Início » Região

Região

Município de Seia distinguido ‘Município Amigo do Desporto’

O Município de Seia voltou a ser distinguido com o título de ‘Município Amigo do Desporto’, numa cerimónia que decorreu recentemente na Mealhada.

Este é o sexto ano, consecutivo, que o Município é distinguido. O prémio atribuído pela Cidade Social reconhece as boas práticas no desenvolvimento desportivo do concelho, pautado pela sua abrangência a várias faixas etárias e apoio contínuo a iniciativas/projetos impulsionados pelas associações desportivas locais.

Entre as medidas mais emblemáticas, além da qualidade das instalações desportivas, é de destacar as iniciativas adotadas pela autarquia senense ao nível da organização desportiva, os apoios concedidos através do Programa de Apoio às Associações Desportivas Federadas, os programas desportivos transversais a várias faixas etárias, de que são exemplo os projetos Saltaricos e adaptação ao meio aquático (para o pré-escolar), a Hidroterapia (para crianças/jovens com necessidades especiais), o Saúde em Movimento (para seniores), o FootPáscoa e o Julho em Férias.

Foto:MS

Pinhel de Natal até 6 de janeiro

De 1 de dezembro a 6 de janeiro, a magia do Natal vai animar a cidade de Pinhel, com atividades pensadas para todas as idades e, sobretudo, para as famílias, tanto para as que
vivem por cá, como para aquelas que aproveitam a quadra para visitar a família ou, simplesmente, para conhecer novos destinos.

À semelhança de anos anteriores, o “Pinhel de Natal” vai ter luz, através das iluminações e decorações natalícias que se acenderam no dia 1 de dezembro, mas também o tradicional Carrossel Parisiense e uma divertida Pista de Gelo, a par de vários espetáculos.

Da programação, destaque para:

Carrossel Parisiense e Pista de Gelo
15 de dezembro a 6 de janeiro | Largo dos Combatentes

Espetáculo para as famílias
“Resposta a Todas as Perguntas”

Teatro em Caixa
18 de dezembro (domingo) | 16.00h | Cineteatro São Luís

Rodolfo é um cientista louco, com ambições desmedidas. Acreditando que, algures no futuro, já terá sido inventada uma Fórmula Matemática que Responde a Todas as Perguntas, constrói uma máquina do tempo e envia o seu assistente Ramiro numa viagem ao futuro com a missão de a encontrar e regressar ao presente, para dominar o mundo através do conhecimento.

Espetáculo cómico, educativo, dinâmico e original, que agrada a público de todas as idades, quer pela narrativa quer pelas músicas.

Concerto de Natal
Academia de Música de Pinhel

23 de dezembro (sexta-feira) | 21.30h | Centro Logístico de Pinhel
Fogueira de Natal

24 de dezembro (sábado) | 17.00h | junto à Igreja de Santo António

Corrida de São Silvestre 2022  31 de dezembro (sábado) | 10.00h | concentração junto ao Tribunal

Concerto de Reis
Las Cuatro Estaciones, de Vivaldi

Camerata Antonio Soler, de San Lorenzo de El Escorial
6 de janeiro (sexta-feira) | 21.30h | Centro Logístico de Pinhel

A Camerata Antonio Soler é uma orquestra de câmara multiestilística nascida em 2012 com o propósito de abordar um variado repertório de obras de diversas épocas e estilos (especialmente clássico, romântico e contemporâneo), baseando a sua interpretação em critérios musicais historicistas e no uso de instrumentos originais quando estes são requeridos.

Um dos seus principais objetivos é o redescobrimento e a interpretação de música do classicismo e romanticismo hispânico, assim como a interpretação de repertórios contemporâneos alternativos como os que derivam da fusão com “músicas do mundo” ou de raízes étnicas.

A Camerata Antonio Soler é dirigida por Gustavo Sánchez, sendo composta por 14 músicos profissionais.

