Templates by BIGtheme NET
Início » Pinhel (Pagina 10)

Pinhel

IPG realiza estudos para criar sistemas de recolha de biorresíduos nos municípios da Cova da Beira

O Instituto Politécnico da Guarda – IPG foi escolhido pela Associação de Municípios da Cova da Beira para realizar estudos municipais que irão permitir o desenvolvimento de sistemas de recolha seletiva de biorresíduos: sobras de refeições, cascas de frutas e legumes, folhas e ervas do jardim. As versões preliminares dos estudos encontram-se disponíveis para consulta pública e para submissão de contributos que visem a melhoria dos documentos até julho. A iniciativa é financiada pelo Fundo Ambiental.

“O projeto visa identificar estratégias e soluções eficazes para que cada município possa assegurar a separação e a reciclagem dos biorresíduos”, afirma Joaquim Brigas, presidente do IPG. “Estamos empenhados em desenvolver projetos de investigação ambiental em parceria com empresas e municípios. Iniciativas como esta permitem melhorar a educação ambiental, sensibilizar para a economia circular e pôr o nosso conhecimento ao serviço da comunidade”.

Os biorresíduos representam 37% dos resíduos urbanos produzidos em Portugal. A diretiva do Parlamento Europeu e do Conselho sobre os resíduos obriga os Estados Membros a fazerem a recolha seletiva de biorresíduos ou a sua separação e reciclagem na origem, a partir de 1 de janeiro de 2024.

“Escolhemos o Politécnico da Guarda para desenvolver este projeto pela reconhecida qualidade científica, pelo mais baixo custo e pela longa relação de confiança que existe entre as duas instituições”, afirma José Manuel Biscaia, secretário-geral da Associação de Municípios da Cova da Beira. “Os estudos elaborados pelo IPG irão trazer grandes vantagens para o planeamento intermunicipal, permitindo uma visão integrada sobre os biorresíduos, bem como a definição de estratégias de atuação – ao nível de equipamentos e transportes – que beneficiem a região”.

A presidência do IPG nomeou Pedro Rodrigues, docente responsável pelo Laboratório de Monitorização e Investigação Ambiental do IPG, para coordenar este projeto. Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Covilhã, Fornos de Algodres, Figueira de Castelo Rodrigo, Fundão, Guarda, Manteigas, Mêda, Penamacor, Pinhel, Sabugal e Trancoso foram os municípios analisados para a elaboração dos estudos que irão permitir implementar eficazes sistemas de recolha de resíduos orgânicos.

“Este projeto faz parte da estratégia europeia para diminuir a deposição de resíduos sólidos em aterros sanitários”, afirma Pedro Rodrigues, docente do IPG. “Em termos ambientais iremos dar um salto qualitativo muito importante: os biorresíduos separados do lixo indiferenciado serão transformados em energia e/ou em composto orgânico para os solos. Para além destas vantagens ambientais, a reciclagem dos resíduos orgânicos irá permitir maior longevidade dos aterros sanitários”.

Biblioteca Municipal de Pinhel acolheu entrega de prémios do Concurso Nacional de Leitura 2020

Teve lugar na Biblioteca Municipal de Pinhel ,a cerimónia de entrega de prémios do Concurso Nacional de Leitura 2020 aos vencedores da Fase Intermunicipal, organizada este ano pelo Município de Figueira de Castelo Rodrigo, em parceria com a Rede Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela.
Os alunos premiados foram a Maria Inês e o Nicolau Ferreira, alunos do 4º ano do Agrupamento de Escolas de Pinhel.
Na cerimónia estiveram presentes o Presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, o Vereador da Câmara Municipal de Figueira de Castelo Rodrigo, Henrique Silva, e o representante da CIMBSE, António Miraldes, que entregaram um tablet e um certificado aos vencedores.
Recorde-se que a fase Intermunicipal decorreu, em formato online, nos dias 21 e 26 de abril.
A 14ª edição do Concurso Nacional de Leitura é uma iniciativa promovida, a nível nacional, pela Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, no âmbito do Plano Nacional de Leitura, em parceria com outras entidades.

aBEIRAR – da ciência cidadã à valorização territorial

Os territórios UNESCO são por excelência lugares de ciência, educação e cultura. Como tal, as iniciativas no âmbito da ciência, da promoção da cultura e do desenvolvimento territorial fazem parte do quotidiano destes territórios. Estas são necessariamente abordagens holísticas ao desenvolvimento sustentável que visam a criação de novos instrumentos e ferramentas de desenvolvimento que reforcem os valores endógenos, capacitem as populações de conhecimento e que promovam uma participação ativa.

Como tal, o Estrela Geopark Mundial da UNESCO, desde a sua criação, tem tido uma preocupação crescente com a sustentabilidade do seu território, a Serra da Estrela e com a valorização do seu potencial endógeno, com destaque particular para o património geológico. Esta abordagem corrobora uma preocupação com a sustentabilidade e com os próprios Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, definidos pela Agenda 2030 da ONU. A abordagem destas temáticas deve ter como princípio, não apenas os 17 objetivos, mas sobretudo a forma como estes se relacionam, com especial destaque para o ODS 17, “Parcerias e Meios de Implementação”. Neste âmbito, o Estrela UGGp tem procurado estabelecer parcerias com diferentes stakeholders do território e fora deste.

