou enquadrados nas atividades.

As inscrições deverão ser realizadas através do preenchimento de um formulário que estará disponível nas Piscinas Municipais de Mangualde. Mais informações através do contacto telefónico 232 619 820. O regulamento desta iniciativa poderá ser consultado aqui.

PERÍODO DE INSCRIÇÕES:

Semana de 4 a 8 de julho – inscrições de 6 a 10 de junho

Semana de 11 a 15 de julho – inscrições de 13 a 17 de junho

Semana de 18 a 22 de julho – inscrições de 20 a 24 de junho

Semana de 25 a 29 de julho – inscrições de 27 de junho a 1 de julho

 

PREÇÁRIO:

42,90€ p/semana (inclui almoço e lanche)