NelaSport – Antevisão Taça de Portugal de Kartcross, 2022

Depois de ter sido apontada para a nova pista de Baltar, será mesmo a Pista do Alto do Roçário, em Sever do Vouga, a receber a Taça de Portugal de Kartcross2022.
Alexandre Borges, o atual detentor do troféu, é uma das presenças
confirmadas, neste que será o último evento da época 2022 e como vem sendo seu apanágio, será certamente um dos pilotos a lutar pelo lugar mais alto do pódio, procurando assim amealhar pela terceira vez consecutiva, este Título e brindar a marca francesa do Kamikaz K3, com o seu primeiro troféu em Portugal.
A Taça de Portugal é diferente de todas as provas do Campeonato, aqui só a vitória interessa e claro, todos vão procurar estar na máxima força, na luta pelo lugar mais alto do pódio. O lote de pilotos do nosso Campeonato, está cada vez mais forte e as diferenças são mínimas, pelo que a margem de erro para uma prova destas, é praticamente nula. Conseguir revalidar o Título, seria uma forma excelente de fechar a época de 2022 e brindar todos os meus patrocinadores e amigos, mas como é óbvio, não será tarefa fácil, mas estou determinado”, refere Alexandre Borges.

Sorteio da 1ª eliminatória da Taça InterDistrital de Futebol sub-23

Teve lugar em Aveiro, o sorteio da 1ª eliminatória da 𝐓𝐚ç𝐚 𝐈𝐧𝐭𝐞𝐫𝐝𝐢𝐬𝐭𝐫𝐢𝐭𝐚𝐥 𝐝𝐞 𝐅𝐮𝐭𝐞𝐛𝐨𝐥 𝐒𝐮𝐛-𝟐𝟑, com  a participação de equipas da Associação de Futebol de Aveiro e de Associação Futebol de Viseu
Estes são os resultados:
LAAC Futebol – ASSRD Vila Chã de Sá – Clube
Atletico Clube Cucujães – União Desportiva Sampedrense
CFV – Clube de Futebol os Viriatos -Grupo Desportivo da Mealhada
Grupo Desportivo Santacombadense – Anadia FC Futebol SAD
Viseu United FC – Associação Recreativa e Cultural São Vicente Pereira
Futebol Clube da Pampilhosa – Grupo Desportivo e Recreativo de Soutelo
Isentos: Associação Desportiva Cultural de Sanguedo e Clube Desportivo Cinfães

SENTIR A TRADIÇÃO DO NATAL EM MANGUALDE

O Natal vai ser celebrado pelo Município de Mangualde com diversas atividades que convidam a comunidade a sentir a tradição desta época festiva. A programação especial é aberta à população, e a celebração, que decorre que 30 de novembro a 7 de janeiro, tem como epicentro o centro da cidade, mas as propostas estendem-se pelo Município. A toda a animação juntam-se as tradições e a solidariedade, que são tão caraterísticas dos Mangualdenses. A organização é da Câmara Municipal de Mangualde, com o apoio da Associação Empresarial de Mangualde.

SENTIR A TRADIÇÃO DO NATAL

A magia do Natal chega a Mangualde já no próximo dia 1 de dezembro, pelas 18h00, com a primeira atividade associada a esta festividade e um dos momentos mais esperados da época Natalícia: a inauguração da iluminação, que vai trazer brilho e encanto à cidade de Mangualde, é acompanhada pelo ecoar da música de Natal nas ruas da cidade.

As atividades culturais enriquecem a programação festiva. De 5 a 22 de dezembro, pelas 11h00 e pelas 15h00, na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, vão ouvir-se leituras de histórias e contos, e acontecem, também, Ateliers de Natal. A participação nesta última ação carece de marcação prévia. Entre 7 e 28 de dezembro está patente, na Câmara Municipal, a mostra “Do Velho se faz Novo: Exposição Projeto Pontos e Encontros”, que pode ser visitada entre as 9h00 e as 17h00.

No dia 8 de dezembro tem lugar o concerto comemorativo do centenário de Alexandre Alves, protagonizado pelo Ensemble de sopros e percussão da Orquestra POEMa. A iniciativa está marcada para as 18h00, na Igreja do Complexo Paroquial de Mangualde.