Desta visão integradora nasce o projeto aBEIRAr, o qual constitui uma parceria de ciência cidadã que tem como missão potenciar o envolvimento e a participação cívica com a ciência, promover o diálogo entre cientistas e cidadãos e despertar o interesse da comunidade na construção de conhecimento e valorização do território. Esta parceria surge do cruzar de objetivos comuns entre a Rede Intermunicipal de Bibliotecas das Beiras e Serra da Estrela da CIMBSE (RIBBSE), a Plataforma de Ciência Aberta (Município de Figueira de Castelo Rodrigo), o Estrela Geopark Mundial da UNESCO e a Universidade da Beira Interior.

A prossecução deste projeto pretende ser um convite à curiosidade, à exploração e à descoberta dos recursos naturais do território das Beiras e Serra da Estrela, onde se insere grande parte do Estrela Geopark. Esta é uma viagem pelo território, juntando literatura e ciência, um apelo à participação conjunta de cidadãos, artistas e cientistas, pela construção de conhecimento e pela preservação, promoção e valorização do território. Estamos, pois, perante uma ação para caminhar em conjunto, inspirados pela Literatura e pela Ciência, que transformarão cada um de nós em cidadãos cientistas, embaixadores do território e promotores de desenvolvimento. Inspirados por um livro e pelas estórias da história da terra, mas também pelas histórias da ciência, construímos percursos que transformarão cada um/a de nós em investigadores, para a monitorização da qualidade e características da água, do céu e da rocha. Promovendo o conhecimento e o envolvimento dos cidadãos por um bem comum, o nosso território.

A parceria ‘aBEIRAr’ inicia-se no mês de maio com uma sequência de três ciclos, cada um dedicado a um tema central para o território: Água, a acontecer na primavera; Céu, a decorrer no verão; Rocha, a realizar no outono, uma iniciativa que irá percorrer os 15 concelhos da CIMBSE, (Almeida, Celorico da Beira, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Guarda, Gouveia, Manteigas, Meda, Pinhel, Seia, Sabugal, Trancoso, Belmonte, Covilhã e Fundão). Junte-se a nós e “abeire-se” destes temas.

Colaboração da Equipa Técnica do Estrela Geopark.

AF Guarda- Distrital de Seniores-Resultados fase final

Arrancou a fase final do distrital de seniores da AF Guarda

Fase de apuramento Campeão-1/4 final

GD Trancoso- Os Pinhelenses-2-0
Guarda DFC- AD Fornos de Algodres-2-1
CD Gouveia- Soito-2-1
SC Celoricense-Vila Franca Naves- 2-0

Meias-finais

Guarda DFC- CD Gouveia-

Trancoso- Celoricense-

Grupo Prata

Aguiar da Beira-Casal Cinza-5-2
Vila Nova Foz Côa-SC Sabugal-5-1
Guarda FC- Freixo Numão-1-1 GP-7-8

Vinhos de Pinhel no concurso “7 Maravilhas da Nova Gastronomia”

Foi realizado recentemente, em Pinhel, o processo de seleção de Vinhos que vão acompanhar o concurso “7 Maravilhas da Nova Gastronomia”.
Por sua vez, Rui Ventura, o Presidente da Câmara Municipal, almoçou com os membros do júri vindos de todo o país para esta árdua tarefa de selecionar os 140 vinhos que vão harmonizar com as ementas a concurso.
No final, o autarca agradeceu a confiança do promotor do Concurso 7 Maravilhas, Luís Segadães, bem como o empenho da Associação de Municípios Portugueses do Vinho que em boa hora propôs a realização desta parceria.
O Presidente da Câmara Municipal de Pinhel agradeceu também aos membros do júri a sua participação na iniciativa e fez questão de presentear cada um com o Vinho comemorativo dos 250 anos da cidade e com uma Cavaca, doce tradicional de Pinhel.
Ficou ainda o agradecimento aos alunos da Escola Superior de Turismo e Hotelaria do Instituto Politécnico da Guarda que colaboraram na logística da seleção de vinhos.
Foto:Mun.Pinhel

Fase final do distrital de seniores da AF Guarda arranca dia 16

Vai realizar-se a fase final do distrital de seniores da AF Guarda

Fase de apuramento Campeão-1/4 final

GD Trancoso- Os Pinhelenses- 21 h-Estádio Mun. Dr. Fernando Lopes
Guarda DFC- AD Fornos de Algodres-21h-Estádio Municipal Guarda
CD Gouveia- Soito-21h Estádio Municipal Farvão
SC Celoricense-Vila Franca Naves- Mun. Celorico

Grupo Prata

Aguiar da Beira-Casal Cinza- 21 h-Estádio Municipal Aguiar Da Beira
Vila Nova Foz Côa-SC Sabugal-21h-Estádio Mun. Vila Nova Foz Coa
Guarda FC- Freixo Numão- 21h30- Zambito

