Templates by BIGtheme NET
Início » Celorico da Beira » Celorico da Beira recebeu o Secretário de Estado da Administração Interna

Celorico da Beira recebeu o Secretário de Estado da Administração Interna

14163895_10206791861545020_1233385043_oO Secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, esteve, em Celorico da Beira, esta quinta -feira, 1 de setembro de 2016,  de visita ao quartel da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Celorico da Beira.

Jorge Gomes mostrou-se solidário para com esta corporação e aos 3 bombeiros feridos num incêndio que consumiu uma grande área de terreno na Freguesia de Rapa e Cadafaz.

O governante afirmou que em Outubro começa a preparação para a época de incêndios de 2017, sendo necessário alterar “todo o sistema” para reduzir o número e a dimensão dos fogos.

A comitiva deslocou-se posteriormente à aldeia de Cadafaz, onde no mês de agosto assolou um grande incêndio, aí debateram várias questões que diariamente afligem estes “soldados da paz”. O Secretário de Estado da Administração apelou que “os cidadãos têm que ter comportamentos corretos, que não provoquem incêndios, têm de ter as suas áreas limpas o melhor que podem”.

Jorge Gomes salientou que o Governo está disponível para ajudar as associações humanitárias a quem deve “imenso respeito”, querendo aumentar o seu orçamento, assim como criar um cartão social do bombeiro.

Um relatório provisório do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas refere que a área que este ano ardeu – até 15 de Agosto – é três vezes superior ao histórico dos últimos dez anos, correspondendo a 103.137 hectares. Apesar de terem existido menos 22% de ocorrências relativamente à média da última década, verificou-se o triplo da área consumida pelas chamas.

As causas dos fogos florestais são difíceis de investigar, as chamas destroem muitas das provas que podiam ajudar as autoridades a descobrir a origem dos incêndios. O último relatório de segurança interna avança que 1% dos incêndios acontece por causas naturais, 27% por negligência, 25% de forma intencional, mas quase metade dos fogos têm causas desconhecidas.

Por:BATV

 

Publicidade...



 

Enviar Comentário