O Pai Natal chega ao Largo do Rossio, no dia 10 de dezembro, pelas 10h30. O momento conta com animação de rua, para alegrar as crianças que ansiosamente aguardam pela figura emblemática da época festiva. As festividades continuam na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, pelas 21h00, com a Festa de Natal, do Instituto de Artes Musicais.

No dia seguinte, 11 de dezembro, acontece o espetáculo de teatro “As Memórias do Meu Pai na Rádio do Meu Tio”, protagonizado pelo Teatro Regional da Serra do Montemuro. A iniciativa decorre na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, e está marcada para as 16h00. O espetáculo acontece no âmbito da Rede Cultura da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões.

A 13 de dezembro, na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, tem lugar o Concerto para a Inclusão, protagonizado pelos Bué Animados da Associação Portuguesa para as Perturbações de Desenvolvimento e Autismo, e tem início marcado para as 16h30.

A programação continua a 14 de dezembro, com a II Jornada anual da Comissões de Proteção de Crianças e Jovens de Mangualde. A iniciativa acontece na Biblioteca Municipal de Mangualde, pelas 9h30.

O espírito Natalício é fortalecido com as iniciativas que acontecem a 15 de dezembro: “A Fábrica de Bonecas”, o Espetáculo de Natal para alunos do Pré-Escolar e 1.º Ciclo do Agrupamento de Escolas de Mangualde, que acontece no Pavilhão Municipal, entre as 10h00 e as 14h30; e o espetáculo de magia “Um Homem Desocupado”, protagonizado pelo Zé Mágico, na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves, pelas 15h30.

O programa de dia 16 de dezembro é protagonizado pela Universidade Sénior de Mangualde, com um Sarau de Natal, que está marcado para as 16h00, na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves.

A 17 e 18 de dezembro, as ruas do centro da Cidade vão encher-se de vida com animação, que acontece entre as 15h00 e as 17h30. Estes dois dias contam também com momentos musicais. No dia 17 de dezembro, pelas 21h00, acontece a Audição de Natal, do Centro de Estudos Musicais Nancy, na Biblioteca Municipal. No mesmo local, mas já no dia 18 de dezembro, pelas 16h30, tem lugar um Concerto de Natal, protagonizado pela Banda Filarmónica de Vila Cova de Tavares.

De 19 a 31 de dezembro, numa parceira PNL (Plano Nacional de Leitura) /Ler+ e RNBP (Rede Nacional de Bibliotecas Públicas) / DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas), é promovida a iniciativa Juntos de Férias: Projeto de promoção da Leitura, que acontece na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre, às 9h30 e às 17h30.

Para encerrar as festividades, o Concerto de Ano Novo, pela Orquestra Poema, terá lugar no dia 7 de janeiro de 2023, pelas 21h30, no auditório do Complexo Paroquial de Mangualde.

“POR UM SORRISO”

O Município de Mangualde volta a promover, à semelhança de anos anteriores, a campanha “Por um Sorriso”, uma campanha solidária de recolha de brinquedos que pretende fomentar o espírito de entreajuda e tornar o Natal de todas as crianças do concelho especial.

Sob o lema “Por um Sorriso”, esta ação, que decorre de 30 de novembro a 18 de janeiro, tem como destinatárias as crianças das famílias mais desfavorecidas do concelho que estejam sinalizadas no âmbito da Ação Social. Imbuída de espírito natalício, a restante comunidade pode, através de um gesto solidário, alegrar o Natal destas crianças e respetivas famílias.

De segunda a sexta-feira, entre as 9h00 e as 17h00, os brinquedos podem ser entregues no átrio da Câmara Municipal de Mangualde ou na Loja Social.

Avisos e Liturgia do I Domingo do Advento- ano A

Começar algo de novo tem sempre um pouco de ambição, de expectativa e de desafio. Neste Domingo, iniciamos o tempo do Advento, um tempo propício à vivência da virtude da esperança. Serão quatro semanas, pelas quais tomaremos consciência de que a nossa vida tem um sentido: encontrarmo-nos com o Senhor. Nisto se resume a nossa vida: prepararmo-nos para contemplar face a face o nosso Deus. Muitas vezes, encaramos a morte com medo, ou como algo que não tem remédio, como o fim de tudo. Estes primeiros quinze dias do Advento podem ajudar-nos a pensar em como será o nosso encontro com Jesus. Pois, se de alguma coisa temos certeza, é que esse dia chegará.