Pinhel esteve presente na Feira Nacional de Agricultura

Mais uma vez, o Município de Pinhel participou na Feira Nacional de Agricultura que decorreu recentemente em Santarém.
A destacar a  presença no certame na qualidade de Cidade do Vinho, mas também , a participação de Rui Ventura, Presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, na sessão de abertura da comemoração do 14° aniversário da Associação de Municípios Portugueses do Vinho (AMPV) que decorreu no âmbito da FNA e que integrou a cerimónia de entrega dos Prémios Prestígio e também do Concurso Cidades do Vinho.
Em suma, uma participação onde se deu a conhecer todos os produtos endógenos e ainda a nova loja on line “Sabor a Pinhel”.

AF Guarda Campeonato Distrital Seniores 14ªjornada

Série A

CD Gouveia – Trancoso-3-2

AD Fornos  de Algodres – Foz Côa- 3-2

Freixo Numão – Aguiar da Beira- 2-2

 

Classificação:

1º Trancoso-26

2º CD Gouveia-22

3º VF Naves – 17

4º AD Fornos de Algodres -17

5º Aguiar da Beira-11

6º  Foz Côa- 9

7º Freixo Numão-3

Série B

Casal Cinza – Soito- 0-5

Guarda DFC – Estrela Almeida- 0-2

SC Sabugal – Guarda FC- 1-2

SC Celoricense – UD Os Pinhelenses-5-1

Classificação:

1º Guarda DFC-33

2ºSC Celoricense-32

3º Soito-31

4º UD Os Pinhelenses-19

5ºEstrela Almeida-19

6ºGuarda FC-18

7º SC Sabugal-10

8º Casal Cinza-0

 

AF Guarda- Campeonato Distrital Seniores- 13ªjornada

Série A

Trancoso – VF Naves- 0 – 3
Foz Côa- CD Gouveia- 0-2
Aguiar da  Beira – AD Fornos Algodres- 1-1
Classificação:
1-Trancoso- 26
2- CD Gouveia- 19
3- VF Naves- 17
4- AD Fornos de Algodres- 14
5-Aguiar da Beira- 10
6-Foz Côa-9
7- Freixo Numão-2
Série B
Estrela Almeida- Casal Cinza- 4-3
Soito – SC Sabugal- 5-1
Guarda FC – SC Celoricense- 1-3
UD Os Pinhelenses – Guarda DFC-2-6
Classificação:
1- Guarda DFC- 33
2- SC Celoricense-29
3- Soito-28
4-UD Os Pinhelenses- 19
5-Estrela Almeida- 16
6-Guarda FC-15
7-SC Sabugal- 10
8- Casal Cinza-0

Rota Turística Literária “Caminho de Salomão” apresentada em Lisboa

O Município de Pinhel foi um dos que participou  na apresentação da Rota Turística Literária “Caminho de Salomão”, projeto a cargo da Associação Territórios do Côa com o objetivo de atrair novos públicos e novos fluxos turísticos ao Interior.
A apresentação teve lugar em Lisboa, na Casa dos Bicos, onde está sedeada a Fundação Saramago, legado do Nobel da Literatura, autor do livro que está na génese da criação desta Rota Turística Literária.
Tendo início em Lisboa e terminando em Castelo Rodrigo, a Rota baseada no percurso inspirado no “Caminho de Salomão” passa pelos concelhos de Fundão, Belmonte, Guarda, Sabugal, Almeida e Pinhel, onde José Saramago esteve mais do que uma vez, tendo criado uma ligação especial à aldeia de Cidadelhe.
Nesta apresentação à Comunicação Social, a associação Territórios do Côa, promotora do projeto, esteve representada pelo seu Presidente, António Machado, Presidente da Câmara Municipal de Almeida, e também pela sua Coordenadora, Dulcineia Moura. Com eles, e em apoio ao desafio, esteve a Diretora Regional da Cultura do Centro, Suzana Menezes, e o Presidente do Clube Escape Livre, Luís Celínio, que deu a conhecer o novo passeio de todo o terreno turístico “Caminho de Salomão”.
Finalmente, os municípios parceiros também estiveram representados e o Presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, brindou os presentes com um “Pinhel de Honra” que deu a conhecer os Vinhos e as Cavacas de Pinhel, dois ex-libris que certamente irão fazer as delícias dos turistas que, daqui em diante, aceitarem o desafio de percorrer o “Caminho de Salomão” e conhecer os vários concelhos que o próprio Saramago percorreu, precisamente um ano antes da sua morte.
À margem da apresentação, o Presidente da Câmara Municipal de Pinhel teve ainda oportunidade de oferecer a Pilar del Rio, Presidente do Conselho de Administração da Fundação Saramago, uma garrafa de vinho comemorativo dos 250 anos da Cidade, convidando-a a voltar a Pinhel onde também já esteve na companhia do companheiro e Nobel da Literatura.
Foto: Mun.Pinhel