As leituras bíblicas deste Domingo apresentam-nos esse encontro através de imagens, onde abundam sentimentos de alegria; como também nos apresenta a vida como um caminho que, pelo facto de o percorrermos é já motivo de agrado. Quando pensamos no momento de fechar os olhos para este mundo, devemos ter a certeza de que os abriremos para outro mundo onde Deus a todos nos acolherá, onde seremos felizes eternamente. Esta certeza não nos pode deixar indiferentes; é nesta certeza que deveremos lutar por viver de tal forma que possamos saborear um pouco de céu aqui na terra. Como diz São Paulo, devemos combater nesta vida com as armas da luz, abandonando as obras das trevas e todas as falsas ilusões de satisfação plena, como comer, beber e viver regaladamente.

Cristo está à nossa espera. E espera-nos com os braços abertos. Irá chegar o dia de avaliar tudo quanto fizemos nesta vida e responder à seguinte pergunta: “Amaste?”. Porque uma vida onde a amargura e a apatia reinam sobre os sentimentos e as acções, é uma vida perdida. Por isso, é importante estarmos vigilantes. O caminho da santidade é uma fonte de paz e alegria que o Espírito Santo nos dá, mas exige que estejamos vigilantes. Ser vigilante implica ser exigente e disciplinado, ter uma vida espiritual séria e profunda, enraizada na Palavra de Deus, sustentada pelos sacramentos e coroada pela procura de uma comunhão visível e autêntica com o Esposo.

O tempo do Advento é um tempo para reavivar a fé e a esperança. Ergamos a nossa cabeça para Cristo. A dureza da vida desgasta a esperança, destrói a nossa vida interior, enfraquece a nossa paciência para perdoar aos nossos inimigos e sermos fiéis ao evangelho. Mas se colocarmos o nosso olhar nesse reino que vai chegar, a alegria e a esperança voltarão. O mal, a tristeza e a morte não têm a última palavra. Ajudemos os nossos irmãos desgastados, tristes e oprimidos a ergueram os seus olhos para Jesus Cristo. O tempo do Advento é o momento propício que Deus nos dá para activar o desejo de O acolher e receber nas nossas vidas. Será sempre um encontro surpreendente, mas ao mesmo tempo regenerador. Preparemo-nos, vigiemos, “caminhemos à luz do Senhor”. 

27-11-2022

 

LEITURA ESPIRITUAL

«Na hora em que menos pensais, virá o Filho do homem»

 

É justo, irmãos, celebrar a vinda do Senhor com a máxima devoção possível, tanto o seu conforto nos deleita e tanto o seu amor nos abrasa. Mas não penseis apenas na sua primeira vinda, quando Ele veio «buscar e salvar o que estava perdido» (Lc 19,10); pensai também neste outro advento, quando Ele vier para nos levar consigo. Gostaria de vos ver constantemente ocupados a meditar nesses dois adventos, repousando entre estes dois abrigos, porque estes são os dois braços do Esposo nos quais repousava a Esposa do Cântico dos Cânticos: «a sua mão esquerda descansa sobre a minha cabeça, e a sua direita abraça-me» (2,6).

Mas há uma terceira vinda entre as duas que mencionei, e os que a conhecem podem descansar para seu deleite. As outras duas são visíveis; esta não o é. Na primeira, o Senhor «apareceu sobre a Terra, onde permanece entre os homens» (Br 3,38); na última, «toda a criatura verá a salvação de Deus» (Lc 3,6; Is 40,5). A do meio é secreta: é aquela em que só os eleitos vêem o Salvador dentro de si próprios, e em que a sua alma é salva. Na sua primeira vinda, Cristo veio na nossa carne e na nossa fraqueza; na sua vinda intermédia, vem em Espírito e poder; na sua última vinda, virá na sua glória e majestade.

Mas é pela força das virtudes que chegamos à glória, como está escrito: «O Senhor dos Exércitos, Ele é o Rei da glória» (Sl 23,10); e no mesmo livro: «Para ver o vosso poder e a vossa glória» (62,3). Portanto, a segunda vinda é como o caminho que leva da primeira à última. Na primeira, Cristo foi nossa redenção; na última, aparecerá como nossa vida; na sua vinda intermédia, é nosso repouso e nossa consolação. (São Bernardo, 1091-1153, monge cisterciense, doutor da Igreja, Sermões 4 e 5 para o Advento).

 

Programação de cinema de dezembro 2022 em Pinhel

O Município de Pinhel apresenta a programação de cinema agendada para o mês de dezembro, sendo os filmes exibidos no Cineteatro São Luís, em Pinhel, nos dias e horários abaixo indicados.

2 e 4 de dezembro, 21.30h
Champagne!
(Comédia – M12)

9 e 11 de dezembro, 21.30h
Devotion – uma História de Heróis
(Guerra / Drama / Histórico – M12)

16 e 17 de dezembro
Estranho Mundo (VP)
(Animação / Aventura – M6)
sexta-feira, dia 16, 21.30h
sábado, dia 17, 16.00h

23 de dezembro, 21.30h
Noite Violenta
(Comédia / Ação – M16)

30 e 31 de dezembro
Avatar – O Caminho da Água
(Aventura / Ação – M16)
sexta-feira, dia 30, 21.30h
sábado, dia 31, 16.00h

Reencontro – A.S.E.C (VN Tazem) venceu Prémio Manuel António da Mota

Projeto “Ser Criança” foi o vencedor

O Prémio Manuel António da Mota, no valor de €50.000, foi entregue à Reencontro – Associação Social, Educativa e Cultural, no Centro de Congressos da Alfândega do Porto, numa cerimónia que contou com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, Ana Mendes Godinho, Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Presidente do Conselho de Administração da Fundação Manuel António da Mota, Maria Manuela Mota, e Presidente do Conselho de Administração da Mota-Engil SGPS, António Mota.
A Reencontro – Associação Social, Educativa e Cultural foi constituída em 2010 e tem sede em Vila Nova de Tazem, concelho de Gouveia.O Projeto “Ser Criança”, dirigido a crianças dos 3 aos 10 anos de idade, é um programa de intervenção comunitário e que consiste em três fases, a saber, diagnóstico, intervenção e desenvolvimento de competências. Nas fases de diagnóstico e intervenção, abrangendo crianças entre os 3 e os 5 anos de idade, estas são alvo de um rastreio pela especialidade de medicina física e reabilitação, tendo como objetivo identificar qualquer tipo de dificuldades a nível clínico.

A par da Reencontro – Associação Social, Educativa e Cultural, vencedora do Prémio, foram ainda
distinguidas nove instituições nacionais, cabendo o 2º e 3º lugares, respetivamente, ao Centro
Humanitário de Tavira da Cruz Vermelha Portuguesa e Associação Pão a Pão (PAP), e as restantes
sete menções honrosas a Aldeias Humanitar – Associação de Solidariedade Social, Associação
Academia do Johnson Semedo, Câmara Municipal de Ílhavo, Centro de Solidariedade de
Braga/Projeto Homem, Orquestra sem Fronteiras, VivaLabPorto e ZERO – Associação Sistema
Terrestre Sustentável.

Rui Pedroto, Presidente da Comissão Executiva da Fundação Manuel António da Mota, afirma: “O
Prémio Manuel António da Mota teve início em 2010 e esta foi já a sua 13ª edição. Nos dois anos
anteriores e num período muito marcado pela crise pandémica, o Prémio procurou chamar a atenção
para as consequências económicas e sociais daí decorrentes, realçando a forma como as instituições

da economia social souberam preparar-se e reagir à adversidade. A crise económica, as alterações
no mundo do trabalho, os abalos provocados no sistema educativo, o agravamento de situações de
pobreza e exclusão social, conduziram à adoção de programas e medidas de combate à crise, de que
são exemplo, na relação com a União Europeia, o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) e o Novo
Quadro Financeiro Plurianual (2021-2027).

 

AF Viseu–Resultados da 11ªjornada do Campeonato da Divisão de Honra

Grupo Norte
Carvalhais  – CD Cinfães-0-3
Nespereira FC – Moimenta da Beira-3-0
AD Sátão – Ferreira Aves-2-1
SC Lamego – Paivense-2-2
Lamelas – AD Piães-4-0
Classificação:
1º- Lamelas—30pts—11 jogos
2º- CD Cinfães—28pts—11 jogos
3º- SC Lamego—-17pts—-11 jogos
4º- Carvalhais—15pts—11 jogos
5º- Nespereira—15pts—-11 jogos
6º- Ferreira Aves—14pts—11 jogos
7º- Sátão—-13pts—-11 jogos
8º- Moimenta da Beira—10pts—11 jogos
9º- Paivense—8pts—11 jogos
10º- AD Piães—3pts—11 jogos
Grupo Sul
CA Molelos – GD Mangualde-1-1
Os Vouzelenses – Canas Senhorim-3-0
Sl Nelas – Lusitano Fc Vildemoinhos-2-0
GD Santacombadense – Penalva  do Castelo-0-5
GD Oliveira Frades – GDC Roriz-2-0
Classificação:
1º- SL Nelas—23pts—-11 jogos
2º- GD Mangualde—-23pts—11 jogos
3º- Penalva do Castelo—–22pts—11 jogos
4º- Ol.Frades—-20pts—-10 jogos
5º- Os Vouzelenses—16pts—11 jogos
6º- CA Molelos—-14pts—11 jogos
7º- Lusitano FC —-14pts—-11 jogos
8º- Canas Senhorim—10pts—-10 jogos
9º- Santacombadense—7pts—11 jogos
10º- GDC Roriz—-4pts—-11 jogos

Orçamento de cerca de 26 milhões para 2023 aprovado pelo Executivo Municipal de Pinhel

Recentemente, o Executivo da Câmara Municipal de Pinhel reuniu e aprovou as Grandes Opções e o Orçamento para 2023, que estiveram em destaque nesta segunda reunião do mês de novembro.

Este é o Orçamento mais difícil de que me recordo”, começou por explicar o Presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, acrescentando que “o aumento do custo de vida (a vários níveis) e a inflação refletiu-se, já este ano, no aumento de despesas associadas à energia elétrica, aos combustíveis, à alimentação e aos transportes escolares, entre outras”.
Sendo 2023 um ano imprevisível, fruto destes aumentos associados à situação de guerra que se prolonga, o autarca pinhelense assumiu que, ao elaborar o Orçamento do próximo ano, “tivemos de nos adaptar e mudar algumas estratégias”. “Não vamos parar, mas temos seguramente de abrandar, tendo em conta o objetivo que fixámos de pôr as contas em dia”.

Assim, explicou Rui Ventura, “vamos reduzir o valor associado aos eventos de maior dimensão, sendo nossa expetativa reduzir em cerca de 50% as despesas associadas à realização da Feira das Tradições, das Festas da Cidade e do certame Beira Interior – Vinhos & Sabores”. Além disso, “em 2023 não iremos realizar a Feira Medieval”. “É uma decisão que não foi tomada de ânimo leve, mas que tem de ser”, acrescentou o autarca.
Já no que diz respeito às obras, “as que estão em curso e as que contam com apoio financeiro através dos fundos europeus, essas irão avançar”. De resto, obras que não tenham comparticipação, terão de aguardar.
O Presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, concluiu a apresentação do Orçamento para o próximo ano garantindo que apesar dos cortes, “o Município de Pinhel continuará a apoiar as Famílias e as Empresas”, motivo pelo qual, por exemplo, os impostos municipais não irão aumentar, mantendo-se a gratuitidade dos transportes escolares e os apoios na ação social escolar, entre outros.
Apresentadas e discutidas as Grandes Opções que estiveram na base da elaboração do Orçamento para 2023, que contempla despesas e receitas na ordem dos 26 milhões de euros, o documento foi aprovado por maioria pelo Executivo Municipal, devendo agora ser sujeito a análise e votação por parte da Assembleia Municipal de Pinhel.